29-03-2013 6:07                  1
UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA   Faculdade de Ciências da Economia e da Empresa   Licenciatura em Gestão de Recursos Human...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                              INTRODUÇÃO                         CULTURA ORGANIZACI...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                  este relatório tem como objetivo apresentar o diagnóstico        ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL              o sucesso de qualquer organização está fortemente             associa...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                            a cultura reflete todo um conjunto de comportamentos   ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                Perspetiva de Transculturalidade de HofstedeCULTURA...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                       Teoria Geral de ScheinCULTURA ORGANIZACIONAL...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                          Modelo dos Valores Contrastantes de Quinn e McGrathCULTUR...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                               CENTRO CULTURAL DE BELÉMCARACTERIZAÇ...
CARACTERIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO   RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                              143 f...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                              40 indivíduos com idades compreendidas              P...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                   INSTRUMENTO                                     ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                   Fatores da cultura organizacionalRESULTADOS     ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                          Fatores da cultura organizacional em função da idadeRESUL...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                       Correlações entre as características sociodemográficas      ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                             os resultados obtidos demonstram que a maioria dos fat...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                            os valores médios                    Valores associados...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                  Valores de profissionalismo cooperativoDISCUSSÃO ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                           Valores de profissionalismo                 M = 1.56 ; D...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                                                      Práticas deDI...
PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES    RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                                      ...
PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES   RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                              CIRCULAÇÃO               ...
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                            maior participação dos funcionáriosPROPOSTAS E RECOMEND...
PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES   RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                                  FORMA...
PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES   RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                               SISTEMA                 ...
PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES   RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                            implementaç...
PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES   RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL                                       … as organizaçõe...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ccb

520 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
520
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ccb

  1. 1. 29-03-2013 6:07 1
  2. 2. UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA Faculdade de Ciências da Economia e da Empresa Licenciatura em Gestão de Recursos Humanos Comportamento organizacionalDOCENTES: Profª. Doutora Maria Manuela Marques Faia Correia Prof. Doutor César Nuno Grima Madureira DISCENTE: Tito Miguens de Almeida Bouças (11069911) 2012 2
  3. 3. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL INTRODUÇÃO CULTURA ORGANIZACIONAL CARACTERIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃOÍNDICE METODOLOGIA Participantes Instrumento Procedimento RESULTADOS DISCUSSÃO DOS RESULTADOS PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES Tito Bouças 2012 3
  4. 4. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL este relatório tem como objetivo apresentar o diagnóstico realizado no Centro Cultural de BelémINTRODUÇÃO clarificar alguns aspetos relativos à cultura organizacional fornecer à chefia de topo uma visão alargada da sua organização contribuir para a adoção de mudanças que visem aumentar qualitativa e quantitativamente a eficiência e a eficácia dos serviços prestados Tito Bouças 2012 4
  5. 5. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL o sucesso de qualquer organização está fortemente associado à sua cultura, na medida em que esta realça o papel dos valores e crenças que descrevem a instituição enquanto sistema socialINTRODUÇÃO Neves (2000) a identificação e caracterização destes aspetos organizacionais contribui para a adoção de mudanças que visem aumentar qualitativa e quantitativamente a eficiência e a eficácia dos serviços prestados Lopes, Aguiar, Júnior, Guilherme e Prado (2008) Tito Bouças 2012 5
  6. 6. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL a cultura reflete todo um conjunto de comportamentos individuais ou coletivos, modos de perceção, padrões deCULTURA ORGANIZACIONAL pensamento e valores o conceito de cultura pode ser definido de diferentes formas, dependendo da epistemologia e inclinações políticas do autor Perspetiva de Transculturalidade de Hofstede Teoria Geral de Schein Modelo dos Valores Contrastantes de Quinn e McGrath Tito Bouças 2012 6
  7. 7. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Perspetiva de Transculturalidade de HofstedeCULTURA ORGANIZACIONAL distância do poder individualismo versus coletivismo culturas de masculinidade versus feminilidade 53 países aversão à incerteza orientação a longo prazo versus a orientação a curto prazo Tito Bouças 2012 7
  8. 8. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Teoria Geral de ScheinCULTURA ORGANIZACIONAL Artefactos 3 níveis Valores expostos Pressupostos básicos Tito Bouças 2012 8
  9. 9. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Modelo dos Valores Contrastantes de Quinn e McGrathCULTURA ORGANIZACIONAL Nota: Adaptado de Quinn (1991) Tito Bouças 2012 9
  10. 10. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL CENTRO CULTURAL DE BELÉMCARACTERIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO entidade privada de fundado em 1993 Lisboa utilidade pública projeto dos arquitetos Vittorio Gregotti e Manuel Salgado Centro de Reuniões Centro de Espetáculos Centro de Exposições 30.500 m2 22.000 m2 35.000 m2 Fundação de Arte Moderna e Contemporânea Museu Coleção Berardo promoção, desenvolvimento, criação e difusão da cultura, em todas as suas modalidades Tito Bouças 2012 10
  11. 11. CARACTERIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL 143 funcionários Tito Bouças 2012 11
  12. 12. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL 40 indivíduos com idades compreendidas P entre os 23 e os 63 anos (M = 39.59; DP = 8.51) A RMETODOLOGIA T I 62.5% do sexo feminino e 37.5% do sexo masculino C I P Direção A N DCESP 20% DFA 22.5% T E DAC 10% DCRP 20% S DEIT 20% SL 7.5% Tito Bouças 2012 12
  13. 13. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL INSTRUMENTO IBACO 30 itensMETODOLOGIA Valores de profissionalismo Práticas de recompensa e cooperativo formação Valores de profissionalismo Práticas de integração competitivo e individualista externa Valores associados à Práticas de promoção e satisfação e bem-estar dos relacionamento colaboradores interpessoal escala de Likert de 5 pontos Tito Bouças 2012 13
  14. 14. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Fatores da cultura organizacionalRESULTADOS Nota: M = Média; DP = Desvio-padrão Fatores da cultura organizacional em função do género Nota: M = Média; DP = Desvio-padrão Tito Bouças 2012 14
  15. 15. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Fatores da cultura organizacional em função da idadeRESULTADOS Nota: M = Média; DP = Desvio-padrão Fatores da cultura organizacional em função da Direção a que o colaborador pertence Nota: M = Média; DP = Desvio-padrão Tito Bouças 2012 15
  16. 16. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Correlações entre as características sociodemográficas e os fatores de cultura organizacionalRESULTADOS Nota: *p< .05; **p < .01 Tito Bouças 2012 16
  17. 17. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL os resultados obtidos demonstram que a maioria dos fatores deDISCUSSÃO DOS RESULTADOS cultura organizacional apresentam valores médios baixos, o que revela que os colaboradores têm uma percepção pouco satisfatória em relação ao seu ambiente de trabalho Práticas de Integração Externa M = 3.30 ; DP = .89 sexo feminino dos 44 aos 63 anos DAC Tito Bouças 2012 17
  18. 18. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL os valores médios Valores associados àDISCUSSÃO DOS RESULTADOS satisfação e bem-estar mais baixos e que, dos colaboradores consequentemente, revelam menor satisfação com o ambiente de trabalho M = 1.55 ; DP = .47 sexo masculino dos 23 aos 43 anos SL Tito Bouças 2012 18
  19. 19. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Valores de profissionalismo cooperativoDISCUSSÃO DOS RESULTADOS perceção que os colaboradores têm acerca do modo como a organização valoriza a competência, a eficácia e os comportamentos regidos pela iniciativa, colaboração, habilidade, dedicação e profissionalismo no alcance das metas comuns da instituição M = 2.41 ; DP = .73 sexo masculino dos 44 aos 63 anos DAC Tito Bouças 2012 19
  20. 20. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Valores de profissionalismo M = 1.56 ; DP = .44DISCUSSÃO DOS RESULTADOS competitivo e individuaista sexo feminino dos 44 aos 63 anos DFA M = 1.69 ; DP = .61 sexo masculino dos 44 aos 63 anos Práticas de recompensa e DAC formação Tito Bouças 2012 20
  21. 21. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL Práticas deDISCUSSÃO DOS RESULTADOS promoção do relacionamento pessoal M = 2.70 ; DP = .69 sexo masculino dos 23 aos 43 anos DEIT Tito Bouças 2012 21
  22. 22. PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL análise de funções no sentido de adequar as tarefas de AFETAÇÃO DOS acordo com o potencial dos RECURSOS funcionários motivação e a identificação dos skills do realização pessoal trabalhador permite ajustar o seu perfil à função Tito Bouças 2012 22
  23. 23. PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL CIRCULAÇÃO DA feedback INFORMAÇÃO adequado e atempado célere as avaliações baseadas homogénea em informação exata fornecem justificações abranger todos os lógicas e apropriadas colaboradores às pessoas afetadas pelas decisões tomadas Tito Bouças 2012 23
  24. 24. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL maior participação dos funcionáriosPROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES reuniões periódicas nos processos internos de seminários temáticos comunicação envolver toda a equipa, valorizar as sugestões, no sentido de melhorar, inovar e promover um melhor desempenho da organização a participação na tomada de decisão relaciona-se positivamente com as atitudes face ao trabalho Tito Bouças 2012 24
  25. 25. PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL FORMAÇÃO a actualização permanente de conhecimentos desenvolve competências técnicas e pessoais que permitem um desempenho profissional mais adaptável, eficiente e actualizado é fundamental promover ações de formação frequentes e continuadas Tito Bouças 2012 25
  26. 26. PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL SISTEMA DE intrínsecas RECOMPENSAS reconhecimento valorização de desempenho estimular os colaboradores a fazerem a diferença criar um ambiente que valorize: o entusiasmo o respeito e a auto-realização motivar para aprender a superar dificuldades Tito Bouças 2012 26
  27. 27. PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL implementação de programas de Suporte Organizacional Percebido (POS) promover a qualidade global da relação de troca que ocorre entre a organização e o funcionário é imprescindível incluir a satisfação e motivação da equipa de trabalho, pois são os colaboradores que fazem a ligação entre o cliente e a organização, sendo através deles que o cliente constrói a imagem dos serviços prestados e da própria instituição Tito Bouças 2012 27
  28. 28. PROPOSTAS E RECOMENDAÇÕES RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL … as organizações devem estar conscientes de que a mudança é uma variável indispensável ao sucesso, pelo que deverá ser sempre encarada como uma alavanca de sobrevivência e não como um risco a evitar … (Ferreira & Martinez, 2008) Tito Bouças 2012 28

×