SlideShare uma empresa Scribd logo
O casamento é como uma mala
velha, pesada e sem alça
• O casamento pode ser
comparado a uma conta
bancária:
Olhos abertos e ouvidos atentos
• O homem precisa fazer
aliança com os seus olhos
para não cair em tentação.
• Uma mulher cristã não expõe
seu corpo como instrumento
de iniqüidade.
• Os homens devem ser
cuidadosos com o que falam à
esposa. A língua tem o poder de
dar vida ou matar (Pv 18.21)
• Com ela, edificamos
ou destruímos a relação
conjugal.
• Há algumas coisas que um homem
sensato jamais deve fazer:
• Primeiro, comparar sua mulher com
outras mulheres.
• Segundo, criticar a esposa perto de
outras pessoas.
• Terceiro, tratar a esposa com rispidez.
• Quarto, depreciar o corpo da mulher.
• Quinto, criticar a família da esposa.
Jogo de tênis ou frescobol?
As primeiras coisas primeiro
• Marido e mulher têm uma relação mais
sólida do que a relação com os filhos.
• Marido e mulher são uma só carne. Os
filhos nascem, crescem, casam-se e batem
asas do ninho. Mas marido e mulher
continuam construindo sua história.
• A relação deles só deve terminar com a
morte.
O mito da grama mais verde
• Temos a tendência de pensar que as
coisas dos outros são melhores do que as
nossas.
• Alguns maridos pensam que a mulher do
vizinho é mais carinhosa do que a sua.
• Algumas esposas pensam que o marido
da amiga é mais atencioso do que o seu.
• Isso é um engano.
Não ponha fogo na sua casa
• A comunicação é o oxigênio do
casamento.
• A língua pode dar vida a um
relacionamento ou matá-lo.
• Em primeiro lugar, a língua é como
fogo. O fogo queima, arde e
destrói.
Cuidado com o controle remoto
• A tentativa de controle é fruto de
insegurança e ciúme. O ciúme é uma doença
grave com três sintomas bem distintos:
• Em primeiro lugar, uma pessoa ciumenta vê o
que não existe.
• Em segundo lugar, uma pessoa ciumenta
aumenta o que existe.
• Em terceiro lugar, uma pessoa ciumenta
procura o que não quer achar.
Não passe fome no banquete
• O sexo bom, santo e seguro deve ser
experimentado de acordo com os
princípios e propósitos de Deus.
• O sexo fora do casamento é uma
transgressão da lei de Deus. O
adultério tem sido uma das
principais causas de lágrimas,
vergonha, sofrimento e morte.
O sexo é como um rio
•Quando este corre dentro
do seu leito, leva vida por
onde passa;
•Quando sai do leito, gera
transtorno, caos e morte.
• Fatores de tensão na vida sexual
dentro do casamento:
• Em primeiro lugar, a impureza do
sexo. A Bíblia é clara em afirmar
que dignos de honra entre todos
são o casamento e o leito sem
mácula (Hb 13.4)
O casamento deve ser
honrado por todos; o leito
conjugal, conservado puro;
pois Deus julgará os imorais
e os adúlteros.
(Hebreus 13:4)
• Em segundo lugar, a frequência do
sexo. Poucos casais conversam
abertamente sobre essa importante
questão. Cada pessoa tem um ritmo
e uma frequência sexual.
• Em terceiro lugar, a chantagem do
sexo. Não há perigo maior no
casamento do que a chantagem
sexual.
• 3. O marido deve cumprir os seus deveres conjugais
para com a sua mulher, e da mesma forma a mulher
para com o seu marido.
• 4. A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio
corpo, mas sim o marido. Da mesma forma, o
marido não tem autoridade sobre o seu próprio
corpo, mas sim a mulher.
• 5. Não se recusem um ao outro, exceto por mútuo
consentimento e durante certo tempo, para se
dedicarem à oração. Depois, unam-se de novo, para
que Satanás não os tente por não terem domínio
próprio.
• (1 Coríntios 7:3-5)
Espinhos no colchão
• Quando você vai para a cama com o coração
pesado, porque seu cônjuge foi rude, insensível e
feriu você com palavras, gestos e atitudes, você não
descansa, a noite torna-se longa, e o colchão, cheio
de espinhos.
• Ninguém consegue ser feliz quando é
incompreendido pela pessoa que você mais ama.
• Na verdade, o que está acabando com a maioria dos
casamentos hoje não são os grandes problemas,
mas os pequenos.
• Melhor é viver no deserto do
que com uma mulher briguenta
e amargurada.
(Provérbios 21:19)
• Apanhem para nós as raposas, as
raposinhas que estragam as
vinhas, pois as nossas vinhas
estão floridas.
(Cânticos 2:15)
Não durma com um gambá
Cuidem que ninguém se
exclua da graça de Deus.
Que nenhuma raiz de
amargura brote e cause
perturbação,
contaminando a muitos.
• Em primeiro lugar, a amargura brota e
cria raízes.
• Em segundo lugar, a amargura perturba
aquele que a carrega.
• Em terceiro lugar, a amargura
contamina os outros.
• Se você não enfrentar esse pecado na
sua vida, vai dormir com o gambá. E
quem dorme com gambá, fica com
cheiro de gambá.
A posição do marido
• 25. Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e
entregou-se a si mesmo por ela
• 26. para santificá-la, tendo-a purificado pelo lavar da água mediante a
palavra,
• 27. e apresentá-la a si mesmo como igreja gloriosa, sem mancha nem ruga ou
coisa semelhante, mas santa e inculpável.
• 28. Da mesma forma, os maridos devem amar as suas mulheres como a seus
próprios corpos. Quem ama sua mulher, ama a si mesmo.
• 29. Além do mais, ninguém jamais odiou o seu próprio corpo, antes o
alimenta e dele cuida, como também Cristo faz com a igreja,
• 30. pois somos membros do seu corpo.
• 31 “Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os
dois se tornarão uma só carne".
• 32. Este é um mistério profundo; refiro-me, porém, a Cristo e à igreja.
• 33. Portanto, cada um de vocês também ame a sua mulher como a si mesmo,
e a mulher trate o marido com todo o respeito.
(Ef 5.25-33)
A posição do marido
A posição do marido
• A palavra que caracteriza o dever do
marido é “amor”. O marido nunca deve
usar sua liderança para esmagar ou
sufocar a esposa.
• O marido sábio nunca tenta anular a
personalidade da esposa. A ênfase de
Paulo não está na autoridade do
marido, mas no amor do marido (Ef
5.25,28,33).
• O que significa ser submisso?
É entregar-se a alguém.
• O que significa amar?
É entregar-se por alguém.
• Assim, submissão e amor são
dois aspectos da mesmíssima
coisa.
Os cinco verbos que definem a
ação do marido
• Em primeiro lugar, amar. O amor de
Cristo pela Igreja é proposital,
sacrificial, santificador, altruísta,
abnegado e perseverante.
• Em segundo lugar, entregar-se. Um
amor não egoísta, mas devotado à
pessoa amada
• Em terceiro lugar, santificar. O amor visa o
bem da pessoa amada.
• Em quarto lugar, purificar. O amor busca a
perfeição da pessoa amada.
• Em quinto lugar, apresentar. Quatro etapas. A
primeira etapa era o compromisso do
noivado. A segunda etapa era a preparação.
A terceira etapa era a procissão do noivo com
seus convivas, ao som de música, até à casa
da noiva. E, finalmente, a festa das núpcias,
quando o noivo levava a noiva para casa.
O marido deve cuidar da vida
espiritual da esposa (Ef 5.25b, 27)
• O marido é o responsável pela vida
espiritual da esposa e dos filhos. Ele é o
sacerdote do lar. O marido precisa
buscar a santificação da esposa. O
marido deve ser a pessoa que exerce a
maior influência espiritual sobre a
esposa. Ele deve ser uma bênção na
vida dela e liderá-la espiritualmente.
• O marido deve ser um homem de
Deus.
• O marido precisa ser um intercessor,
um encorajador, um consolador e
um aliviador de tensões.
• O marido precisa ser um homem de
oração.
• O marido precisa ser, outrossim, um
estudioso da Palavra.
O marido deve cuidar da vida emocional
da esposa (Ef 5.28,29)
• O marido fere a si mesmo
ferindo a esposa.
• O marido deve tratar a esposa
com sensibilidade, como o vaso
mais frágil.
• Do mesmo modo vocês, maridos,
sejam sábios no convívio com suas
mulheres e tratem-nas com honra,
como parte mais frágil e co-
herdeiras do dom da graça da vida,
de forma que não sejam
interrompidas as suas orações.
1 Pedro 3:7
• Como o marido deve cuidar da
esposa?
• Como o marido deve tratar a
esposa?
•Em primeiro lugar, ele não
deve abusar dela.
•O marido que maltrata a
esposa está fora de si.
•Um marido abusa da
esposa quando é rude com
ela.
•Em segundo lugar, ele não
deve descuidar dela.
•O marido descuida da
esposa com reuniões
intérminas, com televisão,
com Internet, com roda de
amigos.
• Em terceiro lugar, 0 marido deve
zelar pela esposa.
• Um homem deve pensar em sua
dieta, em sua comida.
• O marido deve ser criativo no
sentido de sempre alegrar e agradar
a esposa. A felicidade conjugal é
construída pelas pequenas coisas.
São palavras, gestos, atitudes.
• exercício. é fundamental para o corpo. O
exercício é igualmente essencial para o
casamento. E o diálogo. A comunicação é
o oxigênio do casamento. Palavras e
gestos precisam construir pontes para um
relacionamento harmonioso e feliz, e não
cavar abismos para separar. O apóstolo
Paulo nos ensina que o dever da esposa é
respeitar, e o dever do marido é merecer o
respeito (Ef 5.33).
• carícias. A palavra “cuidar” só
aparece em Efésios 5.29 e em
1 Tessalonicenses 2:7. A
palavra grega significa
“acariciar”. O marido precisa
ser sensível às necessidades
emocionais e sexuais da
esposa.
O marido deve cuidar da vida
física da esposa (Ef 5.30)
• O marido deixa todos os outros
relacionamentos para
concentrar-se em sua esposa, ou
seja, deve amar a esposa com
um amor que transcende todas
as outras relações humanas.
Capítulo 3
Mantendo a alegria no
casamento
Se quisermos construir um
casamento feliz, precisamos nos
voltar para a antiga e eterna Palavra
de Deus, e não para os terapeutas
contemporâneos.
A caminhada conjugal é uma
aventura diária em que não pode
faltar o investimento e a renúncia.
Sem o cimento do amor, sem a
doçura da comunicação e sem a
constância da comunhão com Deus,
o casamento não consegue suportar
os inimigos que vêm de fora nem as
pressões que surgem de dentro.
Convide Jesus para o seu casamento
• A maior necessidade da família é a
presença de Jesus.
• A felicidade não é tanto aonde se chega,
mas como se caminha.
• O lar feliz é aquele que é construído
sobre a rocha inabalável.
• Se o Senhor não edificar a casa, em vão
trabalham os que a edificam (Salmos
127.1).
Mesmo quando Jesus está
presente, problemas acontecem
A diferença entre os que
conhecem Deus e os que não O
conhecem não são as
circunstâncias, mas como eles
reagem a essas circunstâncias.
(Mateus 7:24-27)
Mas, se vier a casar-se, não
comete pecado; e, se uma
virgem se casar, também não
comete pecado. Mas aqueles
que se casarem enfrentarão
muitas dificuldades na vida, e eu
gostaria de poupá-los disso.
1 Coríntios 7:28
É preciso diagnosticar
o problema cedo
As mulheres têm uma percepção
maior quando se trata de identificar
a falta de alegria dentro de casa.
Elas veem o que os homens não
percebem. Elas têm um sexto
sentido que deve ser posto a serviço
da restauração da família.
É preciso levar o
problema à pessoa certa
• Devemos deixar nossas ansiedades a seus pés.
Antes de espalharmos nossas frustrações,
proclamando nosso medo ou buscando um
culpado para o problema, devemos apresentar
nossa causa ao Senhor Jesus.
• Quando o vinho do casamento acaba, quando
a alegria se esvai mesmo na festa de núpcias,
precisamos urgentemente levar essa causa a
Jesus.
João 2.1-11
• Mantenha o vinho no seu
casamento...
• Mantenha a alegria no seu
casamento...
• Mantenha Jesus no seu
casamento...
• João 2
• 1 No terceiro dia houve um casamento em Caná da Galiléia. A mãe de Jesus estava ali;
• 2 Jesus e seus discípulos também haviam sido convidados para o casamento.
• 3 Tendo acabado o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: "Eles não têm mais vinho".
• 4 Respondeu Jesus: "Que temos nós em comum, mulher? A minha hora ainda não chegou".
• 5 Sua mãe disse aos serviçais: "Façam tudo o que ele lhes mandar".
• 6 Ali perto havia seis potes de pedra, do tipo usado pelos judeus para as purificações
cerimoniais; em cada pote cabia entre oitenta a cento e vinte litros.
• 7 Disse Jesus aos serviçais: "Encham os potes com água". E os encheram até à borda.
• 8 Então lhes disse: "Agora, levem um pouco do vinho ao encarregado da festa". Eles assim o
fizeram,
• 9 e o encarregado da festa provou a água que fora transformada em vinho, sem saber de
onde este viera, embora o soubessem os serviçais que haviam tirado a água. Então chamou
o noivo
• 10 e disse: "Todos servem primeiro o melhor vinho e, depois que os convidados já beberam
bastante, o vinho inferior é servido; mas você guardou o melhor até agora".
• 11 Este sinal miraculoso, em Caná da Galiléia, foi o primeiro que Jesus realizou. Revelou
assim a sua glória, e os seus discípulos creram nele.
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Como devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãsComo devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãs
Joel Silva
 
Causas de maldição 21- Parte V
Causas de maldição 21- Parte VCausas de maldição 21- Parte V
Causas de maldição 21- Parte V
mredil
 
Honrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primíciasHonrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primícias
Luciano Pedroza
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
valmarques
 
Lição 13 - A atualidade dos dons espirituaisl
Lição 13 - A atualidade dos dons espirituaislLição 13 - A atualidade dos dons espirituaisl
Lição 13 - A atualidade dos dons espirituaisl
Éder Tomé
 
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi DiscipularTreinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
revolucaoaje
 
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULASCAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
Idpb São Jose I
 
Curso de noivos
Curso de noivosCurso de noivos
Curso de noivos
Cristiano Roncy
 
As 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma famíliaAs 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma família
Pastor Juscelino Freitas
 
Como preparar uma pregação
Como preparar uma pregaçãoComo preparar uma pregação
Como preparar uma pregação
Alípio Vallim
 
Palestra namoro
Palestra   namoroPalestra   namoro
Palestra namoro
Joel Silva
 
EPÍSTOLAS DE PEDRO
EPÍSTOLAS DE PEDROEPÍSTOLAS DE PEDRO
EPÍSTOLAS DE PEDRO
Cesar Oliveira
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
Márcio Melânia
 
Valorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deusValorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015
Junior Cesar Santiago
 
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIAA casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
estudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristãestudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristã
Reginaldo Pacheco
 
Lição 5 - A Mordomia da Igreja Local
Lição 5 - A Mordomia da Igreja LocalLição 5 - A Mordomia da Igreja Local
Lição 5 - A Mordomia da Igreja Local
Éder Tomé
 
Tipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da Cruz
Tipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da CruzTipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da Cruz
Tipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da Cruz
Márcio Melânia
 
O pecado de Davi
O pecado de DaviO pecado de Davi
O pecado de Davi
Paulo Roberto
 

Mais procurados (20)

Como devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãsComo devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãs
 
Causas de maldição 21- Parte V
Causas de maldição 21- Parte VCausas de maldição 21- Parte V
Causas de maldição 21- Parte V
 
Honrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primíciasHonrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primícias
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Lição 13 - A atualidade dos dons espirituaisl
Lição 13 - A atualidade dos dons espirituaislLição 13 - A atualidade dos dons espirituaisl
Lição 13 - A atualidade dos dons espirituaisl
 
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi DiscipularTreinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
 
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULASCAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
 
Curso de noivos
Curso de noivosCurso de noivos
Curso de noivos
 
As 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma famíliaAs 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma família
 
Como preparar uma pregação
Como preparar uma pregaçãoComo preparar uma pregação
Como preparar uma pregação
 
Palestra namoro
Palestra   namoroPalestra   namoro
Palestra namoro
 
EPÍSTOLAS DE PEDRO
EPÍSTOLAS DE PEDROEPÍSTOLAS DE PEDRO
EPÍSTOLAS DE PEDRO
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
 
Valorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deusValorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deus
 
Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015
 
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIAA casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
 
estudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristãestudo sobre Liderança cristã
estudo sobre Liderança cristã
 
Lição 5 - A Mordomia da Igreja Local
Lição 5 - A Mordomia da Igreja LocalLição 5 - A Mordomia da Igreja Local
Lição 5 - A Mordomia da Igreja Local
 
Tipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da Cruz
Tipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da CruzTipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da Cruz
Tipos de Maridos e Esposas - Casais aos Pés da Cruz
 
O pecado de Davi
O pecado de DaviO pecado de Davi
O pecado de Davi
 

Semelhante a CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt

Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021
MerieleMartins
 
Relacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosRelacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãos
Arsky
 
Decisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento pptDecisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento ppt
Ministerio de Casais Amovc
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
Pastor Natalino Das Neves
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
João Paulo Silva Mendes
 
Edificando o casamento sobre a rocha
Edificando o casamento sobre a rochaEdificando o casamento sobre a rocha
Edificando o casamento sobre a rocha
Instituto Teológico Gamaliel
 
ENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAISENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAIS
Karla Lopes
 
Harmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptx
Harmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptxHarmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptx
Harmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptx
Francisco Vasconcellos
 
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdfComo um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
somit0silva
 
Como se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vida
Como se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vidaComo se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vida
Como se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vida
Bruno Da Montanha
 
Pregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - CasamentoPregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - Casamento
mendoncakarine
 
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
Natalino das Neves Neves
 
Apostila casados em cristo 2010
Apostila casados em cristo 2010 Apostila casados em cristo 2010
Apostila casados em cristo 2010
Pr Ismael Carvalho
 
A síndrome do Ninho Vazio
A síndrome do Ninho VazioA síndrome do Ninho Vazio
A síndrome do Ninho Vazio
Márcio Melânia
 
Namoro (2)
Namoro (2)Namoro (2)
Namoro (2)
Marcio Silva
 
Três erros graves
Três erros gravesTrês erros graves
Três erros graves
Cintia Amorim Cintiaamorim
 
O lar cristão
O lar cristãoO lar cristão
O lar cristão
Estudos Bíblicos
 
curso 2.pptx
curso 2.pptxcurso 2.pptx
curso 2.pptx
ClaudioDeyseRocha1
 
Lição 3
Lição 3Lição 3
Lição 3
Ailton da Silva
 

Semelhante a CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt (20)

Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021
 
Relacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosRelacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãos
 
Decisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento pptDecisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento ppt
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
 
Edificando o casamento sobre a rocha
Edificando o casamento sobre a rochaEdificando o casamento sobre a rocha
Edificando o casamento sobre a rocha
 
ENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAISENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAIS
 
Harmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptx
Harmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptxHarmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptx
Harmonia Sexual - preparação para o matrimônio.pptx
 
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdfComo um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
 
Como se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vida
Como se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vidaComo se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vida
Como se casar com a pessoa escolhida por Deus na sua vida
 
Pregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - CasamentoPregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - Casamento
 
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
 
Apostila casados em cristo 2010
Apostila casados em cristo 2010 Apostila casados em cristo 2010
Apostila casados em cristo 2010
 
A síndrome do Ninho Vazio
A síndrome do Ninho VazioA síndrome do Ninho Vazio
A síndrome do Ninho Vazio
 
Namoro (2)
Namoro (2)Namoro (2)
Namoro (2)
 
Três erros graves
Três erros gravesTrês erros graves
Três erros graves
 
O lar cristão
O lar cristãoO lar cristão
O lar cristão
 
curso 2.pptx
curso 2.pptxcurso 2.pptx
curso 2.pptx
 
Lição 3
Lição 3Lição 3
Lição 3
 

Último

Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdfAula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
SrgioLinsPessoa
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
HerverthRibeiro1
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 

Último (18)

Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdfAula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 

CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt

  • 1.
  • 2. O casamento é como uma mala velha, pesada e sem alça
  • 3. • O casamento pode ser comparado a uma conta bancária:
  • 4. Olhos abertos e ouvidos atentos
  • 5. • O homem precisa fazer aliança com os seus olhos para não cair em tentação. • Uma mulher cristã não expõe seu corpo como instrumento de iniqüidade.
  • 6. • Os homens devem ser cuidadosos com o que falam à esposa. A língua tem o poder de dar vida ou matar (Pv 18.21) • Com ela, edificamos ou destruímos a relação conjugal.
  • 7. • Há algumas coisas que um homem sensato jamais deve fazer: • Primeiro, comparar sua mulher com outras mulheres. • Segundo, criticar a esposa perto de outras pessoas. • Terceiro, tratar a esposa com rispidez. • Quarto, depreciar o corpo da mulher. • Quinto, criticar a família da esposa.
  • 8. Jogo de tênis ou frescobol?
  • 9. As primeiras coisas primeiro • Marido e mulher têm uma relação mais sólida do que a relação com os filhos. • Marido e mulher são uma só carne. Os filhos nascem, crescem, casam-se e batem asas do ninho. Mas marido e mulher continuam construindo sua história. • A relação deles só deve terminar com a morte.
  • 10. O mito da grama mais verde • Temos a tendência de pensar que as coisas dos outros são melhores do que as nossas. • Alguns maridos pensam que a mulher do vizinho é mais carinhosa do que a sua. • Algumas esposas pensam que o marido da amiga é mais atencioso do que o seu. • Isso é um engano.
  • 11. Não ponha fogo na sua casa • A comunicação é o oxigênio do casamento. • A língua pode dar vida a um relacionamento ou matá-lo. • Em primeiro lugar, a língua é como fogo. O fogo queima, arde e destrói.
  • 12. Cuidado com o controle remoto
  • 13. • A tentativa de controle é fruto de insegurança e ciúme. O ciúme é uma doença grave com três sintomas bem distintos: • Em primeiro lugar, uma pessoa ciumenta vê o que não existe. • Em segundo lugar, uma pessoa ciumenta aumenta o que existe. • Em terceiro lugar, uma pessoa ciumenta procura o que não quer achar.
  • 14. Não passe fome no banquete • O sexo bom, santo e seguro deve ser experimentado de acordo com os princípios e propósitos de Deus. • O sexo fora do casamento é uma transgressão da lei de Deus. O adultério tem sido uma das principais causas de lágrimas, vergonha, sofrimento e morte.
  • 15. O sexo é como um rio
  • 16. •Quando este corre dentro do seu leito, leva vida por onde passa; •Quando sai do leito, gera transtorno, caos e morte.
  • 17. • Fatores de tensão na vida sexual dentro do casamento: • Em primeiro lugar, a impureza do sexo. A Bíblia é clara em afirmar que dignos de honra entre todos são o casamento e o leito sem mácula (Hb 13.4)
  • 18. O casamento deve ser honrado por todos; o leito conjugal, conservado puro; pois Deus julgará os imorais e os adúlteros. (Hebreus 13:4)
  • 19. • Em segundo lugar, a frequência do sexo. Poucos casais conversam abertamente sobre essa importante questão. Cada pessoa tem um ritmo e uma frequência sexual. • Em terceiro lugar, a chantagem do sexo. Não há perigo maior no casamento do que a chantagem sexual.
  • 20. • 3. O marido deve cumprir os seus deveres conjugais para com a sua mulher, e da mesma forma a mulher para com o seu marido. • 4. A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim o marido. Da mesma forma, o marido não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim a mulher. • 5. Não se recusem um ao outro, exceto por mútuo consentimento e durante certo tempo, para se dedicarem à oração. Depois, unam-se de novo, para que Satanás não os tente por não terem domínio próprio. • (1 Coríntios 7:3-5)
  • 21.
  • 22. Espinhos no colchão • Quando você vai para a cama com o coração pesado, porque seu cônjuge foi rude, insensível e feriu você com palavras, gestos e atitudes, você não descansa, a noite torna-se longa, e o colchão, cheio de espinhos. • Ninguém consegue ser feliz quando é incompreendido pela pessoa que você mais ama. • Na verdade, o que está acabando com a maioria dos casamentos hoje não são os grandes problemas, mas os pequenos.
  • 23. • Melhor é viver no deserto do que com uma mulher briguenta e amargurada. (Provérbios 21:19)
  • 24. • Apanhem para nós as raposas, as raposinhas que estragam as vinhas, pois as nossas vinhas estão floridas. (Cânticos 2:15)
  • 25. Não durma com um gambá
  • 26. Cuidem que ninguém se exclua da graça de Deus. Que nenhuma raiz de amargura brote e cause perturbação, contaminando a muitos.
  • 27. • Em primeiro lugar, a amargura brota e cria raízes. • Em segundo lugar, a amargura perturba aquele que a carrega. • Em terceiro lugar, a amargura contamina os outros. • Se você não enfrentar esse pecado na sua vida, vai dormir com o gambá. E quem dorme com gambá, fica com cheiro de gambá.
  • 28. A posição do marido • 25. Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por ela • 26. para santificá-la, tendo-a purificado pelo lavar da água mediante a palavra, • 27. e apresentá-la a si mesmo como igreja gloriosa, sem mancha nem ruga ou coisa semelhante, mas santa e inculpável. • 28. Da mesma forma, os maridos devem amar as suas mulheres como a seus próprios corpos. Quem ama sua mulher, ama a si mesmo. • 29. Além do mais, ninguém jamais odiou o seu próprio corpo, antes o alimenta e dele cuida, como também Cristo faz com a igreja, • 30. pois somos membros do seu corpo. • 31 “Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os dois se tornarão uma só carne". • 32. Este é um mistério profundo; refiro-me, porém, a Cristo e à igreja. • 33. Portanto, cada um de vocês também ame a sua mulher como a si mesmo, e a mulher trate o marido com todo o respeito. (Ef 5.25-33)
  • 29. A posição do marido
  • 30. A posição do marido • A palavra que caracteriza o dever do marido é “amor”. O marido nunca deve usar sua liderança para esmagar ou sufocar a esposa. • O marido sábio nunca tenta anular a personalidade da esposa. A ênfase de Paulo não está na autoridade do marido, mas no amor do marido (Ef 5.25,28,33).
  • 31.
  • 32. • O que significa ser submisso? É entregar-se a alguém. • O que significa amar? É entregar-se por alguém. • Assim, submissão e amor são dois aspectos da mesmíssima coisa.
  • 33. Os cinco verbos que definem a ação do marido • Em primeiro lugar, amar. O amor de Cristo pela Igreja é proposital, sacrificial, santificador, altruísta, abnegado e perseverante. • Em segundo lugar, entregar-se. Um amor não egoísta, mas devotado à pessoa amada
  • 34. • Em terceiro lugar, santificar. O amor visa o bem da pessoa amada. • Em quarto lugar, purificar. O amor busca a perfeição da pessoa amada. • Em quinto lugar, apresentar. Quatro etapas. A primeira etapa era o compromisso do noivado. A segunda etapa era a preparação. A terceira etapa era a procissão do noivo com seus convivas, ao som de música, até à casa da noiva. E, finalmente, a festa das núpcias, quando o noivo levava a noiva para casa.
  • 35. O marido deve cuidar da vida espiritual da esposa (Ef 5.25b, 27) • O marido é o responsável pela vida espiritual da esposa e dos filhos. Ele é o sacerdote do lar. O marido precisa buscar a santificação da esposa. O marido deve ser a pessoa que exerce a maior influência espiritual sobre a esposa. Ele deve ser uma bênção na vida dela e liderá-la espiritualmente.
  • 36. • O marido deve ser um homem de Deus. • O marido precisa ser um intercessor, um encorajador, um consolador e um aliviador de tensões. • O marido precisa ser um homem de oração. • O marido precisa ser, outrossim, um estudioso da Palavra.
  • 37. O marido deve cuidar da vida emocional da esposa (Ef 5.28,29) • O marido fere a si mesmo ferindo a esposa. • O marido deve tratar a esposa com sensibilidade, como o vaso mais frágil.
  • 38. • Do mesmo modo vocês, maridos, sejam sábios no convívio com suas mulheres e tratem-nas com honra, como parte mais frágil e co- herdeiras do dom da graça da vida, de forma que não sejam interrompidas as suas orações. 1 Pedro 3:7
  • 39. • Como o marido deve cuidar da esposa? • Como o marido deve tratar a esposa?
  • 40. •Em primeiro lugar, ele não deve abusar dela. •O marido que maltrata a esposa está fora de si. •Um marido abusa da esposa quando é rude com ela.
  • 41. •Em segundo lugar, ele não deve descuidar dela. •O marido descuida da esposa com reuniões intérminas, com televisão, com Internet, com roda de amigos.
  • 42. • Em terceiro lugar, 0 marido deve zelar pela esposa. • Um homem deve pensar em sua dieta, em sua comida. • O marido deve ser criativo no sentido de sempre alegrar e agradar a esposa. A felicidade conjugal é construída pelas pequenas coisas. São palavras, gestos, atitudes.
  • 43. • exercício. é fundamental para o corpo. O exercício é igualmente essencial para o casamento. E o diálogo. A comunicação é o oxigênio do casamento. Palavras e gestos precisam construir pontes para um relacionamento harmonioso e feliz, e não cavar abismos para separar. O apóstolo Paulo nos ensina que o dever da esposa é respeitar, e o dever do marido é merecer o respeito (Ef 5.33).
  • 44. • carícias. A palavra “cuidar” só aparece em Efésios 5.29 e em 1 Tessalonicenses 2:7. A palavra grega significa “acariciar”. O marido precisa ser sensível às necessidades emocionais e sexuais da esposa.
  • 45. O marido deve cuidar da vida física da esposa (Ef 5.30) • O marido deixa todos os outros relacionamentos para concentrar-se em sua esposa, ou seja, deve amar a esposa com um amor que transcende todas as outras relações humanas.
  • 46. Capítulo 3 Mantendo a alegria no casamento Se quisermos construir um casamento feliz, precisamos nos voltar para a antiga e eterna Palavra de Deus, e não para os terapeutas contemporâneos.
  • 47. A caminhada conjugal é uma aventura diária em que não pode faltar o investimento e a renúncia. Sem o cimento do amor, sem a doçura da comunicação e sem a constância da comunhão com Deus, o casamento não consegue suportar os inimigos que vêm de fora nem as pressões que surgem de dentro.
  • 48. Convide Jesus para o seu casamento • A maior necessidade da família é a presença de Jesus. • A felicidade não é tanto aonde se chega, mas como se caminha. • O lar feliz é aquele que é construído sobre a rocha inabalável. • Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam (Salmos 127.1).
  • 49. Mesmo quando Jesus está presente, problemas acontecem A diferença entre os que conhecem Deus e os que não O conhecem não são as circunstâncias, mas como eles reagem a essas circunstâncias. (Mateus 7:24-27)
  • 50. Mas, se vier a casar-se, não comete pecado; e, se uma virgem se casar, também não comete pecado. Mas aqueles que se casarem enfrentarão muitas dificuldades na vida, e eu gostaria de poupá-los disso. 1 Coríntios 7:28
  • 51. É preciso diagnosticar o problema cedo As mulheres têm uma percepção maior quando se trata de identificar a falta de alegria dentro de casa. Elas veem o que os homens não percebem. Elas têm um sexto sentido que deve ser posto a serviço da restauração da família.
  • 52. É preciso levar o problema à pessoa certa • Devemos deixar nossas ansiedades a seus pés. Antes de espalharmos nossas frustrações, proclamando nosso medo ou buscando um culpado para o problema, devemos apresentar nossa causa ao Senhor Jesus. • Quando o vinho do casamento acaba, quando a alegria se esvai mesmo na festa de núpcias, precisamos urgentemente levar essa causa a Jesus.
  • 53. João 2.1-11 • Mantenha o vinho no seu casamento... • Mantenha a alegria no seu casamento... • Mantenha Jesus no seu casamento...
  • 54. • João 2 • 1 No terceiro dia houve um casamento em Caná da Galiléia. A mãe de Jesus estava ali; • 2 Jesus e seus discípulos também haviam sido convidados para o casamento. • 3 Tendo acabado o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: "Eles não têm mais vinho". • 4 Respondeu Jesus: "Que temos nós em comum, mulher? A minha hora ainda não chegou". • 5 Sua mãe disse aos serviçais: "Façam tudo o que ele lhes mandar". • 6 Ali perto havia seis potes de pedra, do tipo usado pelos judeus para as purificações cerimoniais; em cada pote cabia entre oitenta a cento e vinte litros. • 7 Disse Jesus aos serviçais: "Encham os potes com água". E os encheram até à borda. • 8 Então lhes disse: "Agora, levem um pouco do vinho ao encarregado da festa". Eles assim o fizeram, • 9 e o encarregado da festa provou a água que fora transformada em vinho, sem saber de onde este viera, embora o soubessem os serviçais que haviam tirado a água. Então chamou o noivo • 10 e disse: "Todos servem primeiro o melhor vinho e, depois que os convidados já beberam bastante, o vinho inferior é servido; mas você guardou o melhor até agora". • 11 Este sinal miraculoso, em Caná da Galiléia, foi o primeiro que Jesus realizou. Revelou assim a sua glória, e os seus discípulos creram nele.