Citologia i

555 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
555
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Citologia i

  1. 1. Citologia I Estruturas Celulares Prof. Marcio Fraiberg
  2. 2. <ul><li>Moneras </li></ul><ul><li>Protistas </li></ul><ul><li>Fungi </li></ul><ul><li>Vegetal </li></ul><ul><li>Animal </li></ul>Reinos do Mundo Vivo
  3. 5. PAREDE CELULAR Composição e Características 1.   Circunda a membrana plasmática e protege a célula das alterações na pressão de água. 2.     A penicilina interfere com a síntese de peptídeoglicana.
  4. 6. Parede celular <ul><li>   A membrana externa protege a célula da fagocitose e da penicilina, lisozima e outras substâncias químicas. </li></ul><ul><li>   O componente lipopolissacarídeo da membrana externa consiste de açúcares (polissacarídeos O e de lipídeo A). </li></ul>
  5. 7. MEMBRANA CITOPLASMÁTICA 1.     Reveste o citoplasma. 2.     É seletivamente permeável. 3.     Conduzem enzimas para reações metabólicas, como a de degradação dos nutrientes, a produção de energia e a fotossíntese. 4. As membranas plasmáticas podem ser destruídas,(por álcoois e polimixinas).  
  6. 9. Estruturas celulares Eucariotas
  7. 10. Membrana Celular É uma fina película que é composta principalmente por fosfolipídios e proteínas, com importantes funções para a célula, uma delas é isolar a célula do meio externo, e controlar a entrada de água, substâncias nutritivas e gás oxigênio, e a saída de gás carbônico e de resíduos produzidos dentro da célula, assim pode fazer um controle no trânsito das células, atraindo substancias úteis para a célula e dificultando a entrada de substâncias indesejáveis.
  8. 12. Especializações da Membrana Desmossomo Também conhecido como macula adherens. Os desmossomos tem a função de adesão, e forma de uma pequena placa arredondada, é constituído por membranas de duas células vizinhas.
  9. 13. Microvilosodades É uma das especializações da membrana, e se parece com pequenos dedos que aumentam a superfície do contato das células com o nutrientes. Cada célula tem milhares de microvilosodades .
  10. 14. Mitocôndrias Podem ser comparadas a usinas energéticas, pois como todas as atividades celulares gastam energia, a sustentação se da através das mitocôndrias. São pequenos bastonetes que ficam flutuando no citoplasma. Em seu interior tem uma complexa maquinaria química, que libera a energia dos alimentos que a célula absorve.
  11. 15. Retículo Endoplasmático É um sistema de tubos e canais que pode ser chamado de rugoso (RER) ou liso (REL), suas paredes são formadas por membranas de bicamadas lipídicas, que contém altas quantidades de proteínas, mesmo sendo diferentes, o RER e REL são interligados um ao outro. Lembra uma rede de encanamentos, que circulam substâncias fabricadas pela célula.
  12. 16. Complexo Golgiense Este complexo é um conjunto de saquinhos membranosos achatados e empilhados que recebem o nome de dictiossomos, situam-se próximo ao núcleo, no citoplasma. Suas principais funções são: formação do acrossomo do espermatozóide, secreção de enzimas digestivas, armazenamento, transformação e empacotamento das substâncias produzidas pelas células.
  13. 17. Lisossomos São as organelas responsáveis pela digestão da célula que existem em quase todas as células animais, e tem origem no complexo golgiense. Podem ser comparados a pequenos estômagos intracelulares e a centros de reciclagem. Tem a forma de saquinhos cheios de enzimas.
  14. 18. Centríolos O centríolo é um cilindro que tem uma parede formada por nove conjuntos de três microtúbulos e ficam organizados de dois em dois nas células. Não tem membrana, e são formados por túbulos de natureza protéica. Dão origem aa estruturas locomotoras: os cílios e flagelos.
  15. 19. Ribossomos São grãos formados por RNA ribossomial e proteínas. Nele ocorre a síntese de proteínas por meio da união de aminoácidos.
  16. 20. Cloroplastos São classificados como cromoplastos. Há vários tipos dependendo do pigmento. Cloroplasto: Vegetal e fotossintético, executa o processo da fotossíntese.
  17. 21. Membrana Nuclear Recebe também o nome de Carioteca. Separa o Citoplasma do Núcleo, não é sempre contínua, tem poros que permitem a comunicação do interior do núcleo com o citoplasma. Sua formação constitui-se em duas membranas lipoprotéicas, que tem uma organização estrutural parecida com outras membranas celulares. Estas membranas são separadas por um espaço denominado Espaço Perinuclear, a membrana que reveste internamente possui um espessamento denominado de lâmina, que faz parte da matriz nuclear, já a membrana que reveste o núcleo exteriormente tem ribossomos e esta ligada ao retículo endoplasmático, assim sendo considerada parte do retículo.
  18. 22. Nucléolo É um pequeno corpo denso e sem membrana, que se localiza mergulhado no nucleoplasma, tem uma intensa síntese de ácido ribonucléico ribossômico (RNAr), também é rico em ribonucleoproteínas.

×