Abóbora Espaguete Orangetti: é uma abóbora que depois de cozida fica com o interior do fruto semelhante a um 
macarrão. O ...
O Melão Galia: lançado em 1974, sendo desenvolvidos por Zvi Karchi e Anneke Govers, tornou-se um sucesso multimilionário 
...
Pimenta Angello: A Angello foi a primeira pimenta sem semente desenvolvida entre 2007-2012 através de pesquisas da empresa...
A Nectarina-Manga: desenvolvida pela Ben Dor Fruits & Nurseries tem o formato de coração e casca tenra. A variedade levou ...
Pomelit: é um fruto híbrido (pomelo x toranja) desenvolvido pela Ben Dor. Comercializado no exterior como Sweetie, essa fr...
Tomate Black Galaxy: Uma das maiores estrelas da moderna agricultura israelense. O fruto foi desenvolvido pela 
Technologi...
Nano Melancia: é uma fruta mais doce do que a original, com uma cor levemente diferente e menos de três quilos. É um 
prod...
Manjericão Hishtil: é uma árvore em miniatura desenvolvida para solucionar o problema de ciclo de vida curto desta especia...
Foto: www.davewilson.com 
Maçã Anna: desenvolvida pelo horticultor Ephraim Slor do Volcani Institute, que deu o nome da su...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Melhoramento genético frutas israel www.geneticaagronomica.blogspot.com.br

4.506 visualizações

Publicada em

www.geneticaagronomica.blogspot.com.br

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.506
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3.755
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Melhoramento genético frutas israel www.geneticaagronomica.blogspot.com.br

  1. 1. Abóbora Espaguete Orangetti: é uma abóbora que depois de cozida fica com o interior do fruto semelhante a um macarrão. O Fruto é rico em betacaroteno e outros antioxidantes. A abóbora Orangetti levou sete anos para ser desenvolvida, sendo lançada em 1986. . www.steamykitchen.com
  2. 2. O Melão Galia: lançado em 1974, sendo desenvolvidos por Zvi Karchi e Anneke Govers, tornou-se um sucesso multimilionário internacional. Esta variedade foi muito bem aceita pelos consumidores por ter aparência, cheiro e sabor agradáveis. selbst fotografiert
  3. 3. Pimenta Angello: A Angello foi a primeira pimenta sem semente desenvolvida entre 2007-2012 através de pesquisas da empresa Zeraim Gedera.
  4. 4. A Nectarina-Manga: desenvolvida pela Ben Dor Fruits & Nurseries tem o formato de coração e casca tenra. A variedade levou 10 anos para ser desenvolvida e hoje encontra-se disponível em Israel, Reino Unido e África do Sul. www.israel21c.org
  5. 5. Pomelit: é um fruto híbrido (pomelo x toranja) desenvolvido pela Ben Dor. Comercializado no exterior como Sweetie, essa fruta suculenta é mais doce e menos ácida do que a toranja, sendo menor e mais fácil de descascar do que o pomelo. Estudos comprovaram que o fruto ajuda a combater o colesterol, além das conhecidas propriedades antioxidantes. Foto: wwwusers.kymp.net
  6. 6. Tomate Black Galaxy: Uma das maiores estrelas da moderna agricultura israelense. O fruto foi desenvolvido pela Technological Seeds com um pigmento derivado dos mirtilos. O Black Galaxy não tem apenas a aparência exótica, mas também contém concentrações de vitamina C mais altas do que os tomates comuns. Foto: www.theblaze.com
  7. 7. Nano Melancia: é uma fruta mais doce do que a original, com uma cor levemente diferente e menos de três quilos. É um produto resultante de três anos de pesquisa do Dr. Eyal Vardi, CEO da Origene Seeds Foto: www.jpost.com
  8. 8. Manjericão Hishtil: é uma árvore em miniatura desenvolvida para solucionar o problema de ciclo de vida curto desta especiaria, tornando-a disponível o ano todo. Foto: www.sunset.com
  9. 9. Foto: www.davewilson.com Maçã Anna: desenvolvida pelo horticultor Ephraim Slor do Volcani Institute, que deu o nome da sua filha a variedade. Trata-se de uma fruta de sabor adocicado, que ao contrário da maioria das variedades convencionais, que só florescem no frio, consegue florescer em temperaturas mais amenas. Foto: www.bijouxs.com

×