O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Paraná Notícias

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Edição Especial
14 páginas
EXPEDIENTE
PARANAMAIS O SEU NOVO GUIA COMERCIAL
Havia um grande muro separan-
do dois grandes grupos. De um lado
do muro e...
parananoticias.com.br
Sociedade Notícias Memória VMemória VMemória VMemória VMemória Vivivivivivaaaaa OlharOlharOlharOlhar...
Anúncio
Anúncio
Anúncio

Confira estes a seguir

1 de 16 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (14)

Semelhante a Paraná Notícias (20)

Anúncio

Mais recentes (20)

Anúncio

Paraná Notícias

  1. 1. Edição Especial 14 páginas
  2. 2. EXPEDIENTE PARANAMAIS O SEU NOVO GUIA COMERCIAL Havia um grande muro separan- do dois grandes grupos. De um lado do muro estavam Deus, os anjos e os servosleaisdeDeus.Dooutroladodomuro estavamSatanás,seusdemôniosetodos os humanos que não servem a Deus. E em cima do muro havia um jo- vem indeciso, que havia sido criado num lar cristão, mas que agora esta- va em dúvida se continuaria servindo a Deus ou se deveria aproveitar um pouco os prazeres do mundo. O jovem indeciso observou que o grupo do lado de Deus chamava e gritava sem parar para ele: - Ei, desce do muro agora... Vem pra cá! Já o grupo de Satanás não grita- va e nem dizia nada. Essa situação continuou por um tempo, até que o jovem indeciso resolveu perguntar a Satanás: - O grupo do lado de Deus fica o tempo todo me chamando para des- cer e ficar do lado deles. Por que você e seu grupo não me chamam e nem dizem nada para me convencer a des- cer para o lado de vocês? Grande foi a surpresa do jovem quando Satanás respondeu: -É porque o muro é MEU!!! Nunca se esqueça: Não existe meio termo. O muro já tem dono!! Para refletir... Idealizado em 2011 o Jornal Paraná Notícias busca trazer informações com credibilidade e confiança, tanto na área política, social e comercial. Em 2012, estreamos na plataforma onlinne com o parananoticias.com.br. Agora, estamos preparando um Super Guia Comercial com muitras novidades. Aguardem! www.paranamais.com - junto com você! Diretor responsável: Ed Cláudio Cruz Dep. vendas: Evandro Ubaldo 44. 9 9808-2786 / 9 9750-3201 FONCRUZ / EMPRESA JORNALÍSTICA CNPJ: 14.525.088/0001-70
  3. 3. parananoticias.com.br Sociedade Notícias Memória VMemória VMemória VMemória VMemória Vivivivivivaaaaa OlharOlharOlharOlharOlhar CristãoCristãoCristãoCristãoCristão Diretor: Ed Cláudio Machado Cruz Comcam, 19 de Março de 2019 Por isso vos digo que tudo o que pedirdes em oração, crede que o recebereis, e tê-lo-eis. (Marcos 11:24) PPPPParararararaná pode ter nívaná pode ter nívaná pode ter nívaná pode ter nívaná pode ter níveis de Primeireis de Primeireis de Primeireis de Primeireis de Primeirooooo Mundo em tecnoloMundo em tecnoloMundo em tecnoloMundo em tecnoloMundo em tecnologia e inogia e inogia e inogia e inogia e inovvvvvaçãoaçãoaçãoaçãoação O governador Carlos Massa Ratinho Junior afirmou na última semana que o Paraná tem potencial e capacidade para alcançar níveis de qualidade de primeiro mundo em tecnologia e inovação, tanto na esfera pública como na econômica PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 0303030303 Angela Kraus e Natalício Saraiva visitam a Cooperativa Unitá # EMPREGOS # ESPORTES 2ª Copa Comcam/ Sicredi estréia com grande público Filipe Barros (PSL) visita o Japão em busca de parcerias # POLÍTICA PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 1515151515PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 1111111111 PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 1212121212 PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 0505050505 PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 0202020202 PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 0808080808 C. Mourão: aumenta procura por vacina contra meningite # SAÚDE PÁGPÁGPÁGPÁGPÁG..... 0707070707
  4. 4. Página 02 Comcam, 19 de março de 2019 GERAL PARANANOTICIAS.COM.BR PARANÁ Notícias Fatos & Política A informação como ela é. Claudinho CruzClaudinho CruzClaudinho CruzClaudinho CruzClaudinho Cruz Câmara Municipal de Rancho Alegre D’oesteiniciaotrabalholegislativoem 2019 Após passar por uma ampla reforma, a Câmara Municipal de Rancho Alegre D’oeste, deu início nessa segunda-feira, 18, de forma oficial, as sessões ordinárias para o ano legislativo de 2019. A reunião solene marcou a estreia do vereador Reinaldo Dias como presidente daquela Casa de Leis, assim também como uma im- portante homenagem ao ex-verea- dor Airton Ota Rodrigues, que fez parte da primeira legislatura, Ota faleceu precocemente ainda no exercício do mandato (93/96) e em 2008, o vereador José Antonio Za- nuto propôs que o plenário levasse então, o nome do ex-vereador. Za- nuto falou sobre o amigo e disse que a homenagem foi para eternizar a história do saudoso Airton. A irmã de Airton, Ivete Ota Ro- drigues e também alguns familiares, estavam presentes e o nome do ex- vereador foi lembrado a todo instan- te. Ivete recebeu das mãos do ex- presidente, Amarildo José da Silva, uma placa em homenagem ao ir- mão. Ivete falou sobre o irmão e sua dedicação em estar perto da família e ajudar o próximo. A prefeita Suely Alves Pereira, o vice-prefeito Adão Primo e deze- nas de lideranças políticas prestigia- ram a homenagem e também a rei- nauguração daquela Casa de Leis. O ex-presidente Amarildo falou sobre a reforma que teve início em seu mandato salientando a importância do município contar com uma Câma- ra que possa dar mais conforto aos visitantes, bem como abrigar even- tos importantes, como audiências públicas e algumas reuniões com a população. “Hoje temos uns dos melhores espaços legislativos da região, gra- ças a uma boa gestão que fizemos, valorizandoosvereadoreseosrecur- sos investidos”, disse o vereador. O presidente Reinaldo Dias tambémenalteceuareformacondu- zida pelo ex-presidente e também falou sobre a homenagem feita ao ex-vereador Airton. “Sem dúvida foi um grande homem, um amigo que infelizmen- te nos deixou muito cedo”, falou o presidente. Sessões ao vivo - Novidade também nessa noite de segunda-fei- ra, foi transmissão ao vivo das ses- sões legislativas feita pela página do Jornal Paraná Notícias por meio do Facebook. A indicação pedindo as transmissões foi feita pela vereadora Valéria Mi- nervino e foi prontamente aceita pelo presidente da Câmara. As sessões acontecem sempre às se- gundas-feiras - 20 horas. A reunião solene marcou a estreia do vereador Reinaldo Dias como presidente daquela Casa de Leis, assim também como uma importante homenagem ao ex-vereador Airton Ota Rodrigues, que fez par- te da primeira legislatura Deputado Federal Filipe Barros (PSL) visita o Japão em busca de parcerias O deputado federal Filipe Bar- ros está no Japão a convite do gover- no japonês para discutirem investi- mentos no Brasil. O jovem deputado federal é de Londrina e foi eleito com mais de 75 mil votos. Evangélico, Bar- ros foi eleito com uma visão ideológi- ca à direita, e entre outras pautas, de- fende o liberalismo econômico. Nessasemana,juntamentecom outros deputados federais, o ex-vere- ador londrinense participa de reuni- ões com políticos e empresários japo- neses com o objetivo de conhecer no- vas tecnologias e de trazer novos in- vestimentos ao país. “Que honra e grande responsa- bilidade ser convidado pelo Governo do Japão para uma semana de troca de experiências em Tóquio”, disse o parlamentar. “Vim representando nosso es- tado do Paraná (muito marcado e agraciado pela colonização japonesa) e trazendo comigo as demandas e anseios da nossa região de Londrina. Em uma semana, iremos conhecer o sistema político e autoridades, o mo- delo escolar, indústrias e empresas. A viagem não teve qualquer custo aos cofres públicos”, explicou Filipe. “Fa- rei o possível para levar ao Brasil, os bons exemplos do Japão e trabalhar para que indústrias japonesas se ins- talem na nossa região”, completou. Os deputados Marcel van Hat- tem (Novo), Kim Kataguiri (DEM), Lu- isa Canziani (PTB) e Filipe Barros (PSL), além do senador Marcos Rogério (DEM), estão participando de um pro- grama bancado pelo governo japonês que inclui reuniões com o vice-primei- ro ministro, o vice-ministro de Rela- ções Exteriores e pesquisadores espe- cialistas em América Latina, além de visitas a empresas de alta tecnologia. Você pode acompanhar o Paraná Notícias também na sua versão online. Acesse o site: PARANANOTICIAS.COM.BR
  5. 5. O governador Carlos Massa Ratinho Junior afirmou na última semana, que o Paraná tem potenci- al e capacidade para alcançar níveis de qualidade de primeiro mundo em tecnologia e inovação, tanto na esfera pública como na econômica. “Só precisamos trabalhar juntos para modernizar o Estado e conse- guir acompanhar essa nova fase pela qual passa o mundo, em que a maneira de se relacionar, conviver e consumir tecnologia mudou”, dis- se. Ele fez essa afirmação na solenida- de em que deu posse à nova dire- toria do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar). O novo diretor-pre- sidente é Fabio Cammarota, profes- sor de Gestão Pública e Organiza- ção do Estado na Fundação Dom Cabral. O Tecpar, ressaltou Ratinho Junior, a exemplo de Copel, Sane- par e Celepar, tem papel fundamen- tal no fomento à inovação e solu- ções tecnológicas. “O Tecpar tem a responsabilidade de pensar na saú- de, em como avançar nas pesqui- sas científicas e nos ajudar a pen- sar a modernização do Paraná. Nossa ideia é fazer com que o instituto continue sendo essa refe- rência que já é para o Brasil, e avan- ce ainda mais e possa ampliar par- cerias também com a área privada”, acrescentou. Ratinho Junior afirmou que o Governo do Estado vai estimular a participação de institutos de pes- quisa como o Tecpar e das univer- sidades estaduais na atividade eco- nômica do Estado, assim como ocorre nos Estados Unidos. Ele lem- brou sua recente viagem ao Vale do Silício, na Califórnia, onde está de- monstrado como essa parceria en- tre a academia e setor privado gera resultados positivos. ESTRUTURA - A nova direto- ria do Tecpar, que tem mandato até janeiro de 2021, foi eleita pelo Con- selho de Administração da empre- sa no início deste ano. O novo dire- tor-presidente, Fabio Cammarota, afirmou que um dos principais de- safios à frente da instituição cientí- fica e tecnológica é organizar a es- trutura do local. “Queremos deixá-la mais pro- dutiva e eficiente, sempre alinha- da ao modelo de gestão do Gover- no do Estado, que é fazer mais com menos, e o melhor com o que te- mos”, disse Cammarota, que tem experiência de mais de 25 anos na área de gestão pública. Na Diretoria Comercial to- mou posse Danielle Portela, primei- ra mulher a ocupar essa posição no Tecpar. Ela é formada em Direito e tem experiência como diretora nas áreas comercial e jurídica de empre- sa de consultoria e como consulto- ra de análise de processos na área de tecnologia da informação para di- versas instituições. O diretor de Desenvolvimen- to Tecnológico e Inovação é Rafael Rodrigues, que tem formação em Engenharia Industrial Elétrica e ex- periência como engenheiro na Co- pel. O Já diretor de Administração e Finanças é Arnaldo Rogerio da Fon- seca, que tem formação acadêmica em Ciências Contábeis e experiên- cia como Analista Contábil no Te- cpar, desde 1994. VISITA – Depois de cerimônia de posse, o governador visitou a In- cubadora Tecnológica do Tecpar (In- tec), primeira incubadora de base tecnológica do Paraná. A Intec já deu suporte tecnológico a mais de 100 negócios ao longo de sua histó- ria. HISTÓRIA - Fundando em 1940, o Tecpar tem como foco de negócios a saúde pública, o desen- volvimento tecnológico e o empre- endedorismo inovador. Possui o Par- que Tecnológico da Saúde, que en- globa os campi da CIC e Araucária, com foco em atrair empresas da área da saúde; e o Parque Tecnoló- gico do Norte Pioneiro, em Jacare- zinho, para apoiar negócios inova- dores em agrotech. O Instituto é um laboratório público oficial, fornecedor de pro- dutos voltados à saúde humana e animal ao Ministério da Saúde. Produz a vacina antirrábica há mais de 40 anos para as campa- nhas de vacinação do Governo fe- deral e, em 2018, obteve do Insti- tuto Nacional da Propriedade In- dustrial (Inpi) a concessão da pa- tente do processo produtivo da va- cina antirrábica veterinária. PRESENÇAS – Participaram da solenidade o vice-governador do Paraná, Darci Piana; o reitor da Unicentro e presidente do Conse- lho de Administração do Tecpar, Aldo Nelson Bona; o diretor-geral e secretário em exercício da Ciên- cia, Tecnologia e Ensino Superior, Luiz Cezar Kawano; o chefe da Casa Civil, Guto Silva; o controlador-ge- ral do Estado, Raul Siqueira; o dire- tor de Investimentos da Sanepar, Joel Macedo; o diretor-presidente da Adapar, Otamir Cesar Martins; o diretor-presidente da Agência Pa- raná de Desenvolvimento, José Eduardo Bekin; o diretor-presiden- te da Copel Comercialização, Frank- lin Kelly Miguel; e o presidente do BRDE, Wilson Bley Lipski. Paraná pode ter níveis de Primeiro Mundo em tecnologia e inovação ESTADO PARANANOTICIAS.COM.BR Comcam, 19 de Março de 2019 Página 03PARANÁPARANÁ Notícias
  6. 6. PARANÁ Notícias Página 04 Comcam, 19 de Março de 2019 CIDADES PARANANOTICIAS.COM.BR Comemoração do Dia da Mulher Ranchoalegrense No último dia 07, foi realizado um evento de muito sucesso que já é tradição no município de Rancho Alegre D’Oeste, a “Co- memoração do Dia da Mulher”. O evento realizado na Casa de Cultura, uma parceria entre os Departamentos da Assistência Social e Casa de Cultura. As 160 mulheres ranchoalegren- se que compareceram receberão prêmios, participaram de brinca- deiras e encerrou a noite festiva com um delicioso coquetel. A prefeita Suely Alves Pereira da Silva recebeu e fez uma linda homenagem as mulheres presen- tes, as mulheres funcionárias e as chefes de departamentos municipais. Os vereadores com- parecerão e participaram da entrega dos prêmios. Farmácia Santa Rita: “Dia da Mulher” com um saboroso café da manhã No último dia 08, sexta-feira, centenas de pessoas foram recep- cionadas na Farmácia Santa Rita de Rancho Alegre D’oeste para a comemoração do “Dia Internacio- nal da Mulher” – 08 de março. A homenagem já acontece a qua- tro anos seguidos e visa lembrar a importância da mulher na socieda- de e na família. “Essa homenagem é muita justa pois sabemos a importância das mulheres em todos os segmentos da sociedade e também dentro do seio familiar”, disse o empresário Gilberto Gasparello.
  7. 7. CIDADES PARANANOTICIAS.COM.BR Comcam, 19 de Março de 2019 Página 05PARANÁPARANÁ Notícias POLO CAMPO MOURÃO PR - Profº RAI - Rua Edmundo Mercer nº 1557 - Prédio anexo ao Master Pré Vestibular - Bairro Centro - Fone(44) 3523 3202 - (44) 99922 3202 - (44) 99902 8383 Watzap A prefeita licenciada de Farol, Angela Kraus e o prefeito em exer- cício, Natalício Saraiva, estiveram na sede da Cooperativa Unitá em Ubi- ratã. Com o objetivo em buscar va- gas de emprego para a população de Farol, os gestores que na oportuni- dade foram recebidos pelo Diretor Vice-presidente, Cavalini Carvalho e pelo Supervisor administrativo, An- derson Rodrigo, consideraram a vi- sita positiva. “Estamos confiantes com a possibilidade de suprir a demanda de emprego para os trabalhadores de Farol”, disse o prefeito em exercício Natal. Angela e Natal também pude- ram conhecer de perto a estrutura de uma das empresas que mais cres- cem na região. “Estaremos esperando o retor- no e iremos torcer para que tudo dê certo”, pontuou a prefeita licencia- da. No ano de 2011 a Copacol, Co- agru e Cooperflora, criaram a Coo- perativa Central Unitá, na cidade de Ubiratã. Em 2013, foi inaugurada a Unidade Industrial de Aves, voltado ao abate e processamento de carne de frango. A Unitá abate hoje, 230 mil aves por dia. A Cooperativa trabalha a todo vapor em dois turnos com uma pro- dução de aproximadamente 10 mil toneladas ao mês. A Unitá que gera 2,1 mil em- pregos diretos, processa e embala os seus produtos com a marca Copacol, para serem comercializados no Bra- sil e em mais de 40 países. Angela Kraus e Natalício Saraiva visitam a Cooperativa Unitá Angela e Natal também puderam conhecer de perto a estrutura de uma das empresas que mais crescem na região
  8. 8. PARANÁ Notícias Página 06 Comcam, 19 de Março de 2019 CIDADES PARANANOTICIAS.COM.BR Os materiais foram entregues aos alunos da Escola Casemiro de Abreu e do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei). A secretaria de educação informa que os materiais dos alunos do Cmei, ficarão na escola durante o ano letivo, já os materiais dos alunos da Casemiro de Abreu, ficarão com os alunos, que deverão levar os materiais diariamente para a escola. Prefeitura de Farol entrega material do Sistema Positivo para os alunos da rede municipal POLO CAMPO MOURÃO PR - Profº RAI - Rua Edmundo Mercer nº 1557 - Prédio anexo ao Master Pré Vestibular - Bairro Centro - Fone(44) 3523 3202 - (44) 99922 3202 - (44) 99902 8383 Watzap "Sem sombra de dúvidas a rede municipal de ensino de nossa cidade, que já oferece um bom ensino, com professores altamente qualificados só tem a ganhar", disse a prefeita licenciada, Angela Kraus. “Com certeza, essa etapa será muito importante para o aprendizado das nos- sas crianças", completou Angela. O Sistema de Ensino Aprende Brasil, atualmente está presente em 2.800 escolas públicas, colaborando com aproximadamente 480 mil alunos em mais de 230 municípios brasileiros. Na Comcam, apenas o município de Farol oferece a parceria com o Ensino Positivo, sendo o terceiro ano consecutivo a proporcionar a essa parceria totalizando um investimento de mais de 500 mil reais no total.
  9. 9. Notícias SAÚDE PARANANOTICIAS.COM.BR Comcam, 19 de Março de 2019 Página 07PARANÁ C. Mourão: aumenta procura por vacina contra meningite e Saúde repassa orientações As Unidades Básicas de Saúde de Campo Mourão têm registrado um aumento de pelo menos 50 por cento na procura por vacina contra a meningite. Nem todos os que procuram, porém, têm necessidade de tomar a dose, pois já estão com o esquema vacinal em dia. A Secretaria Municipal de Saúde lem- bra que a rede pública disponibiliza a vacina contra a Meningite tipo C. “As vacinas contra a Meningite C estão disponíveis para crianças de 0 a 4 anos e adolescentes de 11 a 14 anos que não estiverem imunizados”, explica o secretário municipal de Saúde, Sérgio Henrique dos Santos. Segundo ele, a exigência da atualização da vacinação para matrículas na rede pública de educação ajudou o município e imuni- zar a maior parte do público alvo. “Caso haja falta momentânea da vacina em alguma UBS em razão do aumento da procura, temos estoque em outras unidades”, reforça o secretário. Ele lembra que a vacina contra Meningite tipo B não é oferecida na rede pública. “O município não compra vacinas, todas são fornecidas pelo Ministério da Saúde. E contra a Meningite tipo B não é disponibilizada para nenhum municí- pio do país”, reforça. Ele disse ainda que não há mais ne- nhum caso de meningite no município. “As possíveis suspeitas foram todas descartadas”, afirma o secretário. Em relação ao caso de óbito ocorrido no município ele explica que foram bem sucedidos os procedimentos de blo- queio com a medicação das pessoas que tiveram contato com a paciente. “Foi um caso atípico e isolado, que infeliz- mente vitimou uma pessoa, mas todas as providências e protocolos que o caso requer foram adotados”, completou. Com o número de casos de dengue em Campo Mourão chegando ao total de 24 pessoas, o Comitê Gestor de Combate a Dengue pede que a população redobre seus cuidados, para a redução dos focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue. Os novos casos surgiram no Jardim Paulista e no Conjunto Cohapar. Des- tes, 20 foram contraídos dentro do próprio município e quatro foram importados. Assim, pede-se, definitivamente, que a população entenda a gravidade da situação e façam a sua parte, eliminando os recipientes de água parada. Desde a semana passada a Secretaria Municipal da Saúde, por meio do Setor de Ende- mias, vem trabalhando com o a aplicação do Ultra Volume Baixo (UBV), o popular "fumacê" acoplado em uma caminhonete em bairros que apresentam maior incidência de casos de den- gue, como os Jardins Flora, Albuquerque, Izabel, Nossa Senhora Aparecida, Alvorada e Santa Nilce, áreas onde estavam concentrados a maioria dos casos de dengue registrados neste ano de 2019. Nos dias da passagem do "fumacê", Carlos Bezerra, responsável pelo Setor de Endemias, orienta os moradores para que fiquem atentos, abrindo janelas e portas, mantendo abertas após a dedetização. "Animais domésticos, principal- mente pássaros, devem ficar protegidos contra o produto dentro de casa também por este período de duas horas (sendo cobertas as gaiolas). Os bebedouros de animais e aves também devem ser colocados de boca para baixo e serem lavados antes de voltarem ao seu lugar. As pesso- as com problemas alérgicos, respiratórios, em situação de saúde precárias, crianças, idosos e gestantes também devem ser protegidos durante a aplicação do produto", destaca. O horário da passagem normal geralmente é das 16 até as 21 horas (tarde/noite) e das seis as 10 horas (manhã), quando há condição climá- tica adequada. Comitê Gestor pede mais cuidado no Combate à Dengue
  10. 10. Página 08 Comcam, 19 de Março de 2019 REGIÃO PARANANOTICIAS.COM.BR PARANÁ Notícias Município de Campo Mourão fMunicípio de Campo Mourão fMunicípio de Campo Mourão fMunicípio de Campo Mourão fMunicípio de Campo Mourão fececececechou 2018hou 2018hou 2018hou 2018hou 2018 com déficit de R$ 4,5 Milhõescom déficit de R$ 4,5 Milhõescom déficit de R$ 4,5 Milhõescom déficit de R$ 4,5 Milhõescom déficit de R$ 4,5 Milhões Campo Mourão fechou o ano de 2018 com um superávit de R$ 17 milhões. Entretanto, quando incluí- das as transferências para fundações, Previdência Municipal, Câmara de Vereadores e pagamento de dívidas do exercício anterior o balanço apre- senta um déficit de R$ 4,5 milhões. Os números foram apresenta- dos nesta quarta-feira (27) pelo se- cretário municipal de Fazenda, Al- decir Roberto da Silva, em audiên- cia pública na Câmara de Vereado- res. “Do ponto de vista orçamen- tário tivemos uma receita inferior ao que havíamos previsto, mas procu- ramos equilibrar isso durante o ano para deixar as contas em dia. O ano de 2016 fechou com déficit de R$ 13,5 milhões e de lá para cá a admi- nistração municipal vem trabalhan- do para reduzir e conseguimos fe- char com pouco mais de R$ 4 mi- lhões. Este ano esperamos equili- brar as receitas e despesas em re- lação as fontes de recursos livres”, analisou o secretário. Dos R$ 329,5 milhões da re- ceita, a maior fonte de recursos veio das transferências da União (R$ 101,6 milhões). As receitas próprias do mu- nicípio somaram R$ 57,2 milhões, en- quanto as transferências do governo do Estado, R$ 52,4 milhões. A despesa total do exercício de 2018 foi de R$ 311,8 milhões (valor orça- mentário empenhado). Somando as transferências para a Câmara de Ve- readores e Previscam, o valor chega a R$ 330,7 milhões. Neste montante destacam-se as despesas com pesso- al no valor de R$ 143,9 milhões e despesas com manutenção, materiais e serviços de R$ 123,3 milhões. A prestação de contas ao Po- der Legislativo é exigida pela Lei de Responsabilidade Fiscal a cada qua- drimestre. Participaramdaaudiência,opre- sidente da Câmara, Olivino Custódio e os vereadores Sidnei Jardim, Elvira Schen, Edilson Martins, Sidnei Tuca- no e Cabo Cruz. O relatório demonstrativo das metas fiscais do município estão publi- cadas na página do município na inter- net: campomourao.atende.net. Com um grande público e o jogo da Seleção Brasileira de Mas- ters contra um time de atletas vete- ranos da região, a cidade de Ubiratã abriu no domingo (10), no estádio municipal Valderi Claudino da Silva, a 2ª edição da Copa Comcam/Sicre- di de Futebol. A Seleção venceu o time regional por 5 a 3. A abertura da Copa foi realizada às 15 horas, reunindo vários prefeitos e secretários de Esportes da região. Já o jogo dos craques, teve início às 16 horas. A renda arrecadada com o evento será revertida em prol de entidades assistenciais do município. Durante a abertura, os muni- cípios participantes entraram no es- tádio com as bandeiras da cidade para se apresentarem. Diferente de 2018, este ano a Copa não teve ne- nhumjogoentreostimesparticipan- tes do campeonato na abertura. Os confrontos da 1ª rodada iniciam so- mente no próximo dia 17 (domingo) com os seguintes duelos: Ubiratã x Terra Boa (em Ubiratã); Campo Mourão x Peabiru (em Campo Mou- rão); Barbosa Ferraz x Corumbataí do Sul (em Barbosa Ferraz); Araru- na x Roncador (em Araruna); Mam- borê x Farol (em Mamborê); e Luizi- ana x Rancho Alegre d’Oeste (em Lu- iziana). O presidente da Comunidade dos Municípios da Região de Cam- po Mourão (Comcam), Edenilson Miliossi, prefeito de Barbosa Ferraz, destacou durante a abertura da Copa a união dos prefeitos da re- gião em torno do evento. “Quero agradecer os patrocinadores, o Si- credi e a empresa Viação Garcia. A Copa Comcam/Sicredi é uma maravilha para toda a Com- cam. Ano passado foi um sucesso e este ano será ainda maior. Além de integrar os municípios valoriza a prática desportiva em toda a região evalorizaoatletadomunicípio,tan- to que o regulamento permite ape- nas dois atletas de fora da cidade, mas que sejam de dentro da Com- cam”, disse, ao observar que além de integrar a cidades da região, a Copa une também as famílias que vão aos estádios para assistirem aos jogos.“Tantoquenaaberturavimos muitas crianças e até mesmo pes- soas idosas. Isso faz o evento valer à pena, une as famílias”, disse. O prefeito anfitrião, Haroldo Duarte, elogiou a organização da Copa Comcam/Sicredi e também destacou que o evento integra os municípios da região. “É um prazer muito grande fazer parte da Com- cam e em especial deste campeo- nato, que valoriza realmente o atle- ta da região. Estamos muitos feli- zes de sediar a abertura deste gran- dioso evento esportivo. A população compareceu em massa porque se tratou também de um evento social em que arrecada- mos fundos para entidades assisten- ciais”, falou ao se referir ao jogo da Seleção Brasileira. Duarte, que teve o município campeão na 1ª Copa, dis- se que as expectativas para este ano são positivas. “Esperamos que se não ganhar que pelo menos façamos um bom campeonato e que os nossos atletas se confraternizem. Esta Copa é para o povo da Comcam porque gera entretenimen- to e une todos”, falou, ao acrescen- tar que o esporte é importante para formação do cidadão. “Ubiratã tem vários projetos que inserem crianças em várias modalidades esportivas. Temos vários atletas que se desta- cam na região”, frisou. Ao todo, 14 municípios estão participando este ano da competi- ção, como Campo Mourão; Ubiratã; Peabiru; Moreira Sales; Terra Boa; Araruna; Goioerê; Corumbataí do Sul; Barbosa Ferraz; Roncador; Farol; Luiziana; Rancho Alegre d’Oeste; e Mamborê. A Copa terá uma premia- ção total de R$ 21 mil. A premiação será do primeiro ao quarto lugar, além de artilheiro, goleiro menos vazado, e técnico campeão. Com grande público e jogo da Seleção Brasileira de Masters, Ubiratã abre a 2ª Copa Comcam/Sicredi A renda arrecadada com o evento será revertida em prol de entidades assistenciais do município
  11. 11. Notícias GENTE PARANANOTICIAS.COM.BR Comcam, 19 de Março de 2019 Página 09PARANÁ Sociedade Notícias Mês de fevereiro, foi um mês especial para a familia Macedo, o pequeno Bernardo completou 2 aninhos - R. Alegre D’oeste De Goioerê vem o click de Robertinho Rosa curtindo um final de semana, com suas jóias Depois de uma temporada fazendo a obra de Deus na Europa e Africa, o jovem conferencista Ruminingue Queiroz, voltou a Luiziana, sua cidade natal
  12. 12. MEMÓRIAVIVA Página 10 Comcam, 19 de Março de 2019 VARIEDADES 2 PARANANOTICIAS.COM.BR PARANÁ Notícias Foto histórica - Praça Getúlio Vargas e Rodoviária - 1968. (Fonte: Museu de Campo Mourão) Av. Capitão Índio Bandeira. Início da década de 1970 Registro histórico: Estragos feitos pela Chuva de Granizo na propri- edade da Madeireira da Família Trombini, em 1971. Atualmente loca- lização do Edifício do Paraná Supermercados Centro A história do berrante e da cultura berranteira O berrante faz parte da cultura brasileira. Usado para conduzir o re- banho no posto durante o pastoreio, esse instrumento representa o fol- clore e uma parte da memória sertaneja. Hoje vamos mostrar para vocês um pouco da história do berrante e sua importância para o País Para compreender a histó- ria do berrante, vamos começar falando do tropeirismo. Os tro- peiros eram comerciantes na época no Brasil Colônia (1500- 1822) que transitavam nas regi- ões hoje conhecidas como Mato Grosso, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Paraná e Minas Gerais. O trabalho deles consiste no comércio de animais, principal- mente, mulas e cavalos. Os cami- nhos que eles tinham que passar eram feitos de matas fechadas e outrosobstáculosnaturaisquedi- ficultavam a caminhada. O ber- rante servia como facilitador da organização dos animais. A músi- ca criada a partir dele também era uma forma de distração. Como nessa época, todos que não moravam no litoral eram chamados de sertanejos, o ber- rante ficou associado a essa cul- tura. Nos dias de hoje, esse ter- mo se refere ao interior do Nor- deste, onde os moradores são co- nhecidos pela resistência e força. Em algumas regiões do Brasil, o berrante pode ser chamado de binga, guampo ou buzina. Os primeiros berrantes No início da produção dos berrantes, o instrumento era fei- to a partir do chifre do boi do pe- dreiro, uma antiga raça cujos chi- fres podiam chegar até a 1,50m de comprimento. Mais tarde sur- giram os berrantes com anéis de prata. Características e como funciona a produção Se você não convive com a cultura sertaneja ou country, pro- vavelmente, já viu um berrante em alguma viagem ou mesmo na televisão. Se o berranteiro tocar o ins- trumento corretamente, ele pode ser ouvido até a 3Km de distân- cia quando se está no silêncio. Para chegar à perfeição, a produ- ção começa com a escolha do chi- fre correto. Isso significa que ele deve ter uma determinada curva- tura e não ser muito fino. Aprimeiraetapa consisteno corte, depois os chifres são amo- lecidos em água quente para que a moldagem se inicie e fique cer- ta. Já frios, os chifres são colados com uma cola especial feita a par- tir do pó do próprio chifre. Como ele é um instrumento de sopro, o encaixe de chifres deve ficar per- feito para que o som não vaze. As braçadeiras são usadas para reforçar as emendas. A pon- ta do chifre, chamada de bocal, é moldada em torno da ponta do chifre. Se essa ponta for mal fei- ta, o som sairá ruim.
  13. 13. CURIOSIDADES PARANANOTICIAS.COM.BR Comcam, 19 de Março de 2019 Página 11 PARANÁPARANÁ Notícias Como surgiu a Lei Maria da Penha Mês de março é o mês das mulheres, então é bom que sai- bamos de algumas conquistas que elas alcançaram nos últimos anos. Com certeza, você já deve ter ouvido falar sobre a Lei Ma- ria da Penha. A lei é considerada uma grande conquista na luta das mulheres já que tem como objetivo proteger a mulher da violência doméstica e familiar. O nome da lei, inclusive, foi dado por conta de uma mulher que sofreu com a violência domésti- ca por anos. O marido da mulher tentou assassiná-la por duas ve- zes. Maria da Penha se tornou símbolo da luta pelos direitos das mulheres e por isso a lei carrega seu nome. Mesmo tendo criado coragem e ido à luta, demorou muito para que seu agressor fos- se penalizado. Conheça um pou- co mais sobre a história dessa mulher e a luta pela criação da lei. Maria da Penha Maria da Penha se formou em Farmácia e Bioquímica em 1966. Foi durante o curso de pós- graduação que ela conheceu o homem que mais tarde se torna- ria seu marido e pai dos seus fi- lhos, Marco Viveros. O homem era muito simpático, um bom marido no início do casamento, mas as coisas começaram a mu- dar quando ela deu à luz a segun- da filha do casal. O início das agressões co- incidiu também com o término do processo de naturalização do homem que é natural da Colôm- bia. Foi nessa mesma época tam- bém que o homem começou a ter êxito profissional. O homem en- tão começou a agredi-la com fre- quência. As filhas do casal tam- bém sofreram agressões e as coi- sas só não ficaram piores porque Maria mandou as filhas para mo- rar com os avós. Longe do pai, elas puderam receber amor e vi- ver em paz. Mas Maria continuou em casa, onde a situação chegou aos extremos. Em 1983, Maria levou um tiro a queima-roupa nas cos- tas do próprio marido. Depois disso, foram vários dias interna- da, se recuperando. Em decor- rência do tiro, a mulher acabou ficando paraplégica. Para a polí- cia e para a Maria, o marido dis- se que o tiro tinha sido dispara- do por bandidos que haviam in- vadido a casa. Depois que voltou para a casa, Maria da Penha sofreu ou- tra tentativa de assassinato. Des- sa vez, o marido tentará eletro- cutá-la, sem teatro e nem nada do tipo. A mulher só sobreviveu porque conseguiu se agarrar à parede do box e gritar, uma fun- cionária que trabalhava na casa então correu para ajudá-la. Foi depois disso que Maria criou co- ragem e denunciou o marido. Lei Maria da Penha Não pense que foi rápido para que a Lei fosse criada. Na verdade, foi muito difícil. A de- fesa do agressor alegava irregu- laridades no processo e por isso, o criminoso continuou em liber- dade por um longo período. A sentença só saiu em 1991, mas foi apenas em 1996 que ele vol- tou a ser julgado e condenado, mas ainda assim se manteve em liberdade. Consternada com a falta de resposta da justiça brasileira, a mulher decidiu escrever um li- vro em que narrava seu drama. O livro foi parar nas mãos de de- fensores dos direitos humanos e foi então que decidiram denun- ciar o descaso da justiça brasi- leira à Comissão Interamerica- na de Direitos Humanos, em Wa- shington. O Brasil, no entanto, ignorou os pedidos de esclareci- mento. Foi então que a Comis- são decidiu fazer uma condena- ção pública sobre o silenciamen- to ante a agressão contra mulhe- res. Foi só depois disso que o governo começou a se movimen- tar para criar uma lei que conde- nasse crimes contra as mulheres. Organizações feministas ajuda- ram na redação do projeto de lei que foi aprovado em 2006. Foi também depois da pres- são internacional que o marido de Maria da Penha foi finalmen- te preso, em 2002, passados 19 anos das tentativas de assassina- to contra a própria esposa. (Fatosdesconhecidos.com.br)
  14. 14. PARANÁ Notícias Página 12 Comcam, 19 de Março de 2019 DIVULGAÇÃO PARANANOTICIAS.COM.BR
  15. 15. VARIEDADES PARANANOTICIAS.COM.BR Comcam, 19 de Março de 2019 Página 13PARANÁPARANÁ Notícias IIIIISOSED inaugurSOSED inaugurSOSED inaugurSOSED inaugurSOSED inaugura mais um pra mais um pra mais um pra mais um pra mais um projetoojetoojetoojetoojeto OlharOlharOlharOlharOlhar CristãoCristãoCristãoCristãoCristão O ato foi oficializado quando o bispo Amorim descerrou a fita e a placa constando o nome dos diretores locais e do presidente mundial do Ministério Só o Senhor é Deus A igreja Só o Senhor é Deus (ISOSED), que tem sua sede mun- dial na cidade de Maringá, sob a presidência do bispo Darcy Amo- rim, inaugurou no dia 13 de feve- reiro o Projeto Renovação, “Centro de Formação e Tratamento para Dependentes Químicos”. Projeto presidido pelo pastor Sidney Farago, na cidade de Cam- po Mourão, que tem a regional da ISOSED sob a liderança do pastor Joaquim Alves Pereira, um dos membros da diretoria do referido projeto. O ato foi oficializado quando o bispo Amorim descerrou a fita e a placa constando o nome dos di- retores locais e do presidente mun- dial. O evento contou também com a presença do vice-prefeito de Campo Mourão Beto Voidelo, que ao discursar ficou emocionado e deixou claro quando a parceria da prefeitura entendendo que a cau- sa além de nobre traz a sociedade como um todo segurança e espe- rança. “Esse projeto nasceu no co- ração de Deus e nos contaminou, em especial ao nosso bispo, que além de investir confia que minha experiência de quase três décadas, na lida com a dependência quími- ca pode realizar o que humana- mente for necessário, e que no mais Deus sonha conosco”. Agradeço aos meus filhos, minha esposa pastora Marla por contribuir não só como membro da diretoria, mais como parceira em todos os momentos”. Ressaltou o pastor Sidney Farago.

×