Da Vinci

1.282 visualizações

Publicada em

O futuro da medicina

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.282
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
957
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Breve histórico do hospital em questão(será pesquisado pelo Pedro)
    Eu vim aqui para perguntar para vocês como vocês projetam este hospital em 10 anos. Onde vocês imaginam estar? Que tipo de hospital querem ser? Qual área de abrangência?
    O que eu venho aqui oferecer hoje é uma idéia que pode mudar o destino do hospital, rumo ao que talvez seja hoje inimaginável para vocês.
  • Essa cena nós conhecemos bem, é uma cena do nosso cotidiano no hospital.
    Opa, talvez o que chame a atenção aqui seja essa nova tecnologia...
    Fala sobre o Robô Da Vinci
    Brevemente sobre os atributos
    Como foi criado – operação à distância (no espaço e em guerras)
  • Mas por que ter essa tecnologia no hospital é um caminho sem volta?
    Quem pode dizer isso com mais propriedade é quem já conta com o Da Vinci no dia-a-dia.Com a palavra, alguns dos mais renomados médicos norte-americanos.
  • Mas, ainda mais importante do que a tecnologia são os benefícios que ela traz aos outros públicos que vemos aqui...
    Fala sobre o médico
    Como a robótica influencia na forma dele operar
    Precisão a serviço do médico – sai o diferencial das mãos, da execução, vai para a inteligência
    Complementa as habilidades e valoriza o corpo médico do hospital – pode usar trecho do vídeo
    Mantém a humanidade, mas a precisão é robótica
    Fala sobre o paciente
    Tem um pós-operatório mais rápido, sente menos dor, menos sangramento, sai mais cedo do hospital, tem menos risco de infecção hospitalar
    Ou seja...
  • ...uma MELHOR QUALIDADE DE VIDA, que ele vai compartilhar com outros pacientes, atraindo mais pessoas ao hospital
    E, se o paciente está feliz, o médico e o hospital também estão
    Afinal, quanto menos tempo os pacientes usam o leito para se recuperar, maior a disponibilidade de leitos, maior o índice de turnover de pacientes, maior produtividade
  • Tudo isso é muito interessante, mas a pergunta que todos aqui devem estar se fazendo é
    (aparece a cena novamente, com um ponto de interrogação quanto ao local)
    Onde isso acontece? Nos EUA, na Europa, em SP?
    Quando isso acontece? Daqui a 5, 10 anos? Quando no Brasil a perspectiva é de haver até 20 robôs?
    Então... o nosso objetivo hoje é encontrar essas respostas. Porque acredito que esta cena deveria estar acontecendo AGORA e AQUI, e mudar o rumo da sua história.
  • (A VIABILIZAÇÃO DO SONHO – OBJETIVO: GERAR ENTENDIMENTO DE COMO VIABILIZAR O PROJETO )
    E então vocês devem estar perguntando. Mas, Pedro, como vamos fazer isso? Os custos são muito altos, é inviável para o nosso hospital.
    Bem, eu vim para mostrar que é viável. A única coisa que eu preciso é que vocês comprem esta ideia comigo e se coloquem naquele ponto de interrogação lá do início, confirmando que isso vai acontecer NESTE HOSPITAL.
  • Então, a continuação do projeto prevê uma parceria com a INICIATIVA PRIVADA e o governo DO ESTADO, onde cada um entra com um terço do custo do robô e cada um teria seus benefícios.
  • E que tipo de investimentos o hospital faria com este valor?
    Posso confirmar que o custo é menor do que o que gastam em uma reforma do pronto-socorro ou a compra de 2 tomógrafos, investimentos básicos em hotelaria ou centro cirúrgico.
    Isso muda o rumo do hospital? Não. Isso é simplesmente “não ficar pra trás”
  • Com um investimento similar, o DaVinci muda o rumo do seu hospital e o transporta para a frente do seu tempo, assim como o próprio Da Vinci fazia.
  • O que o hospital ganha?
    - Ser hospital de referência NACIONAL – quarto do Brasil a ter a tecnologia, primeiro fora do estado de SP
    Investimento com ganho de longo prazo – aumento do número de leitos, produtividade
    Visibilidade – marketing e mídia espontânea - case Da Vinci no BR (Especificar aqui o valor em mídia espontânea, que será quantificado pela Burson-Marsteler, assessoria de imprensa especializada na área da saúde) e perspectiva de onde pode ser veiculada e quanto de retorno de mídia espontânea (centimetragem) – aqui por ser SC irá gerar mais mídia ainda – isso tem um custo específico de oportunidade
    PRODUTIVIDADE
  • O que o governo ganha:
    - Primeiro estado DO MUNDO a oferecer cirurgia robótica pelo SUS
    - Cota de pacientes por mês que podem ser operados na tecnologia
    - Visibilidade – marketing e mídia espontânea - case Da Vinci no BR e perspectiva de onde pode ser veiculada e quanto de retorno de mídia espontânea (centimetragem) – lá gera mais mídia ainda
  • O que a iniciativa privada ganha:
    - Doação – Incentivos fiscais: 30% da doação sai do IR
    - Visibilidade – marketing e mídia espontânea - case Da Vinci no BR e perspectiva de onde pode ser veiculada e quanto de retorno de mídia espontânea (centimetragem) – lá gera mais mídia ainda
  • Lembram a cena que vimos no início da apresentação?
    É essa cena que pode estar nas capas de jornais, revistas, TV, sites...
    (mostra a cena indo para várias mídias)
    Mas não basta projetar os retornos que você terá lá na frente em visibilidade.
    Para entender isso, o melhor é assistir como quem aderiu à essa tecnologia explorou o reconhecimento.
  • Para entender isso, o melhor é assistir como quem aderiu a essa tecnologia explorou o reconhecimento.
    Os vídeos que o cliente acha que deveriam estar aqui são:
    1 depoimento de paciente
    1 depoimento de médico
    Aquele vídeo do hospital que ganhou um robô como doação e depois comprou mais 3
    O vídeo do origami
    http://www.youtube.com/watch?v=pxInFn047js
  • Acho que o que vimos aqui não deixa muitas dúvidas quanto a qual seria o melhor rumo a ser tomado...
    SEJA O FUTURO DA MEDICINA. AGORA.
  • Da Vinci

    1. 1. ONDE VOCÊS SE IMAGINAM... ... EM 10 ANOS ?
    2. 2. 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 SEM VOLTA... É UM CAMINHO
    3. 3. 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 SEM VOLTA... É UM CAMINHO Por que é um caminho sem volta?
    4. 4. Melhores resultados Recuperação mais rápida Retorno precoce às atividades Segurança DO PACIENTE VANTAGENS Precisão robótica a serviço do paciente Valorização do corpo médico Diferencial Profissional DO MÉDICO VANTAGENS
    5. 5. Feedback positivo para o hospital Qualidade de vida para o paciente Qualidade percebida e fidelização de clientes
    6. 6. Onde? Quando? AQUI... AGORA
    7. 7. A VIABILIZAÇÃO DO SONHO
    8. 8. Parceria hospital Iniciativa privada Governo do estado VIÁVEL COMO?
    9. 9. Que tipo de investimento o hospital faria com este valor? Isso muda o rumo do Hospital? Reforma do Pronto-Socorro Centro cirúrgico Tomógrafos Hotelaria NÃO
    10. 10. Com investimento similar, o FUTURO PODE ACONTECER NO PRESENTE
    11. 11. Modelo ganha- ganha-ganha BENEFÍCIOS
    12. 12. Visibilidade Ser referência nacional Marketing e mídia espontânea Produtividade O QUE O HOSPITAL GANHA? Valorização da imagem
    13. 13. Único Estado do país com cirurgia robótica pelo SUS Marketing e mídia espontânea Visibilidade O QUE O GOVERNO GANHA?
    14. 14. Marketing Ganho de imagem Incentivos fiscais Balanço Social e Governança corporativa O QUE A INICIATIVA PRIVADA GANHA?
    15. 15. SEJA O FUTURO DA MEDICINA.
    16. 16. Realização Pedro de Abreu Trauczynski

    ×