Universidade Federal de Itajubá CURSO : Design Instrucional para EAD Virtual <ul><li>A Afetividade no Relacionamento Virtu...
A afetividade no contexto social e educacional No contexto social macro: a afetividade, expressa em diferentes formas :  c...
<ul><li>contexto educacional: formal ou informal </li></ul><ul><li>as interações  podem ser afetivamente formais  </li></u...
A afetividade nas relações interpessoais <ul><li>sempre condicionada ao contexto  sócio- cultural, </li></ul><ul><li>condi...
A afetividade na comunicação/interação em uma sala de aula virtual <ul><li>Dois contextos: </li></ul><ul><li>1- Espaço ape...
<ul><li>2- Espaço para troca/aprendizagem informal ( cafezinho, chats, fóruns informais)  </li></ul><ul><li>troca de infor...
Dificuldades para promover a afetividade em uma sala de aula virtual <ul><li>Elementos dificultadores : </li></ul><ul><li>...
Comportamento afetivo <ul><li>O aspecto afetivo tem uma profunda influência sobre o desenvolvimento intelectual.  </li></u...
Relação entre Afeto, Cognição e Inteligência   <ul><li>. Afeto e cognição : aspectos  inseparáveis,  </li></ul><ul><li>pre...
Reflexão e análise das relações afetivas na sala de aula virtual  <ul><li>A afetividade, nesse contexto, é essencial  para...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Afetividade Relacionamento Virtual

4.060 visualizações

Publicada em

Trabalho Curso DI-UNIFEI

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.060
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
34
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Afetividade Relacionamento Virtual

  1. 1. Universidade Federal de Itajubá CURSO : Design Instrucional para EAD Virtual <ul><li>A Afetividade no Relacionamento Virtual </li></ul><ul><li>Equipe 4 </li></ul><ul><li> Claudia Maria Barbosa Cabette </li></ul><ul><li>Hellen Cristine Pereira Carvalho Mattos </li></ul><ul><li>Maria de Fátima Franco  </li></ul><ul><li>Roseli Detoni Fontes  </li></ul><ul><li>Vaneza Fineza de Oliveira Guerra </li></ul><ul><li>Fevereiro /2007 </li></ul>
  2. 2. A afetividade no contexto social e educacional No contexto social macro: a afetividade, expressa em diferentes formas : como a gentileza torna as relações sociais produtivas
  3. 3. <ul><li>contexto educacional: formal ou informal </li></ul><ul><li>as interações podem ser afetivamente formais </li></ul><ul><li>conduzir a um processo de afetividade mais próximo, informal </li></ul><ul><li>na afetividade formal ou informal, o contexto educacional se beneficia: </li></ul><ul><li>as interações possibilitam maiores trocas/aprendizagem na relação com o outro . </li></ul>
  4. 4. A afetividade nas relações interpessoais <ul><li>sempre condicionada ao contexto sócio- cultural, </li></ul><ul><li>condicionada à convivência, às trocas. </li></ul>
  5. 5. A afetividade na comunicação/interação em uma sala de aula virtual <ul><li>Dois contextos: </li></ul><ul><li>1- Espaço apenas para aprendizagem formal: </li></ul><ul><li>a afetividade limita-se ao uso de gentilezas, do uso da linguagem formal na troca de informações sobre conteúdo entre os alunos. </li></ul><ul><li>Não se pode definir este tipo de troca como afetividade. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>2- Espaço para troca/aprendizagem informal ( cafezinho, chats, fóruns informais) </li></ul><ul><li>troca de informações sobre si, ou sobre diferentes temas, entre os participantes, </li></ul><ul><li>o surgimento da noção de grupo e, consequentemente,o desenvolvimento da afetividade ocorre com maior freqüência. </li></ul>
  7. 7. Dificuldades para promover a afetividade em uma sala de aula virtual <ul><li>Elementos dificultadores : </li></ul><ul><li>assuntos não interessantes ou relevantes; </li></ul><ul><li>distância formador/ aprendente; </li></ul><ul><li>avaliação apenas quantitativa; </li></ul><ul><li>linguagem inadequada; </li></ul><ul><li>nível insatisfatório de vínculo afetivo </li></ul>
  8. 8. Comportamento afetivo <ul><li>O aspecto afetivo tem uma profunda influência sobre o desenvolvimento intelectual. </li></ul><ul><li>pode acelerar ou diminuir o ritmo de desenvolvimento. </li></ul><ul><li>pode determinar sobre que conteúdos a atividade intelectual se concentrará. </li></ul>
  9. 9. Relação entre Afeto, Cognição e Inteligência <ul><li>. Afeto e cognição : aspectos inseparáveis, </li></ul><ul><li>presentes em quaisquer atividades, embora em proporções variáveis. </li></ul><ul><li>A afetividade e a inteligência se estruturam nas ações dos indivíduos. </li></ul>
  10. 10. Reflexão e análise das relações afetivas na sala de aula virtual <ul><li>A afetividade, nesse contexto, é essencial para que haja motivação por parte dos alunos; </li></ul><ul><li>há preocupação dos professores, tutores e formadores com a linguagem utilizada: clara, objetiva e até mesmo de forma coloquial. </li></ul>

×