011878 marx

552 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
552
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

011878 marx

  1. 1. KARL MARX (1818-1883) E A CRÍTICA DA SOCIEDADE CAPITALISTA Aluna: Ludmila Tananá Miranda de Ávila
  2. 2. A expressão “marxismo” designa um amplo movimento político e de idéias que se estende por diversas áreas do saber: (Filosofia, Sociologia, Política, História, Economia, etc)
  3. 3. Quando se fala em “marxismo”, logo se remete a uma atividade militante, política. Diferente da teoria de outros clássicos da sociologia. As teorias de Marx (e Engels) ocupam vários espaços, desde a academia à cotidianidade de movimentos sociais e partidos políticos.
  4. 4. As idéias de Marx são tão importantes que não é exagero dizer que durante boa parte do século XX a sociologia se dividiu entre afirmar ou negar a sua teoria.
  5. 5. A intenção de Marx não era contribuir para o densenvolvimento da ciência em si, mas de propor uma ampla transformação política, econômica e social via revolução. Tanto é assim que ele escreve, não para acadêmicos e cientistas, mas para trabalhadores. Isso facilitou a inserção do marxismo em círculos operários e populares.
  6. 6. AS ORIGENS DO PENSAMENTO MARXISTA Da filosofia hegeliana (Georg Hegel - 1770-1831) Marx absorveu a percepção de que a história não é um movimento linear ascendente, nem o resultado da ação voluntariosa e consciente dos heróis envolvidos.
  7. 7. Marx também se inspirou na crítica à sociedade burguesa feita pelos socialistas utópicos ingleses e franceses, como Charles Fourier (1772-1837), Robert Owen (1771-1858) e Saint-Simon (1760-1825).
  8. 8. Marx admirava o pioneirismo da crítica ao capitalismo feito por eles, porém condenava o caráter utópico das suas práticas e a ausência de um sujeito político histórico para a transformação social.
  9. 9. Marx também fez uma leitura crítica das obras de economia política clássica inglesa, notadamente Adam Smith e David Ricardo, reelaborando a partir delas, conceitos importantes como mercadoria , valor-trabalho , modo de produção etc.
  10. 10. Em síntese, as três grandes fontes do pensamento marxista: 1-Filosofia clássica alemã; 2-Socialismo utópico; 3-Economia política clássica inglesa.
  11. 11. Portanto, a chave para compreender a história e o funcionamento da sociedade, pensava Marx, estaria na produção . O modo como os homens se relacionam socialmente no processo produtivo determina o tipo de sociedade que existirá.
  12. 12. Para viver os homens precisam transformar a natureza, comer, construir, etc; sendo assim, o estudo de qualquer sociedade deve partir das relações sociais que os homens estabelecem entre si para utilizar os meios de produção e transformar a natureza.
  13. 13. Fim

×