Aula sobre magnetismo 9° ano cssa

4.214 visualizações

Publicada em

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.214
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
865
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
100
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula sobre magnetismo 9° ano cssa

  1. 1. Professor : Waldir Montenegro Salesiano Santo Antônio
  2. 2. Na Grécia antiga (séc. VI a.C.) em uma região chamada Magnésia observou-se a existência de uma pedra de comportamento estranho, pois foi observado que elas tem a propriedade de atrair materiais como o ferro, hoje sabemos que esta pedra é a magnetita (oxido de ferro Fe3O4) , nesta época, referida, a pedra tomou o nome de imã, e o estudo dos imãs chamasse magnetismo.
  3. 3. Para os imãs foram observados três fatos importantes, primeiro a capacidade de atrair objetos de ferro, segundo a capacidade de transmitir esta capacidade para os objetos de ferro, e terceiro que esta capacidade está concentrada principalmente nas regiões extremas do imã. Essas regiões extremas foram chamadas de pólos devido à interação do imã com a posição da Terra. Assim
  4. 4. Foi essa característica que possibilitou a construção da bússola que foi tão importante para as navegações
  5. 5. Inicialmente pesquisadores resolveram quebrar um imã ao meio para separar os pólos assim logo perceberam que ao quebrar um imã os pólos iniciais se conservam e no local onde foi quebrado se forma um pólo oposto a esse, isso infinitas vezes, se necessário.
  6. 6. Para o campo terrestre vale imaginar que dentro da Terra existe um gigantesco imã, o pólo norte da Terra é o pólo sul magnético e o pólo sul o norte magnético. Sendo que os pólos magnéticos estão deslocados cerca de 11º a partir do eixo de rotação da Terra.
  7. 7. Ao manusear dois ímãs percebemos claramente que existem duas formas de colocá-los para que estes sejam repelidos e duas formas para que sejam atraídos. Isto se deve ao fato de que pólos com mesmo nome se repelem, mas pólos com nomes diferentes se atraem, ou seja:
  8. 8. Esta propriedade nos leva a concluir que os pólos norte e sul geográficos não coincidem com os pólos norte e sul magnéticos. Na verdade eles se encontram em pontos praticamente opostos, como mostra a figura abaixo:
  9. 9. A inclinação dos eixos magnéticos em relação aos eixos geográficos é de aproximadamente 191 , fazendo com os seus pólos sejam praticamente invertidos em relação aos pólos geográficos.
  10. 10. É a região próxima a um ímã que influencia outros ímãs ou materiais ferromagnéticos e paramagnéticos, como cobalto e ferro. Compare campo magnético com campo gravitacional ou campo elétrico e verá que todos estes tem as características equivalentes.
  11. 11. Também é possível definir um vetor que descreva este campo, chamado vetor indução magnética e simbolizado por β. Se pudermos colocar uma pequena bússola em um ponto sob ação do campo o vetor β terá direção da reta em que a agulha se alinha e sentido para onde aponta o pólo norte magnético da agulha. Se pudermos traçar todos os pontos onde há um vetor indução magnética associado veremos linhas que são chamadas linhas de indução do campo magnético. estas são orientados do pólo norte em direção ao sul, e em cada ponto o vetor β tangencia estas linhas.

×