SlideShare uma empresa Scribd logo
 
 
[object Object],Esquerda - roupa interior Centro - roupa de dia Direita - roupa de noite
[object Object],[object Object],[object Object],Esquerda - roupa interior Centro - roupa de noite Direita - roupa de dia
[object Object]
[object Object],[object Object],Esquerda - roupa de dia Centro - roupa de noite Direita - roupa interior
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
A mulher sensual era aquela sem curvas e seios pequenos.  A atenção estava toda voltada para os tornozelos.  Jacques Doucet, estilista francês, subiu as saias ao ponto de mostrar as ligas rendadas das mulheres- um verdadeiro escândalo aos mais conservadores.
[object Object]
 
 
 
 
[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],Esquerda - roupa de noite Centro - roupa interior Direita - roupa de dia
A Moda de 1930 relaciona-se com dois grandes eventos do período: a Grande Depressão e a Segunda Guerra Mundial. Uma forte característica da moda da época é a atenção aos ombros, com mangas de “borboleta”. Além disso, os ombros, tanto na moda feminina quanto masculina, eram exageradamente aumentados graças às “ombreiras”. É no período que se começa a utilizar fibras sintéticas para a confecção de tecidos, especialmente a viscose e o nylon. Os zíperes passaram a ser usados extensamente.
 
[object Object],Esquerda - roupa de dia Centro - roupa de noite Direita - roupa interior
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
Coleção de sandálias e tamancos plataforma usados por Carmen nos Estados Unidos. Famosa pelas suas sandálias plataforma, Carmen revolucionou a moda quando, em 1930, passou a usá-las.
 
[object Object]
[object Object]
Os homens pareciam bons meninos com ombros estreitos e caídos, queixo  pequeno e sem barba. As cores das roupas eram também pálidas (branco, cinza-claro e creme). O colarinho alto desapareceu, os casacos eram mais curtos e as calças tinham a cintura alta. Também usavam calções na altura dos joelhos e boinas.  As roupas desportivas tornaram-se populares.
A moda masculina continua sóbria. Depois do "crash" da bolsa os fatos  masculinos tornaram-se mais escuros e pesados. As calças eram mais largas e os casacos com ombros mais altos, os sapatos eram pesados com solas grossas de borracha.  Para os homens, os estilos de calçados também começaram a  diferenciar-se, deixando as botas um pouco de lado.  Mais tarde o Surrealismo foi  uma fonte inspiradora para os criadores, provando que moda, arte e movimentos culturais podiam andar lado a lado.
[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],Trabalho por:  Adriana Sequeira N.º 1 Filipa Mariz N.º8

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Universo da Costura
Universo da CosturaUniverso da Costura
Universo da Costura
Nilzeth Gusmao
 
Materiais e Processos Têxteis
Materiais e Processos TêxteisMateriais e Processos Têxteis
Materiais e Processos Têxteis
José Carlos de Castro
 
Ovelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da Igreja
Ovelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da IgrejaOvelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da Igreja
Ovelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da Igreja
Geyvison Ludugerio
 
A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]
A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]
A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]
casrdo
 
Ovelhas
OvelhasOvelhas
Ovelhas
Rodolfo Silva
 
Fotos Que Valem a Pena Ver
Fotos Que Valem a Pena VerFotos Que Valem a Pena Ver
Fotos Que Valem a Pena Ver
Amadeu Wolff
 
Nomes pagão na biblia
Nomes pagão na bibliaNomes pagão na biblia
Nomes pagão na biblia
Efraim Ben Tzion
 
Deuses e deusas do antigo egito
Deuses e deusas do antigo egitoDeuses e deusas do antigo egito
Deuses e deusas do antigo egito
Fátima da História
 
Midia kit estilo man
Midia kit   estilo manMidia kit   estilo man
Midia kit estilo man
Murilo Grilo
 
Do falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de Courbet
Do falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de CourbetDo falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de Courbet
Do falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de Courbet
Mariana Festucci
 
Mulher origem
Mulher origemMulher origem
Mulher origem
Pelo Siro
 
Dia mulheres r fpdf
Dia mulheres r fpdfDia mulheres r fpdf
Dia mulheres r fpdf
Sandra Braconnot
 
Apostila ppcp textil
Apostila ppcp textilApostila ppcp textil
Apostila ppcp textil
sollavanderias
 
Mostruário de tecidos
Mostruário de tecidosMostruário de tecidos
Mostruário de tecidos
Barbara Allexia
 
Apostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bim
Apostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bimApostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bim
Apostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bim
Limafabiana
 
Processos produtivos da ind_da_moda
Processos produtivos da ind_da_modaProcessos produtivos da ind_da_moda
Processos produtivos da ind_da_moda
Nilzeth Gusmao
 
Slide Anos 60
Slide Anos 60Slide Anos 60
Slide Anos 60
Fernanda
 
Mulheres na História
Mulheres na HistóriaMulheres na História
Mulheres na História
Gleisi Hoffmann
 
A evolução da moda
A evolução da modaA evolução da moda
A evolução da moda
Larissa Castro
 
História do Vestuário na Antiguidade
História do Vestuário na Antiguidade História do Vestuário na Antiguidade
História do Vestuário na Antiguidade
Daniela Hinerasky
 

Destaque (20)

Universo da Costura
Universo da CosturaUniverso da Costura
Universo da Costura
 
Materiais e Processos Têxteis
Materiais e Processos TêxteisMateriais e Processos Têxteis
Materiais e Processos Têxteis
 
Ovelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da Igreja
Ovelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da IgrejaOvelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da Igreja
Ovelhas 2.0 - Entendendo a mudança de gerações dentro da Igreja
 
A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]
A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]
A Tranquilidade Das Ovelhas [Rubem Alves]
 
Ovelhas
OvelhasOvelhas
Ovelhas
 
Fotos Que Valem a Pena Ver
Fotos Que Valem a Pena VerFotos Que Valem a Pena Ver
Fotos Que Valem a Pena Ver
 
Nomes pagão na biblia
Nomes pagão na bibliaNomes pagão na biblia
Nomes pagão na biblia
 
Deuses e deusas do antigo egito
Deuses e deusas do antigo egitoDeuses e deusas do antigo egito
Deuses e deusas do antigo egito
 
Midia kit estilo man
Midia kit   estilo manMidia kit   estilo man
Midia kit estilo man
 
Do falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de Courbet
Do falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de CourbetDo falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de Courbet
Do falo como chave do enigma em "A origem do mundo" de Courbet
 
Mulher origem
Mulher origemMulher origem
Mulher origem
 
Dia mulheres r fpdf
Dia mulheres r fpdfDia mulheres r fpdf
Dia mulheres r fpdf
 
Apostila ppcp textil
Apostila ppcp textilApostila ppcp textil
Apostila ppcp textil
 
Mostruário de tecidos
Mostruário de tecidosMostruário de tecidos
Mostruário de tecidos
 
Apostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bim
Apostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bimApostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bim
Apostila introdução a tecnologia têxtil 0314 1o bim
 
Processos produtivos da ind_da_moda
Processos produtivos da ind_da_modaProcessos produtivos da ind_da_moda
Processos produtivos da ind_da_moda
 
Slide Anos 60
Slide Anos 60Slide Anos 60
Slide Anos 60
 
Mulheres na História
Mulheres na HistóriaMulheres na História
Mulheres na História
 
A evolução da moda
A evolução da modaA evolução da moda
A evolução da moda
 
História do Vestuário na Antiguidade
História do Vestuário na Antiguidade História do Vestuário na Antiguidade
História do Vestuário na Antiguidade
 

Semelhante a Vestuário %201,8[1]

Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
Aymmê Duarte
 
Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
Aymmê Duarte
 
A historia da moda
A historia da modaA historia da moda
A historia da moda
victorialais
 
Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
Aymmê Duarte
 
Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
Aymmê Duarte
 
Moda
ModaModa
Moda
ritacruz
 
Moda
ModaModa
Moda
ritacruz
 
História...
História...História...
História...
Emanuel Rainho
 
trabalho de et
trabalho de ettrabalho de et
trabalho de et
Laura Custódio
 
História da moda a.p
História da moda a.pHistória da moda a.p
História da moda a.p
Emanuel Rainho
 
A Evolução do Vestuário Feminino
A Evolução do Vestuário FemininoA Evolução do Vestuário Feminino
A Evolução do Vestuário Feminino
complementoindirecto
 
Documento
DocumentoDocumento
Documento
guesta81d8d
 
Documento
DocumentoDocumento
Documento
guesta81d8d
 
Evolução da moda e penteados nas décadas
Evolução da moda e penteados nas décadasEvolução da moda e penteados nas décadas
Evolução da moda e penteados nas décadas
Viviane Carvalho
 
Estilo
EstiloEstilo
Eu E A Moda
Eu E A ModaEu E A Moda
Eu E A Moda
Marli da Silva
 
Curso
CursoCurso
Curso
CursoCurso
Moda das décadas
Moda das décadasModa das décadas
Moda das décadas
Thaís Fullin
 
Moda das décadas
Moda das décadasModa das décadas
Moda das décadas
Thaís Fullin
 

Semelhante a Vestuário %201,8[1] (20)

Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
 
Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
 
A historia da moda
A historia da modaA historia da moda
A historia da moda
 
Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
 
Relatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx comRelatório sobre a moda no século xx com
Relatório sobre a moda no século xx com
 
Moda
ModaModa
Moda
 
Moda
ModaModa
Moda
 
História...
História...História...
História...
 
trabalho de et
trabalho de ettrabalho de et
trabalho de et
 
História da moda a.p
História da moda a.pHistória da moda a.p
História da moda a.p
 
A Evolução do Vestuário Feminino
A Evolução do Vestuário FemininoA Evolução do Vestuário Feminino
A Evolução do Vestuário Feminino
 
Documento
DocumentoDocumento
Documento
 
Documento
DocumentoDocumento
Documento
 
Evolução da moda e penteados nas décadas
Evolução da moda e penteados nas décadasEvolução da moda e penteados nas décadas
Evolução da moda e penteados nas décadas
 
Estilo
EstiloEstilo
Estilo
 
Eu E A Moda
Eu E A ModaEu E A Moda
Eu E A Moda
 
Curso
CursoCurso
Curso
 
Curso
CursoCurso
Curso
 
Moda das décadas
Moda das décadasModa das décadas
Moda das décadas
 
Moda das décadas
Moda das décadasModa das décadas
Moda das décadas
 

Mais de António Luís Catarino

A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]
António Luís Catarino
 
A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]
A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]
A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]
António Luís Catarino
 
Teletrabalho
TeletrabalhoTeletrabalho
O romantismo
O romantismoO romantismo
Apresentação1 romantismo[1]
Apresentação1  romantismo[1]Apresentação1  romantismo[1]
Apresentação1 romantismo[1]
António Luís Catarino
 
Organização da rede urbana
Organização da rede urbanaOrganização da rede urbana
Organização da rede urbana
António Luís Catarino
 
A vegetação
A vegetação A vegetação
A vegetação
António Luís Catarino
 
As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]
António Luís Catarino
 
Ws2[1]correcção[1]
Ws2[1]correcção[1]Ws2[1]correcção[1]
Ws2[1]correcção[1]
António Luís Catarino
 
Indústria[1]..[2]
Indústria[1]..[2]Indústria[1]..[2]
Indústria[1]..[2]
António Luís Catarino
 
Transportes porto 100_anos[2]
Transportes porto 100_anos[2]Transportes porto 100_anos[2]
Transportes porto 100_anos[2]
António Luís Catarino
 
Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]
Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]
Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]
António Luís Catarino
 
Rua%20da%20 constituição 1,11[1]
Rua%20da%20 constituição 1,11[1]Rua%20da%20 constituição 1,11[1]
Rua%20da%20 constituição 1,11[1]
António Luís Catarino
 
Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]
Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]
Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]
António Luís Catarino
 
Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]
Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]
Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]
António Luís Catarino
 
Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]
Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]
Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]
António Luís Catarino
 
Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]
Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]
Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]
António Luís Catarino
 
Pedro,guilherme,carolina conde[2]
Pedro,guilherme,carolina conde[2]Pedro,guilherme,carolina conde[2]
Pedro,guilherme,carolina conde[2]
António Luís Catarino
 

Mais de António Luís Catarino (20)

A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]A ii revolucao-industrial[1]
A ii revolucao-industrial[1]
 
A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]
A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]
A sociedade industrial_e_urbana,_ppt[1]
 
Teletrabalho
TeletrabalhoTeletrabalho
Teletrabalho
 
O romantismo
O romantismoO romantismo
O romantismo
 
Apresentação1 romantismo[1]
Apresentação1  romantismo[1]Apresentação1  romantismo[1]
Apresentação1 romantismo[1]
 
Organização da rede urbana
Organização da rede urbanaOrganização da rede urbana
Organização da rede urbana
 
A vegetação
A vegetação A vegetação
A vegetação
 
As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]As trocas intercontinentais[1]
As trocas intercontinentais[1]
 
Ws2[1]correcção[1]
Ws2[1]correcção[1]Ws2[1]correcção[1]
Ws2[1]correcção[1]
 
Shopping final (2)[1]
Shopping final (2)[1]Shopping final (2)[1]
Shopping final (2)[1]
 
Clothes shop[3]
Clothes shop[3]Clothes shop[3]
Clothes shop[3]
 
Indústria[1]..[2]
Indústria[1]..[2]Indústria[1]..[2]
Indústria[1]..[2]
 
Transportes porto 100_anos[2]
Transportes porto 100_anos[2]Transportes porto 100_anos[2]
Transportes porto 100_anos[2]
 
Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]
Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]
Rua 31 de_janeiro-14,18,24[2]
 
Rua%20da%20 constituição 1,11[1]
Rua%20da%20 constituição 1,11[1]Rua%20da%20 constituição 1,11[1]
Rua%20da%20 constituição 1,11[1]
 
Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]
Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]
Rainha%20 d.amélia 6,12,25[1]
 
Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]
Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]
Porto%20no%20século%20 xix 1,23,24[2]
 
Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]
Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]
Porto%20 há%20100%20anos%20 2,3,14%20power%20point[1]
 
Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]
Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]
Porto%20 há%20cem%20anos 10[2]
 
Pedro,guilherme,carolina conde[2]
Pedro,guilherme,carolina conde[2]Pedro,guilherme,carolina conde[2]
Pedro,guilherme,carolina conde[2]
 

Último

1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Pedro Luis Moraes
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 

Vestuário %201,8[1]

  • 1.  
  • 2.  
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8. A mulher sensual era aquela sem curvas e seios pequenos. A atenção estava toda voltada para os tornozelos. Jacques Doucet, estilista francês, subiu as saias ao ponto de mostrar as ligas rendadas das mulheres- um verdadeiro escândalo aos mais conservadores.
  • 9.
  • 10.  
  • 11.  
  • 12.  
  • 13.  
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18. A Moda de 1930 relaciona-se com dois grandes eventos do período: a Grande Depressão e a Segunda Guerra Mundial. Uma forte característica da moda da época é a atenção aos ombros, com mangas de “borboleta”. Além disso, os ombros, tanto na moda feminina quanto masculina, eram exageradamente aumentados graças às “ombreiras”. É no período que se começa a utilizar fibras sintéticas para a confecção de tecidos, especialmente a viscose e o nylon. Os zíperes passaram a ser usados extensamente.
  • 19.  
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23. Coleção de sandálias e tamancos plataforma usados por Carmen nos Estados Unidos. Famosa pelas suas sandálias plataforma, Carmen revolucionou a moda quando, em 1930, passou a usá-las.
  • 24.  
  • 25.
  • 26.
  • 27. Os homens pareciam bons meninos com ombros estreitos e caídos, queixo pequeno e sem barba. As cores das roupas eram também pálidas (branco, cinza-claro e creme). O colarinho alto desapareceu, os casacos eram mais curtos e as calças tinham a cintura alta. Também usavam calções na altura dos joelhos e boinas. As roupas desportivas tornaram-se populares.
  • 28. A moda masculina continua sóbria. Depois do "crash" da bolsa os fatos masculinos tornaram-se mais escuros e pesados. As calças eram mais largas e os casacos com ombros mais altos, os sapatos eram pesados com solas grossas de borracha. Para os homens, os estilos de calçados também começaram a diferenciar-se, deixando as botas um pouco de lado. Mais tarde o Surrealismo foi uma fonte inspiradora para os criadores, provando que moda, arte e movimentos culturais podiam andar lado a lado.
  • 29.
  • 30.
  • 31.