SlideShare uma empresa Scribd logo
“E Jesus disse ainda: Um homem tinha
dois filhos. Certo dia o mais moço disse
ao pai: Pai, quero que o senhor me dê
agora a minha parte da herança. E o pai
repartiu os bens entre os dois. Poucos
dias depois, o filho mais moço ajuntou
tudo o que era seu e partiu para um
país que ficava muito longe...
... Ali viveu uma vida cheia de pecado e
desperdiçou tudo o que tinha. O rapaz
já havia gastado tudo, quando houve
uma grande fome naquele país, e ele
começou a passar necessidade. Então
procurou um dos moradores daquela
terra e pediu ajuda...
... Este o mandou para a sua fazenda a
fim de tratar dos porcos. Ali, com fome,
ele tinha vontade de comer o que os
porcos comiam, mas ninguém lhe dava
nada. Caindo em si, ele pensou:
Quantos trabalhadores do meu pai têm
comida de sobra, e eu estou aqui
morrendo de fome!...
... Vou voltar para a casa do meu pai e
dizer: Pai, pequei contra Deus e contra o
senhor e não mereço mais ser chamado
de seu filho. Me aceite como um dos
seus trabalhadores. Então saiu dali e
voltou para a casa do pai. Quando o
rapaz ainda estava longe de casa, o pai
o avistou...
... E, com muita pena do filho, correu, e
o abraçou, e beijou. E o filho disse: Pai,
pequei contra Deus e contra o senhor e
não mereço mais ser chamado de seu
filho! Mas o pai ordenou aos
empregados: Depressa! Tragam a
melhor roupa e vistam nele...
... Ponham um anel no dedo dele e
sandálias nos seus pés. Também tragam
e matem o bezerro gordo. Vamos
começar a festejar, porque este meu
filho estava morto e viveu de novo;
estava perdido e foi achado. E
começaram a festa.” (Lucas 15.11-24)
1ª Atitude irresponsável
INSATISFAÇÃO
“Certo dia o mais moço
disse ao pai: Pai, quero
que o senhor me dê agora
a minha parte da
herança...” (v.12)
2ª Atitude irresponsável
REBELIÃO
“Poucos dias depois, o filho mais
moço ajuntou tudo o que era seu
e partiu para um país que ficava
muito longe. Ali viveu uma vida
cheia de pecado e desperdiçou
tudo o que tinha.” (v.13)
1ª Consequência
DISSOLUÇÃO
“Poucos dias depois, o filho mais moço
ajuntou tudo o que era seu e partiu para
um país que ficava muito longe. Ali viveu
uma vida cheia de pecado e desperdiçou
tudo o que tinha. O rapaz já havia
gastado tudo, quando houve uma grande
fome naquele país, e ele começou a
passar necessidade.” (v.13,14)
2ª Consequência
DEGRADAÇÃO
“Então procurou um dos moradores
daquela terra e pediu ajuda. Este o
mandou para a sua fazenda a fim de
tratar dos porcos. Ali, com fome, ele
tinha vontade de comer o que os
porcos comiam, mas ninguém lhe
dava nada.” (v.15,16)
1. ARREPENDA-SE
dos seus pecados
“Caindo em si, ele pensou: Quantos
trabalhadores do meu pai têm comida
de sobra, e eu estou aqui morrendo de
fome! Vou voltar para a casa do meu
pai e dizer: Pai, pequei contra Deus e
contra o senhor e não mereço mais ser
chamado de seu filho. Me aceite como
um dos seus trabalhadores.” (v.17-19)
2. DECIDA voltar
para os braços do
PAI
“Então saiu dali e voltou para a casa do
pai. Quando o rapaz ainda estava longe
de casa, o pai o avistou. E, com muita
pena do filho, correu, e o abraçou, e
beijou. E o filho disse: Pai, pequei contra
Deus e contra o senhor e não mereço
mais ser chamado de seu filho!”
(v.20,21)
3. RECEBA o perdão
do PAI
“Mas o pai ordenou aos
empregados: Depressa! Tragam a
melhor roupa e vistam nele.
Ponham um anel no dedo dele e
sandálias nos seus pés. Também
tragam e matem o bezerro gordo...
... Vamos começar a festejar,
porque este meu filho estava morto
e viveu de novo; estava perdido e
foi achado. E começaram a festa.”
(v.22-24)
1. ARREPENDA-SE dos seus
pecados
2. DECIDA voltar para os braços
do PAI
3. RECEBA o perdão do PAI
“Assim que, se alguém está
em Cristo, nova criatura é; as
coisas velhas já passaram;
eis que tudo se fez novo.”
(2ª Coríntios 5.17)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Encontrando o Pai Através do Perdão
Encontrando o Pai Através do PerdãoEncontrando o Pai Através do Perdão
Encontrando o Pai Através do Perdão
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
Amor incondicional de um pai
Amor incondicional de um paiAmor incondicional de um pai
Amor incondicional de um pai
diego peres
 
Encontrando o Pai Através da Cura
Encontrando o Pai Através da CuraEncontrando o Pai Através da Cura
Encontrando o Pai Através da Cura
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
Filho prodigo abadim[1]
Filho prodigo abadim[1]Filho prodigo abadim[1]
Filho prodigo abadim[1]
Alice Lirio
 
Parábolas de Jesus Filho pródigo
Parábolas de Jesus Filho pródigoParábolas de Jesus Filho pródigo
Parábolas de Jesus Filho pródigo
Jhonatan Felipe
 
Filho prodigo abadim
Filho prodigo abadimFilho prodigo abadim
Filho prodigo abadim
Zaara Miranda
 
Paternidade - Conhecendo o Coração do Pai
Paternidade - Conhecendo o Coração do PaiPaternidade - Conhecendo o Coração do Pai
Paternidade - Conhecendo o Coração do Pai
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho PródigoHistória sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
Ana Cristina Freitas
 
Lucas 15
Lucas 15Lucas 15
Lucas 15
Elva Judy Nieri
 
Historia do filho_prodigo_com_desenhos
Historia do filho_prodigo_com_desenhosHistoria do filho_prodigo_com_desenhos
Historia do filho_prodigo_com_desenhos
Alice Lirio
 
A parábola do filho pródigo - Parte 03
A parábola do filho pródigo - Parte 03A parábola do filho pródigo - Parte 03
A parábola do filho pródigo - Parte 03
Sandro Valérius Dos Santos
 
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano CLeituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
José Lima
 
Evangelho1
Evangelho1Evangelho1
Evangelho1
Comunidadesantista
 
Podia ser pior
Podia ser piorPodia ser pior
Podia ser pior
Roseli Aparecida Tavares
 
A volta do filho prodigo
A volta do filho prodigoA volta do filho prodigo
A volta do filho prodigo
Fer Nanda
 
Pecado original morte pelo pecado
Pecado original  morte pelo pecadoPecado original  morte pelo pecado
Pecado original morte pelo pecado
Joseadoflfoheluanibueno
 

Mais procurados (16)

Encontrando o Pai Através do Perdão
Encontrando o Pai Através do PerdãoEncontrando o Pai Através do Perdão
Encontrando o Pai Através do Perdão
 
Amor incondicional de um pai
Amor incondicional de um paiAmor incondicional de um pai
Amor incondicional de um pai
 
Encontrando o Pai Através da Cura
Encontrando o Pai Através da CuraEncontrando o Pai Através da Cura
Encontrando o Pai Através da Cura
 
Filho prodigo abadim[1]
Filho prodigo abadim[1]Filho prodigo abadim[1]
Filho prodigo abadim[1]
 
Parábolas de Jesus Filho pródigo
Parábolas de Jesus Filho pródigoParábolas de Jesus Filho pródigo
Parábolas de Jesus Filho pródigo
 
Filho prodigo abadim
Filho prodigo abadimFilho prodigo abadim
Filho prodigo abadim
 
Paternidade - Conhecendo o Coração do Pai
Paternidade - Conhecendo o Coração do PaiPaternidade - Conhecendo o Coração do Pai
Paternidade - Conhecendo o Coração do Pai
 
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho PródigoHistória sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
 
Lucas 15
Lucas 15Lucas 15
Lucas 15
 
Historia do filho_prodigo_com_desenhos
Historia do filho_prodigo_com_desenhosHistoria do filho_prodigo_com_desenhos
Historia do filho_prodigo_com_desenhos
 
A parábola do filho pródigo - Parte 03
A parábola do filho pródigo - Parte 03A parábola do filho pródigo - Parte 03
A parábola do filho pródigo - Parte 03
 
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano CLeituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
 
Evangelho1
Evangelho1Evangelho1
Evangelho1
 
Podia ser pior
Podia ser piorPodia ser pior
Podia ser pior
 
A volta do filho prodigo
A volta do filho prodigoA volta do filho prodigo
A volta do filho prodigo
 
Pecado original morte pelo pecado
Pecado original  morte pelo pecadoPecado original  morte pelo pecado
Pecado original morte pelo pecado
 

Semelhante a Uma Chance para Recomeçar

De Volta à Casa do Pai
De Volta à Casa do PaiDe Volta à Casa do Pai
DEVOLTA A CASA DO PAI.docx
DEVOLTA A CASA DO PAI.docxDEVOLTA A CASA DO PAI.docx
DEVOLTA A CASA DO PAI.docx
SuedGomesNogueira
 
Sede misericordiosos
Sede misericordiososSede misericordiosos
Sede misericordiosos
WebExecutivo1
 
Oferta do perdão
Oferta do perdãoOferta do perdão
Oferta do perdão
Jezer Ferris
 
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam PossibilidadesQuando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
1   Lc 15 A Parabola Do Pai1   Lc 15 A Parabola Do Pai
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
Leone Orlando
 
Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"
Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"
Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"
José Lima
 
Caindoemsi
CaindoemsiCaindoemsi
Caindoemsi
Olivio Galvão
 
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano CLeituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
José Lima
 
A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717
A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717
A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717
Daniel de Melo
 
20151007.Estudo PGs 24
20151007.Estudo PGs 2420151007.Estudo PGs 24
20151007.Estudo PGs 24
Andre Nascimento
 
20151021.Estudo PGs 25
20151021.Estudo PGs 2520151021.Estudo PGs 25
20151021.Estudo PGs 25
Andre Nascimento
 
O Pai e os filhos perdidos
O Pai e os filhos perdidosO Pai e os filhos perdidos
O Pai e os filhos perdidos
Freekidstories
 
Herança de padre para hijo
Herança de padre para hijoHerança de padre para hijo
Herança de padre para hijo
Nombre Apellidos
 
Cuidar da Família.pptx
Cuidar da Família.pptxCuidar da Família.pptx
Cuidar da Família.pptx
Eduardo Sales de Lima
 
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam PossibilidadesQuando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
O Filho Pródigo
O Filho PródigoO Filho Pródigo
O Filho Pródigo
Espaço Emrc
 

Semelhante a Uma Chance para Recomeçar (17)

De Volta à Casa do Pai
De Volta à Casa do PaiDe Volta à Casa do Pai
De Volta à Casa do Pai
 
DEVOLTA A CASA DO PAI.docx
DEVOLTA A CASA DO PAI.docxDEVOLTA A CASA DO PAI.docx
DEVOLTA A CASA DO PAI.docx
 
Sede misericordiosos
Sede misericordiososSede misericordiosos
Sede misericordiosos
 
Oferta do perdão
Oferta do perdãoOferta do perdão
Oferta do perdão
 
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam PossibilidadesQuando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
 
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
1   Lc 15 A Parabola Do Pai1   Lc 15 A Parabola Do Pai
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
 
Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"
Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"
Leituras: 24° Domingo Tempo Comum - Ano C - "Evan. mais longo"
 
Caindoemsi
CaindoemsiCaindoemsi
Caindoemsi
 
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano CLeituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
Leituras: 4° Domingo da Quaresma - Ano C
 
A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717
A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717
A031 EAE DM - PARÁBOLAS II - DOMÉSTICAS E FAMILIARES 20180717
 
20151007.Estudo PGs 24
20151007.Estudo PGs 2420151007.Estudo PGs 24
20151007.Estudo PGs 24
 
20151021.Estudo PGs 25
20151021.Estudo PGs 2520151021.Estudo PGs 25
20151021.Estudo PGs 25
 
O Pai e os filhos perdidos
O Pai e os filhos perdidosO Pai e os filhos perdidos
O Pai e os filhos perdidos
 
Herança de padre para hijo
Herança de padre para hijoHerança de padre para hijo
Herança de padre para hijo
 
Cuidar da Família.pptx
Cuidar da Família.pptxCuidar da Família.pptx
Cuidar da Família.pptx
 
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam PossibilidadesQuando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
Quando as Impossibilidades se Tornam Possibilidades
 
O Filho Pródigo
O Filho PródigoO Filho Pródigo
O Filho Pródigo
 

Mais de IBMemorialJC

Homem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de Deus
Homem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de DeusHomem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de Deus
Homem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de Deus
IBMemorialJC
 
Empreender com Criatividade à Luz da Bíblia
Empreender com Criatividade à Luz da BíbliaEmpreender com Criatividade à Luz da Bíblia
Empreender com Criatividade à Luz da Bíblia
IBMemorialJC
 
Reconstrutores da Cidade
Reconstrutores da CidadeReconstrutores da Cidade
Reconstrutores da Cidade
IBMemorialJC
 
Uma Igreja Relevante em sua Cidade
Uma Igreja Relevante em sua CidadeUma Igreja Relevante em sua Cidade
Uma Igreja Relevante em sua Cidade
IBMemorialJC
 
Mudando uma Realidade
Mudando uma RealidadeMudando uma Realidade
Mudando uma Realidade
IBMemorialJC
 
O Encontro que Você Precisa
O Encontro que Você PrecisaO Encontro que Você Precisa
O Encontro que Você Precisa
IBMemorialJC
 
Um Chamado para Mudar de Vida
Um Chamado para Mudar de VidaUm Chamado para Mudar de Vida
Um Chamado para Mudar de Vida
IBMemorialJC
 
A Escolha do Crescimento
A Escolha do CrescimentoA Escolha do Crescimento
A Escolha do Crescimento
IBMemorialJC
 
A Escolha do Perdão
A Escolha do PerdãoA Escolha do Perdão
A Escolha do Perdão
IBMemorialJC
 
Vencendo as Aflições da Vida
Vencendo as Aflições da VidaVencendo as Aflições da Vida
Vencendo as Aflições da Vida
IBMemorialJC
 
A Escolha da Transformação
A Escolha da TransformaçãoA Escolha da Transformação
A Escolha da Transformação
IBMemorialJC
 
A Escolha de Confessar
A Escolha de ConfessarA Escolha de Confessar
A Escolha de Confessar
IBMemorialJC
 
A Escolha da Entrega
A Escolha da EntregaA Escolha da Entrega
A Escolha da Entrega
IBMemorialJC
 
A Escolha da Esperança
A Escolha da EsperançaA Escolha da Esperança
A Escolha da Esperança
IBMemorialJC
 
A Escolha da Liberdade
A Escolha da LiberdadeA Escolha da Liberdade
A Escolha da Liberdade
IBMemorialJC
 
O Convite Irrecusável
O Convite IrrecusávelO Convite Irrecusável
O Convite Irrecusável
IBMemorialJC
 
A Importância do Ensino de Jesus
A Importância do Ensino de JesusA Importância do Ensino de Jesus
A Importância do Ensino de Jesus
IBMemorialJC
 
Siga o Mestre
Siga o MestreSiga o Mestre
Siga o Mestre
IBMemorialJC
 
Esperando Dias Melhores
Esperando Dias MelhoresEsperando Dias Melhores
Esperando Dias Melhores
IBMemorialJC
 
Espera em Deus
Espera em DeusEspera em Deus
Espera em Deus
IBMemorialJC
 

Mais de IBMemorialJC (20)

Homem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de Deus
Homem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de DeusHomem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de Deus
Homem e Mulher: Criados para Cumprir os Propósitos de Deus
 
Empreender com Criatividade à Luz da Bíblia
Empreender com Criatividade à Luz da BíbliaEmpreender com Criatividade à Luz da Bíblia
Empreender com Criatividade à Luz da Bíblia
 
Reconstrutores da Cidade
Reconstrutores da CidadeReconstrutores da Cidade
Reconstrutores da Cidade
 
Uma Igreja Relevante em sua Cidade
Uma Igreja Relevante em sua CidadeUma Igreja Relevante em sua Cidade
Uma Igreja Relevante em sua Cidade
 
Mudando uma Realidade
Mudando uma RealidadeMudando uma Realidade
Mudando uma Realidade
 
O Encontro que Você Precisa
O Encontro que Você PrecisaO Encontro que Você Precisa
O Encontro que Você Precisa
 
Um Chamado para Mudar de Vida
Um Chamado para Mudar de VidaUm Chamado para Mudar de Vida
Um Chamado para Mudar de Vida
 
A Escolha do Crescimento
A Escolha do CrescimentoA Escolha do Crescimento
A Escolha do Crescimento
 
A Escolha do Perdão
A Escolha do PerdãoA Escolha do Perdão
A Escolha do Perdão
 
Vencendo as Aflições da Vida
Vencendo as Aflições da VidaVencendo as Aflições da Vida
Vencendo as Aflições da Vida
 
A Escolha da Transformação
A Escolha da TransformaçãoA Escolha da Transformação
A Escolha da Transformação
 
A Escolha de Confessar
A Escolha de ConfessarA Escolha de Confessar
A Escolha de Confessar
 
A Escolha da Entrega
A Escolha da EntregaA Escolha da Entrega
A Escolha da Entrega
 
A Escolha da Esperança
A Escolha da EsperançaA Escolha da Esperança
A Escolha da Esperança
 
A Escolha da Liberdade
A Escolha da LiberdadeA Escolha da Liberdade
A Escolha da Liberdade
 
O Convite Irrecusável
O Convite IrrecusávelO Convite Irrecusável
O Convite Irrecusável
 
A Importância do Ensino de Jesus
A Importância do Ensino de JesusA Importância do Ensino de Jesus
A Importância do Ensino de Jesus
 
Siga o Mestre
Siga o MestreSiga o Mestre
Siga o Mestre
 
Esperando Dias Melhores
Esperando Dias MelhoresEsperando Dias Melhores
Esperando Dias Melhores
 
Espera em Deus
Espera em DeusEspera em Deus
Espera em Deus
 

Último

Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
HerverthRibeiro1
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
FernandoCavalcante48
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 

Último (10)

Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 

Uma Chance para Recomeçar

  • 1.
  • 2. “E Jesus disse ainda: Um homem tinha dois filhos. Certo dia o mais moço disse ao pai: Pai, quero que o senhor me dê agora a minha parte da herança. E o pai repartiu os bens entre os dois. Poucos dias depois, o filho mais moço ajuntou tudo o que era seu e partiu para um país que ficava muito longe...
  • 3. ... Ali viveu uma vida cheia de pecado e desperdiçou tudo o que tinha. O rapaz já havia gastado tudo, quando houve uma grande fome naquele país, e ele começou a passar necessidade. Então procurou um dos moradores daquela terra e pediu ajuda...
  • 4. ... Este o mandou para a sua fazenda a fim de tratar dos porcos. Ali, com fome, ele tinha vontade de comer o que os porcos comiam, mas ninguém lhe dava nada. Caindo em si, ele pensou: Quantos trabalhadores do meu pai têm comida de sobra, e eu estou aqui morrendo de fome!...
  • 5. ... Vou voltar para a casa do meu pai e dizer: Pai, pequei contra Deus e contra o senhor e não mereço mais ser chamado de seu filho. Me aceite como um dos seus trabalhadores. Então saiu dali e voltou para a casa do pai. Quando o rapaz ainda estava longe de casa, o pai o avistou...
  • 6. ... E, com muita pena do filho, correu, e o abraçou, e beijou. E o filho disse: Pai, pequei contra Deus e contra o senhor e não mereço mais ser chamado de seu filho! Mas o pai ordenou aos empregados: Depressa! Tragam a melhor roupa e vistam nele...
  • 7. ... Ponham um anel no dedo dele e sandálias nos seus pés. Também tragam e matem o bezerro gordo. Vamos começar a festejar, porque este meu filho estava morto e viveu de novo; estava perdido e foi achado. E começaram a festa.” (Lucas 15.11-24)
  • 9. “Certo dia o mais moço disse ao pai: Pai, quero que o senhor me dê agora a minha parte da herança...” (v.12)
  • 11. “Poucos dias depois, o filho mais moço ajuntou tudo o que era seu e partiu para um país que ficava muito longe. Ali viveu uma vida cheia de pecado e desperdiçou tudo o que tinha.” (v.13)
  • 13. “Poucos dias depois, o filho mais moço ajuntou tudo o que era seu e partiu para um país que ficava muito longe. Ali viveu uma vida cheia de pecado e desperdiçou tudo o que tinha. O rapaz já havia gastado tudo, quando houve uma grande fome naquele país, e ele começou a passar necessidade.” (v.13,14)
  • 15. “Então procurou um dos moradores daquela terra e pediu ajuda. Este o mandou para a sua fazenda a fim de tratar dos porcos. Ali, com fome, ele tinha vontade de comer o que os porcos comiam, mas ninguém lhe dava nada.” (v.15,16)
  • 17. “Caindo em si, ele pensou: Quantos trabalhadores do meu pai têm comida de sobra, e eu estou aqui morrendo de fome! Vou voltar para a casa do meu pai e dizer: Pai, pequei contra Deus e contra o senhor e não mereço mais ser chamado de seu filho. Me aceite como um dos seus trabalhadores.” (v.17-19)
  • 18. 2. DECIDA voltar para os braços do PAI
  • 19. “Então saiu dali e voltou para a casa do pai. Quando o rapaz ainda estava longe de casa, o pai o avistou. E, com muita pena do filho, correu, e o abraçou, e beijou. E o filho disse: Pai, pequei contra Deus e contra o senhor e não mereço mais ser chamado de seu filho!” (v.20,21)
  • 20. 3. RECEBA o perdão do PAI
  • 21. “Mas o pai ordenou aos empregados: Depressa! Tragam a melhor roupa e vistam nele. Ponham um anel no dedo dele e sandálias nos seus pés. Também tragam e matem o bezerro gordo...
  • 22. ... Vamos começar a festejar, porque este meu filho estava morto e viveu de novo; estava perdido e foi achado. E começaram a festa.” (v.22-24)
  • 23. 1. ARREPENDA-SE dos seus pecados 2. DECIDA voltar para os braços do PAI 3. RECEBA o perdão do PAI
  • 24. “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.” (2ª Coríntios 5.17)