SlideShare uma empresa Scribd logo
Nome:
Unidade:
Clube:
Ano:
ESPECIALIDADE DE CÃES
1 - Dar o nome científico do cão doméstico.
CanisFamiliaris
2– Citar5 características peculiares da família canidae.
a)Cinco unhasnas patasdianteirase quatro nas patas traseiras
b) 42 dentes incluindo 4caninos. As pessoas têm 32 dentes.
c) Não reconhecem a cor
d Pele coberta de pelos
e) Excelente olfato e audição
f) A maioria dos cães tem duas camadas de pelo: uma externa
para se proteger de chuva e neve, e outra interna para preservar a
temperatura do animal.
g) Consideradoamigo do homem por ser fiel ao seu dono.
3– Identificar, a partir de fotografias/figuras, ou observação natural,
cinco membros selvagens da família dos cães. Existem pelo menos 37
espécies. Os mais conhecidos são: Chacal, Coiote (USA), Dingo
(Austrália),Lobo-cinzento(Brasil), Lobo-guará.
4 – Identificar, a partir
de fotografias/figuras,
ou observação natural,
15 diferentes raças de
cães.
5 – Mencionar5 contribuições da família dos cães ao homem.
a) Como guia de cegos e paraplégicos:Labrador
b) Como farejadorde drogas: Labrador
c) Como guarda residencial
d) Como pastor de ovelhas:
e) auxiliar de polícia e companheiro para pessoas mais solitárias
ou idosas
f) Na prática da caça
g) Na procriação
h) Transporte de materiais
i) Conduçãode boiadase rebanhos
6 – Escrever ou descrever oralmente a importância, para o
homem, dos seguintes grupos de cães e mencionar algumas raças
equivalentes:
a) Cães-guia: Geralmente, o pastor alemão e o labrador. Eles
são treinados para guiar cegos pela calçada, ao redor de
obstáculos, atravessarem ruas, e esperar a passagem de
veículos. Em fim, eles ajudam que as pessoas com
deficiênciavisual possam ter uma vida normal
b) Cães farejadores: Podem ser usados para farejar tanto
drogas em operações policiais, quanto para encontrar
pessoas desaparecidas ou até objetos, independe, afinal
sua função é farejar e encontrar coisas.Pastor alemão,
pastor belga, labrador, Fox terrier.
c) Cães pastores: São usados no auxílio do controle de
rebanhos e defesa do rebanho contra lobos e outras feras.
Exemplo: Border colie, Colie, Pastor alemão, Pastor
australiano.
d) Cães companheiros para crianças: São cães dóceis, usados
para fazer companhia para crianças. Exemplo: Buldogue
inglês, Beagle, Bull terrier, Collie.
a) Cães guardas: É usado para proteger propriedades, animais e
pessoas, são violentos e fortes. Exemplo. Pastor alemão,
Rottweiler, Doberman, Bulldogamericano.
b) Cães que auxiliam polícia e bombeiros em sua região. Seja
para achar drogas, ajudar a prender, encontrar criminosos
ou para encontrar objetos perdidos, pessoas desaparecidas
ou até mesmo pessoas mortas, mas com finalidade de dar
um enterro digno aos familiares, os cães usados, tanto pela
polícia quando pelos bombeiros, são muito importantes.
Exemplo. Boiadeiro australiano, Pastor alemão, Labrador
retriever.
7 – Dar o nome da menor e da maior raça de cães do mundo.
Menor: Chihuahua.
Maior: Dogue alemão.
8 – Identificar, pessoalmente ou por fotografias/figuras, 5 cães que
são classificadoscomo toy (anões).
9 – Qual o único cão que tem a línguainteiramente azul ou preta ?
- Chow Chow
10 – Qual o cão mais ráido ?
- Greyhound ou Galgo Espanhol.Utilizado na caça da lebre
11 – Escrever ou contar uma história sobre um cão.
Perdido na neve (O gato que salvou o trem, pág,22 CPB)
José e seu cão Susik quase juntos: um na cama e outro no
chão. Cuidava das cabras e da horta da família. Um dia no
inverno, José e seus amigos apostaram numa corrida na
neve. Ele deu uma vantagem até que os outros
desapareceram. José pediu a Susik para ficar em casa. Fazia
muito frio. José desceu pelo caminho mais curto: pelas
cataratas. Um dos esquis se enganchou num galho
escondido. Escorregou por uma distância de vários metros.
Não podia mover a perna. Gritou Socorro! várias vezes. De
repente Susik apareceu no meio da neve. José pediu a
Susik para ir a buscar a papai. Susik corria até certa
distância e voltava, como tentando animar a José a segui-
lo. Despois de alguns minutos apareceu papai e outro
homem trazendo alguns cobertores. Seu pai puxou o trenó
até a casa. Usik salvou-lhe a vida e ganhou uma refeição
abundante.
Serelepe e o Touro Premiado (O gato que salvou o trem,
pág,70 CPB)
Tomás foi a igreja adventista. De volta, seu padrasto
castigou-lhe por isto e prometeu matar seu cachorro vira-
lata. De noite junto com seu cachorro Serelepe foi para um
monte de palha a orar. Pediu pelo seu cachorro e pelo seu
padrasto e pela promessa a sua mãe de sempre ir para a
igreja. Sábado seguinte, foi para a igreja e Serelepe
esperou na escada. De volta se dirigiu para os estábulos.
De repente o touro premiado de seu padrasto Valdir veio
em direção de Tomás. Ele correu, mais antes de chegar na
cerca, o touro alcançou-lhe e nesse instante Serelepe se
prendeu do pescoço do animal. A luta se tornou feroz
entre o touro e o cachorro com muito sangue. Uma pata
de Serelepe ficou ferida. Nesse momento apareceu o
padrasto com um revolver e atirou contra uma pata do
cão. Tomás correu para o cão e enfrentou-se ao padrasto e
diz que ele o salvou a vida. No próximo sábado, tinha que
ir para a igreja. Porém, não podia levar o cão, pois estava
ferido. Valdir perguntou se não tinha medo de deixar o
cão. Diz que não podia carregá-lo tão longe. Valdir decidiu
acompanhar a Tomás a igreja levando junto, na charrete, a
Serelepe. No final do sermão, Valdir passou na frente ao
chamado do pastor. Perguntado pelo motivo da sua
decisão, respondeu: “Foi pelo amor que este cachorro
demonstrou a Tomás, e pelo amor de Tomás para com seu
cão. E também pela fidelidade deste menino a Deus, e por
suas orações por mim. Alegro-me porque este menino
cumpriu a promessa feita a sua mãe”.
12 – Quais cuidados deve-se tomar com os cães para que tenham
uma vida saudável. É bom conhecer a peculiaridades da raça de seu
cão, pois um cão brincalhão que não tem a devida atenção ou é
mantido aprisionado virá a adoecer ou se tornar anti-social. Manter a
vacinação em dia, levar periodicamente ao veterinário, cuidar com a
higiene do cão (cortar unhas, pêlo, banho, tosa, orelhas limpas, pêlos
limpos e desembaraçados, escovação), cuidar com os parasitas que
eventualmente poderão fazer mal ao cão, limpar o local onde ele fica
com produtos para esses parasitas e sem falar na higiene do local em
si, ração correta.
13 – Ajudar a cuidarde um cão por pelo menos, um mês.
- Item prático.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

028 cerimônia modelo admissão lenço e classes
028 cerimônia modelo   admissão lenço e classes028 cerimônia modelo   admissão lenço e classes
028 cerimônia modelo admissão lenço e classes
vilsongremista
 
Regras de segurança ao usar machadinha
Regras de segurança ao usar machadinhaRegras de segurança ao usar machadinha
Regras de segurança ao usar machadinha
Ismael Rosa
 
Emblemas dos desbravadores
Emblemas dos desbravadoresEmblemas dos desbravadores
Emblemas dos desbravadores
Ismael Rosa
 
Tipos de fogueiras
Tipos de fogueirasTipos de fogueiras
Tipos de fogueiras
Ismael Rosa
 
5º encontro abraão - inicio da salvação
5º encontro   abraão - inicio da salvação5º encontro   abraão - inicio da salvação
5º encontro abraão - inicio da salvação
Catequese Anjos dos Céus
 
Acampamento iii
Acampamento iiiAcampamento iii
Clube de Desbravadores - Como abrir um clube
Clube de Desbravadores - Como abrir um clubeClube de Desbravadores - Como abrir um clube
Clube de Desbravadores - Como abrir um clube
Jonathas Art's
 
Caderno de atividades Guia
Caderno de atividades GuiaCaderno de atividades Guia
Caderno de atividades Guia
Feras Feras
 
CTBD - Classes e Especialidades
CTBD - Classes e EspecialidadesCTBD - Classes e Especialidades
CTBD - Classes e Especialidades
Jonathas Art's
 
Classes agrupadas
Classes agrupadasClasses agrupadas
Classes agrupadas
Ismael Rosa
 
Primeiro socorros
Primeiro socorrosPrimeiro socorros
Primeiro socorros
Gustavo Nunes Dos Reis
 
Trabalho da especialidade de gatos
Trabalho da especialidade de gatosTrabalho da especialidade de gatos
Trabalho da especialidade de gatos
Ismael Rosa
 
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_FabricioProtuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Fabricio Kennedy
 
Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)
Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)
Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)
Gabriel Rodoval
 
Plantas silvestres comestíveis
Plantas silvestres comestíveisPlantas silvestres comestíveis
Plantas silvestres comestíveis
Ismael Rosa
 
Manual de nós e amarras
Manual de nós e amarrasManual de nós e amarras
Manual de nós e amarras
Ismael Rosa
 
Departamento infantil
Departamento infantilDepartamento infantil
Departamento infantil
Priscla Silva
 
Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...
Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...
Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...
Sammis Reachers
 
Matéria de Especialidade - Acampamento 1
Matéria de Especialidade - Acampamento 1Matéria de Especialidade - Acampamento 1
Matéria de Especialidade - Acampamento 1
Filhos da Rocha
 
Ideais dos desbravadores
Ideais dos desbravadoresIdeais dos desbravadores
Ideais dos desbravadores
Ismael Rosa
 

Mais procurados (20)

028 cerimônia modelo admissão lenço e classes
028 cerimônia modelo   admissão lenço e classes028 cerimônia modelo   admissão lenço e classes
028 cerimônia modelo admissão lenço e classes
 
Regras de segurança ao usar machadinha
Regras de segurança ao usar machadinhaRegras de segurança ao usar machadinha
Regras de segurança ao usar machadinha
 
Emblemas dos desbravadores
Emblemas dos desbravadoresEmblemas dos desbravadores
Emblemas dos desbravadores
 
Tipos de fogueiras
Tipos de fogueirasTipos de fogueiras
Tipos de fogueiras
 
5º encontro abraão - inicio da salvação
5º encontro   abraão - inicio da salvação5º encontro   abraão - inicio da salvação
5º encontro abraão - inicio da salvação
 
Acampamento iii
Acampamento iiiAcampamento iii
Acampamento iii
 
Clube de Desbravadores - Como abrir um clube
Clube de Desbravadores - Como abrir um clubeClube de Desbravadores - Como abrir um clube
Clube de Desbravadores - Como abrir um clube
 
Caderno de atividades Guia
Caderno de atividades GuiaCaderno de atividades Guia
Caderno de atividades Guia
 
CTBD - Classes e Especialidades
CTBD - Classes e EspecialidadesCTBD - Classes e Especialidades
CTBD - Classes e Especialidades
 
Classes agrupadas
Classes agrupadasClasses agrupadas
Classes agrupadas
 
Primeiro socorros
Primeiro socorrosPrimeiro socorros
Primeiro socorros
 
Trabalho da especialidade de gatos
Trabalho da especialidade de gatosTrabalho da especialidade de gatos
Trabalho da especialidade de gatos
 
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_FabricioProtuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
 
Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)
Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)
Especialidade de Modelagem e Fabricação de Sabão (Avançado)
 
Plantas silvestres comestíveis
Plantas silvestres comestíveisPlantas silvestres comestíveis
Plantas silvestres comestíveis
 
Manual de nós e amarras
Manual de nós e amarrasManual de nós e amarras
Manual de nós e amarras
 
Departamento infantil
Departamento infantilDepartamento infantil
Departamento infantil
 
Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...
Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...
Teatro Missionário - Peças teatrais e jograis sobre missões e evangelização p...
 
Matéria de Especialidade - Acampamento 1
Matéria de Especialidade - Acampamento 1Matéria de Especialidade - Acampamento 1
Matéria de Especialidade - Acampamento 1
 
Ideais dos desbravadores
Ideais dos desbravadoresIdeais dos desbravadores
Ideais dos desbravadores
 

Semelhante a Trabalho da especialidade de cães

Especialidades de cães.pptx
Especialidades de  cães.pptxEspecialidades de  cães.pptx
Especialidades de cães.pptx
IsmaelMarinho4
 
Revista Mundo dos Animais nº 29
Revista Mundo dos Animais nº 29Revista Mundo dos Animais nº 29
Revista Mundo dos Animais nº 29
Mundo dos Animais
 
Marco gomes
Marco gomesMarco gomes
Marco gomes
oitavocprado
 
Melhoramento genético de cães
Melhoramento genético de cãesMelhoramento genético de cães
Melhoramento genético de cães
TassiaBertipaglia
 
A vida canina
A vida caninaA vida canina
A vida canina
Rafael Silva
 
Um cão ch..
Um cão ch..Um cão ch..
Um cão ch..
chapoleta
 
Animais Abandonados
Animais AbandonadosAnimais Abandonados
Animais Abandonados
Rita Steter
 
Um cachorro chamado farofa
Um cachorro chamado farofaUm cachorro chamado farofa
Um cachorro chamado farofa
Luiz Fonseca
 
Umcachorrochamado Farofa
Umcachorrochamado FarofaUmcachorrochamado Farofa
Umcachorrochamado Farofa
Nilce B
 
Uma vida de cao
Uma vida de caoUma vida de cao
Uma vida de cao
Mensagens Virtuais
 
ESPECIALIDADE DE Caes.ppt
ESPECIALIDADE DE Caes.pptESPECIALIDADE DE Caes.ppt
ESPECIALIDADE DE Caes.ppt
DayanyFlorindo
 
Mdm nº16
Mdm nº16Mdm nº16
Mdm nº16
revistamdm
 
Mdm nº16
Mdm nº16Mdm nº16
Mdm nº16
revistamdm
 
Raças-de-Cães.pdf
Raças-de-Cães.pdfRaças-de-Cães.pdf
Raças-de-Cães.pdf
Juliana Fervença
 
Raças de cães
Raças de cãesRaças de cães
Raças de cães
Jessica Caravante
 
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
MLURBANO
 
Revista 7º ano 04
Revista 7º ano 04Revista 7º ano 04
Revista 7º ano 04
zimmerheus
 
O Que Se Faz Com Amor
O Que Se Faz Com AmorO Que Se Faz Com Amor
O Que Se Faz Com Amor
AndySans 2008
 
Plano de aula jesus, nosso pastor
Plano de aula   jesus, nosso pastorPlano de aula   jesus, nosso pastor
Plano de aula jesus, nosso pastor
Pastor Marcello Rocha
 
O Primeiro Gato Guia do Mundo
O Primeiro Gato Guia do MundoO Primeiro Gato Guia do Mundo
O Primeiro Gato Guia do Mundo
Mundo dos Animais
 

Semelhante a Trabalho da especialidade de cães (20)

Especialidades de cães.pptx
Especialidades de  cães.pptxEspecialidades de  cães.pptx
Especialidades de cães.pptx
 
Revista Mundo dos Animais nº 29
Revista Mundo dos Animais nº 29Revista Mundo dos Animais nº 29
Revista Mundo dos Animais nº 29
 
Marco gomes
Marco gomesMarco gomes
Marco gomes
 
Melhoramento genético de cães
Melhoramento genético de cãesMelhoramento genético de cães
Melhoramento genético de cães
 
A vida canina
A vida caninaA vida canina
A vida canina
 
Um cão ch..
Um cão ch..Um cão ch..
Um cão ch..
 
Animais Abandonados
Animais AbandonadosAnimais Abandonados
Animais Abandonados
 
Um cachorro chamado farofa
Um cachorro chamado farofaUm cachorro chamado farofa
Um cachorro chamado farofa
 
Umcachorrochamado Farofa
Umcachorrochamado FarofaUmcachorrochamado Farofa
Umcachorrochamado Farofa
 
Uma vida de cao
Uma vida de caoUma vida de cao
Uma vida de cao
 
ESPECIALIDADE DE Caes.ppt
ESPECIALIDADE DE Caes.pptESPECIALIDADE DE Caes.ppt
ESPECIALIDADE DE Caes.ppt
 
Mdm nº16
Mdm nº16Mdm nº16
Mdm nº16
 
Mdm nº16
Mdm nº16Mdm nº16
Mdm nº16
 
Raças-de-Cães.pdf
Raças-de-Cães.pdfRaças-de-Cães.pdf
Raças-de-Cães.pdf
 
Raças de cães
Raças de cãesRaças de cães
Raças de cães
 
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
 
Revista 7º ano 04
Revista 7º ano 04Revista 7º ano 04
Revista 7º ano 04
 
O Que Se Faz Com Amor
O Que Se Faz Com AmorO Que Se Faz Com Amor
O Que Se Faz Com Amor
 
Plano de aula jesus, nosso pastor
Plano de aula   jesus, nosso pastorPlano de aula   jesus, nosso pastor
Plano de aula jesus, nosso pastor
 
O Primeiro Gato Guia do Mundo
O Primeiro Gato Guia do MundoO Primeiro Gato Guia do Mundo
O Primeiro Gato Guia do Mundo
 

Mais de Ismael Rosa

Especialidade de astronomia
Especialidade de astronomiaEspecialidade de astronomia
Especialidade de astronomia
Ismael Rosa
 
Pontos cardeais com o relógio
Pontos cardeais com o relógioPontos cardeais com o relógio
Pontos cardeais com o relógio
Ismael Rosa
 
Cartão medalha de_ouro
Cartão medalha de_ouroCartão medalha de_ouro
Cartão medalha de_ouro
Ismael Rosa
 
Cartão medalha de_prata
Cartão medalha de_prataCartão medalha de_prata
Cartão medalha de_prata
Ismael Rosa
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores4
Modelo de-ofício-para-desbravadores4Modelo de-ofício-para-desbravadores4
Modelo de-ofício-para-desbravadores4
Ismael Rosa
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores3
Modelo de-ofício-para-desbravadores3Modelo de-ofício-para-desbravadores3
Modelo de-ofício-para-desbravadores3
Ismael Rosa
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores-2
Modelo de-ofício-para-desbravadores-2Modelo de-ofício-para-desbravadores-2
Modelo de-ofício-para-desbravadores-2
Ismael Rosa
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores 1
Modelo de-ofício-para-desbravadores 1Modelo de-ofício-para-desbravadores 1
Modelo de-ofício-para-desbravadores 1
Ismael Rosa
 
Guia do-aspirante-impresso - 2016
Guia do-aspirante-impresso - 2016Guia do-aspirante-impresso - 2016
Guia do-aspirante-impresso - 2016
Ismael Rosa
 
Salvação e Serviço
Salvação e ServiçoSalvação e Serviço
Salvação e Serviço
Ismael Rosa
 
Seguro e atividade de risco
Seguro e atividade de riscoSeguro e atividade de risco
Seguro e atividade de risco
Ismael Rosa
 
Reformulação das classes regulares e avançadas
Reformulação das classes regulares e avançadasReformulação das classes regulares e avançadas
Reformulação das classes regulares e avançadas
Ismael Rosa
 
Materiais de campo
Materiais de campoMateriais de campo
Materiais de campo
Ismael Rosa
 
Insignía de excelência
Insignía de excelênciaInsignía de excelência
Insignía de excelência
Ismael Rosa
 
Fazendo o seguro passo a passo
Fazendo o seguro passo a passoFazendo o seguro passo a passo
Fazendo o seguro passo a passo
Ismael Rosa
 
Escolhendo uma barraca
Escolhendo uma barracaEscolhendo uma barraca
Escolhendo uma barraca
Ismael Rosa
 
Curiosidades sobre os desbravadores
Curiosidades sobre os desbravadoresCuriosidades sobre os desbravadores
Curiosidades sobre os desbravadores
Ismael Rosa
 
Quem são os desbravadores
Quem são os desbravadoresQuem são os desbravadores
Quem são os desbravadores
Ismael Rosa
 
Objetivo dos desbravadores
Objetivo dos desbravadoresObjetivo dos desbravadores
Objetivo dos desbravadores
Ismael Rosa
 
História dos desbravadores
História dos desbravadoresHistória dos desbravadores
História dos desbravadores
Ismael Rosa
 

Mais de Ismael Rosa (20)

Especialidade de astronomia
Especialidade de astronomiaEspecialidade de astronomia
Especialidade de astronomia
 
Pontos cardeais com o relógio
Pontos cardeais com o relógioPontos cardeais com o relógio
Pontos cardeais com o relógio
 
Cartão medalha de_ouro
Cartão medalha de_ouroCartão medalha de_ouro
Cartão medalha de_ouro
 
Cartão medalha de_prata
Cartão medalha de_prataCartão medalha de_prata
Cartão medalha de_prata
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores4
Modelo de-ofício-para-desbravadores4Modelo de-ofício-para-desbravadores4
Modelo de-ofício-para-desbravadores4
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores3
Modelo de-ofício-para-desbravadores3Modelo de-ofício-para-desbravadores3
Modelo de-ofício-para-desbravadores3
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores-2
Modelo de-ofício-para-desbravadores-2Modelo de-ofício-para-desbravadores-2
Modelo de-ofício-para-desbravadores-2
 
Modelo de-ofício-para-desbravadores 1
Modelo de-ofício-para-desbravadores 1Modelo de-ofício-para-desbravadores 1
Modelo de-ofício-para-desbravadores 1
 
Guia do-aspirante-impresso - 2016
Guia do-aspirante-impresso - 2016Guia do-aspirante-impresso - 2016
Guia do-aspirante-impresso - 2016
 
Salvação e Serviço
Salvação e ServiçoSalvação e Serviço
Salvação e Serviço
 
Seguro e atividade de risco
Seguro e atividade de riscoSeguro e atividade de risco
Seguro e atividade de risco
 
Reformulação das classes regulares e avançadas
Reformulação das classes regulares e avançadasReformulação das classes regulares e avançadas
Reformulação das classes regulares e avançadas
 
Materiais de campo
Materiais de campoMateriais de campo
Materiais de campo
 
Insignía de excelência
Insignía de excelênciaInsignía de excelência
Insignía de excelência
 
Fazendo o seguro passo a passo
Fazendo o seguro passo a passoFazendo o seguro passo a passo
Fazendo o seguro passo a passo
 
Escolhendo uma barraca
Escolhendo uma barracaEscolhendo uma barraca
Escolhendo uma barraca
 
Curiosidades sobre os desbravadores
Curiosidades sobre os desbravadoresCuriosidades sobre os desbravadores
Curiosidades sobre os desbravadores
 
Quem são os desbravadores
Quem são os desbravadoresQuem são os desbravadores
Quem são os desbravadores
 
Objetivo dos desbravadores
Objetivo dos desbravadoresObjetivo dos desbravadores
Objetivo dos desbravadores
 
História dos desbravadores
História dos desbravadoresHistória dos desbravadores
História dos desbravadores
 

Trabalho da especialidade de cães

  • 1. Nome: Unidade: Clube: Ano: ESPECIALIDADE DE CÃES 1 - Dar o nome científico do cão doméstico. CanisFamiliaris 2– Citar5 características peculiares da família canidae. a)Cinco unhasnas patasdianteirase quatro nas patas traseiras b) 42 dentes incluindo 4caninos. As pessoas têm 32 dentes. c) Não reconhecem a cor d Pele coberta de pelos e) Excelente olfato e audição f) A maioria dos cães tem duas camadas de pelo: uma externa para se proteger de chuva e neve, e outra interna para preservar a temperatura do animal. g) Consideradoamigo do homem por ser fiel ao seu dono. 3– Identificar, a partir de fotografias/figuras, ou observação natural, cinco membros selvagens da família dos cães. Existem pelo menos 37 espécies. Os mais conhecidos são: Chacal, Coiote (USA), Dingo (Austrália),Lobo-cinzento(Brasil), Lobo-guará.
  • 2. 4 – Identificar, a partir de fotografias/figuras, ou observação natural, 15 diferentes raças de cães.
  • 3. 5 – Mencionar5 contribuições da família dos cães ao homem. a) Como guia de cegos e paraplégicos:Labrador b) Como farejadorde drogas: Labrador c) Como guarda residencial d) Como pastor de ovelhas: e) auxiliar de polícia e companheiro para pessoas mais solitárias ou idosas f) Na prática da caça g) Na procriação h) Transporte de materiais i) Conduçãode boiadase rebanhos
  • 4. 6 – Escrever ou descrever oralmente a importância, para o homem, dos seguintes grupos de cães e mencionar algumas raças equivalentes: a) Cães-guia: Geralmente, o pastor alemão e o labrador. Eles são treinados para guiar cegos pela calçada, ao redor de obstáculos, atravessarem ruas, e esperar a passagem de veículos. Em fim, eles ajudam que as pessoas com deficiênciavisual possam ter uma vida normal b) Cães farejadores: Podem ser usados para farejar tanto drogas em operações policiais, quanto para encontrar pessoas desaparecidas ou até objetos, independe, afinal sua função é farejar e encontrar coisas.Pastor alemão, pastor belga, labrador, Fox terrier. c) Cães pastores: São usados no auxílio do controle de rebanhos e defesa do rebanho contra lobos e outras feras. Exemplo: Border colie, Colie, Pastor alemão, Pastor australiano. d) Cães companheiros para crianças: São cães dóceis, usados para fazer companhia para crianças. Exemplo: Buldogue inglês, Beagle, Bull terrier, Collie. a) Cães guardas: É usado para proteger propriedades, animais e pessoas, são violentos e fortes. Exemplo. Pastor alemão, Rottweiler, Doberman, Bulldogamericano. b) Cães que auxiliam polícia e bombeiros em sua região. Seja para achar drogas, ajudar a prender, encontrar criminosos ou para encontrar objetos perdidos, pessoas desaparecidas ou até mesmo pessoas mortas, mas com finalidade de dar
  • 5. um enterro digno aos familiares, os cães usados, tanto pela polícia quando pelos bombeiros, são muito importantes. Exemplo. Boiadeiro australiano, Pastor alemão, Labrador retriever. 7 – Dar o nome da menor e da maior raça de cães do mundo. Menor: Chihuahua. Maior: Dogue alemão. 8 – Identificar, pessoalmente ou por fotografias/figuras, 5 cães que são classificadoscomo toy (anões). 9 – Qual o único cão que tem a línguainteiramente azul ou preta ? - Chow Chow 10 – Qual o cão mais ráido ? - Greyhound ou Galgo Espanhol.Utilizado na caça da lebre 11 – Escrever ou contar uma história sobre um cão.
  • 6. Perdido na neve (O gato que salvou o trem, pág,22 CPB) José e seu cão Susik quase juntos: um na cama e outro no chão. Cuidava das cabras e da horta da família. Um dia no inverno, José e seus amigos apostaram numa corrida na neve. Ele deu uma vantagem até que os outros desapareceram. José pediu a Susik para ficar em casa. Fazia muito frio. José desceu pelo caminho mais curto: pelas cataratas. Um dos esquis se enganchou num galho escondido. Escorregou por uma distância de vários metros. Não podia mover a perna. Gritou Socorro! várias vezes. De repente Susik apareceu no meio da neve. José pediu a Susik para ir a buscar a papai. Susik corria até certa distância e voltava, como tentando animar a José a segui- lo. Despois de alguns minutos apareceu papai e outro homem trazendo alguns cobertores. Seu pai puxou o trenó até a casa. Usik salvou-lhe a vida e ganhou uma refeição abundante. Serelepe e o Touro Premiado (O gato que salvou o trem, pág,70 CPB) Tomás foi a igreja adventista. De volta, seu padrasto castigou-lhe por isto e prometeu matar seu cachorro vira- lata. De noite junto com seu cachorro Serelepe foi para um monte de palha a orar. Pediu pelo seu cachorro e pelo seu padrasto e pela promessa a sua mãe de sempre ir para a igreja. Sábado seguinte, foi para a igreja e Serelepe esperou na escada. De volta se dirigiu para os estábulos. De repente o touro premiado de seu padrasto Valdir veio em direção de Tomás. Ele correu, mais antes de chegar na cerca, o touro alcançou-lhe e nesse instante Serelepe se prendeu do pescoço do animal. A luta se tornou feroz entre o touro e o cachorro com muito sangue. Uma pata de Serelepe ficou ferida. Nesse momento apareceu o padrasto com um revolver e atirou contra uma pata do cão. Tomás correu para o cão e enfrentou-se ao padrasto e diz que ele o salvou a vida. No próximo sábado, tinha que
  • 7. ir para a igreja. Porém, não podia levar o cão, pois estava ferido. Valdir perguntou se não tinha medo de deixar o cão. Diz que não podia carregá-lo tão longe. Valdir decidiu acompanhar a Tomás a igreja levando junto, na charrete, a Serelepe. No final do sermão, Valdir passou na frente ao chamado do pastor. Perguntado pelo motivo da sua decisão, respondeu: “Foi pelo amor que este cachorro demonstrou a Tomás, e pelo amor de Tomás para com seu cão. E também pela fidelidade deste menino a Deus, e por suas orações por mim. Alegro-me porque este menino cumpriu a promessa feita a sua mãe”. 12 – Quais cuidados deve-se tomar com os cães para que tenham uma vida saudável. É bom conhecer a peculiaridades da raça de seu cão, pois um cão brincalhão que não tem a devida atenção ou é mantido aprisionado virá a adoecer ou se tornar anti-social. Manter a vacinação em dia, levar periodicamente ao veterinário, cuidar com a higiene do cão (cortar unhas, pêlo, banho, tosa, orelhas limpas, pêlos limpos e desembaraçados, escovação), cuidar com os parasitas que eventualmente poderão fazer mal ao cão, limpar o local onde ele fica com produtos para esses parasitas e sem falar na higiene do local em si, ração correta. 13 – Ajudar a cuidarde um cão por pelo menos, um mês. - Item prático.