SlideShare uma empresa Scribd logo
MOBILIZAÇÃO NACIONAL DE ORAÇÃO – MÊS OUTUBRO 2014 
Um ano se passou desde que iniciamos nossa 
Mobilização de Oração. Tem sido ela motivo de muitas 
bênçãos para todos nós. Este mês é muito especial. Temos a 
alegria de comemorar no dia 12, o dia de Nossa Senhora 
Aparecida, bem como dia dedicado as nossas crianças. 
Neste mês nossa coordenadora Hyde também estará nos 
representando no Equador... Temos muitos motivos para 
louvar e bendizer o Senhor. Muitos motivos para 
interceder. O Padre Fernando nosso diretor espiritual 
também nos fez um pedido especial: ele quer contribuir 
com nossa mobilização e pediu que rezássemos uma missa 
por cada estado. Para mantermos a unidade que nos 
propõe o tema do ano sugerimos o seguinte: 
Cada estado rezará uma missa pelo seu estado e pelo estado que estará na intercessão 
após o seu. O último horário da intercessão rezará pelo primeiro que iniciou. Seguiremos a tabela. 
HORÁRIO ESTADO (S) 
00:00-1:00 Mato Grosso do Sul 
1:00-2:00 Minas Gerais 
2:00-3:00 Maranhão 
3:00-4:00 Acre 
4:00-5:00 Paraná 
5:00-6:00 Sergipe 
6:00-7:00 Ceará 
7:00-8:00 Santa Catarina e Rondônia 
8:00-9:00 Goiás 
9:00-10:00 São Paulo 
10:00-11:00 Rio Grande do Norte 
11:00-12:00 Amapá 
12:00-13:00 Tocantins 
13:00-14:00 Pernambuco 
14:00-15:00 Rio de Janeiro 
15:00-16:00 Amazonas 
16:00-17:00 Roraima e Rio Grande do Sul 
17:00-18:00 Alagoas 
18:00-19:00 Piauí 
19:00-20:00 Pará e Distrito Federal 
20:00-21:00 Mato Grosso 
21:00-22:00 Bahia 
22:00-23:00 Paraíba 
23:00-24:00 Espírito Santo 
Segue abaixo a primeira reflexão que nos deixou Padre Fernando:
Caríssimos, evangelizadores de Crianças!!! A paz do Menino Jesus, o amor e o carinho de 
Maria, e o meu abraço fraterno, quero, pois fiz uma reflexão, e quero que partilhem dela. 
Deserto lugar de Recomeçar!!! 
LUCAS 4,1-3 
O que é o Deserto? Deserto é um lugar hermo, sem vida, sem água, sem perspectiva, é 
um lugar de escassez. O fato é que todos nós já passamos por algum deserto e ainda iremos 
passar outros tantos. Como diz o texto acima, até o próprio Jesus teve que ir ao deserto. O 
problema é que temos medo do deserto. Mas por que temer, se o deserto é PASSAGEM 
obrigatória? Bom, eu quero compartilhar 3 aspectos interessantes, sobre o deserto: 
1 - O DESERTO É LUGAR DE PASSAGEM: ninguém gostaria de ir morar no deserto, 
Deus não criou o deserto para ser tua morada! Porém em muitos momentos da vida temos que 
passar por lá, e quando achamos que estamos passando... vem outro deserto! Lembre-se: para 
chegar a terra prometida, a terra que mana leite e mel, a terra de abundância, de fartura, temos 
que passar pelo deserto. 
2 - O DESERTO É UMA ESCOLA: Foi o próprio Espírito Santo que levou Jesus ao 
deserto. Foi Deus quem mandou Moisés levar o povo ao deserto. No entanto temos que 
entender algo: Deus quer nos ensinar algo com os desertos da vida, isso quer dizer que quanto 
mais cedo você aprender, mais rápido vai sair deste momento de sequidão. Nesta escola 
(deserto) aprendemos em três níveis: 
- Com Deus - No deserto passamos a buscar mais a Deus, é no deserto que aprendemos a 
clamar e a reconhecer o poder de Deus, se não, de lá não sairemos. Deserto é o lugar de 
aprender a depender totalmente de Deus e só de Deus! 
- Comigo Mesmo - No deserto temos tempo de ficarmos a sós e então refletimos sobre quem 
nós somos ou o que somos. Refletimos sobre o que precisamos mudar e o que é necessário 
aprender. Neste momento nos encontramos! 
- Com os Outros - No deserto aprendemos a ser humildes, a ser simples como as pombas, mas 
espertos como serpentes. No deserto aprendemos em quem podemos confiar, descobrimos 
quem são aqueles que podemos contar de verdade, descobrimos que não somos o centro do 
universo. Descobrimos neste momento a reconhecer as autoridades constituídas e as 
verdadeiras amizades. 
3 - O Deserto é lugar de recomeçar: sabe por que o deserto é um lugar tão calmo? Porque é lá 
onde devemos ficar em quietude para ouvir a voz de Deus. Não reclame, não murmure, 
apenas 
OUÇA! Lembre-se: sua situação poderia ser bem pior, ou ainda pode ser agravada. Sua 
história poderia não existir. Não deixe que o deserto seja o seu fim, RECOMECE! _Ah! mas 
eu já tive muito trabalho! NÃO IMPORTA! RECOMECE!
O deserto é o lugar de esquecer as derrotas e as glórias do passado, no deserto todos 
somos iguais. Desista de fugir, encare o deserto: PASSE por ele, APRENDA com ele e 
acima de tudo RECOMECE! 
Deus abençoe Abraços !!! 
Pe. Luiz Fernando 
Mais uma vez quero exortar-vos: Continuemos sendo ousados meus irmãos, clamemos pelo 
Espírito Santo. Não deixe o seu estado de fora. A cruz que carrega o fogo de Deus já foi plantada aí na 
sua terra. Seu solo será solo santo. Convoque seus coordenadores diocesanos, passe essa chama. 
Esses chamarão seus servos e assim todos nós faremos mais uma vez 24 horas de oração pela 
Renovação Carismática Católica. 
Como rezar? Gostaríamos de sugerir que iniciemos com o sinal da cruz, a oração do Creio em 
seguida invocar o Espírito Santo. Depois rezar o Terço Bizantino do Evangelizador em anexo, faça em 
seguida uma intercessão profética pelo Escritório Nacional, todos seus projetos (Missionário, 
Construção da Nossa Casa, Revista...); Conselhos Nacional, Estadual e Diocesanos com todos seus 
eventos e projetos, pelos Ministérios seus eventos e projetos. Clame pelos dons, ore em línguas e 
depois silencie e escute. Anote o que Deus colocou em seu coração (pode ser uma única palavra, 
uma canção ou uma profecia). Finalize com a oração que nos ensina Elena Guerra: “Senhor, faz que 
eu fale, agindo conforme teu Espírito: que as minhas palavras te glorifiquem e sejam úteis ao bem 
espiritual do meu próximo. Amém!” Seja sincero em suas orações. Interceda com fé meu irmão. 
SUGESTÃO DE GRUPO DE ORAÇÃO 
TEMA: Nossa Senhora e Dia das Crianças 
RESPONSÁVEL: Roberta Resende Barbosa 
REFLEXÃO PARA OS COORDENADORES DO ENCONTRO: Neste mês, no dia 12 
comemoramos o dia de Nossa Senhora Aparecida e dia das Crianças. Nossa Senhora da 
Imaculada Conceição Aparecida é um título dedicado a Maria Santíssima, mãe de Jesus e 
também nossa Mãezinha. 
Existem duas fontes sobre o achado da imagem, o primeiro deles foi registrado pelo 
Padre José Alves Vilela em 1743, o segundo pelo Padre João Morais e Aguiar em 1757. 
Os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves saíram com o intuito 
de conseguir o melhor pescado que pudessem imaginar. Após muitas tentativas sem êxito,
desceram o curso do Rio até chegarem ao porto Itaguaçu. Eles tinham perdido as esperanças, 
até que João Alves lançou sua rede nas águas e apanhou o corpo de uma imagem sem a 
cabeça. Em uma nova tentativa apanhou a cabeça da imagem, com todo cuidado eles 
envolveram a imagem em um lenço. Foi aí que os peixes chegaram em abundância para os 
três pescadores. 
Filipe Pedroso manteve a imagem em sua casa por quinze anos, já não eram somente 
os pescadores que vinham rezar diante da imagem, nesse tempo os vizinhos também se 
reuniam para orar junto àquela imagem. A família, então, construiu um oratório, que em 
pouco tempo se mostrou pequeno em relação à multidão que o frequentava. Deste então se 
deu início a devoção daquele povo, e os que oraram diante da imagem alcançaram muitas 
graças, dessa forma a fama dos milagres de Nossa Senhora se espalhou pelas regiões do 
Brasil. 
O vigário de Guaratinguetá construiu uma capela no alto do morro dos Coqueiros, 
por volta do ano de 1734, somente em 26 de julho de 1745, esta 
capela foi aberta à visitação pública. Em viagem pelo Vale do 
Paranaíba, no dia 20 de Abril de 1822, Dom Pedro I e sua comitiva 
visitaram a capela e a imagem. 
A construção da primeira igreja, hoje conhecida como 
Basílica Velha, foi iniciada em 1834 para acomodar os fiéis que 
aumentavam a cada dia, a igreja foi inaugurada e benzida em 8 de 
Dezembro de 1888. A Princesa Isabel também visitou a basílica, 
por duas vezes, na primeira em Dezembro de 1868, quando fez uma promessa e a segunda vez 
em Novembro de 1888, a Princesa ofertou à santa em pagamento da promessa uma linda 
coroa de ouro cravejada de diamantes e rubis, juntamente com um manto azul, ricamente 
adornado, bordado em ouro e pedrarias, símbolos de sua realeza e patronato. 
Em 8 de Setembro de 1904 a imagem foi coroada com a riquíssima coroa doada pela 
Princesa, a celebração solene foi dirigida por D. José Camargo Barros, com a presença de 
muitos bispos, do então Presidente da República, do núncio Apostólico e de muita gente. 
Após a coroação foi concedido ao santuário de Aparecida outros favores: Ofício e missa 
própria de Nossa Senhora Aparecida e indulgências para os romeiros que fossem em 
peregrinação ao Santuário. 
Uma vila foi formada ao redor da Igreja, e em 17 de Dezembro de 1928 a vila 
tornou-se município, em homenagem a Nossa Senhora nascia o município de Aparecida. No
ano de 1929, Nossa Senhora foi proclamada Rainha do Brasil e também a Padroeira Oficial, 
através de determinação do Papa Pio XI. A Lei n° 6.802 de 30 de Junho de 1980 decretou 
oficialmente feriado nacional no dia 12 de Outubro, nesta mesma Lei, a República Federativa 
do Brasil reconhece oficialmente Nossa Senhora Aparecida como Padroeira do Brasil. 
A Basílica Nova de Nossa Senhora Aparecida foi consagrada como o maior 
santuário do mundo em 1980 pelo Papa João Paulo II, no dia 4 de Julho deste ano foi 
celebrada uma solene missa revigorando a devoção á Santa Maria, Mãe de Jesus. Em Maio de 
2004 João Paulo II concedeu indulgências aos devotos de Nossa Senhora Aparecida, por 
ocasião das comemorações do centenário da coroação da imagem e proclamação de Nossa 
Senhora com Padroeira do Brasil, em um concurso nacional foi eleita a Coroa do Centenário. 
São exemplos de milagres de Nossa Senhora os milagres denominados: Milagre das 
velas (1°); Cavaleiro e a Marca da Ferradura; A menina cega; O menino no Rio; O homem e a 
Onça entre outros. 
Vocês viram que história mais linda de Nossa Senhora? Não dá vontade de sair 
correndo e contar para as crianças tudo que aprendemos agora? Esse grupinho essa semana 
tem que ser nota dez, apaixonante, para que as crianças se apaixonem por Nossa Senhora, e 
que o dia da Nossa Mãezinha possa ser mais comemorado do que o comércio do dia das 
crianças, as crianças precisam entender que o dia delas é marcado por acontecimento muito 
maior, o dia de Nossa Senhora. 
SUGESTÃO DE LEMBRANCINHA: Como a data pede uma 
lembrancinha para as crianças nossa sugestão é que você faça Maria 
em Feltro, é muito bonito e simples, basta pegar o molde e 
acompanhar o passo a passo. 
1° Passo: Cortar o feltro, de acordo com o molde, corte de rosa os 
braços e o rostinho, de azul o véu e de branco duas partes do 
corpinho. 
2° Passo: Junte as duas partes brancas e coloque um 
pouco de algodão ou espuma e um pedaço de cordão para fazer uma 
alcinha em cima da cabeça, junte com o véu azul e costure. Use o ponto caseado para dar mais 
acabamento e a linha de bordar. (Enfie a agulha no feltro para sua direção. Puxe a linha 
deixando uma pequena argola. Passe a agulha por dentro dessa argola. Puxe para firmar o
ponto. Enfie novamente a agulha no feltro em sua direção. Passe a linha na ponta da agulha 
dando uma laçada. Puxe para firmar o ponto. E pronto!) 
3° Passo: Cole com cola quente, ou cola de tecido os bracinhos junto à curva do véu, sobre os 
bracinhos cole uma medalhinha do Menino Jesus de Praga. 
4° Passo: Com uma agulha, pregue duas miçangas no rosto, para serem os olhos de nossa 
Senhora, com uma canetinha faça o traço da boca, depois cole a cabecinha por cima do véu. 
5° Passo: Se quiser você pode passar um pouco de gliter em volta do véu. Está pronta a Nossa 
Senhora em feltro, basta colocar em um saquinho, uma caixinha e entregar para as crianças. 
Dica: Acompanhe o desenho da Nossa Senhora pronta, o desenho ficou um pouco escuro, mas 
dá para ter noção de como fica. Se acharem muito difícil fazer em Feltro, o mesmo pode ser 
feito com papel. Molde:
ACOLHIDA e ORAÇÃO INICIAL: Acolher as crianças com muita alegria. Diga a elas que 
elas foram criadas, por amor, pelo Papai do Céu, e pelo amor de Maria por nós. 
Rezar a Ave Maria com gestos, pedir para eu as crianças rezem por seus pais e 
agradeçam a família. Leve algumas flores (pode ser de verdade, de plástico, desenho), 
entregue uma para cada criança, peça para as crianças rezarem o terço, como se o terço 
fossem elas, e as bolinhas as flores, assim ofereça a Nossa Senhora cada flor junto com cada 
Ave-Maria. Nossa!!!! Maria vai ficar radiante de tanta alegria ao ver essa homenagem. 
EFUSÃO: Cante “Mamãe do céu, Papai do céu...” com as crianças e convide o Espírito Santo 
para participar do encontro e peça para que Ele toque o coração de cada criança presente. Fale 
sobre a vontade de sermos tocados, transformados por Ele, diga que sozinhos não podemos 
viver. Incentive que as crianças peçam para que o Espírito Santo se mova em seus corações. 
PREGAÇÃO: Hoje crianças nós vamos falar sobre nossa Mamãe do Céu, ela tem muito 
amor por nós e quer nos ver feliz. 
Para essa pregação utilize um pedaço de pano azul, uma imagem de Nossa Senhora 
com e sem cabeça, uma rede, um barquinho, pequenos peixes de papel, três desenhos de 
homens (pescadores), um desenho de um altar e um desenho da Basílica Nova. Utilize esses 
recursos quando acordo que for contar a história a seguir, conte a história de modo 
contagiante, alegre e bem ilustrado. 
Pegue o pano azul coloque-o sobre uma superfície lisa, como se fosse a água do Rio, 
o qual a Imagem de Nossa Senhora foi encontrada. Coloque o barquinho com os três homens 
dentro do barquinho sobre o tecido e comece contar a história. 
Haviam três pescadores o Domingos Garcia, o Filipe Pedroso e o João Alves, eles 
saíram para pescar em um rio muito comprido que passava bem perto da casa deles. Eles 
pretendiam pescar muitos peixes, de todos os tamanhos e espécies, queriam uma pescada 
como ninguém nunca tinha visto antes. Assim saíram rio adentro em busca do pescado, 
lançaram no rio a rede pela primeira vez e nada pescaram, jogaram mais uma vez e nada, 
lançaram de novo e de novo e nada. Até que Filipe sugeriu que eles subissem mais um pouco 
o rio, assim eles remaram, remaram... Neste novo local lançaram a rede novamente e 
adivinham o que eles tinham encontrado? Nada, nem folhas eles conseguiam pegar, os três
pescadores já estavam ainda desanimados, eles já tinham perdido as esperanças, até que João 
Alves lançou sua rede nas águas e conseguiram pegar alguma coisa. Alguém sabe o que eles 
tinham pegado??? Não!? Ah eles pegaram algo muito curioso, não era nenhum tipo de peixe, 
era o corpo de uma imagem sem a cabeça. Eles ficaram intrigados com aquilo e em uma nova 
tentativa apanhou a cabeça da imagem. Era a imagem de Nossa Senhora Aparecida, nossa eles 
ficaram tão felizes, eles queriam uma pescada como ninguém nunca tinha visto antes e o 
pedido deles foi atendido, ninguém antes tinham pescado Nossa Senhora. Com todo cuidado e 
carinhos que tinham eles envolveram a imagem em um lenço, neste momento aconteceu um 
milagre, os peixes apareceram em abundância no rio e pularam no barco dos três pescadores, 
nesse momento foi só alegria, eles já tinham conseguido uma pescada diferente, depois os 
peixes pularam no barco dos pescadores, eles ficaram todos agradecidos com a imagem e 
voltaram para a casa. Quando chegaram em casa eles colaram a imagem, limparam e 
montaram um altar na casa dos pescadores para a Nossa Senhora. Os três mantiveram a 
imagem nesse altar por 15 anos e os vizinhos também se reuniam para rezar junto àquela 
imagem. A família, então, construiu um oratório, que em pouco tempo se mostrou pequeno 
em relação à multidão que o frequentava, e os que oraram diante da imagem alcançaram 
muitas graças, dessa forma a fama dos milagres de Nossa Senhora se espalhou pelas regiões 
do Brasil. Até que foi preciso construir um lugar maior para Nossa Senhora, este lugar 
recebeu o nome de Basílica Nova de Nossa Senhora Aparecida, que foi consagrada como o 
maior santuário do mundo. 
LOUVOR: Peça para que cada criança pense em uma qualidade de Maria. A seguir peça para 
que cada criança fale a qualidade que pensou e peça para que ela reze uma Ave-Maria em 
agradecimento a essa qualidade. 
ATIVIDADE SUGERIDA:
 De 05 a 12 anos – Faça em casa massinha caseira de três cores e leve para que 
as crianças possam montar ou cobrir o desenho de Nossa Senhora Aparecida, elas vão adorar. 
Para fazer a Massinha você vai precisar de: 4 xícaras de farinha de trigo; 1 xícara de 
sal; 1 xícara e meia de água; 1 colher de sopa de óleo; corante de alimento de cores diferentes. 
Como fazer? É muito fácil fazer misture em uma vasilha a farinha, o sal, a água e o óleo. 
Amasse bem com as mãos até que vire uma massa uniforme. Divida em várias partes e, em 
cada uma, coloque um corante diferente. Pronto! Agora é deixá-la na geladeira para ela acabar 
de adquirir a consistência e não juntar baixo. Fonte: Ciência Hoje das Crianças online. 
(Sugestão de cores: azul claro, marrom e vermelho. Se você não achar o corante poderá 
utilizar suco em pó para colorir a massa). 
Abaixo segue um desenho de Nossa Senhora. Você pode colocá-lo em um papel 
mais firme para que ele sirva de suporte para as crianças, algumas vão montar uma Nossa 
Senhora sobre o papel, outras poderão apenas recobrir o desenho levado.
ORAÇÃO FINAL: Finalize na roda, peça para que cada criança reze uma Ave-Maria para 
que o Papai do Céu abençoe sua família. Reze junto com as crianças o Pai-Nosso e um Glória 
ao Pai gesticulado. E cante “Mãezinha do céu...”.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Dia da Bíblia e Oração
Dia da Bíblia e OraçãoDia da Bíblia e Oração
Dia da Bíblia e Oração
nsaparecida
 
04 12 11
04 12 1104 12 11
Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...
Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...
Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...
Bernadetecebs .
 
Celebração Sirlene - Formato de Livreto
Celebração Sirlene - Formato de LivretoCelebração Sirlene - Formato de Livreto
Celebração Sirlene - Formato de Livreto
nsaparecida
 
Bimba kids 23-12-2012
Bimba kids   23-12-2012Bimba kids   23-12-2012
Bimba kids 23-12-2012
Debora Teixeira
 
Boletim 142.25.05.14
Boletim 142.25.05.14Boletim 142.25.05.14
Boletim 142.25.05.14
Rildo Ribeiro
 
Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008
Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008
Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008
José Vieira Dos Santos
 
28 08 11
28 08 1128 08 11
Espaço jovem 03
Espaço jovem 03Espaço jovem 03
Espaço jovem 03
Dejadjl
 
Folder smj encontro dia 27 A alegria da Chegada
Folder smj encontro dia 27 A alegria da ChegadaFolder smj encontro dia 27 A alegria da Chegada
Folder smj encontro dia 27 A alegria da Chegada
Manoel Nerys de Almeida
 
Espaço jovem
Espaço jovemEspaço jovem
Espaço jovem
Dejadjl
 
Canta iao senhor
Canta iao senhorCanta iao senhor
Canta iao senhor
Hosana Donadia
 
Livro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completo
Livro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completoLivro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completo
Livro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completo
Bernadetecebs .
 
18 12 11
18 12 1118 12 11
Estudo Celiulas 2
Estudo Celiulas 2Estudo Celiulas 2
Estudo Celiulas 2
Fabrício Tarles
 
Chama do Carmo_171
Chama do Carmo_171Chama do Carmo_171
Chama do Carmo_171
Frei João
 
Espaço jovem
Espaço jovemEspaço jovem
Espaço jovem
Dejadjl
 

Mais procurados (17)

Dia da Bíblia e Oração
Dia da Bíblia e OraçãoDia da Bíblia e Oração
Dia da Bíblia e Oração
 
04 12 11
04 12 1104 12 11
04 12 11
 
Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...
Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...
Cânticos do Terço Missionário - Pastoral da visitação - Paróquia Coração de J...
 
Celebração Sirlene - Formato de Livreto
Celebração Sirlene - Formato de LivretoCelebração Sirlene - Formato de Livreto
Celebração Sirlene - Formato de Livreto
 
Bimba kids 23-12-2012
Bimba kids   23-12-2012Bimba kids   23-12-2012
Bimba kids 23-12-2012
 
Boletim 142.25.05.14
Boletim 142.25.05.14Boletim 142.25.05.14
Boletim 142.25.05.14
 
Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008
Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008
Cantos Pequenas Comunidades Cristãs 2008
 
28 08 11
28 08 1128 08 11
28 08 11
 
Espaço jovem 03
Espaço jovem 03Espaço jovem 03
Espaço jovem 03
 
Folder smj encontro dia 27 A alegria da Chegada
Folder smj encontro dia 27 A alegria da ChegadaFolder smj encontro dia 27 A alegria da Chegada
Folder smj encontro dia 27 A alegria da Chegada
 
Espaço jovem
Espaço jovemEspaço jovem
Espaço jovem
 
Canta iao senhor
Canta iao senhorCanta iao senhor
Canta iao senhor
 
Livro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completo
Livro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completoLivro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completo
Livro ODC -oficio-divino-das-comunidades-completo
 
18 12 11
18 12 1118 12 11
18 12 11
 
Estudo Celiulas 2
Estudo Celiulas 2Estudo Celiulas 2
Estudo Celiulas 2
 
Chama do Carmo_171
Chama do Carmo_171Chama do Carmo_171
Chama do Carmo_171
 
Espaço jovem
Espaço jovemEspaço jovem
Espaço jovem
 

Semelhante a Mobilização nacional de oração outubro - 2014

HISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docx
HISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docxHISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docx
HISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docx
LUZIATRAVASSO1
 
Aniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação CavanisAniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação Cavanis
Edvaldo001
 
Jornal de agosto
Jornal de agostoJornal de agosto
Jornal de agosto
jucrismm
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
ParoquiaDeSaoPedro
 
Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015
Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015
Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015
Pascom Paroquia Nssc
 
Novena ao Padroeiro Santo André 2010
Novena ao Padroeiro Santo André 2010Novena ao Padroeiro Santo André 2010
Novena ao Padroeiro Santo André 2010
José Vieira Dos Santos
 
2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter
2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter
2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter
guestf5f9194
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...
ParoquiaDeSaoPedro
 
Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020
Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020
Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020
TresQuatroCincoPubli
 
Paróquia em Ação 08
Paróquia em Ação 08Paróquia em Ação 08
Paróquia em Ação 08
ParoquiaForquilhinha
 
Chama do Carmo _177
Chama  do Carmo _177Chama  do Carmo _177
Chama do Carmo _177
Frei João
 
Jornal Balada da União nº 327 Janeiro/Fevereiro 2015
Jornal Balada da União nº 327  Janeiro/Fevereiro 2015Jornal Balada da União nº 327  Janeiro/Fevereiro 2015
Jornal Balada da União nº 327 Janeiro/Fevereiro 2015
Convívios Fraternos Leiria-Fátima
 
Sagrada Notícias Online - 20° Edição
Sagrada Notícias Online - 20° EdiçãoSagrada Notícias Online - 20° Edição
Sagrada Notícias Online - 20° Edição
Liliane Jornalista
 
Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021
Bernadetecebs .
 
São Luiz em Notícias - Maio 2016
São Luiz em Notícias - Maio 2016São Luiz em Notícias - Maio 2016
São Luiz em Notícias - Maio 2016
Marcelo Schmitz
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
ParoquiaDeSaoPedro
 
Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01
Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01
Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01
ParoquiaSantaCruz
 
Julho 2013
Julho 2013Julho 2013
Julho 2013
ParoquiaSantaCruz
 
Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01
Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01
Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01
pnsdivinoamor
 
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
Rogenia
 

Semelhante a Mobilização nacional de oração outubro - 2014 (20)

HISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docx
HISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docxHISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docx
HISTÓRIA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.docx
 
Aniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação CavanisAniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação Cavanis
 
Jornal de agosto
Jornal de agostoJornal de agosto
Jornal de agosto
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
 
Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015
Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015
Jornal Novos horizontes ed. dezembro 2015
 
Novena ao Padroeiro Santo André 2010
Novena ao Padroeiro Santo André 2010Novena ao Padroeiro Santo André 2010
Novena ao Padroeiro Santo André 2010
 
2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter
2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter
2579110 Curando Os Enfermos Charles E Frances Hunter
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Março ...
 
Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020
Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020
Guia de Noivos - Paróquia N Sra Aparecida, Moema - 2020
 
Paróquia em Ação 08
Paróquia em Ação 08Paróquia em Ação 08
Paróquia em Ação 08
 
Chama do Carmo _177
Chama  do Carmo _177Chama  do Carmo _177
Chama do Carmo _177
 
Jornal Balada da União nº 327 Janeiro/Fevereiro 2015
Jornal Balada da União nº 327  Janeiro/Fevereiro 2015Jornal Balada da União nº 327  Janeiro/Fevereiro 2015
Jornal Balada da União nº 327 Janeiro/Fevereiro 2015
 
Sagrada Notícias Online - 20° Edição
Sagrada Notícias Online - 20° EdiçãoSagrada Notícias Online - 20° Edição
Sagrada Notícias Online - 20° Edição
 
Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021
 
São Luiz em Notícias - Maio 2016
São Luiz em Notícias - Maio 2016São Luiz em Notícias - Maio 2016
São Luiz em Notícias - Maio 2016
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
 
Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01
Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01
Folhetim Paróquia Santa Cruz - Julho de 2013 - Ano 01
 
Julho 2013
Julho 2013Julho 2013
Julho 2013
 
Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01
Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01
Jornal Divino Amor em Foco - Nº 01
 
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
 

Mais de Maria de Souza

Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014
Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014
Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014
Maria de Souza
 
Mobilização julho
Mobilização julhoMobilização julho
Mobilização julho
Maria de Souza
 
Mobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇAS
Mobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇASMobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇAS
Mobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇAS
Maria de Souza
 
Relatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUS
Relatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUSRelatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUS
Relatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUS
Maria de Souza
 
Relatório técnico czs
Relatório técnico czsRelatório técnico czs
Relatório técnico czs
Maria de Souza
 
Relatório de implantação da ouvidoria de xapuri
Relatório de implantação da ouvidoria de xapuriRelatório de implantação da ouvidoria de xapuri
Relatório de implantação da ouvidoria de xapuri
Maria de Souza
 
Apresentação da ouvidoria
Apresentação da ouvidoriaApresentação da ouvidoria
Apresentação da ouvidoria
Maria de Souza
 
Mc para crianças no acre
Mc para crianças no acreMc para crianças no acre
Mc para crianças no acre
Maria de Souza
 
Grupo de oração luz da vida
Grupo de oração luz da vidaGrupo de oração luz da vida
Grupo de oração luz da vida
Maria de Souza
 

Mais de Maria de Souza (9)

Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014
Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014
Mobilizau00 e7u00e3o novembro 2014
 
Mobilização julho
Mobilização julhoMobilização julho
Mobilização julho
 
Mobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇAS
Mobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇASMobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇAS
Mobilização junho MINISTÉRIO PARA AS CRIANÇAS
 
Relatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUS
Relatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUSRelatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUS
Relatório do 1º quadrimestre de 2014 - OUVIDORIA SESACRESUS
 
Relatório técnico czs
Relatório técnico czsRelatório técnico czs
Relatório técnico czs
 
Relatório de implantação da ouvidoria de xapuri
Relatório de implantação da ouvidoria de xapuriRelatório de implantação da ouvidoria de xapuri
Relatório de implantação da ouvidoria de xapuri
 
Apresentação da ouvidoria
Apresentação da ouvidoriaApresentação da ouvidoria
Apresentação da ouvidoria
 
Mc para crianças no acre
Mc para crianças no acreMc para crianças no acre
Mc para crianças no acre
 
Grupo de oração luz da vida
Grupo de oração luz da vidaGrupo de oração luz da vida
Grupo de oração luz da vida
 

Último

11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICA
INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICAINTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICA
INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICA
AlineGoulartSchneide
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
Sammis Reachers
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
PIB Penha
 
Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .
Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .
Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .
adamasatoshi
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Apostila Caracteristica Seres-Estelares.pdf
Apostila Caracteristica Seres-Estelares.pdfApostila Caracteristica Seres-Estelares.pdf
Apostila Caracteristica Seres-Estelares.pdf
PatriciaTanureNutril
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
PIB Penha
 
Oração Da Família
Oração Da FamíliaOração Da Família
Oração Da Família
Nilson Almeida
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 

Último (17)

11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICA
INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICAINTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICA
INTRODUÇÃO À HERMENÊUTICA BÍBLICA | INTERPRETAÇÃO BÍBLICA
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
 
Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .
Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .
Revista Juvenis 10 - Aluno (1).pdf free .
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Apostila Caracteristica Seres-Estelares.pdf
Apostila Caracteristica Seres-Estelares.pdfApostila Caracteristica Seres-Estelares.pdf
Apostila Caracteristica Seres-Estelares.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
 
Oração Da Família
Oração Da FamíliaOração Da Família
Oração Da Família
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 

Mobilização nacional de oração outubro - 2014

  • 1. MOBILIZAÇÃO NACIONAL DE ORAÇÃO – MÊS OUTUBRO 2014 Um ano se passou desde que iniciamos nossa Mobilização de Oração. Tem sido ela motivo de muitas bênçãos para todos nós. Este mês é muito especial. Temos a alegria de comemorar no dia 12, o dia de Nossa Senhora Aparecida, bem como dia dedicado as nossas crianças. Neste mês nossa coordenadora Hyde também estará nos representando no Equador... Temos muitos motivos para louvar e bendizer o Senhor. Muitos motivos para interceder. O Padre Fernando nosso diretor espiritual também nos fez um pedido especial: ele quer contribuir com nossa mobilização e pediu que rezássemos uma missa por cada estado. Para mantermos a unidade que nos propõe o tema do ano sugerimos o seguinte: Cada estado rezará uma missa pelo seu estado e pelo estado que estará na intercessão após o seu. O último horário da intercessão rezará pelo primeiro que iniciou. Seguiremos a tabela. HORÁRIO ESTADO (S) 00:00-1:00 Mato Grosso do Sul 1:00-2:00 Minas Gerais 2:00-3:00 Maranhão 3:00-4:00 Acre 4:00-5:00 Paraná 5:00-6:00 Sergipe 6:00-7:00 Ceará 7:00-8:00 Santa Catarina e Rondônia 8:00-9:00 Goiás 9:00-10:00 São Paulo 10:00-11:00 Rio Grande do Norte 11:00-12:00 Amapá 12:00-13:00 Tocantins 13:00-14:00 Pernambuco 14:00-15:00 Rio de Janeiro 15:00-16:00 Amazonas 16:00-17:00 Roraima e Rio Grande do Sul 17:00-18:00 Alagoas 18:00-19:00 Piauí 19:00-20:00 Pará e Distrito Federal 20:00-21:00 Mato Grosso 21:00-22:00 Bahia 22:00-23:00 Paraíba 23:00-24:00 Espírito Santo Segue abaixo a primeira reflexão que nos deixou Padre Fernando:
  • 2. Caríssimos, evangelizadores de Crianças!!! A paz do Menino Jesus, o amor e o carinho de Maria, e o meu abraço fraterno, quero, pois fiz uma reflexão, e quero que partilhem dela. Deserto lugar de Recomeçar!!! LUCAS 4,1-3 O que é o Deserto? Deserto é um lugar hermo, sem vida, sem água, sem perspectiva, é um lugar de escassez. O fato é que todos nós já passamos por algum deserto e ainda iremos passar outros tantos. Como diz o texto acima, até o próprio Jesus teve que ir ao deserto. O problema é que temos medo do deserto. Mas por que temer, se o deserto é PASSAGEM obrigatória? Bom, eu quero compartilhar 3 aspectos interessantes, sobre o deserto: 1 - O DESERTO É LUGAR DE PASSAGEM: ninguém gostaria de ir morar no deserto, Deus não criou o deserto para ser tua morada! Porém em muitos momentos da vida temos que passar por lá, e quando achamos que estamos passando... vem outro deserto! Lembre-se: para chegar a terra prometida, a terra que mana leite e mel, a terra de abundância, de fartura, temos que passar pelo deserto. 2 - O DESERTO É UMA ESCOLA: Foi o próprio Espírito Santo que levou Jesus ao deserto. Foi Deus quem mandou Moisés levar o povo ao deserto. No entanto temos que entender algo: Deus quer nos ensinar algo com os desertos da vida, isso quer dizer que quanto mais cedo você aprender, mais rápido vai sair deste momento de sequidão. Nesta escola (deserto) aprendemos em três níveis: - Com Deus - No deserto passamos a buscar mais a Deus, é no deserto que aprendemos a clamar e a reconhecer o poder de Deus, se não, de lá não sairemos. Deserto é o lugar de aprender a depender totalmente de Deus e só de Deus! - Comigo Mesmo - No deserto temos tempo de ficarmos a sós e então refletimos sobre quem nós somos ou o que somos. Refletimos sobre o que precisamos mudar e o que é necessário aprender. Neste momento nos encontramos! - Com os Outros - No deserto aprendemos a ser humildes, a ser simples como as pombas, mas espertos como serpentes. No deserto aprendemos em quem podemos confiar, descobrimos quem são aqueles que podemos contar de verdade, descobrimos que não somos o centro do universo. Descobrimos neste momento a reconhecer as autoridades constituídas e as verdadeiras amizades. 3 - O Deserto é lugar de recomeçar: sabe por que o deserto é um lugar tão calmo? Porque é lá onde devemos ficar em quietude para ouvir a voz de Deus. Não reclame, não murmure, apenas OUÇA! Lembre-se: sua situação poderia ser bem pior, ou ainda pode ser agravada. Sua história poderia não existir. Não deixe que o deserto seja o seu fim, RECOMECE! _Ah! mas eu já tive muito trabalho! NÃO IMPORTA! RECOMECE!
  • 3. O deserto é o lugar de esquecer as derrotas e as glórias do passado, no deserto todos somos iguais. Desista de fugir, encare o deserto: PASSE por ele, APRENDA com ele e acima de tudo RECOMECE! Deus abençoe Abraços !!! Pe. Luiz Fernando Mais uma vez quero exortar-vos: Continuemos sendo ousados meus irmãos, clamemos pelo Espírito Santo. Não deixe o seu estado de fora. A cruz que carrega o fogo de Deus já foi plantada aí na sua terra. Seu solo será solo santo. Convoque seus coordenadores diocesanos, passe essa chama. Esses chamarão seus servos e assim todos nós faremos mais uma vez 24 horas de oração pela Renovação Carismática Católica. Como rezar? Gostaríamos de sugerir que iniciemos com o sinal da cruz, a oração do Creio em seguida invocar o Espírito Santo. Depois rezar o Terço Bizantino do Evangelizador em anexo, faça em seguida uma intercessão profética pelo Escritório Nacional, todos seus projetos (Missionário, Construção da Nossa Casa, Revista...); Conselhos Nacional, Estadual e Diocesanos com todos seus eventos e projetos, pelos Ministérios seus eventos e projetos. Clame pelos dons, ore em línguas e depois silencie e escute. Anote o que Deus colocou em seu coração (pode ser uma única palavra, uma canção ou uma profecia). Finalize com a oração que nos ensina Elena Guerra: “Senhor, faz que eu fale, agindo conforme teu Espírito: que as minhas palavras te glorifiquem e sejam úteis ao bem espiritual do meu próximo. Amém!” Seja sincero em suas orações. Interceda com fé meu irmão. SUGESTÃO DE GRUPO DE ORAÇÃO TEMA: Nossa Senhora e Dia das Crianças RESPONSÁVEL: Roberta Resende Barbosa REFLEXÃO PARA OS COORDENADORES DO ENCONTRO: Neste mês, no dia 12 comemoramos o dia de Nossa Senhora Aparecida e dia das Crianças. Nossa Senhora da Imaculada Conceição Aparecida é um título dedicado a Maria Santíssima, mãe de Jesus e também nossa Mãezinha. Existem duas fontes sobre o achado da imagem, o primeiro deles foi registrado pelo Padre José Alves Vilela em 1743, o segundo pelo Padre João Morais e Aguiar em 1757. Os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves saíram com o intuito de conseguir o melhor pescado que pudessem imaginar. Após muitas tentativas sem êxito,
  • 4. desceram o curso do Rio até chegarem ao porto Itaguaçu. Eles tinham perdido as esperanças, até que João Alves lançou sua rede nas águas e apanhou o corpo de uma imagem sem a cabeça. Em uma nova tentativa apanhou a cabeça da imagem, com todo cuidado eles envolveram a imagem em um lenço. Foi aí que os peixes chegaram em abundância para os três pescadores. Filipe Pedroso manteve a imagem em sua casa por quinze anos, já não eram somente os pescadores que vinham rezar diante da imagem, nesse tempo os vizinhos também se reuniam para orar junto àquela imagem. A família, então, construiu um oratório, que em pouco tempo se mostrou pequeno em relação à multidão que o frequentava. Deste então se deu início a devoção daquele povo, e os que oraram diante da imagem alcançaram muitas graças, dessa forma a fama dos milagres de Nossa Senhora se espalhou pelas regiões do Brasil. O vigário de Guaratinguetá construiu uma capela no alto do morro dos Coqueiros, por volta do ano de 1734, somente em 26 de julho de 1745, esta capela foi aberta à visitação pública. Em viagem pelo Vale do Paranaíba, no dia 20 de Abril de 1822, Dom Pedro I e sua comitiva visitaram a capela e a imagem. A construção da primeira igreja, hoje conhecida como Basílica Velha, foi iniciada em 1834 para acomodar os fiéis que aumentavam a cada dia, a igreja foi inaugurada e benzida em 8 de Dezembro de 1888. A Princesa Isabel também visitou a basílica, por duas vezes, na primeira em Dezembro de 1868, quando fez uma promessa e a segunda vez em Novembro de 1888, a Princesa ofertou à santa em pagamento da promessa uma linda coroa de ouro cravejada de diamantes e rubis, juntamente com um manto azul, ricamente adornado, bordado em ouro e pedrarias, símbolos de sua realeza e patronato. Em 8 de Setembro de 1904 a imagem foi coroada com a riquíssima coroa doada pela Princesa, a celebração solene foi dirigida por D. José Camargo Barros, com a presença de muitos bispos, do então Presidente da República, do núncio Apostólico e de muita gente. Após a coroação foi concedido ao santuário de Aparecida outros favores: Ofício e missa própria de Nossa Senhora Aparecida e indulgências para os romeiros que fossem em peregrinação ao Santuário. Uma vila foi formada ao redor da Igreja, e em 17 de Dezembro de 1928 a vila tornou-se município, em homenagem a Nossa Senhora nascia o município de Aparecida. No
  • 5. ano de 1929, Nossa Senhora foi proclamada Rainha do Brasil e também a Padroeira Oficial, através de determinação do Papa Pio XI. A Lei n° 6.802 de 30 de Junho de 1980 decretou oficialmente feriado nacional no dia 12 de Outubro, nesta mesma Lei, a República Federativa do Brasil reconhece oficialmente Nossa Senhora Aparecida como Padroeira do Brasil. A Basílica Nova de Nossa Senhora Aparecida foi consagrada como o maior santuário do mundo em 1980 pelo Papa João Paulo II, no dia 4 de Julho deste ano foi celebrada uma solene missa revigorando a devoção á Santa Maria, Mãe de Jesus. Em Maio de 2004 João Paulo II concedeu indulgências aos devotos de Nossa Senhora Aparecida, por ocasião das comemorações do centenário da coroação da imagem e proclamação de Nossa Senhora com Padroeira do Brasil, em um concurso nacional foi eleita a Coroa do Centenário. São exemplos de milagres de Nossa Senhora os milagres denominados: Milagre das velas (1°); Cavaleiro e a Marca da Ferradura; A menina cega; O menino no Rio; O homem e a Onça entre outros. Vocês viram que história mais linda de Nossa Senhora? Não dá vontade de sair correndo e contar para as crianças tudo que aprendemos agora? Esse grupinho essa semana tem que ser nota dez, apaixonante, para que as crianças se apaixonem por Nossa Senhora, e que o dia da Nossa Mãezinha possa ser mais comemorado do que o comércio do dia das crianças, as crianças precisam entender que o dia delas é marcado por acontecimento muito maior, o dia de Nossa Senhora. SUGESTÃO DE LEMBRANCINHA: Como a data pede uma lembrancinha para as crianças nossa sugestão é que você faça Maria em Feltro, é muito bonito e simples, basta pegar o molde e acompanhar o passo a passo. 1° Passo: Cortar o feltro, de acordo com o molde, corte de rosa os braços e o rostinho, de azul o véu e de branco duas partes do corpinho. 2° Passo: Junte as duas partes brancas e coloque um pouco de algodão ou espuma e um pedaço de cordão para fazer uma alcinha em cima da cabeça, junte com o véu azul e costure. Use o ponto caseado para dar mais acabamento e a linha de bordar. (Enfie a agulha no feltro para sua direção. Puxe a linha deixando uma pequena argola. Passe a agulha por dentro dessa argola. Puxe para firmar o
  • 6. ponto. Enfie novamente a agulha no feltro em sua direção. Passe a linha na ponta da agulha dando uma laçada. Puxe para firmar o ponto. E pronto!) 3° Passo: Cole com cola quente, ou cola de tecido os bracinhos junto à curva do véu, sobre os bracinhos cole uma medalhinha do Menino Jesus de Praga. 4° Passo: Com uma agulha, pregue duas miçangas no rosto, para serem os olhos de nossa Senhora, com uma canetinha faça o traço da boca, depois cole a cabecinha por cima do véu. 5° Passo: Se quiser você pode passar um pouco de gliter em volta do véu. Está pronta a Nossa Senhora em feltro, basta colocar em um saquinho, uma caixinha e entregar para as crianças. Dica: Acompanhe o desenho da Nossa Senhora pronta, o desenho ficou um pouco escuro, mas dá para ter noção de como fica. Se acharem muito difícil fazer em Feltro, o mesmo pode ser feito com papel. Molde:
  • 7. ACOLHIDA e ORAÇÃO INICIAL: Acolher as crianças com muita alegria. Diga a elas que elas foram criadas, por amor, pelo Papai do Céu, e pelo amor de Maria por nós. Rezar a Ave Maria com gestos, pedir para eu as crianças rezem por seus pais e agradeçam a família. Leve algumas flores (pode ser de verdade, de plástico, desenho), entregue uma para cada criança, peça para as crianças rezarem o terço, como se o terço fossem elas, e as bolinhas as flores, assim ofereça a Nossa Senhora cada flor junto com cada Ave-Maria. Nossa!!!! Maria vai ficar radiante de tanta alegria ao ver essa homenagem. EFUSÃO: Cante “Mamãe do céu, Papai do céu...” com as crianças e convide o Espírito Santo para participar do encontro e peça para que Ele toque o coração de cada criança presente. Fale sobre a vontade de sermos tocados, transformados por Ele, diga que sozinhos não podemos viver. Incentive que as crianças peçam para que o Espírito Santo se mova em seus corações. PREGAÇÃO: Hoje crianças nós vamos falar sobre nossa Mamãe do Céu, ela tem muito amor por nós e quer nos ver feliz. Para essa pregação utilize um pedaço de pano azul, uma imagem de Nossa Senhora com e sem cabeça, uma rede, um barquinho, pequenos peixes de papel, três desenhos de homens (pescadores), um desenho de um altar e um desenho da Basílica Nova. Utilize esses recursos quando acordo que for contar a história a seguir, conte a história de modo contagiante, alegre e bem ilustrado. Pegue o pano azul coloque-o sobre uma superfície lisa, como se fosse a água do Rio, o qual a Imagem de Nossa Senhora foi encontrada. Coloque o barquinho com os três homens dentro do barquinho sobre o tecido e comece contar a história. Haviam três pescadores o Domingos Garcia, o Filipe Pedroso e o João Alves, eles saíram para pescar em um rio muito comprido que passava bem perto da casa deles. Eles pretendiam pescar muitos peixes, de todos os tamanhos e espécies, queriam uma pescada como ninguém nunca tinha visto antes. Assim saíram rio adentro em busca do pescado, lançaram no rio a rede pela primeira vez e nada pescaram, jogaram mais uma vez e nada, lançaram de novo e de novo e nada. Até que Filipe sugeriu que eles subissem mais um pouco o rio, assim eles remaram, remaram... Neste novo local lançaram a rede novamente e adivinham o que eles tinham encontrado? Nada, nem folhas eles conseguiam pegar, os três
  • 8. pescadores já estavam ainda desanimados, eles já tinham perdido as esperanças, até que João Alves lançou sua rede nas águas e conseguiram pegar alguma coisa. Alguém sabe o que eles tinham pegado??? Não!? Ah eles pegaram algo muito curioso, não era nenhum tipo de peixe, era o corpo de uma imagem sem a cabeça. Eles ficaram intrigados com aquilo e em uma nova tentativa apanhou a cabeça da imagem. Era a imagem de Nossa Senhora Aparecida, nossa eles ficaram tão felizes, eles queriam uma pescada como ninguém nunca tinha visto antes e o pedido deles foi atendido, ninguém antes tinham pescado Nossa Senhora. Com todo cuidado e carinhos que tinham eles envolveram a imagem em um lenço, neste momento aconteceu um milagre, os peixes apareceram em abundância no rio e pularam no barco dos três pescadores, nesse momento foi só alegria, eles já tinham conseguido uma pescada diferente, depois os peixes pularam no barco dos pescadores, eles ficaram todos agradecidos com a imagem e voltaram para a casa. Quando chegaram em casa eles colaram a imagem, limparam e montaram um altar na casa dos pescadores para a Nossa Senhora. Os três mantiveram a imagem nesse altar por 15 anos e os vizinhos também se reuniam para rezar junto àquela imagem. A família, então, construiu um oratório, que em pouco tempo se mostrou pequeno em relação à multidão que o frequentava, e os que oraram diante da imagem alcançaram muitas graças, dessa forma a fama dos milagres de Nossa Senhora se espalhou pelas regiões do Brasil. Até que foi preciso construir um lugar maior para Nossa Senhora, este lugar recebeu o nome de Basílica Nova de Nossa Senhora Aparecida, que foi consagrada como o maior santuário do mundo. LOUVOR: Peça para que cada criança pense em uma qualidade de Maria. A seguir peça para que cada criança fale a qualidade que pensou e peça para que ela reze uma Ave-Maria em agradecimento a essa qualidade. ATIVIDADE SUGERIDA:
  • 9.  De 05 a 12 anos – Faça em casa massinha caseira de três cores e leve para que as crianças possam montar ou cobrir o desenho de Nossa Senhora Aparecida, elas vão adorar. Para fazer a Massinha você vai precisar de: 4 xícaras de farinha de trigo; 1 xícara de sal; 1 xícara e meia de água; 1 colher de sopa de óleo; corante de alimento de cores diferentes. Como fazer? É muito fácil fazer misture em uma vasilha a farinha, o sal, a água e o óleo. Amasse bem com as mãos até que vire uma massa uniforme. Divida em várias partes e, em cada uma, coloque um corante diferente. Pronto! Agora é deixá-la na geladeira para ela acabar de adquirir a consistência e não juntar baixo. Fonte: Ciência Hoje das Crianças online. (Sugestão de cores: azul claro, marrom e vermelho. Se você não achar o corante poderá utilizar suco em pó para colorir a massa). Abaixo segue um desenho de Nossa Senhora. Você pode colocá-lo em um papel mais firme para que ele sirva de suporte para as crianças, algumas vão montar uma Nossa Senhora sobre o papel, outras poderão apenas recobrir o desenho levado.
  • 10. ORAÇÃO FINAL: Finalize na roda, peça para que cada criança reze uma Ave-Maria para que o Papai do Céu abençoe sua família. Reze junto com as crianças o Pai-Nosso e um Glória ao Pai gesticulado. E cante “Mãezinha do céu...”.