SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
IOT – Internet das Coisas
Marco Antônio, Tiago Agenor
Conceito
• Revolução tecnológica, onde visa conectar os itens usados no
dia-dia com a rede mundial de internet.
Ideia
• Transforma o mundo físico e o digital em um só.
Quando surgiu?
• A ideia de conectar objetos é discutida desde 1991, quando a
conexão TCP/IP e a Internet que conhecemos hoje começou a
se popularizar. Bill Joy, cofundador da Sun Microsystems,
pensou sobre a conexão de Device para Device (D2D), tipo de
ligação que faz parte de um conceito maior, o de “várias
webs”.
As tecnologias da Internet das
Coisas
• Existe um conjunto de fatores que determina como o conceito
é constituído. Há, essencialmente, três componentes que
precisam ser combinados para termos uma aplicação de IoT:
dispositivos, redes de comunicação e sistemas de controle.
Dispositivos
• Os dispositivos você já conhece. Eles vão de itens grandes,
como geladeiras e carros, a objetos pequenos, como lâmpadas
e relógios.
Redes de Comunicação
• As redes de comunicação não fogem do padrão de conexão já
utilizado, como as tecnologias como Wi-Fi, Bluetooth e NFC.
Mas como essas redes oferecem alcance limitado,
determinadas aplicações dependem de redes móveis como 3G
e 4G / LTE.
• Esperança com IPV6 e 5G.
Sistemas de Controle
• Não basta que o dispositivo se conecte à internet ou troque
informações com outros objetos. Esses dados precisam ser
processados, ou seja, devem ser enviados a um sistema que
os trate.
Riscos da Internet das Coisas
• Se a Internet das Coisas descreve um cenário em que quase
tudo está conectado, é claro que há riscos associados. É por
essa razão que as convenções que tratam do conceito devem
levar em consideração vários parâmetros preventivos e
corretivos, especialmente sobre segurança e privacidade.
• Segurança da Informação
A segurança da informação gerada por IoT será mais complexa e exigirá
investimentos ainda mais altos. As principais preocupações estão
relacionadas à privacidade e segurança.
• Hackers
A questão de segurança envolve desde ataques hackers à execução das
funcionalidades
Implantação
• Hospitais e clínicas
• Agropecuária
• Fábricas
• Lojas
• Transporte público
• Serviços públicos
Exemplo Aplicação
FIM!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tecnologias da Informacao E Comunicacao
Tecnologias da Informacao E ComunicacaoTecnologias da Informacao E Comunicacao
Tecnologias da Informacao E Comunicacao
M Fernanda Santos
 
Conceitos BáSicos
Conceitos BáSicosConceitos BáSicos
Conceitos BáSicos
Nuno Antunes
 
Estruturas de rede
Estruturas de redeEstruturas de rede
Estruturas de rede
cadudragon
 

Mais procurados (20)

Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
 
Indústria 4.0 - A nova revolução industrial
Indústria 4.0 - A nova revolução industrialIndústria 4.0 - A nova revolução industrial
Indústria 4.0 - A nova revolução industrial
 
Segurança em IoT - conceitos e iniciativas de padronização
Segurança em IoT - conceitos e iniciativas de padronizaçãoSegurança em IoT - conceitos e iniciativas de padronização
Segurança em IoT - conceitos e iniciativas de padronização
 
Internet das Coisas
 Internet das Coisas Internet das Coisas
Internet das Coisas
 
Tecnologias da Informacao E Comunicacao
Tecnologias da Informacao E ComunicacaoTecnologias da Informacao E Comunicacao
Tecnologias da Informacao E Comunicacao
 
Internet das Coisas - Conectando você e tudo ao seu redor
Internet das Coisas - Conectando você e tudo ao seu redorInternet das Coisas - Conectando você e tudo ao seu redor
Internet das Coisas - Conectando você e tudo ao seu redor
 
Equipamentos de Rede
Equipamentos de RedeEquipamentos de Rede
Equipamentos de Rede
 
Indústria 4.0 - A era do conhecimento
Indústria 4.0 - A era do conhecimentoIndústria 4.0 - A era do conhecimento
Indústria 4.0 - A era do conhecimento
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
 
A história da internet
A história da internetA história da internet
A história da internet
 
Industria 4.0
Industria 4.0Industria 4.0
Industria 4.0
 
Mercado de Trabalho em TI
Mercado de Trabalho em TIMercado de Trabalho em TI
Mercado de Trabalho em TI
 
IoT
IoT  IoT
IoT
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
 
Dispositivos móveis: Conceito, história e mercado
Dispositivos móveis: Conceito, história e mercadoDispositivos móveis: Conceito, história e mercado
Dispositivos móveis: Conceito, história e mercado
 
Conceitos BáSicos
Conceitos BáSicosConceitos BáSicos
Conceitos BáSicos
 
Estruturas de rede
Estruturas de redeEstruturas de rede
Estruturas de rede
 
Internet das Coisas e o Futuro da Internet
Internet das Coisas e o Futuro da InternetInternet das Coisas e o Futuro da Internet
Internet das Coisas e o Futuro da Internet
 
Componentes de uma Rede de computadores
Componentes de uma Rede de computadoresComponentes de uma Rede de computadores
Componentes de uma Rede de computadores
 

Destaque (12)

Tecnologia Celular
Tecnologia Celular Tecnologia Celular
Tecnologia Celular
 
καλημέρα
καλημέρακαλημέρα
καλημέρα
 
Micro1 tsu
Micro1 tsuMicro1 tsu
Micro1 tsu
 
Untitled document
Untitled documentUntitled document
Untitled document
 
Mil voces campana de salud pdffiller
Mil voces campana de salud pdffillerMil voces campana de salud pdffiller
Mil voces campana de salud pdffiller
 
Timberlines Jan-Feb2001 Karolyne Johnson
Timberlines Jan-Feb2001 Karolyne JohnsonTimberlines Jan-Feb2001 Karolyne Johnson
Timberlines Jan-Feb2001 Karolyne Johnson
 
Roots Logo
Roots LogoRoots Logo
Roots Logo
 
The United States government
The United States governmentThe United States government
The United States government
 
Appearance 3 кл part ii
Appearance 3 кл part iiAppearance 3 кл part ii
Appearance 3 кл part ii
 
NEW WORLD ORDER Then and Now
NEW WORLD ORDER Then and NowNEW WORLD ORDER Then and Now
NEW WORLD ORDER Then and Now
 
Easter
EasterEaster
Easter
 
Commodity Basics
Commodity BasicsCommodity Basics
Commodity Basics
 

Semelhante a Iot – internet das coisas

Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1
Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1
Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1
LeonardoLucena18
 
internet das coisas .pptx
internet das coisas .pptx internet das coisas .pptx
internet das coisas .pptx
GabriellyRodrigues40
 

Semelhante a Iot – internet das coisas (20)

Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
 
IoT Internet das Coisas
IoT Internet das CoisasIoT Internet das Coisas
IoT Internet das Coisas
 
Robótica e Internet das Coisas - Palestrante: Tania Regina Tronco
Robótica e Internet das Coisas - Palestrante: Tania Regina TroncoRobótica e Internet das Coisas - Palestrante: Tania Regina Tronco
Robótica e Internet das Coisas - Palestrante: Tania Regina Tronco
 
Aula1 io t
Aula1 io tAula1 io t
Aula1 io t
 
Internet das coisas - aula 01.pdf
Internet das coisas - aula 01.pdfInternet das coisas - aula 01.pdf
Internet das coisas - aula 01.pdf
 
Introdução Básica a Internet das Coisas
Introdução Básica a Internet das CoisasIntrodução Básica a Internet das Coisas
Introdução Básica a Internet das Coisas
 
IoTImepac
IoTImepacIoTImepac
IoTImepac
 
Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1
Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1
Fundamentos da Internet das Coisas - Internet of Things part 1
 
A Revolução da Internet das Coisas Conectando o Mundo em uma Rede Inteligente
A Revolução da Internet das Coisas Conectando o Mundo em uma Rede InteligenteA Revolução da Internet das Coisas Conectando o Mundo em uma Rede Inteligente
A Revolução da Internet das Coisas Conectando o Mundo em uma Rede Inteligente
 
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
 
internet das coisas .pptx
internet das coisas .pptx internet das coisas .pptx
internet das coisas .pptx
 
Arquitetura de projetos IoT
Arquitetura de projetos IoTArquitetura de projetos IoT
Arquitetura de projetos IoT
 
Internet dascoisas
Internet dascoisasInternet dascoisas
Internet dascoisas
 
[CESAR REPORTS] O que falta na internet para as coisas?
[CESAR REPORTS] O que falta na internet para as coisas?[CESAR REPORTS] O que falta na internet para as coisas?
[CESAR REPORTS] O que falta na internet para as coisas?
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
 
Internet das Coisas hoje
Internet das Coisas hojeInternet das Coisas hoje
Internet das Coisas hoje
 
IoT + Blockchain: o mesh perfeito
IoT + Blockchain: o mesh perfeitoIoT + Blockchain: o mesh perfeito
IoT + Blockchain: o mesh perfeito
 
Redes de Computadores - GT 6 - Apresentação Seminário
Redes de Computadores - GT 6 - Apresentação SeminárioRedes de Computadores - GT 6 - Apresentação Seminário
Redes de Computadores - GT 6 - Apresentação Seminário
 
A internet das coisas não é futuro. é presente
A internet das coisas não é futuro. é presenteA internet das coisas não é futuro. é presente
A internet das coisas não é futuro. é presente
 

Último

Último (8)

Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor SucroenergéticoConvergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdfAula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 

Iot – internet das coisas

  • 1. IOT – Internet das Coisas Marco Antônio, Tiago Agenor
  • 2. Conceito • Revolução tecnológica, onde visa conectar os itens usados no dia-dia com a rede mundial de internet.
  • 3. Ideia • Transforma o mundo físico e o digital em um só.
  • 4. Quando surgiu? • A ideia de conectar objetos é discutida desde 1991, quando a conexão TCP/IP e a Internet que conhecemos hoje começou a se popularizar. Bill Joy, cofundador da Sun Microsystems, pensou sobre a conexão de Device para Device (D2D), tipo de ligação que faz parte de um conceito maior, o de “várias webs”.
  • 5. As tecnologias da Internet das Coisas • Existe um conjunto de fatores que determina como o conceito é constituído. Há, essencialmente, três componentes que precisam ser combinados para termos uma aplicação de IoT: dispositivos, redes de comunicação e sistemas de controle.
  • 6. Dispositivos • Os dispositivos você já conhece. Eles vão de itens grandes, como geladeiras e carros, a objetos pequenos, como lâmpadas e relógios.
  • 7. Redes de Comunicação • As redes de comunicação não fogem do padrão de conexão já utilizado, como as tecnologias como Wi-Fi, Bluetooth e NFC. Mas como essas redes oferecem alcance limitado, determinadas aplicações dependem de redes móveis como 3G e 4G / LTE. • Esperança com IPV6 e 5G.
  • 8. Sistemas de Controle • Não basta que o dispositivo se conecte à internet ou troque informações com outros objetos. Esses dados precisam ser processados, ou seja, devem ser enviados a um sistema que os trate.
  • 9. Riscos da Internet das Coisas • Se a Internet das Coisas descreve um cenário em que quase tudo está conectado, é claro que há riscos associados. É por essa razão que as convenções que tratam do conceito devem levar em consideração vários parâmetros preventivos e corretivos, especialmente sobre segurança e privacidade.
  • 10. • Segurança da Informação A segurança da informação gerada por IoT será mais complexa e exigirá investimentos ainda mais altos. As principais preocupações estão relacionadas à privacidade e segurança. • Hackers A questão de segurança envolve desde ataques hackers à execução das funcionalidades
  • 11. Implantação • Hospitais e clínicas • Agropecuária • Fábricas • Lojas • Transporte público • Serviços públicos
  • 13.
  • 14.