SlideShare uma empresa Scribd logo
Me. Ricardo de Andrade Kratz
rakratz@gmail.com
Serviço Social
Objetivos
Objetivos da Aula
!
Objetivos
• Entender as origens e os propósitos da Estatística
• Compreender a importância da análise de dados
Origens da Estatística
• A Estatística nasceu com os negócios do Estado.
• A origem da palavra Estatística está associada à
palavra status (Estado em latim).
5
"…É notável que tal ciência, que começou nos
estudos sobre jogos de azar, tenha alcançado os
mais altos níveis do conhecimento humano."
Laplace
Origens da Estatística
Origens da Estatística
• O primeiro dado estatístico disponível foi o de registros egípcios de presos de
guerra na data de 5000 A.C.
• Em 3000 A.C. já se faziam censos na Babilônia e China (a palavra censo vem do
latim “census” e quer dizer: conjunto dos dados estatísticos dos habitantes de uma
cidade, província, estado, nação).
• Até mesmo o Velho Testamento (Números 1:1-3) faz referência a uma
instrução dada a Moisés, para que fizesse um levantamento dos homens de Israel
que estivessem aptos para guerrear.
• Além dessas aplicações, as estatísticas também eram utilizadas para a taxação
de impostos ou para o alistamento militar.
Origens da Estatística
Origens da Estatística
3000 AC – Censos no Egito
2238 AC – Estatística Comercial
1400 AC -Levantamento das terras
no Egito
Na Babilônia também …
Na Bíblia …
• Livro quarto do velho testamento
• Instrução a Moisés
• Fazer um levantamento dos homens de
Israel que estivessem aptos a gerrear
Augusto César
• Édito para que se fizesse o censo em
todo o império romano
Censere em latim = taxar
O nascimento de Jesus Cristo
“Naqueles dias saiu um decreto da parte de Cesar Augusto,
para que todo mundo fosse recenseado.
Este primeiro recenseamento foi feito quando Quirínio era
governador da Síria. E todos iam alistar-se, cada um à sua
própria cidade. Subiu também José, da cidade Nazaré, à cidade de Belém
na Judeia a fim de alistar-se com Maria, sua esposa que estava grávida.
Enquanto estavam ali, chegou o tempo em que ela havia de dar à luz, e teve a seu Filho
primogênito; envolveu-o em faixas e o deitou em uma manjedoura...”
(Lucas 2:1-7) .
Maria e José
Guilherme o conquistador
• Inglaterra
• 1085
• Levantamento estatístico
– Terras
– Propriedades
– Empregados
– Animais
• Base de cálculo de impostos
Domesday
=
Dia
do
juízo
final
Um livro para os impostos …
Séc XVII - Tábuas de Mortalidade
• John Graunt
• Análises de nascimentos e mortes
• % de homens ligeiramente superior a de
mulheres
Palavra Estatística
• Cunhada pelo acadêmico alemão
Gottfried Achenwall por volta da
metade do século XVIII
• O verbete “statistics” apareceu na
Enciclopédia Britânica em 1797
Fases da Estatística
Fases da Estatística
Vídeo
O que é Estatística?
A estatística pode ser entendida como um coleção
de métodos científicos usados para:
1. coletar dados (planejamento e obtenção);
2. Organizar os dados;
3. Descrever os dados (resumi-los e apresentá-los);
4. analisar os dados (extrair conclusões para tomadas de
decisões).
A “Pirâmide da definição” da Estatística
nos revela que no topo, isto é, o mais
importante é interpretar.
O que é Estatística?
Fases da Estatística
Fases da Estatística
Fases da Estatística
Fases da Estatística
Fases da Estatística
Esmiuçando as fases do
método estatístico.
• Coleta de Dados – Após a definição do problema a ser
estudado e o estabelecimento do planejamento do trabalho
(forma de coleta dos dados, cronograma das atividades
,custos envolvidos , levantamento das informações
disponíveis, delineamento da amostra , etc.), o passo
seguinte é a coleta dos dados, que consiste na busca ou
compilação dos dados das variáveis que caracterizam o
fenômeno a ser estudado.
Esmiuçando as fases do
método estatístico (2).
• A coleta de dados poderá ser DIRETA e INDIRETA.
• A coleta direta será quando os dados forem obtidos de fonte
primária, isto é, sobre elementos informativos de registros
obrigatórios , por exemplo , os elementos pertinentes aos
prontuários dos alunos de uma escola.
• A coleta indireta será quando for proveniente de elementos
já conhecidos.
Esmiuçando as fases do
método estatístico (3).
• Crítica dos Dados – À procura de falhas e imperfeições, os
dados devem ser cuidadosamente criticados, a fim de não
incorrermos em erros grosseiros que possam influenciar nos
resultados.
• Apuração dos Dados – Uma vez criticados os dados, agora,
eles devem ser processados, isto é, mediante algum critério de
classificação, eles serão objeto de operações matemáticas.
• Apresentação dos Dados – Os dados devem ser apresentados
sob a forma de tabelas ou gráficos, a fim de tornar mais fácil o
exame daquilo que está sendo estudado.
• Análise dos resultados – A análise dos resultados tem por
base a indução ou a inferência com o intuito de tiramos
conclusões e fazermos previsões.
Resumo da Aula
Exercício de Fixação
Exercício de Fixação
• Questão 1: Elabore o conceito de Estatística e informe suas divisões
• Questão 2: Comente sobre os primeiro levantamentos estatísticos
na história.
• Questão 3: Cite as fases da Estatística segundo a Pirâmide de
Definição.
• Questão 4: Na sua opinião, qual é a importância da Estatística
dentro da educação?
• Questão 5: Reflita sobre o seu ambiente de trabalho e identifique
uma atividade na qual a estatística é importante.
Exercício de Fixação
• Questão 1: Elabore o conceito de Estatística e informe suas divisões
Exercício de Fixação
• Questão 2: Comente sobre os primeiro levantamentos estatísticos
na história.
Exercício de Fixação
• Questão 3: Cite as fases da Estatística segundo a Pirâmide de
Definição.
Dinâmica
• Fonte: Escola Pindorama
• Jogo no Copo
Dinâmica
• Os alunos são separados em grupos e são desafiados a jogar um
jogo
• Vocês se separam em grupos de 5 alunos
Dinâmica
• A cada grupo é dados uma tabela com os nomes dos integrantes
• Vocês devem montar a tabela dos grupos
Dinâmica
• Para cada grupo é dado um copo e uma bolinha onde cada
integrante deve arremessar a bolinha no copo 15 vezes e marcar
quantas acertos na tabela.
1,5 mt
Dinâmica
• Para cada grupo é dado um copo e uma bolinha onde cada
integrante deve arremessar a bolinha no copo 15 vezes e marcar
quantas acertos na tabela.
Dinâmica
• Os acertos são marcados na tabela onde é feita um calculo
percentual da pontuação de cada integrante
Dinâmica
• No fim da atividade os alunos elaboram um gráfico dos percentuais.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Aula 04 - Entender as origens e os propósitos da Estatística

ACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de Aula
ACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de AulaACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de Aula
ACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de Aula
GabrielVarga9
 
Trabalhando Matemática nos Anos Iniciais II
Trabalhando Matemática nos Anos Iniciais IITrabalhando Matemática nos Anos Iniciais II
Trabalhando Matemática nos Anos Iniciais II
luciany-nascimento
 
Apost estatistica
Apost estatistica Apost estatistica
Apost estatistica
takeshikasuo
 
4 apostila de estatística i
4 apostila de estatística i4 apostila de estatística i
4 apostila de estatística i
Jonnas Calado
 
Apostila de estatística i
Apostila de estatística iApostila de estatística i
Apostila de estatística i
Universidade Federal Fluminense
 
Estatística descritiva cap
Estatística descritiva capEstatística descritiva cap
Estatística descritiva cap
Mauer Alexandre Ascensão Gonçalves
 
Estatística descritiva cap
Estatística descritiva capEstatística descritiva cap
Estatística descritiva cap
Mauer Alexandre Ascensão Gonçalves
 
Análise de conteúdo
Análise de conteúdoAnálise de conteúdo
Análise de conteúdo
Guilherme Carvalho
 
estatistica discreta, estatistica inferencial
estatistica discreta, estatistica inferencialestatistica discreta, estatistica inferencial
estatistica discreta, estatistica inferencial
ElizeuNetto2
 

Semelhante a Aula 04 - Entender as origens e os propósitos da Estatística (9)

ACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de Aula
ACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de AulaACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de Aula
ACH 5504 - Mineração de Dados - Notas de Aula
 
Trabalhando Matemática nos Anos Iniciais II
Trabalhando Matemática nos Anos Iniciais IITrabalhando Matemática nos Anos Iniciais II
Trabalhando Matemática nos Anos Iniciais II
 
Apost estatistica
Apost estatistica Apost estatistica
Apost estatistica
 
4 apostila de estatística i
4 apostila de estatística i4 apostila de estatística i
4 apostila de estatística i
 
Apostila de estatística i
Apostila de estatística iApostila de estatística i
Apostila de estatística i
 
Estatística descritiva cap
Estatística descritiva capEstatística descritiva cap
Estatística descritiva cap
 
Estatística descritiva cap
Estatística descritiva capEstatística descritiva cap
Estatística descritiva cap
 
Análise de conteúdo
Análise de conteúdoAnálise de conteúdo
Análise de conteúdo
 
estatistica discreta, estatistica inferencial
estatistica discreta, estatistica inferencialestatistica discreta, estatistica inferencial
estatistica discreta, estatistica inferencial
 

Mais de RicardoKratz2

Introdução à Programação “para Web” de Carlos Bazilio
Introdução à Programação “para Web” de Carlos BazilioIntrodução à Programação “para Web” de Carlos Bazilio
Introdução à Programação “para Web” de Carlos Bazilio
RicardoKratz2
 
Trabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariais
Trabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariaisTrabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariais
Trabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariais
RicardoKratz2
 
tRABALHO de pesquisa de clima organizacionais.pptx
tRABALHO de  pesquisa de clima organizacionais.pptxtRABALHO de  pesquisa de clima organizacionais.pptx
tRABALHO de pesquisa de clima organizacionais.pptx
RicardoKratz2
 
6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx
6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx
6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx
RicardoKratz2
 
TRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIX
TRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIXTRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIX
TRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIX
RicardoKratz2
 
Trabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIX
Trabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIXTrabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIX
Trabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIX
RicardoKratz2
 
Resultado Pesquisa de Clima Organizacional
Resultado Pesquisa de Clima OrganizacionalResultado Pesquisa de Clima Organizacional
Resultado Pesquisa de Clima Organizacional
RicardoKratz2
 
Unified Modeling Language
Unified Modeling LanguageUnified Modeling Language
Unified Modeling Language
RicardoKratz2
 
Aula 06 - Engenharia de Requisitos.pdf
Aula 06 - Engenharia de Requisitos.pdfAula 06 - Engenharia de Requisitos.pdf
Aula 06 - Engenharia de Requisitos.pdf
RicardoKratz2
 
ALG 10 - Estruturas Condicionais.ppt
ALG 10 - Estruturas Condicionais.pptALG 10 - Estruturas Condicionais.ppt
ALG 10 - Estruturas Condicionais.ppt
RicardoKratz2
 
Aula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.ppt
Aula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.pptAula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.ppt
Aula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.ppt
RicardoKratz2
 
Aula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.ppt
Aula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.pptAula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.ppt
Aula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.ppt
RicardoKratz2
 
QCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.ppt
QCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.pptQCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.ppt
QCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.ppt
RicardoKratz2
 
RegAluMem.ppt
RegAluMem.pptRegAluMem.ppt
RegAluMem.ppt
RicardoKratz2
 
Aula 02.ppt
Aula 02.pptAula 02.ppt
Aula 02.ppt
RicardoKratz2
 

Mais de RicardoKratz2 (15)

Introdução à Programação “para Web” de Carlos Bazilio
Introdução à Programação “para Web” de Carlos BazilioIntrodução à Programação “para Web” de Carlos Bazilio
Introdução à Programação “para Web” de Carlos Bazilio
 
Trabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariais
Trabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariaisTrabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariais
Trabalho de Sowt do crunchyroll da dsciplina de Jogos empresariais
 
tRABALHO de pesquisa de clima organizacionais.pptx
tRABALHO de  pesquisa de clima organizacionais.pptxtRABALHO de  pesquisa de clima organizacionais.pptx
tRABALHO de pesquisa de clima organizacionais.pptx
 
6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx
6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx
6443d571-bde3-0d83-d76b-65062c9fc97e-1.pptx
 
TRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIX
TRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIXTRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIX
TRABALHO DE JOGOS EMPRESARIAIS: OS MELHORES DO NETFLIX
 
Trabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIX
Trabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIXTrabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIX
Trabalho de Jogos Empresariais sobre LIBREFLIX
 
Resultado Pesquisa de Clima Organizacional
Resultado Pesquisa de Clima OrganizacionalResultado Pesquisa de Clima Organizacional
Resultado Pesquisa de Clima Organizacional
 
Unified Modeling Language
Unified Modeling LanguageUnified Modeling Language
Unified Modeling Language
 
Aula 06 - Engenharia de Requisitos.pdf
Aula 06 - Engenharia de Requisitos.pdfAula 06 - Engenharia de Requisitos.pdf
Aula 06 - Engenharia de Requisitos.pdf
 
ALG 10 - Estruturas Condicionais.ppt
ALG 10 - Estruturas Condicionais.pptALG 10 - Estruturas Condicionais.ppt
ALG 10 - Estruturas Condicionais.ppt
 
Aula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.ppt
Aula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.pptAula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.ppt
Aula 05- Metodologia de AIA e Analise Tec de Estudos Ambientais.ppt
 
Aula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.ppt
Aula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.pptAula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.ppt
Aula 04- Identificacao de Impactos Ambientais.ppt
 
QCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.ppt
QCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.pptQCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.ppt
QCS-6493_2019-07-18T034241_Sentiment Analysis_PowerBI.ppt
 
RegAluMem.ppt
RegAluMem.pptRegAluMem.ppt
RegAluMem.ppt
 
Aula 02.ppt
Aula 02.pptAula 02.ppt
Aula 02.ppt
 

Último

Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 

Último (20)

Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 

Aula 04 - Entender as origens e os propósitos da Estatística

  • 1. Me. Ricardo de Andrade Kratz rakratz@gmail.com Serviço Social
  • 3. Objetivos • Entender as origens e os propósitos da Estatística • Compreender a importância da análise de dados
  • 4. Origens da Estatística • A Estatística nasceu com os negócios do Estado. • A origem da palavra Estatística está associada à palavra status (Estado em latim).
  • 5. 5 "…É notável que tal ciência, que começou nos estudos sobre jogos de azar, tenha alcançado os mais altos níveis do conhecimento humano." Laplace Origens da Estatística
  • 7. • O primeiro dado estatístico disponível foi o de registros egípcios de presos de guerra na data de 5000 A.C. • Em 3000 A.C. já se faziam censos na Babilônia e China (a palavra censo vem do latim “census” e quer dizer: conjunto dos dados estatísticos dos habitantes de uma cidade, província, estado, nação). • Até mesmo o Velho Testamento (Números 1:1-3) faz referência a uma instrução dada a Moisés, para que fizesse um levantamento dos homens de Israel que estivessem aptos para guerrear. • Além dessas aplicações, as estatísticas também eram utilizadas para a taxação de impostos ou para o alistamento militar. Origens da Estatística
  • 9. 3000 AC – Censos no Egito
  • 10. 2238 AC – Estatística Comercial 1400 AC -Levantamento das terras no Egito
  • 12. Na Bíblia … • Livro quarto do velho testamento • Instrução a Moisés • Fazer um levantamento dos homens de Israel que estivessem aptos a gerrear
  • 13. Augusto César • Édito para que se fizesse o censo em todo o império romano Censere em latim = taxar
  • 14. O nascimento de Jesus Cristo “Naqueles dias saiu um decreto da parte de Cesar Augusto, para que todo mundo fosse recenseado. Este primeiro recenseamento foi feito quando Quirínio era governador da Síria. E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade. Subiu também José, da cidade Nazaré, à cidade de Belém na Judeia a fim de alistar-se com Maria, sua esposa que estava grávida. Enquanto estavam ali, chegou o tempo em que ela havia de dar à luz, e teve a seu Filho primogênito; envolveu-o em faixas e o deitou em uma manjedoura...” (Lucas 2:1-7) . Maria e José
  • 15. Guilherme o conquistador • Inglaterra • 1085 • Levantamento estatístico – Terras – Propriedades – Empregados – Animais • Base de cálculo de impostos Domesday = Dia do juízo final
  • 16. Um livro para os impostos …
  • 17. Séc XVII - Tábuas de Mortalidade • John Graunt • Análises de nascimentos e mortes • % de homens ligeiramente superior a de mulheres
  • 18. Palavra Estatística • Cunhada pelo acadêmico alemão Gottfried Achenwall por volta da metade do século XVIII • O verbete “statistics” apareceu na Enciclopédia Britânica em 1797
  • 22. O que é Estatística? A estatística pode ser entendida como um coleção de métodos científicos usados para: 1. coletar dados (planejamento e obtenção); 2. Organizar os dados; 3. Descrever os dados (resumi-los e apresentá-los); 4. analisar os dados (extrair conclusões para tomadas de decisões). A “Pirâmide da definição” da Estatística nos revela que no topo, isto é, o mais importante é interpretar.
  • 23. O que é Estatística?
  • 29. Esmiuçando as fases do método estatístico. • Coleta de Dados – Após a definição do problema a ser estudado e o estabelecimento do planejamento do trabalho (forma de coleta dos dados, cronograma das atividades ,custos envolvidos , levantamento das informações disponíveis, delineamento da amostra , etc.), o passo seguinte é a coleta dos dados, que consiste na busca ou compilação dos dados das variáveis que caracterizam o fenômeno a ser estudado.
  • 30. Esmiuçando as fases do método estatístico (2). • A coleta de dados poderá ser DIRETA e INDIRETA. • A coleta direta será quando os dados forem obtidos de fonte primária, isto é, sobre elementos informativos de registros obrigatórios , por exemplo , os elementos pertinentes aos prontuários dos alunos de uma escola. • A coleta indireta será quando for proveniente de elementos já conhecidos.
  • 31. Esmiuçando as fases do método estatístico (3). • Crítica dos Dados – À procura de falhas e imperfeições, os dados devem ser cuidadosamente criticados, a fim de não incorrermos em erros grosseiros que possam influenciar nos resultados. • Apuração dos Dados – Uma vez criticados os dados, agora, eles devem ser processados, isto é, mediante algum critério de classificação, eles serão objeto de operações matemáticas. • Apresentação dos Dados – Os dados devem ser apresentados sob a forma de tabelas ou gráficos, a fim de tornar mais fácil o exame daquilo que está sendo estudado. • Análise dos resultados – A análise dos resultados tem por base a indução ou a inferência com o intuito de tiramos conclusões e fazermos previsões.
  • 34. Exercício de Fixação • Questão 1: Elabore o conceito de Estatística e informe suas divisões • Questão 2: Comente sobre os primeiro levantamentos estatísticos na história. • Questão 3: Cite as fases da Estatística segundo a Pirâmide de Definição. • Questão 4: Na sua opinião, qual é a importância da Estatística dentro da educação? • Questão 5: Reflita sobre o seu ambiente de trabalho e identifique uma atividade na qual a estatística é importante.
  • 35. Exercício de Fixação • Questão 1: Elabore o conceito de Estatística e informe suas divisões
  • 36. Exercício de Fixação • Questão 2: Comente sobre os primeiro levantamentos estatísticos na história.
  • 37. Exercício de Fixação • Questão 3: Cite as fases da Estatística segundo a Pirâmide de Definição.
  • 38. Dinâmica • Fonte: Escola Pindorama • Jogo no Copo
  • 39. Dinâmica • Os alunos são separados em grupos e são desafiados a jogar um jogo • Vocês se separam em grupos de 5 alunos
  • 40. Dinâmica • A cada grupo é dados uma tabela com os nomes dos integrantes • Vocês devem montar a tabela dos grupos
  • 41. Dinâmica • Para cada grupo é dado um copo e uma bolinha onde cada integrante deve arremessar a bolinha no copo 15 vezes e marcar quantas acertos na tabela. 1,5 mt
  • 42. Dinâmica • Para cada grupo é dado um copo e uma bolinha onde cada integrante deve arremessar a bolinha no copo 15 vezes e marcar quantas acertos na tabela.
  • 43. Dinâmica • Os acertos são marcados na tabela onde é feita um calculo percentual da pontuação de cada integrante
  • 44. Dinâmica • No fim da atividade os alunos elaboram um gráfico dos percentuais.