SlideShare uma empresa Scribd logo
“ A ERA VARGAS” GETÚLIO VARGAS: O PRESIDENTE QUE  MAIS  TEMPO  FICOU  NO  PODER
Biografia:   Getúlio Dornelles Vargas (19/4/1882 - 24/8/1954) foi o Presidente que mais tempo governou o Brasil, durante dois mandatos. De origem gaúcha (nasceu na cidade de São Borja), Vargas foi presidente do Brasil entre os anos de 1930 a 1945 e de 1951 a 1954. Entre 1937 e 1945 instalou a fase de ditadura, o chamado Estado Novo.
Getúlio Vargas assumiu o poder em 1930, após comandar a Revolução de 1930, que derrubou o governo de Washington Luís. Seus quinze anos de governo seguintes caracterizaram-se pelo nacionalismo e populismo. Sob seu governo foi promulgada a Constituição de 1934. Fecha o Congresso Nacional em 1937, instala o Estado Novo e passa a governar com   poderes ditatoriais. Sua forma de governo passa a ser centralizadora e controladora.
Criou o DIP (Departamento de Imprensa e Propaganda) para controlar e censurar manifestações contrárias ao seu governo. Perseguiu opositores políticos, principalmente partidários do comunismo. Enviou Olga Benário, esposa do líder comunista Luis Carlos Prestes, para o governo nazista.
REVOLUÇÃO DE 30 Efeitos da crise de 1929. Getúlio Vargas assumiu o poder em 1930, após comandar a Revolução de 1930, que derrubou o governo de Washington Luís.  Fim da República Velha.
CRISE POLÍTICA & ECONÔMICA
O GOVERNO PROVISÓRIO  (1930-1934) GOVERNO CENTRALIZADOR (CONGRESSO FECHADO). VARGAS NOMEAVA INTERVENTORES PARA OS ESTADOS. REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1934.
REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA
REVOLUÇÃO DE 1934
REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1934
FIM DOS CONFLITOS NOVO PERÍODO DE VARGAS
O PERÍODO LIBERAL (1934-1937) A CONSTITUIÇÃO DE 1934: ELEIÇÕES DIRETAS, EQUILIBRIO DOS PODERES, VOTO SECRETO, VOTO FEMININO, LEIS TRABALHISTAS.
   Transformações na década de 1930 O Brasil passou a ser um país agrícola e industrial. 
FASCISTAS & COMUNISTAS AÇÃO INTEGRALISTA BRASILEIRA (PLÍNIO SALGADO-FASCISTA). ALIANÇA NACIONAL LIBERTADORA (LUIS CARLOS PRESTES-SOCIALISMO, LUTA CONTRA O FASCISMO E GETULISMO).
AÇÃO INTEGRALISTA BRASILEIRA
PLÍNIO SALGADO
ALIANÇA NACIONAL LIBERTADORA
LUIS CARLOS PRESTES
OLGA BENÁRIO (IDEALISMO, AMOR & TRAGÉDIA)
O GOLPE DO ESTADO NOVO A INTENTONA COMUNISTA DE 1935. O GOLPE DE 1937: “ O PLANO COHEN”. A DITADURA DO ESTADO NOVO (1937-1945)
O CULTO A IMAGEM (DIP)
Era Vargas ( 1930 – 1945) (1ªparte)     O populismo. Criação do DIP (Depto de Imprensa e Propaganda – Ditadura). Leis Trabalhistas: salário mínimo e direitos para o trabalhador. Industrialização: criação de empresas estatais e infra-estrutura para o país.   Nacionalismo: contra a entrada de empresas estrangeiras 
“ O PAI DOS POBRES”
A cultura na década de 1930     Importância do rádio. Diversão: carnaval. Cinema.   Sucesso de Carmem Miranda. Nova Mulher:  participação política, profissional, conquista de espaços sociais.
A cultura na década de 1930   
Realizações :   Criou a  Justiça do Trabalho (1939) instituiu o salário mínimo, a Consolidação das Leis do Trabalho, também conhecida por CLT. Os direitos trabalhistas também são frutos de seu governo: carteira profissional, semana de trabalho de 48 horas e as férias remuneradas. 
GV investiu muito na área de infra-estrutura, criando a Companhia Siderúrgica Nacional (1940), a Vale do Rio Doce (1942), e a Hidrelétrica do Vale do São Francisco (1945). Em 1938, criou o IBGE (Instituto brasileiro de Geografia e estatística). Saiu do governo em 1945 após um “golpe militar”.
BRASIL NA 2ªGUERRA MUNDIAL VARGAS NEGOCIOU A PARTICIPAÇÃO. GRANDE PODER DE BARGANHA. F.E.B (FORÇA ESPEDICIONÁRIA BRASILEIRA). OS PRACINHAS LUTARAM NA ITÁLIA.
A GUERRA E AS MUDANÇAS FIM DO POPULISMO. FIM DOS GOVERNOS TOTÁLITARIOS. QUERERISMO. FIM DO ESTADO NOVO.
O Segundo Mandato (A VOLTA) Em 1950, Vargas voltou ao poder através de eleições democráticas. Neste governo continuou com uma política nacionalista. Criou a campanha do "Petróleo é Nosso" que resultaria na criação da Petrobrás. 
“ O PETRÓLEO É NOSSO”
UDN DE CARLOS LACERDA INIMIGOS DE GETULIO
O ATENTADO DA RUA TONELEIROS
OS ATAQUES E O SUÍCIDIO
O suicídio de Vargas   Em agosto de 1954, Vargas suicidou-se no Palácio do Catete com um tiro no peito. Deixou uma carta testamento com uma frase que entrou para a história: "Deixo a vida para entrar na História."  Até hoje o suicídio de Vargas gera polêmicas. O que sabemos é que seus últimos dias de governo foram marcados por forte pressão política por parte da imprensa e dos militares. A situação econômica do país não era positiva, o que gerava muito descontentamento entre a população.
COMOÇÃO NACIONAL
Conclusão Embora tenha sido um ditador e governado com medidas controladoras e populistas, Vargas foi um presidente marcado pelo investimento no Brasil. Além de criar obras de infra-estrutura e desenvolver o parque industrial brasileiro, tomou medidas favoráveis aos trabalhadores. Foi na área do trabalho que deixou sua marca registrada. Sua política econômica gerou empregos no Brasil e suas medidas na área do trabalho favoreceram os trabalhadores brasileiros.
FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
Fatima Freitas
 
O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)
Edenilson Morais
 
Franquismo e salazarismo
Franquismo e salazarismoFranquismo e salazarismo
Franquismo e salazarismo
Lucas Molinari
 
Neoliberalismo
NeoliberalismoNeoliberalismo
Neoliberalismo
Edenilson Morais
 
Crise do Império - Proclamação da República
Crise do Império - Proclamação da RepúblicaCrise do Império - Proclamação da República
Crise do Império - Proclamação da República
UFMT Universidade Federal de Mato Grosso
 
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
carlosbidu
 
Janio quadros e joão goulart
Janio quadros e joão goulartJanio quadros e joão goulart
Janio quadros e joão goulart
harlissoncarvalho
 
Socialismo
SocialismoSocialismo
Socialismo
cleiton denez
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
eiprofessor
 
O golpe de 1964
O golpe de 1964O golpe de 1964
O golpe de 1964
Edenilson Morais
 
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas". Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Paula Meyer Piagentini
 
Proclamação da república
Proclamação da repúblicaProclamação da república
Proclamação da república
Fabiana Tonsis
 
Crise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaCrise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da república
Rodrigo Luiz
 
Proclamação da Republica 9° ANo.pdf
Proclamação da Republica 9° ANo.pdfProclamação da Republica 9° ANo.pdf
Proclamação da Republica 9° ANo.pdf
Lídia Pereira Silva Souza
 
GUERRA DE CANUDOS
GUERRA DE CANUDOSGUERRA DE CANUDOS
GUERRA DE CANUDOS
Louise Caldart Colombo
 
Segundo Reinado
Segundo ReinadoSegundo Reinado
Segundo Reinado
Murilo Resende
 
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Éricles Soares Cruz
 
Brasil República
Brasil RepúblicaBrasil República
Brasil República
Diego Silva
 
Chegada da família real ao brasil
Chegada da família real ao brasilChegada da família real ao brasil
Chegada da família real ao brasil
Geová da Silva
 
A Ditadura Militar No Brasil
A Ditadura Militar No BrasilA Ditadura Militar No Brasil
A Ditadura Militar No Brasil
brunourbino
 

Mais procurados (20)

Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)
 
Franquismo e salazarismo
Franquismo e salazarismoFranquismo e salazarismo
Franquismo e salazarismo
 
Neoliberalismo
NeoliberalismoNeoliberalismo
Neoliberalismo
 
Crise do Império - Proclamação da República
Crise do Império - Proclamação da RepúblicaCrise do Império - Proclamação da República
Crise do Império - Proclamação da República
 
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
 
Janio quadros e joão goulart
Janio quadros e joão goulartJanio quadros e joão goulart
Janio quadros e joão goulart
 
Socialismo
SocialismoSocialismo
Socialismo
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
O golpe de 1964
O golpe de 1964O golpe de 1964
O golpe de 1964
 
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas". Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
 
Proclamação da república
Proclamação da repúblicaProclamação da república
Proclamação da república
 
Crise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaCrise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da república
 
Proclamação da Republica 9° ANo.pdf
Proclamação da Republica 9° ANo.pdfProclamação da Republica 9° ANo.pdf
Proclamação da Republica 9° ANo.pdf
 
GUERRA DE CANUDOS
GUERRA DE CANUDOSGUERRA DE CANUDOS
GUERRA DE CANUDOS
 
Segundo Reinado
Segundo ReinadoSegundo Reinado
Segundo Reinado
 
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
 
Brasil República
Brasil RepúblicaBrasil República
Brasil República
 
Chegada da família real ao brasil
Chegada da família real ao brasilChegada da família real ao brasil
Chegada da família real ao brasil
 
A Ditadura Militar No Brasil
A Ditadura Militar No BrasilA Ditadura Militar No Brasil
A Ditadura Militar No Brasil
 

Semelhante a A era vargas boa (1)

A era vargas
A era vargasA era vargas
Aeravargas 111009224410-phpapp01
Aeravargas 111009224410-phpapp01Aeravargas 111009224410-phpapp01
Aeravargas 111009224410-phpapp01
Aline Ferreira da Silva
 
A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas larissa-proinfo
A era vargas larissa-proinfoA era vargas larissa-proinfo
A era vargas larissa-proinfo
proinfopccurso
 
Biografia
BiografiaBiografia
Biografia
alguimar
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
jailson silva
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
Luiz Antonio Souza
 
Getulio vargas
Getulio vargasGetulio vargas
Getulio vargas
maida marciano
 
Era vargas 1
Era vargas 1Era vargas 1
Era vargas 1
Isabel Aguiar
 
Vargas no poder (ânderson nunes)
Vargas no poder (ânderson nunes)Vargas no poder (ânderson nunes)
Vargas no poder (ânderson nunes)
Ânderson Nunes
 
A Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - Governo
A Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - GovernoA Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - Governo
A Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - Governo
Paulo Roberto
 
Slideexplicativo 110619173024-phpapp02
Slideexplicativo 110619173024-phpapp02Slideexplicativo 110619173024-phpapp02
Slideexplicativo 110619173024-phpapp02
Jose Antonio
 
Era vargas1
Era vargas1Era vargas1
Era vargas1
harlissoncarvalho
 
Era vargas1
Era vargas1Era vargas1
Era vargas1
harlissoncarvalho
 
Era Vargas e o Período Populista
Era Vargas e o Período PopulistaEra Vargas e o Período Populista
Era Vargas e o Período Populista
Edenilson Morais
 
A Era Vargas: 1930-1945
A Era Vargas: 1930-1945A Era Vargas: 1930-1945
A Era Vargas: 1930-1945
Pedro Artigas Daiha
 
Era Vargas
Era VargasEra Vargas
Era Vargas
Elaine Bogo Pavani
 
A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas
Amin Zahluth
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
Douglas Barraqui
 
Getulio Dorneles Vargas
Getulio Dorneles VargasGetulio Dorneles Vargas
Getulio Dorneles Vargas
sissapb
 

Semelhante a A era vargas boa (1) (20)

A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas
 
Aeravargas 111009224410-phpapp01
Aeravargas 111009224410-phpapp01Aeravargas 111009224410-phpapp01
Aeravargas 111009224410-phpapp01
 
A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas
 
A era vargas larissa-proinfo
A era vargas larissa-proinfoA era vargas larissa-proinfo
A era vargas larissa-proinfo
 
Biografia
BiografiaBiografia
Biografia
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
Getulio vargas
Getulio vargasGetulio vargas
Getulio vargas
 
Era vargas 1
Era vargas 1Era vargas 1
Era vargas 1
 
Vargas no poder (ânderson nunes)
Vargas no poder (ânderson nunes)Vargas no poder (ânderson nunes)
Vargas no poder (ânderson nunes)
 
A Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - Governo
A Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - GovernoA Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - Governo
A Era Vargas 1930 -1945: Parte 2 - Governo
 
Slideexplicativo 110619173024-phpapp02
Slideexplicativo 110619173024-phpapp02Slideexplicativo 110619173024-phpapp02
Slideexplicativo 110619173024-phpapp02
 
Era vargas1
Era vargas1Era vargas1
Era vargas1
 
Era vargas1
Era vargas1Era vargas1
Era vargas1
 
Era Vargas e o Período Populista
Era Vargas e o Período PopulistaEra Vargas e o Período Populista
Era Vargas e o Período Populista
 
A Era Vargas: 1930-1945
A Era Vargas: 1930-1945A Era Vargas: 1930-1945
A Era Vargas: 1930-1945
 
Era Vargas
Era VargasEra Vargas
Era Vargas
 
A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
Getulio Dorneles Vargas
Getulio Dorneles VargasGetulio Dorneles Vargas
Getulio Dorneles Vargas
 

Último

Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdfAdaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
CamilaSouza544051
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdfLivro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
CarolineSaback2
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
mailabueno45
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdfAdaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdfLivro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 

A era vargas boa (1)

  • 1. “ A ERA VARGAS” GETÚLIO VARGAS: O PRESIDENTE QUE MAIS TEMPO FICOU NO PODER
  • 2. Biografia: Getúlio Dornelles Vargas (19/4/1882 - 24/8/1954) foi o Presidente que mais tempo governou o Brasil, durante dois mandatos. De origem gaúcha (nasceu na cidade de São Borja), Vargas foi presidente do Brasil entre os anos de 1930 a 1945 e de 1951 a 1954. Entre 1937 e 1945 instalou a fase de ditadura, o chamado Estado Novo.
  • 3. Getúlio Vargas assumiu o poder em 1930, após comandar a Revolução de 1930, que derrubou o governo de Washington Luís. Seus quinze anos de governo seguintes caracterizaram-se pelo nacionalismo e populismo. Sob seu governo foi promulgada a Constituição de 1934. Fecha o Congresso Nacional em 1937, instala o Estado Novo e passa a governar com   poderes ditatoriais. Sua forma de governo passa a ser centralizadora e controladora.
  • 4. Criou o DIP (Departamento de Imprensa e Propaganda) para controlar e censurar manifestações contrárias ao seu governo. Perseguiu opositores políticos, principalmente partidários do comunismo. Enviou Olga Benário, esposa do líder comunista Luis Carlos Prestes, para o governo nazista.
  • 5. REVOLUÇÃO DE 30 Efeitos da crise de 1929. Getúlio Vargas assumiu o poder em 1930, após comandar a Revolução de 1930, que derrubou o governo de Washington Luís. Fim da República Velha.
  • 6. CRISE POLÍTICA & ECONÔMICA
  • 7. O GOVERNO PROVISÓRIO (1930-1934) GOVERNO CENTRALIZADOR (CONGRESSO FECHADO). VARGAS NOMEAVA INTERVENTORES PARA OS ESTADOS. REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1934.
  • 11. FIM DOS CONFLITOS NOVO PERÍODO DE VARGAS
  • 12. O PERÍODO LIBERAL (1934-1937) A CONSTITUIÇÃO DE 1934: ELEIÇÕES DIRETAS, EQUILIBRIO DOS PODERES, VOTO SECRETO, VOTO FEMININO, LEIS TRABALHISTAS.
  • 13.   Transformações na década de 1930 O Brasil passou a ser um país agrícola e industrial. 
  • 14. FASCISTAS & COMUNISTAS AÇÃO INTEGRALISTA BRASILEIRA (PLÍNIO SALGADO-FASCISTA). ALIANÇA NACIONAL LIBERTADORA (LUIS CARLOS PRESTES-SOCIALISMO, LUTA CONTRA O FASCISMO E GETULISMO).
  • 19. OLGA BENÁRIO (IDEALISMO, AMOR & TRAGÉDIA)
  • 20. O GOLPE DO ESTADO NOVO A INTENTONA COMUNISTA DE 1935. O GOLPE DE 1937: “ O PLANO COHEN”. A DITADURA DO ESTADO NOVO (1937-1945)
  • 21. O CULTO A IMAGEM (DIP)
  • 22. Era Vargas ( 1930 – 1945) (1ªparte)   O populismo. Criação do DIP (Depto de Imprensa e Propaganda – Ditadura). Leis Trabalhistas: salário mínimo e direitos para o trabalhador. Industrialização: criação de empresas estatais e infra-estrutura para o país.   Nacionalismo: contra a entrada de empresas estrangeiras 
  • 23. “ O PAI DOS POBRES”
  • 24. A cultura na década de 1930   Importância do rádio. Diversão: carnaval. Cinema.   Sucesso de Carmem Miranda. Nova Mulher: participação política, profissional, conquista de espaços sociais.
  • 25. A cultura na década de 1930  
  • 26. Realizações : Criou a  Justiça do Trabalho (1939) instituiu o salário mínimo, a Consolidação das Leis do Trabalho, também conhecida por CLT. Os direitos trabalhistas também são frutos de seu governo: carteira profissional, semana de trabalho de 48 horas e as férias remuneradas. 
  • 27. GV investiu muito na área de infra-estrutura, criando a Companhia Siderúrgica Nacional (1940), a Vale do Rio Doce (1942), e a Hidrelétrica do Vale do São Francisco (1945). Em 1938, criou o IBGE (Instituto brasileiro de Geografia e estatística). Saiu do governo em 1945 após um “golpe militar”.
  • 28. BRASIL NA 2ªGUERRA MUNDIAL VARGAS NEGOCIOU A PARTICIPAÇÃO. GRANDE PODER DE BARGANHA. F.E.B (FORÇA ESPEDICIONÁRIA BRASILEIRA). OS PRACINHAS LUTARAM NA ITÁLIA.
  • 29. A GUERRA E AS MUDANÇAS FIM DO POPULISMO. FIM DOS GOVERNOS TOTÁLITARIOS. QUERERISMO. FIM DO ESTADO NOVO.
  • 30. O Segundo Mandato (A VOLTA) Em 1950, Vargas voltou ao poder através de eleições democráticas. Neste governo continuou com uma política nacionalista. Criou a campanha do "Petróleo é Nosso" que resultaria na criação da Petrobrás. 
  • 31. “ O PETRÓLEO É NOSSO”
  • 32. UDN DE CARLOS LACERDA INIMIGOS DE GETULIO
  • 33. O ATENTADO DA RUA TONELEIROS
  • 34. OS ATAQUES E O SUÍCIDIO
  • 35. O suicídio de Vargas Em agosto de 1954, Vargas suicidou-se no Palácio do Catete com um tiro no peito. Deixou uma carta testamento com uma frase que entrou para a história: "Deixo a vida para entrar na História."  Até hoje o suicídio de Vargas gera polêmicas. O que sabemos é que seus últimos dias de governo foram marcados por forte pressão política por parte da imprensa e dos militares. A situação econômica do país não era positiva, o que gerava muito descontentamento entre a população.
  • 37. Conclusão Embora tenha sido um ditador e governado com medidas controladoras e populistas, Vargas foi um presidente marcado pelo investimento no Brasil. Além de criar obras de infra-estrutura e desenvolver o parque industrial brasileiro, tomou medidas favoráveis aos trabalhadores. Foi na área do trabalho que deixou sua marca registrada. Sua política econômica gerou empregos no Brasil e suas medidas na área do trabalho favoreceram os trabalhadores brasileiros.
  • 38. FIM