O si provao

237 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
237
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O si provao

  1. 1. Camada FísicaComo citei o anteriormente, é onde se inicia o todo processo. O sinal que vem do meio(Cabos UTP por exemplo), chega à camada física em formato de sinais elétricos e setransforma em bits (0 e 1). Como no cabo navega apenas sinais elétricos de baixafreqüência, a camada física identifica como 0 sinal elétrico com –5 volts e 1 como sinalelétrico com +5 volts. Vejam na figura abaixo o exemplo com a Senóide.A camada física trata coisas tipo distância máxima dos cabos (por exemplo no casodo UTP onde são 90m), conectores físicos (tipo BNC do coaxial ou RJ45 do UTP),pulsos elétricos (no caso de cabo metálico) ou pulsos de luz (no caso da fibra ótica), etc.Resumindo, ela recebe os dados e começa o processo, ou insere os dados finalizando oprocesso, de acordo com a ordem.Podemos associa-la a cabos e conectores. Exemplo de
  2. 2. alguns dispositivos que atuam na camada física são os Hubs, tranceivers, cabos, etc. SuaPDU são os BITS.Camada de EnlaceApós a camada física ter formatado os dados de maneira que a camada de enlaceos entenda, inicia-se a segunda parte do processo. Um aspecto interessante é que acamada de enlace já entende um endereço, o endereço físico (MAC Address –Media Access Controlou Controle de acesso a mídia) – a partir daqui sempre queeu me referir a endereço físico estou me referindo ao MAC "Address". Sem querersair do escopo da camada, acho necessária uma breve idéia a respeito do MAC. MACaddress é um endereço Hexadecimal de 48 bits, tipo FF-C6-00-A2-05-D8. Napróxima parte do processo, quando o dado é enviado à camada de rede esseendereço vira endereço IP.Uma curiosidade, é que o MAC address possui a seguinte composição:A camada e enlace trata as topologias de rede, dispositivos como Switch, placa derede, interfaces, etc., e é responsável por todo o processo de switching. Após orecebimento dos bits, ela os converte de maneira inteligível, os transforma emunidade de dado, subtrai o endereço físico e encaminha para a camada de rede quecontinua o processo. Sua PDU é o QUADRO.Camada de RedePensando em WAN, é a camada que mais atua no processo. A camada 3é responsávelpelo tráfego no processo de internetworking. A partir de dispositivos comoroteadores, ela decide qual o melhor caminho para os dados no processo, bemcomo estabelecimento das rotas. A camada 3 já entende o endereço físico, que oconverte para endereço lógico (o endereço IP). Exemplo de protocolos deendereçamento lógico são o IP e o IPX. A partir daí, a PDU da camada de enlace, oquadro, se transforma em unidade de dado de camada 3. Exemplo de dispositivo atuantenessa camada é o Roteador, que sem dúvida é o principal agente no processo deinternetworking, pois este determina as melhores rotas baseados no seus critérios,endereça os dados pelas redes, e gerencia suas tabelas de roteamento.
  3. 3. Camada de transporteA camada de transporte é responsável pela qualidade na entrega/recebimento dosdados. Após os dados já endereçados virem da camada 3, é hora de começar otransporte dos mesmos. A camada 4 gerencia esse processo, para assegurar demaneira confiável o sucesso no transporte dos dados, por exemplo, um serviçobastante interessante que atua de forma interativa nessa camada é o Q.O.S ouQualityof Service (Qualidade de Serviço), que é um assunto bastante importante éfundamental no processo de internetworking. Então, após os pacotes virem dacamada de rede, já com seus "remetentes/destinatários", é hora de entrega-los,como se as cartas tivessem acabados de sair do correio (camada 3), e o carteiro fosseas transportar (camada 4). Junto dos protocolos de endereçamento (IP e IPX), agoraentram os protocolos de transporte (por exemplo, o TCP e o SPX).Camada de sessãoApós a recepção dos bits, a obtenção do endereço, e a definição de um caminhopara o transporte, se inicia então a sessão responsável pelo processo da troca dedados/comunicação. A camada 5 é responsável por iniciar, gerenciar e terminar aconexão entre hosts. Para obter êxito no processo de comunicação, a camada de seçãotêm que se preocupar com a sincronização entre hosts, para que a sessão aberta entreeles se mantenha funcionando. Exemplo de dispositivos, ou mais especificamente,aplicativos que atuam na camada de sessão é o ICQ, ou o MIRC. A partir daí, a camadade sessão e as camadas superiores vão tratar como PDU os DADOS.Camada de ApresentaçãoA camada 6 atua como intermediaria no processo frente às suas camadasadjacentes. Ela cuida da formatação dos dados, e da representação destes, e ela é acamada responsável por fazer com que duas redes diferentes (por exemplo, umaTCP/IP e outra IPX/SPX) se comuniquem, "traduzindo" os dados no processo decomunicação. Alguns dispositivos atuantes na camada de Apresentação são o
  4. 4. Gateway, ou os Traceivers,sendo que o Gateway no caso faria a ponte entre asredes traduzindo diferentes protocolos, e o Tranceiver traduz sinais por exemplode cabo UTP em sinais que um cabo Coaxial entenda.Camada de AplicaçãoA camada de aplicação e a que mais notamos no dia a dia, pois interagimos diretocom ela através de softwares como cliente de correio, programas de mensagensinstantâneas, etc. Do ponto de vista do conceito, a camada 7 e basicamente a interfacedireta para inserção/recepção de dados. Nela é que atuam o DNS, o Telnet, o FTP, etc.E ela pode tanto iniciar quanto finalizar o processo, pois como a camada física, seencontra em um dos extremos do modelo!

×