SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
Baixar para ler offline
CULTURARTEEN
TODOS OS MESES COM VOCÊ!
INFORMATIVOOFICIALDAJUVENTUDEDEMARICÁ-Falandocomosjovens,paraosjovensesobreosJOVENS!
ANO13-NÚMERO179-OUTUBRO-Maricá,02deoutubrode2017www.destaquesdoculturarteen.blogspot.comjornalismopr@hotmail.com
ARTES,CULTURA,DIVERSÃO,EDUCAÇÃO,ESPORTES,TRABALHOeVIDA
O PRIMEIRO JORNAL DE
MARICÁ COM CADERNOS
179
21ANOS
Foto:PerySalgado
OUTUBRO ROSA
Tudo sobre a prevenção do
câncer de mama
FÁBIA LARAFÁBIA LARAFÁBIA LARAFÁBIA LARAFÁBIA LARA
Filha de Fábio e Joyce Amaral (Beleza Negra 2016),
participante da exposição fotográfica Outubro Rosa
sobre a prevenção do câncer de mama
ANO 13 - Outubro 2017
A 02 destaquesdoculturarteen.blogspot.com
P
SAÚDE, VIDA, CULTURA e LAZER
Parte integrante do
Informativo
CulturarTEEN.
ORGÃO INFORMATIVO DE MARICÁ – ANO 11 – NÚMERO 137 – OUTUBRO 2017 – jornalismopr@hotmail.com - www.culturarteen.com
OUTUBRO ROSA - prevenção do câncer de mama de janeiro a janeiro
O câncer de mama – e o câncer de forma
geral – não tem uma causa única. Seu
desenvolvimento deve ser compreendido em
função de uma série de fatores de risco, alguns
deles modificáveis, outros não.
O histórico familiar é um importante fator de
risco não modificável para o câncer de mama.
Mulheres com parentes de primeiro grau (mãe
ou irmã) que tiveram a doença antes dos 50 anos
podem ser mais vulneráveis.
Entreoutrosfatoresderisconãomodificáveis
estão o aumento da idade, a menarca precoce
(primeira menstruação antes dos 11 anos de
idade), a menopausa tardia (última menstruação
após os 55 anos), nunca ter engravidado ou ter
tido o primeiro filho depois dos 30 anos.
Já os fatores de risco modificáveis bem
conhecidosatéomomentoestãorelacionadosao
estilo de vida, como o excesso de peso e a
ingestão regular (mesmo que moderada) de
álcool. Alterá-los, portanto, diminui o risco de
desenvolver a doença. No entanto, a adoção de
um estilo de vida saudável nunca deve excluir as
consultasperiódicasaoginecologista,queincluem
a mamografia anual a partir dos 40 anos.
Sintomas
Osintomamaiscomumdecâncerdemamaé
o aparecimento de um caroço. Nódulos que são
indolores, duros e irregulares têm mais chances
desermalignos,mashátumoresquesãomacios
e arredondados. Portanto, é importante ir ao
médico.Outrossinaisdecâncerdemamaincluem:
- inchaço em parte do seio, caroço nas
axilas;
- irritação da pele ou aparecimento de
irregularidades, como covinhas ou
franzidos, ou que fazem a pele se assemelhar
à casca de uma laranja;
- dor no mamilo ou inversão do mamilo (para
dentro);
- vermelhidão ou descamação do mamilo ou
pele da mama;
- saída de secreção (que não leite) pelo
mamilo
O jornalista e produtor Pery Salgado (PR Produções), produziu pelo quinto ano consecutivo, a
exposição fotográfica OUTUBRO ROSA - prevenção do câncer de mama de janeiro a janeiro,
reunindo misses, modelos, musas, profissionais liberais, mulheres comuns e até adolescentes, que
abraçaram causa para mostrar toda a prevenção e proteção que as mulheres (e seus companheiros)
devem ter com os seios (a parte mais sagrada do corpo de uma mulher).
A exposição fotográfica foi inaugurada dia 20 de setembro durante o Festival Intercultural de
Maricá no Espaço Cultural Vovó Bellina e irá para outros lugares em Maricá, Saquarema, Niteroi e
Rio de Janeiro. A exposição fotográfica tem o apoio dos vereadores Fabricio Bittencourt,
Aldair de Linda, Ismael Breve, Frank Costa e Marcus Bam Bam, além da GOULART DOCES.
DETECÇÃO PRECOCE
O câncer de mama é uma doença grave,
mas que pode ser curada. Quanto mais cedo ele
for detectado, mais fácil será curá-lo. Se no
momentododiagnósticootumortivermenosde1
centímetro (estágio inicial), as chances de cura
chegam a 95%.
Quantomaiorotumor,menoraprobabilidade
de vencer a doença. A detecção precoce é,
portanto,umaestratégiafundamentalnalutacontra
o câncer de mama. Se a detecção precoce é a
melhor estratégia, a principal arma para sair
vitoriosa dessa luta é a mamografia, realizada
uma vez por ano em toda mulher com 40 anos ou
mais.Éapartirdessaidadequeoriscodadoença
começa a aumentar significativamente. A
mamografia é o único exame diagnóstico capaz
de detectar o câncer de mama quando ele ainda
temmenosde1centímetro.Comessetamanho,o
nódulo ainda não pode ser palpado. Mas é com
esse tamanho que ele pode ser curado em até
95% dos casos.
AUTOEXAME
Durante muito tempo, as campanhas de
conscientização para o câncer de mama
divulgaram a ideia de que o autoexame das
mamas,baseadonapalpação,eraamelhorforma
para detectá-lo precocemente. Mas o tempo
passou, a medicina evoluiu e as recomendações
mudaram.
O autoexame continua sendo importante –
masdeformasecundária.Quandootumoratinge
o tamanho suficiente para ser palpado, já não
estámaisnoestágioinicial,easchancesdecura
não são máximas.
Infelizmente, ainda há muita desinformação
no Brasil. Uma pesquisa realizada em 2008 pelo
DatafolhaapedidodaFemamarevelouquepara
82% das mulheres o autoexame é a principal
forma de diagnóstico precoce. Apenas 35%
apontaramamamografia.
A incidência do câncer de mama vem
crescendo no mundo todo, mas, quando se trata
do número de mortes causadas pela doença, as
tendências variam. Em países desenvolvidos, a
mortalidade vem caindo lentamente, ao passo
que nos países em desenvolvimento, como o
Brasil, registra-se um gradativo aumento.
Pelo menos parte dessa diferença se deve
ao diagnóstico precoce, ainda precário no nosso
país.Entre1999e2003,quasemetadedoscasos
de câncer de mama foram diagnosticados em
estágiosavançados,segundoestudodoInstituto
NacionaldeCâncer(Inca).Especialistasestimam
que mortalidade por câncer de mama em
mulheresentre50e69anospoderiaserreduzida
em um terço se todas as brasileiras fossem
submetidas à mamografia uma vez por ano.
Wanessa Esquerdo é modelo, musicista
e líder do Tempero do Forró continua
DIREITO DE TODAS
O Brasil é um país de desigualdades, que
sãoaindamaisevidentesnaassistênciaàsaúde.
O acesso à mamografia é um exemplo típico,
infelizmente.Onúmerodebrasileirasquerealizam
o exame anualmente ainda é muito baixo.As que
dispõem de planos de saúde privados têm mais
facilidade,masrepresentamumapequenaparcela
da população. A grande maioria depende do
Sistema Único de Saúde, em que as dificuldades
são bem conhecidas, havendo muitas diferenças
de região para região.
Até recentemente, o Ministério da Saúde
recomendava que a mamografia anual fosse
realizada em mulheres pelo SUS a partir de 50
anos. Mas esse limite de idade mudou com a
efetivação da Lei Federal nº 11.664/2008, em
vigor a partir de 29 de abril de 2009, garantindo
o benefício a partir dos 40 anos.
A Lei Federal nº 11.664/2008 foi uma
conquista da Femama e representa um grande
avanço na luta contra do câncer de mama. No
entanto, ela precisa ser colocada em prática de
norte a sul do País.
SELO DE QUALIDADE
Outro problema que prejudica a detecção
precoce do câncer de mama é a má qualidade
das mamografias feitas no País. Numa pesquisa
realizadapeloInstitutoNacionaldeCâncer(Inca),
77% dos exames foram rejeitados por problemas
técnicosrelacionadosàqualidadedaimagem,ao
posicionamento incorreto das pacientes e ao uso
inadequado dos equipamentos. O resultado é,
além de tumores que passam despercebidos e
de biópsias desnecessárias, o grande número
de mamografias que precisam ser refeitas.
Para combater o problema, o Colégio
Brasileiro de Radiologia, em parceria com o Inca
e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária
(Anvisa), criou, em 2005, um programa de
certificação de mamógrafos, que conta
com o apoio da Femama e
do InstitutoAvon.
Os mamógrafos
certificadoscontamcomum
selodequalidade,maseles
ainda são minoria. Até o
fim de 2008 eram
poucomaisde400,
de um to-tal de
cerca de 2,4 mil
emtodooPaís.
É importante
que tantos os
m é d i c o s
quanto as
pacientes
p r o c u r e m
saber se os
mamógra-fosdos
serviços utilizados
têm o selo de
qualidade.
ANO 13 - Setembro 2017
A04 destaquesdoculturarteen.blogspot.com
de crescimento mais rápido e de propensão
genética maior. Isso porque o problema é
hereditário, mas ainda não sabemos as causas.
Aomenos30%delasacabammorrendoemcinco
anos, porque os casos são muito agressivos.
Quando [os casos muito agressivos] ocorrem, a
chance de morte é quase certa, pois não
respondem à quimioterapia.
Mesmodiantedessesnúmeros,omédiconão
aconselha as jovens a fazerem mamografia por
prevenção, pois, segundo ele, o exame pode
trazermalefíciosfuturos.
- O contato com a radiação da mamografia
podeacarretarumcâncerdepoisdealgunsanos.
Aoutrarazãoéporqueamamografiaéineficiente
em uma mulher jovem. O exame não é capaz de
identificar um nódulo porque a quantidade de
gordura ao redor da glândula é muito pequena,
e a mamografia só consegue detectá-los através
da gordura. Por isso, é indicado para mulheres
mais velhas.
CÂNCER DE MAMA É MAIS AGRESSIVO EM MULHERES JOVENS
Uma em cada cem mulheres diagnosticadas com a doença no Brasil tem entre 13 e 16 anos
A
A estudantepaulistanaSheilaAraújoMartins,
16 anos, descobriu um câncer raro na mama
direita em 2007, ao fazer uma consulta de pré-
natal em um posto de saúde da Cidade Dutra
(zona sul de São Paulo) no terceiro mês de
gravidez. Ela tinha 14 anos na época, quando
sentiu um caroço na mama ao tomar banho.
Ao avisar o médico, foi encaminhada ao
departamento de Oncologia do hospital Pérola
Byinton, em São Paulo (SP), onde foi feita uma
biópsia. Cinco meses depois, quando estava no
oitavo mês de gravidez, o resultado do câncer
foi confirmado. O tumor já estava com 11cm, o
que exigiu que a cirurgia para a retirada do
câncerfossefeitaimediatamente.AmãedeSheila,
aempregadadomésticaMariaLucinéiadeAraújo,
39 anos, entrou em choque.
- O desespero foi muito grande, não dá para
falar a reação, porque no meu caso ela era uma
menina de 14 anos, grávida, correndo risco de
perder a mama.
Sheila foi transferida para o hospital São
Paulo, onde fez a cirurgia de retirada do tumor.
Ao saber da cirurgia, a grande angústia de Sheila
era a possível perda de um seio.
- [Assim que soube da notícia] Tive medo por
tudo. Medo de tirar a mama, porque na minha
idade, sem mama, eu ia me sentir diferente. Não
tive medo do pior, porque minha mãe me
aconselhamuito,enempelobebê,porquefizeram
os exames e eu sabia que ele estava todo
formado.
A cirurgia foi um sucesso e não houve
necessidade de retirada da mama. Um mês
depois, em 12 de maio de 2008, Rafaela nasceu
comasaúdeperfeita.Nofimdeagostodesteano,
no entanto, Sheila voltou a sentir um caroço no
mesmoseio.OtipodecâncerqueSheilatevetem
grande chance de retornar e, em casos
reincidentes, aumenta a possibilidade de retirada
da mama. A biópsia já foi feita no hospital São
Paulo e a família espera o resultado.
DIAGNÓSTICO É DIFÍCIL
O caso de Sheila entra nas estatísticas
brasileiras do câncer infanto-juvenil, que atinge
crianças e adolescentes de um a 19 anos.
Segundo pesquisa divulgada pelo Inca (Instituto
Nacional de Câncer) e pela Sobop (Sociedade
Brasileira de Oncologia Pediátrica), o câncer é a
doença que mais mata jovens na faixa dos cinco
aos 18 anos no Brasil.
Thais
Vasconcelos
Musa de
Maricá 2017,
é enfermeira
e modelo
Monica
Brione
Miss Brasil
Top Cult e
Miss Maricá
Senior
A doença corresponde entre 2% e 3% de
todos os tumores malignos registrados no país.A
leucemia,olinfomaeostumorescerebraissãoos
tiposdecâncermaiscomunsnessafaixaetária.A
pesquisa indica ainda o surgimento de
aproximadamente10milcasosdecâncerinfanto-
juvenil a cada ano no país a partir do biênio 2008/
2009.Olevantamentoregistroudadosentre2001
e 2005 em 20 cidades em todas as regiões
brasileiras.
O oncologista pediátrico do hospital Santa
Marcelina, em São Paulo (SP), e presidente da
Sobop, Renato Melaragno, explica que a
mortalidade dos jovens pelo câncer passou a ser
maior no país ao longo dos anos, já que doenças
infecciosascomoosarampotêmsidoerradicadas.
O câncer de mama, em especial, é
considerado raro entre adolescentes, mas o
número de casos vem crescendo a cada ano.
Eleatingepelomenosumaemcada100mulheres
diagnosticadas com câncer de mama no
Brasil entre os 13 e 16 anos - 1% das
adolescentes brasileiras - segundo o diretor do
departamento de Mastologia do hospital Pérola
Biynton, em São Paulo (SP), Luiz Henrique
Gebrin. O médico diz que, nesses casos, o
agravante é que o câncer nos adolescentes
costuma ser mais agressivo do que nos adultos,
e são mais difíceis de serem diagnosticados.
- Na maioria dos casos, ele é descoberto
casualmentepelaformaçãodeumcaroçonaaxila
ou por um nódulo apalpado na mama. Mas nove
entre dez deles são tumores benignos. Entre as
mulheres na faixa dos 20 a 30 anos, o índice
sobe para dez casos em cada 100 (10%), pois à
medida que se envelhece, aumentam as
dificuldades de se defender do câncer.
MAMOGRAFIA, NÃO!
Diferentementedocânceremadultos,emque
se leva em conta aspectos do comportamento
comofumo,alcoolismo,alimentação,sedentarismo
e exposição ao sol, a medicina ainda não
conseguiu estabelecer os verdadeiros fatores de
risco do câncer pediátrico. Por isso, a orientação
é tratá-lo o quanto antes com quimioterapia ou
mesmo cirurgia, até em crianças, dependendo
do caso.
-Ocâncernamulherjovemémaisagressivo,
Jeniffer
Massante
Garotada
Capa2017
émodelo
plus size,
manicure
e ma-
quiadora
Nasjovens,odiagnósticoficaaindamaisdifícil
por outras duas razões: suas mamas estão em
formação,ouseja,qualquermudançaéencarada
como um processo, e jovens só costumam ir ao
médicoquandosesentemrealmentedoentes.No
último caso, se o nódulo já estiver avançado, o
tratamento tende a ser mais duro. O ideal é
consultar o ginecologista assim que for
percebida qualquer anormalidade na mama,
orienta Gebrin.
Atualmentepelomenos15meninasestãoem
acompanhamento no Pérola Byinton com
tratamentobaseadonaquimioterapia.Paraevitar
seqüelas emocionais, as pacientes recebem
atendimento psicológico logo após descobrir o
câncer. Sheila, que teve o diagnóstico da doença
aos 14 anos, foi uma das pacientes de Gebrin.
Joyce Pereira
doAmaral
Beleza Negra
2016 é
cabeleireira e
maquiadora
Suraya
Borges,
MissBuzios
PlusSize
2015 é
modelo e
empresária
(21) 2637-2455
APOIAMAEXPOSIÇÃO
FOTOGRÁFICAOUTUBROROSA:
Vereadores
- Aldair de Linda
- Fabricio Bittencourt
- Marcus Bam Bam
- Frank Costa
- Ismael Breve
PROJETO DE MARKETING
CULTURARTEEN
PROJETO DE MARKETING
INFORMATIVOOFICIALDAJUVENTUDEDEMARICÁ-Falandocomosjovens,paraosjovensesobreosJOVENS!
ANO13-NÚMERO180-OUTUBRO-Maricá,10deoutubrode2017www.destaquesdoculturarteen.blogspot.comjornalismopr@hotmail.com
ARTES,CULTURA,DIVERSÃO,EDUCAÇÃO,ESPORTES,TRABALHOeVIDA
180
21ANOS
EDIÇÃO EXTRA 11 PRIMAVERA DOS MUSEUS E
FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ
FOI UM GRANDE SUCESSO
a
Foram sete dias intensos que reuniram artistas de várias áreas, artesãos, músicos, dançarinos, professores, alunos,
palestrantes, modelos, famílias, autoridades no Espaço Cultural Vovó Bellina, em São José do Imbassaí. Com o apoio de
secretarias da prefeitura de Maricá, da iniciativa privada e de muito suor da ONG CULTURANDO JÁ em parceria com a PR
PRODUÇÕES, o evento foi um grande sucesso e ficou o gostinho de quero mais. Confira como foram as atividades:
Os brilhantes componentes da Orquestra Jovem da Viação Nossa Senhora do Amparo
O passeio ciclístico e caminhada que reuniu dezenas de participantes e famílias
ANO 13 - outubro 2017
edição extraPM 02 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
O que é a Primavera de
Museus?
APrimaveradosMuseuséumaprogramação
culturalespecialpromovidapeloInstitutoBrasileiro
de Museus (IBRAM), que acontece anualmente
no início da estação homônima, quando museus,
instituições de memória e centros culturais
brasileiros,participamconvidadospeloIBRAM.A
cada ano, o IBRAM lança um tema diferente para
nortear as atividades dos museus. Neste período
as instituições devem desenvolver atividades
especiais como: exposições, palestras,
seminários, shows, exibição de filmes, minicurso
etc., chamando, assim, a comunidade a refletir,
discutir e trocar experiências sobre o tema
“Museus e suas Memórias”, lançado pelo
Conselho Internacional de Museus (ICOM). Ao
IBRAM cabe divulgar a programação nacional
da Primavera dos Museus e produzir o Guia da
Programação Virtual, de abrangência nacional.
Um dos objetivos é que museus, e demais
instituiçõesculturaisparticipantes,possam“olhar
paradentro”erefletir,juntocomosgrupossociais
presentesnosterritóriosnosquaisestãoinseridos,
sobre os processos e resultados de sua própria
constituição e produção.
A ênfase deste ano foi mostrar o museu e as
ações museais como suportes de memória e a
intimarelaçãocomasnarrativaslocaisconferindo
sentido e significados dinâmicos e atualizando a
realidade social dos lugares.
A11ª Semana Nacional de Museus (IBRAM),
emMaricá,foiorganizadaeexecutadapelaONG
CULTURANDO JÁ em parceria com a PR
Produções, nos dias 18 a 24 de setembro de
2017,das8hàs16h,noEspaçoCulturalPousada
VovóBellina,RuaMarajó,nº460,(Marine)bairro:
São José do Imbassaí, Maricá, RJ.
Estáfoiaúnicainstituiçãodomunicípioinscrita
oficialmente na 11ª Primavera dos Museus junto
ao Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM,
MinistériodaCultura(eventodeprojeçãonacional
e internacional). O evento foi uma experiência
única para o município e proporcionou a difusão
e a popularização de novos conhecimentos, bem
como a valorização e proteção do Patrimônio
Cultural, Científico e Ambiental, através do livre
acessoparaosalunos,professoreseapopulação
em geral.
O evento PRIMAVERA DOS MUSEUS,
cresceualémdasexpectativas.Assim,apresidente
Martha Locks e o diretor Lázaro Gabriel Alves
reunidos com o jornalista Pery Salgado (PR
Produções), convidado a participar com
exposição fotográfica Outubro Rosa sobre a
prevenção ao câncer de mama e outras
atividadesqueestaprodutoraagregouaoevento,
além de auxiliar na captação e na divulgação do
evento passou, também a fazer parte da
organização de um novo evento que ocorreu
dentro da 11ª Primavera dos Museus: o “Festival
Intercultural de Maricá”.
CULTURANDO JÁ
Quem somos?
CULTURANDO JÁ foi fundada em julho de
2015, na cidade de Maricá, RJ. É uma
organizaçãodasociedadecivil,semfinslucrativos,
religioso ou político partidária, que pratica o bem,
promovendo e levando a cultura para todos.
Formada por uma equipe multidisciplinar de
educadoresepesquisadoresfelizesporqueamam
o que fazem, que acreditam na transformação
social e na construção de uma realidade melhor
para todos. Somos atraídos pela paixão de
11 PRIMAVERA DOS MUSEUS E FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ
a
ensinar e comunicar o nosso passado comum,
desde o surgimento do Homem, com objetivo de
estimular e promover indivíduos conscientes
sobre a importância da preservação da memória
coletiva e da identidade territorial que alicerçam
nossasociedade.Destaforma,descentralizamos
oconhecimentoeolevamosparaascomunidades
emunicípiosmaiscarentesemenosfavorecidos,
através de vivências e práticas integradas à
educação, à cultura e ao meio ambiente.
Nossamissãoécontribuirnodesenvolvimento
deconceitospositivosevaloreséticoscomrelação
aopatrimôniosocial,culturaleambiental.Fornecer
subsídios motivadores para a formação de
consciências histórico-críticas com foco na
equidade e justiça socioambiental. Levar
conhecimentoatravésdeeventosgratuitosaberto
a comunidade.
AONG CULTURANDO JÁ agrega parceiros
institucionais com a finalidade de enriquecer e
diversificar as ações culturais, tais como,
SecretariasMunicipaisde:AçãoSocial,Educação,
Cultura, Turismo, Meio Ambiente, Agricultura e
PecuáriaeSegurançaeTrânsito,PRProduções,
Grupo Cara LimpaArte e Vida, GRES Inocentes
de Maricá eArtesãos locais.
Comosomosumaentidadesemfinslucrativos
erealizamoseventosgratuitoscomfoconacriança
e no jovem, dependemos de doações e ajuda
financeira para podermos levar cultura as áreas
maiscarentes.Visitenossositeefaçaumadoação
www.culturandoja.org.br.
RESUMO DAS ATIVIDADES DA
PRIMAVERA DOS MUSEUS E DO FESTIVAL
INTERCULTURAL DE MARICÁ
Contando com grande apoio da secretaria
de turismo da Prefeitura Municipal de Maricá,
através do secretário (e vereador licenciado)
ROBSON DUTRA, a Primavera dos Museus e
Festival Intercultural de Maricá recebeu as
seguintesatividades:
rupestres. Após o aprendizado visitaram uma
grutacomfotografiasdaspinturasrupestres.Esta
oficina é o carro chefe do projeto é um dos itens
que prende muito a atenção dos jovens.
Muito interessante foi manusear os artefatos
e ossos e identificá-los na oficina desse assunto
que engloba a pré-história e a história. Os alunos
se empenhavam na identificação e conhecer a
função.
Ao final da participação da exposição e das
oficinas houve a distribuição do “Kit Culturando
Já” composto por 2 revistas em quadrinhos
interativas “Brincando com as Ciências” e
“Aprendendo Arqueologia”, atividades em
arqueologia, folder explicando a educação
patrimonial,caixacontendo6gizesdecera.Esse
Kit encantou tanto os alunos e professores como
os visitantes que o receberam com muita alegria.
PALESTRAS
As palestras descritas abaixo foram um
momento de reflexão e debate sobre a cultura
local, no qual tivemos a presença de alunos da
rede pública e população em geral.
1- A Arquiteta Urbanista RENATA GAMA da
Coordenação de Patrimônio da Secretaria de
Municipal de Cultura de Maricá, ministrou
palestra sobre o “Patrimônio Histórico-
Arquitetônico de Maricá”, uma viagem através
dos séculos e resgatou alguns capítulos da
História da cidade a partir do seu patrimônio
histórico-cultural,mostrandoasmodificaçõesnas
construções, o caminho de Darwin, a fazenda
onde a princesa Isabel dormiu, igrejas e muito
mais, bastante interessante, pois prendeu a
atenção dos alunos por mais de uma hora.
2- “Câncer de Mama” – Palestra com a
enfermeira Thais Vasconcelos, onde foram
explicados os procedimentos e cuidados na
prevenção e tratamento do câncer de mama,
informando também aos presentes os perigos do
câncer de mama em jovens adolescentes e nos
homens, ambos raros e muito mais letais do que
nas mulheres. Ficou claro que o exame de toque
deve ser feito diariamente e que a visita ao
ginecologista é obrigatória, pelo menos uma vez
ao ano, e se possível, duas vezes ao ano a partir
dos 40 anos.
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS da Etnia Puri,
DAUÁ PURI indígena da aldeia Maracanã
O povo Puri, considerado extinto é originário da
região sudeste, transmite sua riqueza cultural
através de seu descendente Dauá Puri, indígena
da aldeia Maracanã, RJ, com a oficina de
contação de histórias da etnia Puri.
Atravésdedanças,cantos,poemasehistóriasos
participantes aprenderam nas línguas Puri e em
Português sobre a natureza, os animais (tatu,
onça, gavião, peixe etc.) e as árvores (urucum,
algodão, pitanga etc.). Também foi apresentado
instrumentosmusicaisconfeccionadospelosPuris,
os quais as crianças puderam interagir formando
umabanda,cantandoeaprendendoalínguaPuri
“Nhamaquê (peixe) – Anta koiah: hakorrema!
(Avôfalou:Homem!)Mil’tonohrinaphon(Levantar
o arco e flecha). Kelmûn mnhãma-rora iagha
Nhamaquê (Andar no rio pegar peixe)” e assim
passaram o tempo aprendendo com poesia,
cantoseensinamentosumalínguadiferente,mas
que pertence ao Brasil, pois é oriunda de povos
originários.
INSTRUMENTOS MUSICAIS Exposição e
Oficina com o Prof. SERGIO P. ARANDA –
Coordenador de Musicalização da Secretaria
Municipal de Educação de Maricá.
PROJETO da ONG CULTURANDO JÁ
“ONDE TUDO COMEÇOU:
UM BRASIL DESCONHECIDO”
OProjetorecebeuumachanceladoMinistério
da Cultura de Nível Internacional e proporciona
a crianças e jovens o conhecimento e a
apropriação positiva das nossas histórias e
saberes,elementosestesquesãoformadoresda
identidadeterritorial,edaherançaculturalesocial
do brasileiro.
Deformadidática,interativaelúdica,oprojeto
“Um Brasil Desconhecido” é itinerante de
capacitação de mediadores e multiplicadores
culturais com exposições, oficinas, palestras e
workshops, que apresenta os diferentes Brasis
pré-históricos; até a transição para a história
(contato com o português e outros povos). Este
projeto está na estrada desde 2014 pelo Brasil.
Nossa equipe estava representada por
MARTHA LOCKS, LÁZARO GABRIEL ALVES,
THAÍS SACHIE e CARLOS RUA.
A exposição de artefatos, esqueletos e arte
rupestre atraiu bastante os visitantes, com
destaque para os ossos da preguiça gigante e a
réplicadacabeçadamulhermaisantigadoBrasil
a “Luzia”.
Na oficina de Pintura Rupestre (pintura na
parede das cavernas) o participante conheceu
as técnicas e matérias primas utilizadas pelo
homem há pelo menos 10.000 anos atrás, ainda
imitou o arqueólogo, seguindo o mesmo método
utilizado nas cópias das pinturas rupestres.Após
a cópia fizeram a identificação dessas pinturas e
posteriormente observaram na tela touchscreen,
os estados onde foram encontrados os registros
PM 03outubro 2017 -ANO 13
edição extraPRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
Helia Reis participou de sua primeira exposição
a convite do produtor Pery Salgado
OsInstrumentosMusicaisapresentadosporSérgio
Aranda, tem o objetivo de esclarecer aos alunos
daexistênciadasfamíliasdeinstrumentosmusicais,
amostragemdeváriosdessesinstrumentosesua
origem, a execução de alguns deles e
demonstração da manufatura de outros.
Procurando desta maneira despertar o interesse
pela música e desmistificar a dificuldade de tocar
música,alémdeampliaroconhecimentoecultura
das crianças e adultos.
Foram apresentados vários instrumentos das
Famílias das cordas (violão, viola de cocho,
bandolim casca de ovo e lira do congo); do sopro
(apito de nariz, harmonica - gaita de boca, flauta
construídacomcanodepvc,flautaboliviana,flauta
peruana,flautachileneflautadoce)edapercussão
(bloco sonoco, carrilhão, cajon, chuva de folhas,
pau-de-chuva, castalhola, cobel,
xequerê e tambor metálico). Quanto aos
instrumentos artesanais explicou-se as técnicas
deconfecçãodosmesmos.
Osalunostocaramváriosinstrumentoscantaram
e acompanharam o Sérgio ao violão. Foi uma
atividade rica em sons e movimentos.
EXPOSIÇÃO COM ARTISTAS REGIONAIS
O artista OSIAS SILVEIRA apresentou a
exposição “ART IN NATURA” com esculturas
humanas e objeto de tamanho natural, como o
cangaceiro, o Raul Seixas, ambos na entrada do
evento, no interior do salão uma cadeira, a qual
as pessoas podiam sentar e tirar fotografias,
circundada por esculturas menores. A matéria
primautilizadafoiretiradadanaturezacomo,restos
de madeira, folhas, cipó, cocos, etc. Esse tipo de
artefoiumaatraçãobeminteressanteaosalunos
e visitantes. As esculturas desse grande artista
estão visíveis e você poderá comprá-las, na RJ
106 na altura do Parque Nanci.
Artista plástica HÉLIA REIS, autodidata
que ama expressar suas emoções através da
técnicaabstratainovadoracompinceladassoltas
e predominância de cores fortes como vermelho,
amarelo,azulepreto.Expos10telascomdiversos
temas, “Menina Sonhadora”, “Coração
Mecânico”, “Planeta”, “Emoção em Movimento”,
entre outras. As telas estão à venda em Inoã,
basta entrar em contato com a artista.
CAMPANHA “BASTA DE ACIDENTES” da
Secretaria Municipal de Segurança Pública,
Ordem Pública e Trânsito de Maricá.
ACampanha“BastadeAcidentes”éumaação
educativa para crianças, jovens e adultos. Um
dos objetivos é conscientizar jovens e crianças
sobre a importância de se adotar medidas de
segurançanotrânsito,comadistribuiçãoemações
nas escolas da revista especial Coquetel “Basta
deAcidentes”.
A equipe do órgão é acompanhada do
mascote SIMARITO e dá orientações aos
motoristas, distribuindo panfletos e revistas e,
ainda, verificaram o uso do cinto de segurança.
Houve um passeio ciclístico e caminhada
comofechamentodoseventosnodomingo24/09
sendoorientadapelaequipedoBastadeAcidente
e todos os participantes se empenharam em
divulgar essa campanha, carregando mãos
amarelas e interagindo com o SIMARITO o
mascote da campanha. Acaminhada no Marine
saiudoEspaçoCulturaldaPousadaVovóBellina,
passoupeloscolégiosCAICeCônegoeterminou
na Lagoa.
ESCOLA DE SAMBA GRES INOCENTES DE
MARICÁ
Participou com o resgate da história do
carnaval de Maricá, mostrou seu enredo sobre a
maior tapeceira de Maricá e região Concessa
Colasso,conhecidainternacionalmenteecriadora
do ponto brasileiro. A apresentação de bateria
Pegada do Gorila do Mestre Sapão e seus
intérpretes, integrantes e convidados.
BAZAR SOLIDÁRIO do CRAS Itinerante da
Secretaria Municipal de Ação Social de
Maricárealizou a distribuição de roupas do dia 20
a 24, participaram das atividades: VERA LUCIA
JESUS ANDRADE, CATHERINE MOREIRA,
MARCIA CRISTINA FERNANDES, ANDREIA
FERREIRADAROZA,ELISÂNGELAFERREIRA
GOMES, ANDREIA PAULA ROSÁRIO DE
OLIVEIRA.
O CRAS Itinerante desenvolve ações de
doação de roupas, sapatos, bolsas, etc. você
também pode trazer o que não lhe serve mais
para esse bazar.
EDUCAÇÃO AMBIENTAL - MARICÁ+VERDE
da Subsecretaria Municipal de Biodiversidade de
Maricá, a atividade foi desenvolvida pelas
educadoras ambientais LUIZA BARROSO
BELÉM e MARIA DO SOCORRO DE SOUZA.
Objetiva promover conhecimentos sobre o
ambiente natural, através do método científico e
deformainterativa,proporcionandoaprofessores
e alunos da rede municipal de ensino a
valorização e respeito pelo ambiente em que
vivem.
Despertounosalunosointeressepelaciência
prática e métodos de observação e incentivou a
conservação e preservação dos recursos
naturais locais, através do conhecimento
adquirido.
Projeto realiza a arborização urbana através
dadoaçãodemudasdaMataAtlântica.Sãodadas
explicações em cada tipo de árvores doada, e
sua utilização pelos homens e animais.
A pessoa que escolheu uma árvore para
adotar preenche um formulário com as suas
informações e do local que a mesma será
plantada. Esse Programa de reflorestamento
auxilia o aumento da biodiversidade local.
Adoaçãofoifeitaduranteoperíododoevento
de 19 a 24/09, foram doados, ingá feijão, ipê
amarelo, oiti, entre outras.
AGRICULTURA FAMILIAR e DOAÇÃO DE
MUDAS DE ÁRVORES FRUTÍFERAS da
Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e
Pesca de Maricá
Trouxe uma proposta recreativa aliada a
ações educativas e de incentivo a preservação
ambiental,comumdiadeaprendizadodocampo
voltado à população, iremos tirar dúvidas e levar
conhecimentos que enriqueçam a vida do
maricaense.
Houve plantio de mudas de hortaliças com
reaproveitamento da casca do coco como vaso.
Uma atividade muito criativa com utilização de
material apenas da natureza e que seria
desperdiçado.
Foram doadas diversas espécies de árvores
frutíferas, entre elas pitangueiras, ameixeiras,
tamarineiras,etc.
ORQUESTRA JOVEM da VIAÇÃO NOSSA
SENHORADOAMPARO
É um programa social da Viação Nossa
Senhora doAmparo iniciado em 2008, com aulas
gratuitas de música para crianças e jovens O
currículo inclui aulas de instrumentos de sopro e
corda.Osalunosiniciamnaflautadoce,passando
para o violino e, finalmente, para todos os
instrumentos de corda, o projeto conta com a
parceria da Orquestra de Cordas da Grota, da
ONG Reciclarte. Conta com os regentes Ricardo
Vidal, Bira Viola e José Germano.
Os jovens que compõem essa orquestra
tocam violino, violão, flauta entre outros.Além da
magnifica apresentação com instrumentos eles
cantaeam e encantam a plateia.
ACUIDADE VISUAL um exame executado por
Marcelo Brione da ÓTICA STUDIO DOS
OLHOS.
Objetiva reconhecer quando o olho
reconhece dois pontos muito próximos uns dos
outros, tornando a visão incômoda e a pessoa
sentedificuldadeemenxergarformasecontornos
dos objetos.Adistância entre foto-receptores na
retina e da precisão da refração é o que causa
a acuidade visual.
Essa ação social é muito importante, pois
grande parte da população não procura com
frequência um oculista, desta forma não tem
conhecimento dos problemas visuais.Após essa
verificação a pessoa é encaminhada ao exame
de vista.
EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA OUTUBRO
ROSA sobre a prevenção do câncer de mama,
prevenção que deve ser feita de janeiro a janeiro,
reuniumisses,modelos,musas,mulherescomuns
que abraçaram a ideia de informar sobre os
cuidados com essa terrível doença, que também
(apesarderaras)afetamadolescentesehomens.
A produção e as fotos são de Pery Salgado.
ANO 13 - outubro 2017
edição extraPM 04 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
MMais um dia recheado de atividades. O
terceiro dia da 11ª PRIMAVERA DOS MUSEUS
e do FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ
(osegundoabertoaopúblico),teveaparticipação
da Secretaria deAgricultura e Pesca que levou a
Horta nas Escolas, explicando e ensinando
valores de resgate e respeito ao meio ambiente e
comoutilizarcocosusadoscomopequenosvasos
para plantio.
O CRAS de São José esteve presente com o
Bazar Solidário (onde você pode trazer um
doação e pode levar outra ou outras). O Bazar
ficou em funcionamento até o domingo 24/09,
último dia do Festival Intercultural.
Victor Bernardo, do Movimento Juventude
em Ação esteve conversando sobre valores
nobres com os alunos presentes.
O indigena Daua Puri esteve presente com
seus cânticos, música, instrumentos e utensílios
de sua tribo, cantando e encantando alunos e
professores dos diversos colégios que estiveram
participando da exposição.
Os alunos participaram da exposição
arqueológica,viramaexposiçãodetelasdaartista
HeliaReiseasbelíssimaspeçasfeitascomsobras
da natureza pelo grande Osias Silveira.
À tarde, a enfermeira Thaís Vasconcelos fez
apalestrasobreaprevençãodocâncerdemama
e logo após a palestra, foi oficial inaugurada, a
exposição fotográfica OUTUBRO ROSA 2017,
AGRICULTURA FAMILIAR, AÇÃO SOCIAL, INDIGENA E PREVENÇÃO DO CÂNCER DE
MAMA SÃO DESTAQUES NO 3° DIA DO FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ
que trata sobre o tema, e que reúne modelos,
musas e misses de todas as idades.
Presentes na inauguração das fotos do
produtor Pery Salgado, a Miss Brasil Top Cult
MonicaBrione,JenifferMassante,RosaneRibeiro
e Thaís Vasconcelos (Musa de Maricá 2017).
Monica Brione - Miss Brasil Top Cult
prestigiando a Primavera dos Museus
Rosane Ribeiro, Daua Puri, Osias Silveira e
Jeniffer Massante
Abriosa equipe da Secretaria deAgricultura e
Pesca
Apesar do evento ter começado na segunda
feira 18, quando a ONG Culturando Já e a PR
Produções, receberam expositores e fizeram a
montagem do Festival Intercultural de Maricá, a
terçafeira-19-foioficialmenteoprimeiradiacom
os portões abertos ao público.
VáriosalunosestiveramnoEspaço
Cultural Vovó Bellina em São José do
Imbassai onde puderam conferir a
exposição de arqueologia, telas de
Helia Reis e peças do artesão Osias
Silveira.Odestaque,foramosalunosda
Escola Municipalizada do Retiro que
estiveram presentes em grande
número,tantopelamanhãcomoatarde
eseapresentaramcomsuabateria,sob
o comando do regente Eduardo Rosa
(fotomaisacima).
PRIMAVERA DOS MUSEUS E FESTIVAL INTERCULTURAL DE
MARICÁ,COMEÇACOMBANDADEMÚSICAEMARICÁ+VERDE
O Restaurante Maria da
Praça apoiou o festival
Intercultural de Maricá
Pela manhã, a secretaria do MeioAmbiente,
estevepresentecomoMaricá+Verde,distribuindo
mudas da árvores e plantas nativas da nossa
atlântica.
Professoresealunos(acompanhados,acima
dos 14 anos), conferiram também a
exposição fotográfica OUTUBRO
ROSA, sobre a prevenção do câncer
de mama, que foi aberta oficialmente
natardedaquartafeira20às14horas,
com palestra da enfermeira Thaís
Vasconcelos .
PM 05outubro 2017 -ANO 13
edição extraPRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
F
Foi um dia literalmente melódico, musical.
A quinta feira 21 de setembro - dia da árvore,
(quarto dia da 11ª Primavera dos Museus e do
FestivalInterculturaldeMaricá)alémdosdiversos
alunosdasescolasadjacentesaoEspaçoCultural
Vovó Bellina (em São José do Imbassai), teve a
maravilhosa participação do professor Sergio
Aranda (arte educador da secretaria municipal
de educação) que levou seu conhecimento
musical e diversos instrumentos nativos do Brasil
e de outras regiões do mundo, o que atraiu a
curiosidade de todos que foram no Festival.
Quem também esteve presente foi o projeto
Papel Verde com alunos da Anhanguera de
Niterói, que desenvolvem um belissimo trabalho
de conscientização da preservação do meio
ambiente e utilização e reutilização dos diversos
recursosoferecidopelanaturezaefabricadospelo
homem, onde a reciclagem é o mote principal.
MÚSICA, MÚSICOS E
INSTRUMENTOS MUSICAIS NO
QUARTO DIA DA PRIMAVERA
DOS MUSEUS EM MARICÁ
Iara, coordenadora do projeto Papel Verde com
alunos do Cônego Batalha
ElesdesenvolveramaquiemMaricá,umlindo
trabalho com alunos do Cônego Batalha e vão
editarumarevistacompapelreciclado,tendocomo
jornalista responsável, o produtor Pery Salgado.
Àtarde,ofestivalcontoucomapresençados
músicos Paulo Cesar de Oliveira (Paulo Oliver),
cantorecompositorGospel,docantorecompositor
Messias dos Teclados (do gênero forró e
sertanejo) e da modelo, dançarina e musicista
WanessaEsquerdoquetambémestáparticipando
da exposição fotográfica, Outubro Rosa, que fala
da prevenção do câncer de mama.
A
Além das atividades corriqueiras
presentes na 11ª PRIMAVERA DOS
MUSEUS e do FESTIVAL
INTERCULTURAL DE MARICÁ, onde
destacamos, a
e x p o s i ç ã o
arqueológica
(da ONG
CULTURANDO
JÁ), a
e x p o s i ç ã o
fotográfica do
produtor Pery
Salgado (PR
PRODUÇÕES)
com o tema
O U T U B R O
ROSA -
prevenção do
câncer de
mama, de
janeiro a
janeiro, da exposição de telas da artista
plástica Hélia Reis e da exposição das
peçasdoartesãoOsiasSilveira,oquinto
dia da Primavera dos Museus (no dia do
início da primavera - às 17:02) foi de
grandepresençadosalunos,emespecial
do colégio Conego Batalha que foram
conferirostrabalhosproduzidosporeles
junto com o projeto PAPEL VERDE dos
alunos e professores daAnhanguera de
Niterói.
Avenida Nossa Senhora do Amparo
158, loja 01 (próximo a Câmara dos Vereadores)
Centro - Maricá (21) 2637 - 4256
Avenida Amaral Peixoto 207,
loja 104 - Centro - Niteroi
(21)2620-9733
RAYBAN
LACOSTE EMPORIOARMANI
AMETTE
SEXTAFEIRA, DIADEMUITAHISTÓRIASOBREMARICÁForam centenas de
alunos durante todo o dia e
na parte da tarde, também
comgrandemovimento,um
momento marcante, com a
palestra da historiadora e
arquiteta urbanística
Renata Gama, da
Coordenação de
Patrimônio da secretaria
municipal de cultura de
Maricá.
Foi uma riquíssima
palestra que nos remeteu
a uma viagem através dos séculos,
resgatando alguns capítulos da história
da nossa cidade a partir do seu
patrimôniohistóricocultural.
A
N
ANO 13 - outubro 2017
edição extraPM 06 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
Aequipe do Papel Verde prestigiando a
exposição Outubro Rosa.
A artista plástica Hélia Reis que participou de
sua primeira exposição a convite do produtor
Pery Salgado, recebendo seu certificado de
participação das mãos de Martha Locks
(Culturando Já)
No inicio da manhã do sábado 23 de
setembro,penúltimodiada11ªPRIMAVERADOS
MUSEUS e do FESTIVALINTERCULTURALDE
MARICÁ, as alunas da academia Su Fitness da
professoraSuzanaCarrilho,seapresentaramem
umsuperaulão,cheiodedança,stepeanimação.
Ao final da aula, comemoram o aniversário
de Monica Brione (Miss Brasil Top Cult),
assistiram apresentação da jovem Sthephany
Pereira(umabelissimaapresentaçãodeginástica
rítmica) e foram conferir a exposição fotográfica
OUTUBRO ROSA do jornalista e produtor Pery
Salgado, que fala da prevenção do câncer de
mama (prevenção de janeiro a janeiro).
As alunas da academia Su Fitness, também
participam da campanha e da exposição
fotográfica.
ACUIDADE VISUAL E PAPEL VERDE
O Festival teve também neste sábado a
participação da ótica STUDIO DOS OLHOS com
Marcelo Brione que fez teste gratuitos de
ACUIDADE VISUAL.Além das exposições fixas
(arqueologia, telas de Hélia Reis, peças de Osias
Silveira e exposição fotográfica OUTUBRO
ROSA), mais um dia da presença do projeto
PAPEL VERDE dos alunos da ANHANGUERA
quefalaramcomoreciclarereaproveitarmateriais
queusamosnonossodiaadia,contribuindocom
omeioambiente.
SÁBADO DE GINÁSTICA E MUITA MÚSICA: SU FITNESS, INOCENTES DE MARICÁ E
ORQUESTRA JOVEM DA VIAÇÃO NOSSA SENHORA DO AMPARO SE DESTACAM
A ginasta Sthefany Pereira e a professora
Suzana Carrilho (Su Fitness), recebendo seus
certificados de participação
Marcelo Brione
da Ótica Studio
dos Olhos e a
equipe do
projeto Papel
Verde da
Anhanguera de
Niterói,
recebendo seus
certificados
TARDE DE MUITA MÚSICA: SAMBA COM
INOCENTES DE MARICÁ E ORQUESTRA
JOVEM DA VIAÇÃO NOSSA SENHORA DO
AMPARO
A tarde foi perfeita para quem gosta de todos
os estilos de música. Primeiro a bateria Pegada
do Gorila do Mestre Sapão do GRES Inocentes
de Maricá, mostrando o melhor do samba de
Maricá já em preparação para os desfiles do
carnaval do meio do ano em jukho de 2018, na
voltadosdesfilesdasescolasdesambadeMaricá.
Logo após, uma apresentação impecável e que emocionou o público presente, com a
ORQUESTRAJOVEM DAVIAÇÃO NOSSASENHORADOAMPARO, que apresentação grandes
sucessos da nossa MPB e do POP internacional.
Alexandre Oliveira (presidente da Inocentes) e o Mestre Sapão
F
A
PM 07outubro 2017 -ANO 13
edição extraPRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
A manhã do domingo 24 de setembro ficou
marcada na memória e história da região do
Marine em São José do Imbassai.
Um grande passeio ciclístico e caminhada
promovido por Rony Peterson Dias, reuniu cerca
de150pessoas(muitasfamílias)quepercorreram
as ruas do Marine, passando pela frente do CAIC
e do Colégio Cônego Batalha em São José do
Imbassai.
A concentração foi em frente do Espaço
Cultural e Pousada Vovó Bellina, local onde
aconteceu a 11ª PRIMAVERA DOS MUSEUS e
o FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ,
organizados pela ONG CULTURANDO JÁ e PR
PRODUÇÕES.
Por volta das 8 horas da manhã, várias
famílias começaram a chegar ao local e pouco
antes das 9 horas, o professor Daniel Kanu da
academiaYES(localizadadobairrodoFlamengo)
fez um aquecimento com os participantes da
caminhada, dando início ao evento, que teve
também a presença do SIMARITO, símbolo da
campanha da prefeitura de Maricá, BASTA DE
ACIDENTES.
11ªPRIMAVERADOSMUSESEFESTIVALINTERCULTURALDEMARICÁTERMINAMCOMGRANDEPASSEIO
CICLÍSTICOECAMINHADA
Apósmaisdeumahoradecaminhada,todos
se reuniram no Bar do Zezinho na lagoa do
Marine,ondeformarecebidoscomumabelamesa
de frutas, recebendo certificados de participação
pelo Passeio Ciclístico e Caminhada.
Muito feliz com o resultado (vindo de um
convite e proposta do jornalista produtor Pery
Salgado ao vereador), Rony Peterson Dias
declarou:“Estoumuitosatisfeitocomoresultado,
agradeço a você Pery, ao pessoal da YES, ao
SIMARITO e todo o pessoal da Secretaria de
Segurança e Trânsito da pessoa do secretário
Celso Netto e parabenizo pelo grande evento
que você e Martha Locks da ONG
CULTURANDOJÁ,realizaramdurantetodaessa
semana.
Aproveito já para convidar para novos
passeios, para a festa no dia das crianças e para
outras ações que estarei realizando em prol da
nossa população maricaense. O meu muito
obrigado a todos!”, concluiu Rony.
Pery Salgado (PR Produções), Zezinho,
Rony Peterson, Simarito e Martha Locks
(Culturando Já)
PRIMAVERA DE MUSEUS E FESTIVAL
INTERCULTURAL DE MARICÁ FOI UM
GRANDE SUCESSO
Foram sete dias de evento (de 18 a 24 de
setembro no Espaço Cultural Vovó Bellina
(localizado ao lado da Pousada Vovó Bellina em
São José do Imbassai).
Uma grande reunião de cultura, educadores,
artes e artistas de Maricá e região.
Organizado pela ONG CULTURANDO JÁ e
pela PR PRODUÇÕES, o evento recebeu
centenas de visitantes, (famílias e alunos de
diversas escolas) e reuniu artistas como Osias
Silveira, Helia Reis, Paulo Oliver, Wanessa
Esquerdo, Messias dos Teclados, professor
SergioAranda, a bateria da Inocentes de Maricá,
a orquestra Jovem da Viação Nossa Senhora do
Amparo, além de palestrantes tais como Thaís
Vasconcelos e Pery Salgado que falaram sobre
aprevençãodocâncerdemama,eRenataGama,
que falou sobre o patrimônio histórico e artístico
de Maricá.
A exposição de arqueologia (âncora do
evento) e a exposição fotográfica OUTUBRO
ROSA(prevençãodocâncerdemamadejaneiro
a janeiro, que teve a participação da Miss Brasil
Top Cult - Monica Brione, Miss Buzios Plus Size
Suraya Borges, Jeniffer Massante - modelo e
maquiadora,ThaisVasconcelos-MusadeMaricá
2017 e enfermeira, Wanessa Esquerdo - modelo
e musicista, Erika Ferreira - enfermeira, Rosane
Ribeiro - modelo e terapeuta, Joyce Amaral -
Beleza Negra 2016, Alessandra Lobo - modelo,
Fábia Lara - filha de JoyceAmaral, DaniAthayde
e sua filha - modelos) completaram o grande
Festival Intercultural que recebeu também as
participações do Maricá + Verde, da Secretaria
deAgricultura e Pesca e do CRAS de São José.
Ficou o gostinho de quero mais e ano que
vem,comcertezateremosmuitomais.
Nossos agradecimentos a Rony Peterson,
Marcus Bam Bam, Frank Costa, Aldair de Linda,
Fabricio Bittencourt e Ismael Breve, à Goulart
Doces, ao Restaurante Maria do Céu, a Casa de
Festas Castelo dos Reis, a Lajes Pentágono e
principalmente a André Ferreira, proprietário da
PousadaeEspaçoCulturalVovóBellina,portoda
a ajuda que deu ao grande evento, junto com
sua equipe.
Os agradecimentos ao secretário de turismo
Robson Dutra pela estrutura e logística de
deslocamento, os agradecimentos à todos os
envolvidos de todas as secretarias participantes,
assim como todos os envolvidos neste grande
encontro cultural.
Ver. Rony Peterson com sua esposa Monica
prestigiaram a exposição fotografica Outubro
Rosa sobre a prevenção do câncer de mama
Pery Salgado (PR Produções) e Rony Peterson
com a equipe do Papel Verde da Anhanguera
de Niterói
ANO 13 - outubro 2017
edição extraPM 08 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING
CULTURARTEEN, o informativo dos jovens e da família maricaense ano 13 nº 180 - outubro 2017 - EDIÇÃO EXTRA - PROJETO DE MARKETING para a ONG
CULTURANDO JÁ - Propriedade PR PRODUÇÕES (Net Control E.I. M.E. CNPJ 02.675.725/0001-05). Diagramação, Redação, Edição e Fotos: José Pery Salgado
Jornalista Responsável: Pery Salgado (R.P. 34659/RJ) Impressão: Editora Esquema. Distribuição Gratuita e Dirigida ao público jovem e a família de Maricá. CULTURARTE,
Culturateen, Culturartween e CulturartKids são marcas de propriedade da PR Produções. Edição mensal. Contatos: (21) 99281-4037 jornalismopr@hotmail.com BEZERRA,
CULTURARTE, CULTURARTEEN, BARÃO DE INOHAN, JORNAL DA MICROLINS, INFORMATIVO FRK, INFORMAÇÃO COMPLETA e INFORMATIVO PRofissionalizar,
HÁ-NIMAL, SER!, UNIversitariUSS, MAIS UM e informativo NET FOX são criações do Eng. José Pery Salgado. Jornal do Municipio, Tribuna de Maricá, Jornal
de Maricá, Informativo Frutificar, Luz Sonora e ECOLOUCOS são produzidos e editados pela PR Produções. Matérias e anúncios são de inteira responsabilidade
de seus autores e não nos responsabilizamos pelo seu conteúdo. Tiragem 4000 exemplares
A ONG CULTURANDO JÁ (também em nome da
PR Produções), agradece a todos os parceiros e
participantes que fizeram a 11ª PRIMAVERA DOS
MUSEUS - IBRAM – MinC, um evento de aporte
NACIONAL e o Festival Intercultural de Maricá
acontecerem. Agradece ainda, aos Secretários
Municipais que nos atenderam e também participaram
do evento, Subsecretário de Biodiversidade
GUILHERMEDICESARDAMOTAESILVA,Secretário
de Ação Social JORGE LUIZ CORDEIRO DA COSTA
e ao coordenador Thiago Ribeiro, Secretário de
Agricultura e Pesca JULIO CAROLINO, Secretário de
Segurança e Trânsito CELSO ALMEIDA NETTO,
Secretária de Cultura ANDREA CUNHA e a
coordenadora de Patrimônio Renata Gama e
principalmente ao Secretário de Turismo ROBSON
DUTRA, pela logística da montagem, e a gentileza
das suas funcionárias Nenéia e Camila; ao
Coordenador de Meio Ambiente da Secretaria de
Educação Prof. MARCUS LACERDA e sua equipe,
Luisa Vianna e Rayanne Vidal pela logística das
escolas municipais. Agradecimentos irrestritos ao
nosso amigo e proprietário da Pousada Vovó Bellina
ANDRÉ DANTAS FERREIRA (André Bellina) que nos
cedeu o maravilhoso Espaço Cultural da Pousada
para a realização desses eventos. Só temos a dizer:
GRATIDÃOATODOS! Nosso site www.culturandoja.org.br
Contato: info@culturandoja.org.br
Cel/whatssap: 98408-6750 –> Martha
AGRADECIMENTOS
destaquesdoculturarteen.blogspot.com C 03Outubro 2017 - ANO 13
Em Maricá!
Seu móvel planejado
direto do Sul da forma que
você sempre sonhou!
MÓVEIS SOB MEDIDA
Qualidade e beleza é a
nossa combinação!
Marque sua visita!
MÓVEIS
EM MADEIRA
E MDF
Rodovia Amaral Peixoto (RJ 106),
km 30 n° 70, loja 3
(em frente ao pardal eletrônico sentido Niterói)
e-mail: sc932605@gmail.com
2637-6528/ 98880-8827
97283-7700(Vivo-whatsapp)
PROJETOS SEM
COMPROMISSO
ANO 13 - Outubro 2017
C04 destaquesdoculturarteen.blogspot.com
(Claro)
Formas de pagamento:
Cheque (*) e Boleto [com 50% de entrada]
Cartões 5 vezes sem juros ou em até
12 vezes pela financeira (*) sob consulta
32anos de
mercado
N
A
destaquesdoculturarteen.blogspot.com A 15Outubro 2017 - ANO 13
CULTURARTEEN, o informativo dos jovens e da família maricaense ano 13 nº 179 - outubro 2017 - Propriedade PR PRODUÇÕES (Net Control E.I. M.E. CNPJ 02.675.725/0001-05). Diagramação, Redação, Edição
e Fotos: José Pery Salgado Jornalista Responsável: Pery Salgado (R.P. 34659/RJ) Impressão: Editora Esquema. Distribuição Gratuita e Dirigida ao público jovem e a família de Maricá. CULTURARTE, Culturateen,
Culturartween e CulturartKids são marcas de propriedade da PR Produções. Edição mensal. Contatos: (21) 99281-4037 jornalismopr@hotmail.com BEZERRA, CULTURARTE, CULTURARTEEN, BARÃO DE INOHAN,
JORNAL DA MICROLINS, INFORMATIVO FRK, INFORMAÇÃO COMPLETA e INFORMATIVO PRofissionalizar, HÁ-NIMAL, SER!, UNIversitariUSS, MAIS UM e informativo NET FOX são criações do Eng. José Pery
Salgado. Jornal do Municipio, Tribuna de Maricá, Jornal de Maricá, Informativo Frutificar, Luz Sonora e ECOLOUCOS são produzidos e editados pela PR Produções. Matérias e anúncios são de inteira
responsabilidade de seus autores e não nos responsabilizamos pelo seu conteúdo. Tiragem 4000 exemplares
ITAIPUAÇU I - Rua 1 - Lt 20 - Qd 115 > Jardim Atlântico - 2638-0537
INOÃ I - RJ 106 km 15,5 - Shopping Polo Mania > 2636-5270
CENTRO (loja fitness)
Rua Sen. Macedo Soares (calçada do Bradesco) 3731-3318
ITAIPUAÇU II - Av. Zumbi dos Palmares - Barroco > 2638-8246
ACADEMIAS
INOÃ II - Rua Caio Figueiredo n° 20 > 2636-6689 - Rua do Supermerc Econômico
JJá estamos na
primavera,avidapassa
a ter mais cores e aqui
naRedeGigio,ascores
estão presentes no
nosso dia a dia. Venha
se preparar para a
novaestação(jádeolho
noverão),comasofertas
e preços quentes daqui
da Rede Gigio. Na loja
Gigio Fitness (na rua
Senador Macedo
Soares no centro de
Maricá) e em todas as
lojas da rede Gigio
Fitness de academias,
você encontra toda a
linha de suplementos,
roupas e acessórios
fitness, materiais para
ginástica e musculação e uma grande variedade
de moda praia para curtir os dias quentinhos que
aprimaveranostraz(comlindosmodeloslevanta
bum bum). Um bom motivo para você se cuidar
deummododiferenteesaudáveleéclaro,renovar
seu look e se preparar para a nova estação.
NAS LOJAS GIGIO FITNESS TEM!
A Pedra do Elefante é o ponto mais alto da
Serra da Tiririca. Dividindo os municípios de
Maricá e Niterói. Com 412 m de altura, está
localizada entre as praias de Itaipuaçu e
Itacoatiara.Doseucumetemosumaincrívelvisão
de360º,ondepodemoscontemplarasmontanhas
do Rio, o Costão de Itacoatiara (217 m), toda a
RegiãoOceânicadeNiterói,aspraiasdeItaipuaçu
e Maricá com quase 40km de extensão, e as
ilhasMaricá.Em24desetembro,realizamoscom
grande sucesso, a trilha para o local
A trilha para alcançar seu cume possui
aproximadamente 2 km de extensão e foi
percorrida em 2 horas de caminhada de subida,
de acordo com o ritmo do grupo.
Foi muito bom, um excelente exercício, uma
grande confraternização e um visual divino. Em
breve,novastrilhas.Venhaparticipar,venhapara
Gigiovocêtambém!
TRILHA NA PEDRA DO ELEFANTE FOI SHOW
AULAS NA PRAIA FAZEM
SUCESSO NA REDE GIGIO
NOVIDADE NA GIGIO FITNESS!
CIRCUITO GIGIO NA AREIA A PARTIR DE
SETEMBRO!
AULAS GRÁTISABERTAAO PÚBLICO, SÓ
AQUI NA GIGIO!
GIGIO SEMPRE INOVANDO!
PARAMAIORES INFORMAÇÕES:
TEL: 2636-5270
WHATSAPP: 98880-1267
Aula de Cross Combat. É lindo ver essas alunas
focadasemseusobjetivos.Venhafazeruma
aula experimental. 96892-4460 (zap)
2017OUTUBRO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

CULTURARTEEN 165 - outubro 2016
CULTURARTEEN 165 - outubro 2016CULTURARTEEN 165 - outubro 2016
CULTURARTEEN 165 - outubro 2016
 
CULTURARTEEN 159 - abril 2016
CULTURARTEEN 159 - abril 2016CULTURARTEEN 159 - abril 2016
CULTURARTEEN 159 - abril 2016
 
CULTURARTEEN 181 - novembro 2017
CULTURARTEEN 181 - novembro 2017CULTURARTEEN 181 - novembro 2017
CULTURARTEEN 181 - novembro 2017
 
CULTURARTEEN 156 janeiro 2016
CULTURARTEEN 156 janeiro 2016CULTURARTEEN 156 janeiro 2016
CULTURARTEEN 156 janeiro 2016
 
INFORMAÇÃO COMPLETA 116 - dezembro 2015
INFORMAÇÃO COMPLETA 116 - dezembro 2015INFORMAÇÃO COMPLETA 116 - dezembro 2015
INFORMAÇÃO COMPLETA 116 - dezembro 2015
 
CULTURARTEEN 173 - junho 2017
CULTURARTEEN 173 - junho 2017CULTURARTEEN 173 - junho 2017
CULTURARTEEN 173 - junho 2017
 
CULTURARTEEN 158 - março 2016
CULTURARTEEN 158 - março 2016CULTURARTEEN 158 - março 2016
CULTURARTEEN 158 - março 2016
 
INFORMAÇÃO COMPLETA 120 - abril de 2016
INFORMAÇÃO COMPLETA 120 - abril de 2016INFORMAÇÃO COMPLETA 120 - abril de 2016
INFORMAÇÃO COMPLETA 120 - abril de 2016
 
CULTURARTEEN 177 - setembro 2017
CULTURARTEEN 177 - setembro 2017CULTURARTEEN 177 - setembro 2017
CULTURARTEEN 177 - setembro 2017
 
CULTURARTEEN 138
CULTURARTEEN 138CULTURARTEEN 138
CULTURARTEEN 138
 
INFORMAÇÃO COMPLETA 113 - setembro 2015
INFORMAÇÃO COMPLETA 113 - setembro 2015INFORMAÇÃO COMPLETA 113 - setembro 2015
INFORMAÇÃO COMPLETA 113 - setembro 2015
 
CULTURARTEEN 168 - BARÃO DE INOHAN 135 janeiro 2017
CULTURARTEEN 168 - BARÃO DE INOHAN 135 janeiro 2017CULTURARTEEN 168 - BARÃO DE INOHAN 135 janeiro 2017
CULTURARTEEN 168 - BARÃO DE INOHAN 135 janeiro 2017
 
CULTURARTEEN 160 - maio 2016
CULTURARTEEN 160 - maio 2016CULTURARTEEN 160 - maio 2016
CULTURARTEEN 160 - maio 2016
 
CULTURARTEEN 147 - maio 2015
CULTURARTEEN 147 - maio 2015CULTURARTEEN 147 - maio 2015
CULTURARTEEN 147 - maio 2015
 
Barão de Inohan 122 - 27 de janeiro de 2016
Barão de Inohan 122 - 27 de janeiro de 2016Barão de Inohan 122 - 27 de janeiro de 2016
Barão de Inohan 122 - 27 de janeiro de 2016
 
Ipiranga com Estilo Ed. #54 - Especial Aniversário
Ipiranga com Estilo Ed. #54 - Especial AniversárioIpiranga com Estilo Ed. #54 - Especial Aniversário
Ipiranga com Estilo Ed. #54 - Especial Aniversário
 
Ipiranga Com Estilo #58
Ipiranga Com Estilo #58Ipiranga Com Estilo #58
Ipiranga Com Estilo #58
 
revista Ipiranga com Estilo Ed. 56
revista Ipiranga com Estilo Ed. 56revista Ipiranga com Estilo Ed. 56
revista Ipiranga com Estilo Ed. 56
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
 
revista Ipiranga com Estilo Ed. 57
revista Ipiranga com Estilo Ed. 57revista Ipiranga com Estilo Ed. 57
revista Ipiranga com Estilo Ed. 57
 

Semelhante a CULTURARTEEN 179 - outubro 2017

Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfCartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
maxion03
 
Cancer de mama completo
Cancer de mama completoCancer de mama completo
Cancer de mama completo
Barbaraqsms
 
Arte outubro folder
Arte outubro folderArte outubro folder
Arte outubro folder
Daniel Dino
 
2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx
2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx
2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx
ItauanaAlmeida1
 

Semelhante a CULTURARTEEN 179 - outubro 2017 (20)

Setemi News Outubro/16
Setemi News Outubro/16Setemi News Outubro/16
Setemi News Outubro/16
 
OutubroRosa_Apresentação principal..pptx
OutubroRosa_Apresentação principal..pptxOutubroRosa_Apresentação principal..pptx
OutubroRosa_Apresentação principal..pptx
 
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
 
Câncer de Mama - SIPAT 2013
Câncer de Mama - SIPAT 2013Câncer de Mama - SIPAT 2013
Câncer de Mama - SIPAT 2013
 
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar dissoCartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
 
Câncer de Mama
Câncer de MamaCâncer de Mama
Câncer de Mama
 
Folder Campanha Outubro Rosa - 2019
Folder Campanha Outubro Rosa - 2019Folder Campanha Outubro Rosa - 2019
Folder Campanha Outubro Rosa - 2019
 
cartilha_cancer_de_mama_2022.pdf
cartilha_cancer_de_mama_2022.pdfcartilha_cancer_de_mama_2022.pdf
cartilha_cancer_de_mama_2022.pdf
 
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfCartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
 
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptxOutubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
 
Cancer de mama completo
Cancer de mama completoCancer de mama completo
Cancer de mama completo
 
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro RosaArtigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
 
Arte outubro folder
Arte outubro folderArte outubro folder
Arte outubro folder
 
Outubro 2.pptx
Outubro 2.pptxOutubro 2.pptx
Outubro 2.pptx
 
2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx
2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx
2CANCER+DE+COLO_abcdpdf_pdf_para_ppt.pptx
 
Outubro Rosa e a prevenção do cancer de mama
Outubro Rosa e a prevenção do cancer de mamaOutubro Rosa e a prevenção do cancer de mama
Outubro Rosa e a prevenção do cancer de mama
 
OUTUBRO ROSA Cultura jovem dados e prevenção
OUTUBRO ROSA Cultura jovem dados e prevençãoOUTUBRO ROSA Cultura jovem dados e prevenção
OUTUBRO ROSA Cultura jovem dados e prevenção
 
Folder salvar-vidas-cancer-mama-2014
Folder salvar-vidas-cancer-mama-2014Folder salvar-vidas-cancer-mama-2014
Folder salvar-vidas-cancer-mama-2014
 
OUTUBRO ROSA.pptx
OUTUBRO ROSA.pptxOUTUBRO ROSA.pptx
OUTUBRO ROSA.pptx
 
Discurso Outubro Rosa
Discurso Outubro RosaDiscurso Outubro Rosa
Discurso Outubro Rosa
 

Mais de josé pery salgado

Mais de josé pery salgado (10)

CULTURARTEEN 222 - junho de 2020
CULTURARTEEN 222 - junho de 2020CULTURARTEEN 222 - junho de 2020
CULTURARTEEN 222 - junho de 2020
 
CULTURARTEEN 187 - março 2017
CULTURARTEEN 187 - março 2017CULTURARTEEN 187 - março 2017
CULTURARTEEN 187 - março 2017
 
BARÃO DE INOHAN 151 - 07 DE FEVEREIRO DE 2018
BARÃO DE INOHAN 151 - 07 DE FEVEREIRO DE 2018BARÃO DE INOHAN 151 - 07 DE FEVEREIRO DE 2018
BARÃO DE INOHAN 151 - 07 DE FEVEREIRO DE 2018
 
BARÃO DE INOHAN 150 - 09 DE JANEIRO DE 2018
BARÃO DE INOHAN 150 - 09 DE JANEIRO DE 2018BARÃO DE INOHAN 150 - 09 DE JANEIRO DE 2018
BARÃO DE INOHAN 150 - 09 DE JANEIRO DE 2018
 
BARÃO DE INOHAN 143 - 12 de setembro de 2017
BARÃO DE INOHAN 143 - 12 de setembro de 2017BARÃO DE INOHAN 143 - 12 de setembro de 2017
BARÃO DE INOHAN 143 - 12 de setembro de 2017
 
INFORMAÇÃO COMPLETA 118 - fevereiro 2016
INFORMAÇÃO COMPLETA 118 - fevereiro 2016INFORMAÇÃO COMPLETA 118 - fevereiro 2016
INFORMAÇÃO COMPLETA 118 - fevereiro 2016
 
JORNAL DO MUNICÍPIO fevereiro 2016
JORNAL DO MUNICÍPIO fevereiro 2016JORNAL DO MUNICÍPIO fevereiro 2016
JORNAL DO MUNICÍPIO fevereiro 2016
 
JORNAL DO MUNICÍPIO janeiro 2016
JORNAL DO MUNICÍPIO janeiro 2016JORNAL DO MUNICÍPIO janeiro 2016
JORNAL DO MUNICÍPIO janeiro 2016
 
Bezerra 37 - janeiro de 2016
Bezerra 37 - janeiro de 2016Bezerra 37 - janeiro de 2016
Bezerra 37 - janeiro de 2016
 
BARÃO DE INOHAN 121 - 21 de dezembro de 2015
BARÃO DE INOHAN 121 - 21 de dezembro de 2015BARÃO DE INOHAN 121 - 21 de dezembro de 2015
BARÃO DE INOHAN 121 - 21 de dezembro de 2015
 

CULTURARTEEN 179 - outubro 2017

  • 1. CULTURARTEEN TODOS OS MESES COM VOCÊ! INFORMATIVOOFICIALDAJUVENTUDEDEMARICÁ-Falandocomosjovens,paraosjovensesobreosJOVENS! ANO13-NÚMERO179-OUTUBRO-Maricá,02deoutubrode2017www.destaquesdoculturarteen.blogspot.comjornalismopr@hotmail.com ARTES,CULTURA,DIVERSÃO,EDUCAÇÃO,ESPORTES,TRABALHOeVIDA O PRIMEIRO JORNAL DE MARICÁ COM CADERNOS 179 21ANOS Foto:PerySalgado OUTUBRO ROSA Tudo sobre a prevenção do câncer de mama FÁBIA LARAFÁBIA LARAFÁBIA LARAFÁBIA LARAFÁBIA LARA Filha de Fábio e Joyce Amaral (Beleza Negra 2016), participante da exposição fotográfica Outubro Rosa sobre a prevenção do câncer de mama
  • 2. ANO 13 - Outubro 2017 A 02 destaquesdoculturarteen.blogspot.com
  • 3. P SAÚDE, VIDA, CULTURA e LAZER Parte integrante do Informativo CulturarTEEN. ORGÃO INFORMATIVO DE MARICÁ – ANO 11 – NÚMERO 137 – OUTUBRO 2017 – jornalismopr@hotmail.com - www.culturarteen.com OUTUBRO ROSA - prevenção do câncer de mama de janeiro a janeiro O câncer de mama – e o câncer de forma geral – não tem uma causa única. Seu desenvolvimento deve ser compreendido em função de uma série de fatores de risco, alguns deles modificáveis, outros não. O histórico familiar é um importante fator de risco não modificável para o câncer de mama. Mulheres com parentes de primeiro grau (mãe ou irmã) que tiveram a doença antes dos 50 anos podem ser mais vulneráveis. Entreoutrosfatoresderisconãomodificáveis estão o aumento da idade, a menarca precoce (primeira menstruação antes dos 11 anos de idade), a menopausa tardia (última menstruação após os 55 anos), nunca ter engravidado ou ter tido o primeiro filho depois dos 30 anos. Já os fatores de risco modificáveis bem conhecidosatéomomentoestãorelacionadosao estilo de vida, como o excesso de peso e a ingestão regular (mesmo que moderada) de álcool. Alterá-los, portanto, diminui o risco de desenvolver a doença. No entanto, a adoção de um estilo de vida saudável nunca deve excluir as consultasperiódicasaoginecologista,queincluem a mamografia anual a partir dos 40 anos. Sintomas Osintomamaiscomumdecâncerdemamaé o aparecimento de um caroço. Nódulos que são indolores, duros e irregulares têm mais chances desermalignos,mashátumoresquesãomacios e arredondados. Portanto, é importante ir ao médico.Outrossinaisdecâncerdemamaincluem: - inchaço em parte do seio, caroço nas axilas; - irritação da pele ou aparecimento de irregularidades, como covinhas ou franzidos, ou que fazem a pele se assemelhar à casca de uma laranja; - dor no mamilo ou inversão do mamilo (para dentro); - vermelhidão ou descamação do mamilo ou pele da mama; - saída de secreção (que não leite) pelo mamilo O jornalista e produtor Pery Salgado (PR Produções), produziu pelo quinto ano consecutivo, a exposição fotográfica OUTUBRO ROSA - prevenção do câncer de mama de janeiro a janeiro, reunindo misses, modelos, musas, profissionais liberais, mulheres comuns e até adolescentes, que abraçaram causa para mostrar toda a prevenção e proteção que as mulheres (e seus companheiros) devem ter com os seios (a parte mais sagrada do corpo de uma mulher). A exposição fotográfica foi inaugurada dia 20 de setembro durante o Festival Intercultural de Maricá no Espaço Cultural Vovó Bellina e irá para outros lugares em Maricá, Saquarema, Niteroi e Rio de Janeiro. A exposição fotográfica tem o apoio dos vereadores Fabricio Bittencourt, Aldair de Linda, Ismael Breve, Frank Costa e Marcus Bam Bam, além da GOULART DOCES. DETECÇÃO PRECOCE O câncer de mama é uma doença grave, mas que pode ser curada. Quanto mais cedo ele for detectado, mais fácil será curá-lo. Se no momentododiagnósticootumortivermenosde1 centímetro (estágio inicial), as chances de cura chegam a 95%. Quantomaiorotumor,menoraprobabilidade de vencer a doença. A detecção precoce é, portanto,umaestratégiafundamentalnalutacontra o câncer de mama. Se a detecção precoce é a melhor estratégia, a principal arma para sair vitoriosa dessa luta é a mamografia, realizada uma vez por ano em toda mulher com 40 anos ou mais.Éapartirdessaidadequeoriscodadoença começa a aumentar significativamente. A mamografia é o único exame diagnóstico capaz de detectar o câncer de mama quando ele ainda temmenosde1centímetro.Comessetamanho,o nódulo ainda não pode ser palpado. Mas é com esse tamanho que ele pode ser curado em até 95% dos casos. AUTOEXAME Durante muito tempo, as campanhas de conscientização para o câncer de mama divulgaram a ideia de que o autoexame das mamas,baseadonapalpação,eraamelhorforma para detectá-lo precocemente. Mas o tempo passou, a medicina evoluiu e as recomendações mudaram. O autoexame continua sendo importante – masdeformasecundária.Quandootumoratinge o tamanho suficiente para ser palpado, já não estámaisnoestágioinicial,easchancesdecura não são máximas. Infelizmente, ainda há muita desinformação no Brasil. Uma pesquisa realizada em 2008 pelo DatafolhaapedidodaFemamarevelouquepara 82% das mulheres o autoexame é a principal forma de diagnóstico precoce. Apenas 35% apontaramamamografia. A incidência do câncer de mama vem crescendo no mundo todo, mas, quando se trata do número de mortes causadas pela doença, as tendências variam. Em países desenvolvidos, a mortalidade vem caindo lentamente, ao passo que nos países em desenvolvimento, como o Brasil, registra-se um gradativo aumento. Pelo menos parte dessa diferença se deve ao diagnóstico precoce, ainda precário no nosso país.Entre1999e2003,quasemetadedoscasos de câncer de mama foram diagnosticados em estágiosavançados,segundoestudodoInstituto NacionaldeCâncer(Inca).Especialistasestimam que mortalidade por câncer de mama em mulheresentre50e69anospoderiaserreduzida em um terço se todas as brasileiras fossem submetidas à mamografia uma vez por ano. Wanessa Esquerdo é modelo, musicista e líder do Tempero do Forró continua DIREITO DE TODAS O Brasil é um país de desigualdades, que sãoaindamaisevidentesnaassistênciaàsaúde. O acesso à mamografia é um exemplo típico, infelizmente.Onúmerodebrasileirasquerealizam o exame anualmente ainda é muito baixo.As que dispõem de planos de saúde privados têm mais facilidade,masrepresentamumapequenaparcela da população. A grande maioria depende do Sistema Único de Saúde, em que as dificuldades são bem conhecidas, havendo muitas diferenças de região para região. Até recentemente, o Ministério da Saúde recomendava que a mamografia anual fosse realizada em mulheres pelo SUS a partir de 50 anos. Mas esse limite de idade mudou com a efetivação da Lei Federal nº 11.664/2008, em vigor a partir de 29 de abril de 2009, garantindo o benefício a partir dos 40 anos. A Lei Federal nº 11.664/2008 foi uma conquista da Femama e representa um grande avanço na luta contra do câncer de mama. No entanto, ela precisa ser colocada em prática de norte a sul do País. SELO DE QUALIDADE Outro problema que prejudica a detecção precoce do câncer de mama é a má qualidade das mamografias feitas no País. Numa pesquisa realizadapeloInstitutoNacionaldeCâncer(Inca), 77% dos exames foram rejeitados por problemas técnicosrelacionadosàqualidadedaimagem,ao posicionamento incorreto das pacientes e ao uso inadequado dos equipamentos. O resultado é, além de tumores que passam despercebidos e de biópsias desnecessárias, o grande número de mamografias que precisam ser refeitas. Para combater o problema, o Colégio Brasileiro de Radiologia, em parceria com o Inca e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), criou, em 2005, um programa de certificação de mamógrafos, que conta com o apoio da Femama e do InstitutoAvon. Os mamógrafos certificadoscontamcomum selodequalidade,maseles ainda são minoria. Até o fim de 2008 eram poucomaisde400, de um to-tal de cerca de 2,4 mil emtodooPaís. É importante que tantos os m é d i c o s quanto as pacientes p r o c u r e m saber se os mamógra-fosdos serviços utilizados têm o selo de qualidade.
  • 4. ANO 13 - Setembro 2017 A04 destaquesdoculturarteen.blogspot.com de crescimento mais rápido e de propensão genética maior. Isso porque o problema é hereditário, mas ainda não sabemos as causas. Aomenos30%delasacabammorrendoemcinco anos, porque os casos são muito agressivos. Quando [os casos muito agressivos] ocorrem, a chance de morte é quase certa, pois não respondem à quimioterapia. Mesmodiantedessesnúmeros,omédiconão aconselha as jovens a fazerem mamografia por prevenção, pois, segundo ele, o exame pode trazermalefíciosfuturos. - O contato com a radiação da mamografia podeacarretarumcâncerdepoisdealgunsanos. Aoutrarazãoéporqueamamografiaéineficiente em uma mulher jovem. O exame não é capaz de identificar um nódulo porque a quantidade de gordura ao redor da glândula é muito pequena, e a mamografia só consegue detectá-los através da gordura. Por isso, é indicado para mulheres mais velhas. CÂNCER DE MAMA É MAIS AGRESSIVO EM MULHERES JOVENS Uma em cada cem mulheres diagnosticadas com a doença no Brasil tem entre 13 e 16 anos A A estudantepaulistanaSheilaAraújoMartins, 16 anos, descobriu um câncer raro na mama direita em 2007, ao fazer uma consulta de pré- natal em um posto de saúde da Cidade Dutra (zona sul de São Paulo) no terceiro mês de gravidez. Ela tinha 14 anos na época, quando sentiu um caroço na mama ao tomar banho. Ao avisar o médico, foi encaminhada ao departamento de Oncologia do hospital Pérola Byinton, em São Paulo (SP), onde foi feita uma biópsia. Cinco meses depois, quando estava no oitavo mês de gravidez, o resultado do câncer foi confirmado. O tumor já estava com 11cm, o que exigiu que a cirurgia para a retirada do câncerfossefeitaimediatamente.AmãedeSheila, aempregadadomésticaMariaLucinéiadeAraújo, 39 anos, entrou em choque. - O desespero foi muito grande, não dá para falar a reação, porque no meu caso ela era uma menina de 14 anos, grávida, correndo risco de perder a mama. Sheila foi transferida para o hospital São Paulo, onde fez a cirurgia de retirada do tumor. Ao saber da cirurgia, a grande angústia de Sheila era a possível perda de um seio. - [Assim que soube da notícia] Tive medo por tudo. Medo de tirar a mama, porque na minha idade, sem mama, eu ia me sentir diferente. Não tive medo do pior, porque minha mãe me aconselhamuito,enempelobebê,porquefizeram os exames e eu sabia que ele estava todo formado. A cirurgia foi um sucesso e não houve necessidade de retirada da mama. Um mês depois, em 12 de maio de 2008, Rafaela nasceu comasaúdeperfeita.Nofimdeagostodesteano, no entanto, Sheila voltou a sentir um caroço no mesmoseio.OtipodecâncerqueSheilatevetem grande chance de retornar e, em casos reincidentes, aumenta a possibilidade de retirada da mama. A biópsia já foi feita no hospital São Paulo e a família espera o resultado. DIAGNÓSTICO É DIFÍCIL O caso de Sheila entra nas estatísticas brasileiras do câncer infanto-juvenil, que atinge crianças e adolescentes de um a 19 anos. Segundo pesquisa divulgada pelo Inca (Instituto Nacional de Câncer) e pela Sobop (Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica), o câncer é a doença que mais mata jovens na faixa dos cinco aos 18 anos no Brasil. Thais Vasconcelos Musa de Maricá 2017, é enfermeira e modelo Monica Brione Miss Brasil Top Cult e Miss Maricá Senior A doença corresponde entre 2% e 3% de todos os tumores malignos registrados no país.A leucemia,olinfomaeostumorescerebraissãoos tiposdecâncermaiscomunsnessafaixaetária.A pesquisa indica ainda o surgimento de aproximadamente10milcasosdecâncerinfanto- juvenil a cada ano no país a partir do biênio 2008/ 2009.Olevantamentoregistroudadosentre2001 e 2005 em 20 cidades em todas as regiões brasileiras. O oncologista pediátrico do hospital Santa Marcelina, em São Paulo (SP), e presidente da Sobop, Renato Melaragno, explica que a mortalidade dos jovens pelo câncer passou a ser maior no país ao longo dos anos, já que doenças infecciosascomoosarampotêmsidoerradicadas. O câncer de mama, em especial, é considerado raro entre adolescentes, mas o número de casos vem crescendo a cada ano. Eleatingepelomenosumaemcada100mulheres diagnosticadas com câncer de mama no Brasil entre os 13 e 16 anos - 1% das adolescentes brasileiras - segundo o diretor do departamento de Mastologia do hospital Pérola Biynton, em São Paulo (SP), Luiz Henrique Gebrin. O médico diz que, nesses casos, o agravante é que o câncer nos adolescentes costuma ser mais agressivo do que nos adultos, e são mais difíceis de serem diagnosticados. - Na maioria dos casos, ele é descoberto casualmentepelaformaçãodeumcaroçonaaxila ou por um nódulo apalpado na mama. Mas nove entre dez deles são tumores benignos. Entre as mulheres na faixa dos 20 a 30 anos, o índice sobe para dez casos em cada 100 (10%), pois à medida que se envelhece, aumentam as dificuldades de se defender do câncer. MAMOGRAFIA, NÃO! Diferentementedocânceremadultos,emque se leva em conta aspectos do comportamento comofumo,alcoolismo,alimentação,sedentarismo e exposição ao sol, a medicina ainda não conseguiu estabelecer os verdadeiros fatores de risco do câncer pediátrico. Por isso, a orientação é tratá-lo o quanto antes com quimioterapia ou mesmo cirurgia, até em crianças, dependendo do caso. -Ocâncernamulherjovemémaisagressivo, Jeniffer Massante Garotada Capa2017 émodelo plus size, manicure e ma- quiadora Nasjovens,odiagnósticoficaaindamaisdifícil por outras duas razões: suas mamas estão em formação,ouseja,qualquermudançaéencarada como um processo, e jovens só costumam ir ao médicoquandosesentemrealmentedoentes.No último caso, se o nódulo já estiver avançado, o tratamento tende a ser mais duro. O ideal é consultar o ginecologista assim que for percebida qualquer anormalidade na mama, orienta Gebrin. Atualmentepelomenos15meninasestãoem acompanhamento no Pérola Byinton com tratamentobaseadonaquimioterapia.Paraevitar seqüelas emocionais, as pacientes recebem atendimento psicológico logo após descobrir o câncer. Sheila, que teve o diagnóstico da doença aos 14 anos, foi uma das pacientes de Gebrin. Joyce Pereira doAmaral Beleza Negra 2016 é cabeleireira e maquiadora Suraya Borges, MissBuzios PlusSize 2015 é modelo e empresária (21) 2637-2455 APOIAMAEXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICAOUTUBROROSA: Vereadores - Aldair de Linda - Fabricio Bittencourt - Marcus Bam Bam - Frank Costa - Ismael Breve
  • 5. PROJETO DE MARKETING CULTURARTEEN PROJETO DE MARKETING INFORMATIVOOFICIALDAJUVENTUDEDEMARICÁ-Falandocomosjovens,paraosjovensesobreosJOVENS! ANO13-NÚMERO180-OUTUBRO-Maricá,10deoutubrode2017www.destaquesdoculturarteen.blogspot.comjornalismopr@hotmail.com ARTES,CULTURA,DIVERSÃO,EDUCAÇÃO,ESPORTES,TRABALHOeVIDA 180 21ANOS EDIÇÃO EXTRA 11 PRIMAVERA DOS MUSEUS E FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ FOI UM GRANDE SUCESSO a Foram sete dias intensos que reuniram artistas de várias áreas, artesãos, músicos, dançarinos, professores, alunos, palestrantes, modelos, famílias, autoridades no Espaço Cultural Vovó Bellina, em São José do Imbassaí. Com o apoio de secretarias da prefeitura de Maricá, da iniciativa privada e de muito suor da ONG CULTURANDO JÁ em parceria com a PR PRODUÇÕES, o evento foi um grande sucesso e ficou o gostinho de quero mais. Confira como foram as atividades: Os brilhantes componentes da Orquestra Jovem da Viação Nossa Senhora do Amparo O passeio ciclístico e caminhada que reuniu dezenas de participantes e famílias
  • 6. ANO 13 - outubro 2017 edição extraPM 02 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING O que é a Primavera de Museus? APrimaveradosMuseuséumaprogramação culturalespecialpromovidapeloInstitutoBrasileiro de Museus (IBRAM), que acontece anualmente no início da estação homônima, quando museus, instituições de memória e centros culturais brasileiros,participamconvidadospeloIBRAM.A cada ano, o IBRAM lança um tema diferente para nortear as atividades dos museus. Neste período as instituições devem desenvolver atividades especiais como: exposições, palestras, seminários, shows, exibição de filmes, minicurso etc., chamando, assim, a comunidade a refletir, discutir e trocar experiências sobre o tema “Museus e suas Memórias”, lançado pelo Conselho Internacional de Museus (ICOM). Ao IBRAM cabe divulgar a programação nacional da Primavera dos Museus e produzir o Guia da Programação Virtual, de abrangência nacional. Um dos objetivos é que museus, e demais instituiçõesculturaisparticipantes,possam“olhar paradentro”erefletir,juntocomosgrupossociais presentesnosterritóriosnosquaisestãoinseridos, sobre os processos e resultados de sua própria constituição e produção. A ênfase deste ano foi mostrar o museu e as ações museais como suportes de memória e a intimarelaçãocomasnarrativaslocaisconferindo sentido e significados dinâmicos e atualizando a realidade social dos lugares. A11ª Semana Nacional de Museus (IBRAM), emMaricá,foiorganizadaeexecutadapelaONG CULTURANDO JÁ em parceria com a PR Produções, nos dias 18 a 24 de setembro de 2017,das8hàs16h,noEspaçoCulturalPousada VovóBellina,RuaMarajó,nº460,(Marine)bairro: São José do Imbassaí, Maricá, RJ. Estáfoiaúnicainstituiçãodomunicípioinscrita oficialmente na 11ª Primavera dos Museus junto ao Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM, MinistériodaCultura(eventodeprojeçãonacional e internacional). O evento foi uma experiência única para o município e proporcionou a difusão e a popularização de novos conhecimentos, bem como a valorização e proteção do Patrimônio Cultural, Científico e Ambiental, através do livre acessoparaosalunos,professoreseapopulação em geral. O evento PRIMAVERA DOS MUSEUS, cresceualémdasexpectativas.Assim,apresidente Martha Locks e o diretor Lázaro Gabriel Alves reunidos com o jornalista Pery Salgado (PR Produções), convidado a participar com exposição fotográfica Outubro Rosa sobre a prevenção ao câncer de mama e outras atividadesqueestaprodutoraagregouaoevento, além de auxiliar na captação e na divulgação do evento passou, também a fazer parte da organização de um novo evento que ocorreu dentro da 11ª Primavera dos Museus: o “Festival Intercultural de Maricá”. CULTURANDO JÁ Quem somos? CULTURANDO JÁ foi fundada em julho de 2015, na cidade de Maricá, RJ. É uma organizaçãodasociedadecivil,semfinslucrativos, religioso ou político partidária, que pratica o bem, promovendo e levando a cultura para todos. Formada por uma equipe multidisciplinar de educadoresepesquisadoresfelizesporqueamam o que fazem, que acreditam na transformação social e na construção de uma realidade melhor para todos. Somos atraídos pela paixão de 11 PRIMAVERA DOS MUSEUS E FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ a ensinar e comunicar o nosso passado comum, desde o surgimento do Homem, com objetivo de estimular e promover indivíduos conscientes sobre a importância da preservação da memória coletiva e da identidade territorial que alicerçam nossasociedade.Destaforma,descentralizamos oconhecimentoeolevamosparaascomunidades emunicípiosmaiscarentesemenosfavorecidos, através de vivências e práticas integradas à educação, à cultura e ao meio ambiente. Nossamissãoécontribuirnodesenvolvimento deconceitospositivosevaloreséticoscomrelação aopatrimôniosocial,culturaleambiental.Fornecer subsídios motivadores para a formação de consciências histórico-críticas com foco na equidade e justiça socioambiental. Levar conhecimentoatravésdeeventosgratuitosaberto a comunidade. AONG CULTURANDO JÁ agrega parceiros institucionais com a finalidade de enriquecer e diversificar as ações culturais, tais como, SecretariasMunicipaisde:AçãoSocial,Educação, Cultura, Turismo, Meio Ambiente, Agricultura e PecuáriaeSegurançaeTrânsito,PRProduções, Grupo Cara LimpaArte e Vida, GRES Inocentes de Maricá eArtesãos locais. Comosomosumaentidadesemfinslucrativos erealizamoseventosgratuitoscomfoconacriança e no jovem, dependemos de doações e ajuda financeira para podermos levar cultura as áreas maiscarentes.Visitenossositeefaçaumadoação www.culturandoja.org.br. RESUMO DAS ATIVIDADES DA PRIMAVERA DOS MUSEUS E DO FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ Contando com grande apoio da secretaria de turismo da Prefeitura Municipal de Maricá, através do secretário (e vereador licenciado) ROBSON DUTRA, a Primavera dos Museus e Festival Intercultural de Maricá recebeu as seguintesatividades: rupestres. Após o aprendizado visitaram uma grutacomfotografiasdaspinturasrupestres.Esta oficina é o carro chefe do projeto é um dos itens que prende muito a atenção dos jovens. Muito interessante foi manusear os artefatos e ossos e identificá-los na oficina desse assunto que engloba a pré-história e a história. Os alunos se empenhavam na identificação e conhecer a função. Ao final da participação da exposição e das oficinas houve a distribuição do “Kit Culturando Já” composto por 2 revistas em quadrinhos interativas “Brincando com as Ciências” e “Aprendendo Arqueologia”, atividades em arqueologia, folder explicando a educação patrimonial,caixacontendo6gizesdecera.Esse Kit encantou tanto os alunos e professores como os visitantes que o receberam com muita alegria. PALESTRAS As palestras descritas abaixo foram um momento de reflexão e debate sobre a cultura local, no qual tivemos a presença de alunos da rede pública e população em geral. 1- A Arquiteta Urbanista RENATA GAMA da Coordenação de Patrimônio da Secretaria de Municipal de Cultura de Maricá, ministrou palestra sobre o “Patrimônio Histórico- Arquitetônico de Maricá”, uma viagem através dos séculos e resgatou alguns capítulos da História da cidade a partir do seu patrimônio histórico-cultural,mostrandoasmodificaçõesnas construções, o caminho de Darwin, a fazenda onde a princesa Isabel dormiu, igrejas e muito mais, bastante interessante, pois prendeu a atenção dos alunos por mais de uma hora. 2- “Câncer de Mama” – Palestra com a enfermeira Thais Vasconcelos, onde foram explicados os procedimentos e cuidados na prevenção e tratamento do câncer de mama, informando também aos presentes os perigos do câncer de mama em jovens adolescentes e nos homens, ambos raros e muito mais letais do que nas mulheres. Ficou claro que o exame de toque deve ser feito diariamente e que a visita ao ginecologista é obrigatória, pelo menos uma vez ao ano, e se possível, duas vezes ao ano a partir dos 40 anos. CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS da Etnia Puri, DAUÁ PURI indígena da aldeia Maracanã O povo Puri, considerado extinto é originário da região sudeste, transmite sua riqueza cultural através de seu descendente Dauá Puri, indígena da aldeia Maracanã, RJ, com a oficina de contação de histórias da etnia Puri. Atravésdedanças,cantos,poemasehistóriasos participantes aprenderam nas línguas Puri e em Português sobre a natureza, os animais (tatu, onça, gavião, peixe etc.) e as árvores (urucum, algodão, pitanga etc.). Também foi apresentado instrumentosmusicaisconfeccionadospelosPuris, os quais as crianças puderam interagir formando umabanda,cantandoeaprendendoalínguaPuri “Nhamaquê (peixe) – Anta koiah: hakorrema! (Avôfalou:Homem!)Mil’tonohrinaphon(Levantar o arco e flecha). Kelmûn mnhãma-rora iagha Nhamaquê (Andar no rio pegar peixe)” e assim passaram o tempo aprendendo com poesia, cantoseensinamentosumalínguadiferente,mas que pertence ao Brasil, pois é oriunda de povos originários. INSTRUMENTOS MUSICAIS Exposição e Oficina com o Prof. SERGIO P. ARANDA – Coordenador de Musicalização da Secretaria Municipal de Educação de Maricá. PROJETO da ONG CULTURANDO JÁ “ONDE TUDO COMEÇOU: UM BRASIL DESCONHECIDO” OProjetorecebeuumachanceladoMinistério da Cultura de Nível Internacional e proporciona a crianças e jovens o conhecimento e a apropriação positiva das nossas histórias e saberes,elementosestesquesãoformadoresda identidadeterritorial,edaherançaculturalesocial do brasileiro. Deformadidática,interativaelúdica,oprojeto “Um Brasil Desconhecido” é itinerante de capacitação de mediadores e multiplicadores culturais com exposições, oficinas, palestras e workshops, que apresenta os diferentes Brasis pré-históricos; até a transição para a história (contato com o português e outros povos). Este projeto está na estrada desde 2014 pelo Brasil. Nossa equipe estava representada por MARTHA LOCKS, LÁZARO GABRIEL ALVES, THAÍS SACHIE e CARLOS RUA. A exposição de artefatos, esqueletos e arte rupestre atraiu bastante os visitantes, com destaque para os ossos da preguiça gigante e a réplicadacabeçadamulhermaisantigadoBrasil a “Luzia”. Na oficina de Pintura Rupestre (pintura na parede das cavernas) o participante conheceu as técnicas e matérias primas utilizadas pelo homem há pelo menos 10.000 anos atrás, ainda imitou o arqueólogo, seguindo o mesmo método utilizado nas cópias das pinturas rupestres.Após a cópia fizeram a identificação dessas pinturas e posteriormente observaram na tela touchscreen, os estados onde foram encontrados os registros
  • 7. PM 03outubro 2017 -ANO 13 edição extraPRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING Helia Reis participou de sua primeira exposição a convite do produtor Pery Salgado OsInstrumentosMusicaisapresentadosporSérgio Aranda, tem o objetivo de esclarecer aos alunos daexistênciadasfamíliasdeinstrumentosmusicais, amostragemdeváriosdessesinstrumentosesua origem, a execução de alguns deles e demonstração da manufatura de outros. Procurando desta maneira despertar o interesse pela música e desmistificar a dificuldade de tocar música,alémdeampliaroconhecimentoecultura das crianças e adultos. Foram apresentados vários instrumentos das Famílias das cordas (violão, viola de cocho, bandolim casca de ovo e lira do congo); do sopro (apito de nariz, harmonica - gaita de boca, flauta construídacomcanodepvc,flautaboliviana,flauta peruana,flautachileneflautadoce)edapercussão (bloco sonoco, carrilhão, cajon, chuva de folhas, pau-de-chuva, castalhola, cobel, xequerê e tambor metálico). Quanto aos instrumentos artesanais explicou-se as técnicas deconfecçãodosmesmos. Osalunostocaramváriosinstrumentoscantaram e acompanharam o Sérgio ao violão. Foi uma atividade rica em sons e movimentos. EXPOSIÇÃO COM ARTISTAS REGIONAIS O artista OSIAS SILVEIRA apresentou a exposição “ART IN NATURA” com esculturas humanas e objeto de tamanho natural, como o cangaceiro, o Raul Seixas, ambos na entrada do evento, no interior do salão uma cadeira, a qual as pessoas podiam sentar e tirar fotografias, circundada por esculturas menores. A matéria primautilizadafoiretiradadanaturezacomo,restos de madeira, folhas, cipó, cocos, etc. Esse tipo de artefoiumaatraçãobeminteressanteaosalunos e visitantes. As esculturas desse grande artista estão visíveis e você poderá comprá-las, na RJ 106 na altura do Parque Nanci. Artista plástica HÉLIA REIS, autodidata que ama expressar suas emoções através da técnicaabstratainovadoracompinceladassoltas e predominância de cores fortes como vermelho, amarelo,azulepreto.Expos10telascomdiversos temas, “Menina Sonhadora”, “Coração Mecânico”, “Planeta”, “Emoção em Movimento”, entre outras. As telas estão à venda em Inoã, basta entrar em contato com a artista. CAMPANHA “BASTA DE ACIDENTES” da Secretaria Municipal de Segurança Pública, Ordem Pública e Trânsito de Maricá. ACampanha“BastadeAcidentes”éumaação educativa para crianças, jovens e adultos. Um dos objetivos é conscientizar jovens e crianças sobre a importância de se adotar medidas de segurançanotrânsito,comadistribuiçãoemações nas escolas da revista especial Coquetel “Basta deAcidentes”. A equipe do órgão é acompanhada do mascote SIMARITO e dá orientações aos motoristas, distribuindo panfletos e revistas e, ainda, verificaram o uso do cinto de segurança. Houve um passeio ciclístico e caminhada comofechamentodoseventosnodomingo24/09 sendoorientadapelaequipedoBastadeAcidente e todos os participantes se empenharam em divulgar essa campanha, carregando mãos amarelas e interagindo com o SIMARITO o mascote da campanha. Acaminhada no Marine saiudoEspaçoCulturaldaPousadaVovóBellina, passoupeloscolégiosCAICeCônegoeterminou na Lagoa. ESCOLA DE SAMBA GRES INOCENTES DE MARICÁ Participou com o resgate da história do carnaval de Maricá, mostrou seu enredo sobre a maior tapeceira de Maricá e região Concessa Colasso,conhecidainternacionalmenteecriadora do ponto brasileiro. A apresentação de bateria Pegada do Gorila do Mestre Sapão e seus intérpretes, integrantes e convidados. BAZAR SOLIDÁRIO do CRAS Itinerante da Secretaria Municipal de Ação Social de Maricárealizou a distribuição de roupas do dia 20 a 24, participaram das atividades: VERA LUCIA JESUS ANDRADE, CATHERINE MOREIRA, MARCIA CRISTINA FERNANDES, ANDREIA FERREIRADAROZA,ELISÂNGELAFERREIRA GOMES, ANDREIA PAULA ROSÁRIO DE OLIVEIRA. O CRAS Itinerante desenvolve ações de doação de roupas, sapatos, bolsas, etc. você também pode trazer o que não lhe serve mais para esse bazar. EDUCAÇÃO AMBIENTAL - MARICÁ+VERDE da Subsecretaria Municipal de Biodiversidade de Maricá, a atividade foi desenvolvida pelas educadoras ambientais LUIZA BARROSO BELÉM e MARIA DO SOCORRO DE SOUZA. Objetiva promover conhecimentos sobre o ambiente natural, através do método científico e deformainterativa,proporcionandoaprofessores e alunos da rede municipal de ensino a valorização e respeito pelo ambiente em que vivem. Despertounosalunosointeressepelaciência prática e métodos de observação e incentivou a conservação e preservação dos recursos naturais locais, através do conhecimento adquirido. Projeto realiza a arborização urbana através dadoaçãodemudasdaMataAtlântica.Sãodadas explicações em cada tipo de árvores doada, e sua utilização pelos homens e animais. A pessoa que escolheu uma árvore para adotar preenche um formulário com as suas informações e do local que a mesma será plantada. Esse Programa de reflorestamento auxilia o aumento da biodiversidade local. Adoaçãofoifeitaduranteoperíododoevento de 19 a 24/09, foram doados, ingá feijão, ipê amarelo, oiti, entre outras. AGRICULTURA FAMILIAR e DOAÇÃO DE MUDAS DE ÁRVORES FRUTÍFERAS da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca de Maricá Trouxe uma proposta recreativa aliada a ações educativas e de incentivo a preservação ambiental,comumdiadeaprendizadodocampo voltado à população, iremos tirar dúvidas e levar conhecimentos que enriqueçam a vida do maricaense. Houve plantio de mudas de hortaliças com reaproveitamento da casca do coco como vaso. Uma atividade muito criativa com utilização de material apenas da natureza e que seria desperdiçado. Foram doadas diversas espécies de árvores frutíferas, entre elas pitangueiras, ameixeiras, tamarineiras,etc. ORQUESTRA JOVEM da VIAÇÃO NOSSA SENHORADOAMPARO É um programa social da Viação Nossa Senhora doAmparo iniciado em 2008, com aulas gratuitas de música para crianças e jovens O currículo inclui aulas de instrumentos de sopro e corda.Osalunosiniciamnaflautadoce,passando para o violino e, finalmente, para todos os instrumentos de corda, o projeto conta com a parceria da Orquestra de Cordas da Grota, da ONG Reciclarte. Conta com os regentes Ricardo Vidal, Bira Viola e José Germano. Os jovens que compõem essa orquestra tocam violino, violão, flauta entre outros.Além da magnifica apresentação com instrumentos eles cantaeam e encantam a plateia. ACUIDADE VISUAL um exame executado por Marcelo Brione da ÓTICA STUDIO DOS OLHOS. Objetiva reconhecer quando o olho reconhece dois pontos muito próximos uns dos outros, tornando a visão incômoda e a pessoa sentedificuldadeemenxergarformasecontornos dos objetos.Adistância entre foto-receptores na retina e da precisão da refração é o que causa a acuidade visual. Essa ação social é muito importante, pois grande parte da população não procura com frequência um oculista, desta forma não tem conhecimento dos problemas visuais.Após essa verificação a pessoa é encaminhada ao exame de vista. EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA OUTUBRO ROSA sobre a prevenção do câncer de mama, prevenção que deve ser feita de janeiro a janeiro, reuniumisses,modelos,musas,mulherescomuns que abraçaram a ideia de informar sobre os cuidados com essa terrível doença, que também (apesarderaras)afetamadolescentesehomens. A produção e as fotos são de Pery Salgado.
  • 8. ANO 13 - outubro 2017 edição extraPM 04 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING MMais um dia recheado de atividades. O terceiro dia da 11ª PRIMAVERA DOS MUSEUS e do FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ (osegundoabertoaopúblico),teveaparticipação da Secretaria deAgricultura e Pesca que levou a Horta nas Escolas, explicando e ensinando valores de resgate e respeito ao meio ambiente e comoutilizarcocosusadoscomopequenosvasos para plantio. O CRAS de São José esteve presente com o Bazar Solidário (onde você pode trazer um doação e pode levar outra ou outras). O Bazar ficou em funcionamento até o domingo 24/09, último dia do Festival Intercultural. Victor Bernardo, do Movimento Juventude em Ação esteve conversando sobre valores nobres com os alunos presentes. O indigena Daua Puri esteve presente com seus cânticos, música, instrumentos e utensílios de sua tribo, cantando e encantando alunos e professores dos diversos colégios que estiveram participando da exposição. Os alunos participaram da exposição arqueológica,viramaexposiçãodetelasdaartista HeliaReiseasbelíssimaspeçasfeitascomsobras da natureza pelo grande Osias Silveira. À tarde, a enfermeira Thaís Vasconcelos fez apalestrasobreaprevençãodocâncerdemama e logo após a palestra, foi oficial inaugurada, a exposição fotográfica OUTUBRO ROSA 2017, AGRICULTURA FAMILIAR, AÇÃO SOCIAL, INDIGENA E PREVENÇÃO DO CÂNCER DE MAMA SÃO DESTAQUES NO 3° DIA DO FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ que trata sobre o tema, e que reúne modelos, musas e misses de todas as idades. Presentes na inauguração das fotos do produtor Pery Salgado, a Miss Brasil Top Cult MonicaBrione,JenifferMassante,RosaneRibeiro e Thaís Vasconcelos (Musa de Maricá 2017). Monica Brione - Miss Brasil Top Cult prestigiando a Primavera dos Museus Rosane Ribeiro, Daua Puri, Osias Silveira e Jeniffer Massante Abriosa equipe da Secretaria deAgricultura e Pesca Apesar do evento ter começado na segunda feira 18, quando a ONG Culturando Já e a PR Produções, receberam expositores e fizeram a montagem do Festival Intercultural de Maricá, a terçafeira-19-foioficialmenteoprimeiradiacom os portões abertos ao público. VáriosalunosestiveramnoEspaço Cultural Vovó Bellina em São José do Imbassai onde puderam conferir a exposição de arqueologia, telas de Helia Reis e peças do artesão Osias Silveira.Odestaque,foramosalunosda Escola Municipalizada do Retiro que estiveram presentes em grande número,tantopelamanhãcomoatarde eseapresentaramcomsuabateria,sob o comando do regente Eduardo Rosa (fotomaisacima). PRIMAVERA DOS MUSEUS E FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ,COMEÇACOMBANDADEMÚSICAEMARICÁ+VERDE O Restaurante Maria da Praça apoiou o festival Intercultural de Maricá Pela manhã, a secretaria do MeioAmbiente, estevepresentecomoMaricá+Verde,distribuindo mudas da árvores e plantas nativas da nossa atlântica. Professoresealunos(acompanhados,acima dos 14 anos), conferiram também a exposição fotográfica OUTUBRO ROSA, sobre a prevenção do câncer de mama, que foi aberta oficialmente natardedaquartafeira20às14horas, com palestra da enfermeira Thaís Vasconcelos .
  • 9. PM 05outubro 2017 -ANO 13 edição extraPRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING F Foi um dia literalmente melódico, musical. A quinta feira 21 de setembro - dia da árvore, (quarto dia da 11ª Primavera dos Museus e do FestivalInterculturaldeMaricá)alémdosdiversos alunosdasescolasadjacentesaoEspaçoCultural Vovó Bellina (em São José do Imbassai), teve a maravilhosa participação do professor Sergio Aranda (arte educador da secretaria municipal de educação) que levou seu conhecimento musical e diversos instrumentos nativos do Brasil e de outras regiões do mundo, o que atraiu a curiosidade de todos que foram no Festival. Quem também esteve presente foi o projeto Papel Verde com alunos da Anhanguera de Niterói, que desenvolvem um belissimo trabalho de conscientização da preservação do meio ambiente e utilização e reutilização dos diversos recursosoferecidopelanaturezaefabricadospelo homem, onde a reciclagem é o mote principal. MÚSICA, MÚSICOS E INSTRUMENTOS MUSICAIS NO QUARTO DIA DA PRIMAVERA DOS MUSEUS EM MARICÁ Iara, coordenadora do projeto Papel Verde com alunos do Cônego Batalha ElesdesenvolveramaquiemMaricá,umlindo trabalho com alunos do Cônego Batalha e vão editarumarevistacompapelreciclado,tendocomo jornalista responsável, o produtor Pery Salgado. Àtarde,ofestivalcontoucomapresençados músicos Paulo Cesar de Oliveira (Paulo Oliver), cantorecompositorGospel,docantorecompositor Messias dos Teclados (do gênero forró e sertanejo) e da modelo, dançarina e musicista WanessaEsquerdoquetambémestáparticipando da exposição fotográfica, Outubro Rosa, que fala da prevenção do câncer de mama. A Além das atividades corriqueiras presentes na 11ª PRIMAVERA DOS MUSEUS e do FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ, onde destacamos, a e x p o s i ç ã o arqueológica (da ONG CULTURANDO JÁ), a e x p o s i ç ã o fotográfica do produtor Pery Salgado (PR PRODUÇÕES) com o tema O U T U B R O ROSA - prevenção do câncer de mama, de janeiro a janeiro, da exposição de telas da artista plástica Hélia Reis e da exposição das peçasdoartesãoOsiasSilveira,oquinto dia da Primavera dos Museus (no dia do início da primavera - às 17:02) foi de grandepresençadosalunos,emespecial do colégio Conego Batalha que foram conferirostrabalhosproduzidosporeles junto com o projeto PAPEL VERDE dos alunos e professores daAnhanguera de Niterói. Avenida Nossa Senhora do Amparo 158, loja 01 (próximo a Câmara dos Vereadores) Centro - Maricá (21) 2637 - 4256 Avenida Amaral Peixoto 207, loja 104 - Centro - Niteroi (21)2620-9733 RAYBAN LACOSTE EMPORIOARMANI AMETTE SEXTAFEIRA, DIADEMUITAHISTÓRIASOBREMARICÁForam centenas de alunos durante todo o dia e na parte da tarde, também comgrandemovimento,um momento marcante, com a palestra da historiadora e arquiteta urbanística Renata Gama, da Coordenação de Patrimônio da secretaria municipal de cultura de Maricá. Foi uma riquíssima palestra que nos remeteu a uma viagem através dos séculos, resgatando alguns capítulos da história da nossa cidade a partir do seu patrimôniohistóricocultural.
  • 10. A N ANO 13 - outubro 2017 edição extraPM 06 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING Aequipe do Papel Verde prestigiando a exposição Outubro Rosa. A artista plástica Hélia Reis que participou de sua primeira exposição a convite do produtor Pery Salgado, recebendo seu certificado de participação das mãos de Martha Locks (Culturando Já) No inicio da manhã do sábado 23 de setembro,penúltimodiada11ªPRIMAVERADOS MUSEUS e do FESTIVALINTERCULTURALDE MARICÁ, as alunas da academia Su Fitness da professoraSuzanaCarrilho,seapresentaramem umsuperaulão,cheiodedança,stepeanimação. Ao final da aula, comemoram o aniversário de Monica Brione (Miss Brasil Top Cult), assistiram apresentação da jovem Sthephany Pereira(umabelissimaapresentaçãodeginástica rítmica) e foram conferir a exposição fotográfica OUTUBRO ROSA do jornalista e produtor Pery Salgado, que fala da prevenção do câncer de mama (prevenção de janeiro a janeiro). As alunas da academia Su Fitness, também participam da campanha e da exposição fotográfica. ACUIDADE VISUAL E PAPEL VERDE O Festival teve também neste sábado a participação da ótica STUDIO DOS OLHOS com Marcelo Brione que fez teste gratuitos de ACUIDADE VISUAL.Além das exposições fixas (arqueologia, telas de Hélia Reis, peças de Osias Silveira e exposição fotográfica OUTUBRO ROSA), mais um dia da presença do projeto PAPEL VERDE dos alunos da ANHANGUERA quefalaramcomoreciclarereaproveitarmateriais queusamosnonossodiaadia,contribuindocom omeioambiente. SÁBADO DE GINÁSTICA E MUITA MÚSICA: SU FITNESS, INOCENTES DE MARICÁ E ORQUESTRA JOVEM DA VIAÇÃO NOSSA SENHORA DO AMPARO SE DESTACAM A ginasta Sthefany Pereira e a professora Suzana Carrilho (Su Fitness), recebendo seus certificados de participação Marcelo Brione da Ótica Studio dos Olhos e a equipe do projeto Papel Verde da Anhanguera de Niterói, recebendo seus certificados TARDE DE MUITA MÚSICA: SAMBA COM INOCENTES DE MARICÁ E ORQUESTRA JOVEM DA VIAÇÃO NOSSA SENHORA DO AMPARO A tarde foi perfeita para quem gosta de todos os estilos de música. Primeiro a bateria Pegada do Gorila do Mestre Sapão do GRES Inocentes de Maricá, mostrando o melhor do samba de Maricá já em preparação para os desfiles do carnaval do meio do ano em jukho de 2018, na voltadosdesfilesdasescolasdesambadeMaricá. Logo após, uma apresentação impecável e que emocionou o público presente, com a ORQUESTRAJOVEM DAVIAÇÃO NOSSASENHORADOAMPARO, que apresentação grandes sucessos da nossa MPB e do POP internacional. Alexandre Oliveira (presidente da Inocentes) e o Mestre Sapão
  • 11. F A PM 07outubro 2017 -ANO 13 edição extraPRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING A manhã do domingo 24 de setembro ficou marcada na memória e história da região do Marine em São José do Imbassai. Um grande passeio ciclístico e caminhada promovido por Rony Peterson Dias, reuniu cerca de150pessoas(muitasfamílias)quepercorreram as ruas do Marine, passando pela frente do CAIC e do Colégio Cônego Batalha em São José do Imbassai. A concentração foi em frente do Espaço Cultural e Pousada Vovó Bellina, local onde aconteceu a 11ª PRIMAVERA DOS MUSEUS e o FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ, organizados pela ONG CULTURANDO JÁ e PR PRODUÇÕES. Por volta das 8 horas da manhã, várias famílias começaram a chegar ao local e pouco antes das 9 horas, o professor Daniel Kanu da academiaYES(localizadadobairrodoFlamengo) fez um aquecimento com os participantes da caminhada, dando início ao evento, que teve também a presença do SIMARITO, símbolo da campanha da prefeitura de Maricá, BASTA DE ACIDENTES. 11ªPRIMAVERADOSMUSESEFESTIVALINTERCULTURALDEMARICÁTERMINAMCOMGRANDEPASSEIO CICLÍSTICOECAMINHADA Apósmaisdeumahoradecaminhada,todos se reuniram no Bar do Zezinho na lagoa do Marine,ondeformarecebidoscomumabelamesa de frutas, recebendo certificados de participação pelo Passeio Ciclístico e Caminhada. Muito feliz com o resultado (vindo de um convite e proposta do jornalista produtor Pery Salgado ao vereador), Rony Peterson Dias declarou:“Estoumuitosatisfeitocomoresultado, agradeço a você Pery, ao pessoal da YES, ao SIMARITO e todo o pessoal da Secretaria de Segurança e Trânsito da pessoa do secretário Celso Netto e parabenizo pelo grande evento que você e Martha Locks da ONG CULTURANDOJÁ,realizaramdurantetodaessa semana. Aproveito já para convidar para novos passeios, para a festa no dia das crianças e para outras ações que estarei realizando em prol da nossa população maricaense. O meu muito obrigado a todos!”, concluiu Rony. Pery Salgado (PR Produções), Zezinho, Rony Peterson, Simarito e Martha Locks (Culturando Já) PRIMAVERA DE MUSEUS E FESTIVAL INTERCULTURAL DE MARICÁ FOI UM GRANDE SUCESSO Foram sete dias de evento (de 18 a 24 de setembro no Espaço Cultural Vovó Bellina (localizado ao lado da Pousada Vovó Bellina em São José do Imbassai). Uma grande reunião de cultura, educadores, artes e artistas de Maricá e região. Organizado pela ONG CULTURANDO JÁ e pela PR PRODUÇÕES, o evento recebeu centenas de visitantes, (famílias e alunos de diversas escolas) e reuniu artistas como Osias Silveira, Helia Reis, Paulo Oliver, Wanessa Esquerdo, Messias dos Teclados, professor SergioAranda, a bateria da Inocentes de Maricá, a orquestra Jovem da Viação Nossa Senhora do Amparo, além de palestrantes tais como Thaís Vasconcelos e Pery Salgado que falaram sobre aprevençãodocâncerdemama,eRenataGama, que falou sobre o patrimônio histórico e artístico de Maricá. A exposição de arqueologia (âncora do evento) e a exposição fotográfica OUTUBRO ROSA(prevençãodocâncerdemamadejaneiro a janeiro, que teve a participação da Miss Brasil Top Cult - Monica Brione, Miss Buzios Plus Size Suraya Borges, Jeniffer Massante - modelo e maquiadora,ThaisVasconcelos-MusadeMaricá 2017 e enfermeira, Wanessa Esquerdo - modelo e musicista, Erika Ferreira - enfermeira, Rosane Ribeiro - modelo e terapeuta, Joyce Amaral - Beleza Negra 2016, Alessandra Lobo - modelo, Fábia Lara - filha de JoyceAmaral, DaniAthayde e sua filha - modelos) completaram o grande Festival Intercultural que recebeu também as participações do Maricá + Verde, da Secretaria deAgricultura e Pesca e do CRAS de São José. Ficou o gostinho de quero mais e ano que vem,comcertezateremosmuitomais. Nossos agradecimentos a Rony Peterson, Marcus Bam Bam, Frank Costa, Aldair de Linda, Fabricio Bittencourt e Ismael Breve, à Goulart Doces, ao Restaurante Maria do Céu, a Casa de Festas Castelo dos Reis, a Lajes Pentágono e principalmente a André Ferreira, proprietário da PousadaeEspaçoCulturalVovóBellina,portoda a ajuda que deu ao grande evento, junto com sua equipe. Os agradecimentos ao secretário de turismo Robson Dutra pela estrutura e logística de deslocamento, os agradecimentos à todos os envolvidos de todas as secretarias participantes, assim como todos os envolvidos neste grande encontro cultural. Ver. Rony Peterson com sua esposa Monica prestigiaram a exposição fotografica Outubro Rosa sobre a prevenção do câncer de mama Pery Salgado (PR Produções) e Rony Peterson com a equipe do Papel Verde da Anhanguera de Niterói
  • 12. ANO 13 - outubro 2017 edição extraPM 08 PRPRPRPRPROJETOJETOJETOJETOJETO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETINGO DE MARKETING CULTURARTEEN, o informativo dos jovens e da família maricaense ano 13 nº 180 - outubro 2017 - EDIÇÃO EXTRA - PROJETO DE MARKETING para a ONG CULTURANDO JÁ - Propriedade PR PRODUÇÕES (Net Control E.I. M.E. CNPJ 02.675.725/0001-05). Diagramação, Redação, Edição e Fotos: José Pery Salgado Jornalista Responsável: Pery Salgado (R.P. 34659/RJ) Impressão: Editora Esquema. Distribuição Gratuita e Dirigida ao público jovem e a família de Maricá. CULTURARTE, Culturateen, Culturartween e CulturartKids são marcas de propriedade da PR Produções. Edição mensal. Contatos: (21) 99281-4037 jornalismopr@hotmail.com BEZERRA, CULTURARTE, CULTURARTEEN, BARÃO DE INOHAN, JORNAL DA MICROLINS, INFORMATIVO FRK, INFORMAÇÃO COMPLETA e INFORMATIVO PRofissionalizar, HÁ-NIMAL, SER!, UNIversitariUSS, MAIS UM e informativo NET FOX são criações do Eng. José Pery Salgado. Jornal do Municipio, Tribuna de Maricá, Jornal de Maricá, Informativo Frutificar, Luz Sonora e ECOLOUCOS são produzidos e editados pela PR Produções. Matérias e anúncios são de inteira responsabilidade de seus autores e não nos responsabilizamos pelo seu conteúdo. Tiragem 4000 exemplares A ONG CULTURANDO JÁ (também em nome da PR Produções), agradece a todos os parceiros e participantes que fizeram a 11ª PRIMAVERA DOS MUSEUS - IBRAM – MinC, um evento de aporte NACIONAL e o Festival Intercultural de Maricá acontecerem. Agradece ainda, aos Secretários Municipais que nos atenderam e também participaram do evento, Subsecretário de Biodiversidade GUILHERMEDICESARDAMOTAESILVA,Secretário de Ação Social JORGE LUIZ CORDEIRO DA COSTA e ao coordenador Thiago Ribeiro, Secretário de Agricultura e Pesca JULIO CAROLINO, Secretário de Segurança e Trânsito CELSO ALMEIDA NETTO, Secretária de Cultura ANDREA CUNHA e a coordenadora de Patrimônio Renata Gama e principalmente ao Secretário de Turismo ROBSON DUTRA, pela logística da montagem, e a gentileza das suas funcionárias Nenéia e Camila; ao Coordenador de Meio Ambiente da Secretaria de Educação Prof. MARCUS LACERDA e sua equipe, Luisa Vianna e Rayanne Vidal pela logística das escolas municipais. Agradecimentos irrestritos ao nosso amigo e proprietário da Pousada Vovó Bellina ANDRÉ DANTAS FERREIRA (André Bellina) que nos cedeu o maravilhoso Espaço Cultural da Pousada para a realização desses eventos. Só temos a dizer: GRATIDÃOATODOS! Nosso site www.culturandoja.org.br Contato: info@culturandoja.org.br Cel/whatssap: 98408-6750 –> Martha AGRADECIMENTOS
  • 14. Em Maricá! Seu móvel planejado direto do Sul da forma que você sempre sonhou! MÓVEIS SOB MEDIDA Qualidade e beleza é a nossa combinação! Marque sua visita! MÓVEIS EM MADEIRA E MDF Rodovia Amaral Peixoto (RJ 106), km 30 n° 70, loja 3 (em frente ao pardal eletrônico sentido Niterói) e-mail: sc932605@gmail.com 2637-6528/ 98880-8827 97283-7700(Vivo-whatsapp) PROJETOS SEM COMPROMISSO ANO 13 - Outubro 2017 C04 destaquesdoculturarteen.blogspot.com (Claro) Formas de pagamento: Cheque (*) e Boleto [com 50% de entrada] Cartões 5 vezes sem juros ou em até 12 vezes pela financeira (*) sob consulta 32anos de mercado
  • 15. N A destaquesdoculturarteen.blogspot.com A 15Outubro 2017 - ANO 13 CULTURARTEEN, o informativo dos jovens e da família maricaense ano 13 nº 179 - outubro 2017 - Propriedade PR PRODUÇÕES (Net Control E.I. M.E. CNPJ 02.675.725/0001-05). Diagramação, Redação, Edição e Fotos: José Pery Salgado Jornalista Responsável: Pery Salgado (R.P. 34659/RJ) Impressão: Editora Esquema. Distribuição Gratuita e Dirigida ao público jovem e a família de Maricá. CULTURARTE, Culturateen, Culturartween e CulturartKids são marcas de propriedade da PR Produções. Edição mensal. Contatos: (21) 99281-4037 jornalismopr@hotmail.com BEZERRA, CULTURARTE, CULTURARTEEN, BARÃO DE INOHAN, JORNAL DA MICROLINS, INFORMATIVO FRK, INFORMAÇÃO COMPLETA e INFORMATIVO PRofissionalizar, HÁ-NIMAL, SER!, UNIversitariUSS, MAIS UM e informativo NET FOX são criações do Eng. José Pery Salgado. Jornal do Municipio, Tribuna de Maricá, Jornal de Maricá, Informativo Frutificar, Luz Sonora e ECOLOUCOS são produzidos e editados pela PR Produções. Matérias e anúncios são de inteira responsabilidade de seus autores e não nos responsabilizamos pelo seu conteúdo. Tiragem 4000 exemplares ITAIPUAÇU I - Rua 1 - Lt 20 - Qd 115 > Jardim Atlântico - 2638-0537 INOÃ I - RJ 106 km 15,5 - Shopping Polo Mania > 2636-5270 CENTRO (loja fitness) Rua Sen. Macedo Soares (calçada do Bradesco) 3731-3318 ITAIPUAÇU II - Av. Zumbi dos Palmares - Barroco > 2638-8246 ACADEMIAS INOÃ II - Rua Caio Figueiredo n° 20 > 2636-6689 - Rua do Supermerc Econômico JJá estamos na primavera,avidapassa a ter mais cores e aqui naRedeGigio,ascores estão presentes no nosso dia a dia. Venha se preparar para a novaestação(jádeolho noverão),comasofertas e preços quentes daqui da Rede Gigio. Na loja Gigio Fitness (na rua Senador Macedo Soares no centro de Maricá) e em todas as lojas da rede Gigio Fitness de academias, você encontra toda a linha de suplementos, roupas e acessórios fitness, materiais para ginástica e musculação e uma grande variedade de moda praia para curtir os dias quentinhos que aprimaveranostraz(comlindosmodeloslevanta bum bum). Um bom motivo para você se cuidar deummododiferenteesaudáveleéclaro,renovar seu look e se preparar para a nova estação. NAS LOJAS GIGIO FITNESS TEM! A Pedra do Elefante é o ponto mais alto da Serra da Tiririca. Dividindo os municípios de Maricá e Niterói. Com 412 m de altura, está localizada entre as praias de Itaipuaçu e Itacoatiara.Doseucumetemosumaincrívelvisão de360º,ondepodemoscontemplarasmontanhas do Rio, o Costão de Itacoatiara (217 m), toda a RegiãoOceânicadeNiterói,aspraiasdeItaipuaçu e Maricá com quase 40km de extensão, e as ilhasMaricá.Em24desetembro,realizamoscom grande sucesso, a trilha para o local A trilha para alcançar seu cume possui aproximadamente 2 km de extensão e foi percorrida em 2 horas de caminhada de subida, de acordo com o ritmo do grupo. Foi muito bom, um excelente exercício, uma grande confraternização e um visual divino. Em breve,novastrilhas.Venhaparticipar,venhapara Gigiovocêtambém! TRILHA NA PEDRA DO ELEFANTE FOI SHOW AULAS NA PRAIA FAZEM SUCESSO NA REDE GIGIO NOVIDADE NA GIGIO FITNESS! CIRCUITO GIGIO NA AREIA A PARTIR DE SETEMBRO! AULAS GRÁTISABERTAAO PÚBLICO, SÓ AQUI NA GIGIO! GIGIO SEMPRE INOVANDO! PARAMAIORES INFORMAÇÕES: TEL: 2636-5270 WHATSAPP: 98880-1267 Aula de Cross Combat. É lindo ver essas alunas focadasemseusobjetivos.Venhafazeruma aula experimental. 96892-4460 (zap)