SlideShare uma empresa Scribd logo

Setemi News Outubro/16

Edição de Outubro/16

1 de 12
Baixar para ler offline
Ano 4 - Edição 43
Mogi das Cruzes,
outubro de 2016
Distribuição gratuita
SETEMI NEWS
DESTAQUE
PÁGINA 2
O câncer de mama é o mais
comum entre as mulheres no
mundo e no Brasil, depois do cân-
cer de pele não melanoma, respon-
de por cerca de 25% dos casos
novos a cada ano. Para estimular a
detecçãoprecocedadoençaecons-
cientizar a população, temos, neste
mês, a campanha Outubro Rosa.
Neste ano, a ação terá como tema
"Câncer de mama: vamos falar
sobreisso?".
Um grupo de pesquisadores das
faculdades de Ciências Médicas
(FCM) e de Engenharia Química
da Universidade Estadual de Cam-
pinas (Unicamp) desenvolveu um
colírio para a prevenção e combate
dadegeneraçãogradativaqueocor-
re com frequência nos olhos das
pessoas com diabetes, a chamada
retinopatiadiabética.
PÁGINA 3
PESQUISA E INOVAÇÃO
Unicamp desenvolve colírio para evitar
e tratar perda de visão em diabéticos
PÁGINA 6
Uma receita deliciosa de Pavê
de Limão rápido. Vale a pena
conferir!
A medida provisória que rees-
trutura e flexibiliza o ensino
médio no país, anunciada pelo
governo, recebeu um total de
568 emendas de deputados e
senadores. O texto será anali-
sado por uma comissão mista e
depois pelos plenários da
Câmara e do Senado. Um tema
recorrente nas emendas dos
parlamentares é a retomada da
obrigatoriedade na lei das dis-
ciplinas de educação física,
artes, filosofia e sociologia nos
currículosdoensinomédio.
PÁGINA 11
O estudo foi feito pelo Comitê Gestor da Internet
noBrasil(CGI.br), peloCentroRegionaldeEstu-
dos para o Desenvolvimento da Sociedade da
Informação (Cetic.br), e pelo Núcleo de Infor-
mação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br).
Foram realizadas entrevistas pessoais com abor-
dagem face-a-face em 23.465 domicílios em
todooterritórionacional.
PÁGINA 4
TECNOLOGIA
Pesquisa recente mostra
que 58% da população
brasileira acessa a internet
TECNOLOGIA
Comer frutas e legumes, beber muita água e
fazer exercícios são hábitos indicados para pre-
venir doenças, mas nem sempre é fácil encaixá-
los na rotina. Na campanha contra o câncer de
mama de 2016, a Sociedade Brasileira de Masto-
logia vai frisar a importância de uma vida saudá-
velcomoformadecombaterocâncerdemama.
PÁGINA 5
SAÚDE
Alimentação saudável e
exercícios ajudam a combater
câncer de mama, diz SBM
EDUCAÇÃO
MP do Ensino Médio
recebeu 568 emendas
Artes Gráficas
ETEMIS
Tel: 2867-6433
Cel: 99927-0908
• Cartão de Visita • Flyer
• Jornal Institucional
• Banner • Panfleto
Outubro Rosa: conscientização
e prevenção do câncer de mama
outubro de 20162 SETEMI NEWS
Outubro Rosa: conscientização
e prevenção do câncer de mama
DESTAQUE
S
O câncer de mama é o mais
comum entre as mulheres no
mundo e no Brasil, depois do
câncer de pele não melanoma,
responde por cerca de 25% dos
casos novos a cada ano. Para
estimular a detecção precoce
da doença e conscientizar a
população, temos, neste mês, a
campanha Outubro Rosa.
Neste ano, a ação terá como
tema "Câncer de mama: vamos
falarsobreisso?".
A mensagem reforça o debate
para que a população participe
ainda mais das atividades pro-
movidas em todo o País. Além
de enfatizar a importância de a
mulher conhecer suas mamas e
ficar atenta às alterações suspe-
itas. As ações de conscientiza-
ção visam disseminar o maior
volume possível de informa-
ções sobre acesso aos serviços
de diagnóstico e de tratamento,
contribuindo para a redução da
mortalidade.
O câncer de mama é uma doen-
ça causada pela multiplicação
de células anormais da mama,
que formam um tumor. Há vári-
os tipos de câncer de mama.
Alguns tipos têm desenvolvi-
mento rápido enquanto outros
sãomaislentos.
DeacordocomoInstitutoNaci-
onaldoCâncer(Inca),sãoespe-
rados 57.960 casos novos de
câncer de mama este ano no
Brasil. A idade é um dos mais
importantes fatores de risco
para a doença (cerca de quatro
em cada cinco casos ocorrem
apósos 50anos).
Outros fatores que aumentam o
risco da doença são fatores
ambientais e comportamenta-
is, Fatores da história reprodu-
tiva e hormonal e Fatores gené-
ticosehereditários.
Em grande parte dos casos, o
câncer de mama quando detec-
tado em fases iniciais há mais
chances de tratamento e cura.
Todas as mulheres, indepen-
dentemente da idade, podem
conhecer seu corpo para saber
o que é e o que não é normal em
suas mamas.Amaior parte dos
cânceres de mama é descoberta
pelasprópriasmulheres.
Para mulheres entre 50 e 69
anos, a indicação do Ministério
da Saúde é que a mamografia
de rastreamento seja realizada
a cada dois anos. Esse exame
Mês de Outubro: um período
muito importante que nos reme-
te a conscientização da preven-
ção do câncer de mama, um tipo
muito agressivo, que tem ceifa-
do a vida de milhares de mulhe-
res e homenstambém.
Infelizmente nossa prevenção
ainda é precária e muitas mulhe-
res morrem por causa do diag-
nósticotardio.
Quando vamos às urnas exercer
nosso dever de cidadania enten-
demos e acreditamos que nos-
sos representantes devem cui-
dar bem de nossa saúde, com
atendimento humanizado e pre-
ventivo.
Desejamos que nossos futuros
governantes (aqueles que
foram eleitos ou reeleitos nas
eleições do mês passado) pos-
sam investir mais em saúde,
educação e segurança, para que
possamos viver dignamente.
Tudo isso e muito mais você
encontra aqui no Jornal
SETEMINEWS.
Nãodeixedecurtirnossa pági-
na no facebook: facebook.-
com/seteminews e também de
acessar nosso site pelo endere-
ço:www.seteminews.com.br
Se desejar entrar em contato
conosco envie um e-mail para:
jornalismo@seteminews.com.br. S
SETEMI EDITORA
& COMUNICAÇÃO
CNPJ 19.641.464/0001-05
Jornalista Profissional:
Marcos Dantas - MTB 55235-SP
Arte e Revisão:
Luzia Miranda
Representante Comercial:
Geralda Cesário
Departamento Jurídico:
Dra. Virgínia M. Oliver da Silva
Distribuição:
Mogi das Cruzes e região
ANUNCIE JÁ
(11) 2867-6433
(11) 97538-0790
TODAS
AS PROPAGANDAS
SÃO DE TOTAL
RESPONSABILIDADE
DO ANUNCIANTE
Acesse:
www.seteminews.com.br
facebook.com/seteminews
Fontes de notícias e imagens
desta edição:
• agenciabrasil
• bbcbrasil
• usp.br
• google images
• gazeta.com
pode ajudar a identificar o
câncer antes do surgimento
dos sintomas.
O Sistema Único de Saúde
(SUS) garante a oferta gratui-
ta de exame de mamografia
para as mulheres brasileiras
em todas as faixas etárias. A
recomendação, por parte dos
médicos, é que a avaliação
seja feita antes dos 35 anos
somente em casos específi-
cos. Durante o autoexame, é
possível verificar se há indí-
cio de alguns dos sintomas,
como presença de caroço (nó-
dulo) fixo, endurecido e,
geralmente, indolor; pele da
mama avermelhada, retraída
ou parecida com casca de
laranja; alterações no bico do
peito (mamilo); e pequenos
nódulos localizados embaixo
dos braços (axilas) ou no pes-
coço. O movimento popular
Outubro Rosa é internacional,
começou na década de 1990
para estimular a participação
da população no controle do
câncerdemama.
Anualmente, várias ativida-
des são realizadas com o obje-
tivo de compartilhar informa-
ções sobre o câncer de mama,
promover a conscientização
sobre a doença, proporcionar
maior acesso aos serviços de
diagnóstico e de tratamento e
contribuir para a redução da
mortalidade.
outubro de 2016 3SETEMI NEWS
Unicamp desenvolve colírio para evitar e tratar
perda de visão em diabéticos
S
PESQUISA E INOVAÇÃO
Um grupo de pesquisadores das
faculdades de Ciências Médicas
(FCM) e de Engenharia Quími-
ca da Universidade Estadual de
Campinas (Unicamp) desen-
volveu um colírio para a pre-
venção e combate da degenera-
ção gradativa que ocorre com
frequência nos olhos das pesso-
as com diabetes, a chamada reti-
nopatiadiabética.
“Agrandevantagemdesse acha-
do é o fato de não ser invasivo.
Por ser tópico não implica em
riscos e cria uma barreira contra
as alterações neurodegenerati-
vas que afeta os diabéticos”,
explicou a pesquisadora da
FCM Jacqueline Mendonça
LopesdeFaria.
Acientista disse que a descober-
ta foi feita a partir de uma pes-
quisa que já dura cerca de duas
décadas. “É consequência de um
estudo de 20 anos para entender
o mecanismo de ataque das célu-
las nervosas e de irrigação san-
guíneanotecidoocular.”
De acordo com a pesquisadora,
por causa da hiperglicemia –
excesso de açúcar no sangue no
organismo dos diabéticos – vári-
os órgãos podem ser comprome-
tidos. Em cerca de 40% dos
casos, a doença leva a complica-
ções na retina provocadas pelo
efeitotóxicodaglicose.
O sistema nervoso e vascular da
retina passam a ter alterações
progressivas que podem levar a
cegueira. “Isso ocorre, muitas
vezes, justamente no momento
em que a pessoa está em idade
ativa. ”Atualmente, o trata-
mento da retinopatia diabética
é feito com opções invasivas,
como a fotocoagulação com
laser, injeções intravítrea ou
mesmocirurgia.
A expectativa dos pesquisado-
res da Unicamp é que, além de
servir para a cura da retinopatia
diabética, a descoberta dessa
tecnologia possa ser benéfica
também no tratamento de
outras anomalias da visão,
comooglaucoma.
Testes em laboratórios da Uni-
camp comprovaram a eficácia
da fórmula. No entanto, antes
de ser transformado em medi-
camento para a distribuição e
comercialização, o colírio tem
de ser submetido à fase clínica
de testes, com os ensaios em
seres humanos.
Ainda não há previsão de quan-
do isso vai ocorrer porque os
testes dependem do interesse
de empresas em fazer o licenci-
amento da tecnologia junto com
a agência de inovação da uni-
versidade,aInovaUnicamp.
No teste com os roedores, não
foram observados efeitos
adversos e o colírio mostrou-se
eficaz na proteção do sistema
nervosodaretina.
Os estudos receberam financia-
mento da Fundação de Amparo
à Pesquisa do Estado de São
Paulo (Fapesp) e da Coordena-
çãodeAperfeiçoamentodePes-
soal de Nível Superior (Capes),
vinculadaaoMinistériodeEdu-
cação.
outubro de 20164 SETEMI NEWS
Pesquisa recente mostra que 58% da população
brasileira acessa a internet
S
TECNOLOGIA
O estudo foi feito pelo Comitê
Gestor da Internet no Brasil
(CGI.br), pelo Centro Regional
de Estudos para o Desenvolvi-
mento da Sociedade da Infor-
mação (Cetic.br), e pelo Núcleo
de Informação e Coordenação
do Ponto BR (NIC.br). Foram
realizadas entrevistas pessoais
com abordagem face-a-face em
23.465 domicílios em todo o
território nacional, entre
novembro de 2015 e junho de
2016.
De acordo com o levantamento,
pessoas das classes sociais mais
abastadas usam mais a internet:
95% dos entrevistados da classe
A haviam utilizado a rede
menos de três meses antes da
pesquisa. A proporção cai para
82% para a classe B; 57% para a
C,e28%paraaD/E.
No entanto, as classes menos
abastadas foram as que tiveram
maior crescimento proporcio-
nal em relação à pesquisa anteri-
or: a D/E aumentou sete pontos
percentuais (de 21% para 28%);
a C, três pontos percentuais; a B,
dois pontos; e a A caiu um pon-
to. A proporção de domicílios
brasileiros com acesso à inter-
net,considerandotambémcone-
xões por telefone celular, ficou
praticamente estabilizada em
51%. Em 2014, a fração era de
50% e em 2013, de 43%. De
acordo com o levantamento,
34,1 milhões de domicílios no
Brasil têm acesso à internet,
sendo que as classes mais abas-
tadas têm mais acesso: 97% dos
domicílios da classeAtêm inter-
net, seguidos por 82% da classe
B, 49% da classe C e 16% da
D/E. Em relação à região, o
Sudeste tem o maior número de
domicílios conectados à inter-
net, quanto desconectados: são
17,4 milhões de domicílios
conectados e 11,7 milhões, des-
conectados. A Região Nordes-
te tem 7 milhões de domicílios
com internet e 10,5 milhões
sem internet; a Região Sul tem
5,4 milhões conectados e 4,9
milhões desconectados; o Cen-
tro-Oeste tem 2,5 milhões com
internet e 2,7 milhões sem. A
Nortetem1,9milhõesdedomi-
cílios conectados e 3,1 milhões,
desconectados. O levantamen-
to mostra que a proporção de
domicíliosbrasileiroscomcom-
putador estabilizou em 50% -
mesma proporção registrada
em 2014 - o que representa 33,2
milhões de domicílios com
acessoacomputador.
outubro de 2016 5SETEMI NEWS
Alimentação saudável e exercícios ajudam a combater
câncer de mama, diz SBM
S
SAÚDE
Comer frutas e legumes, beber
muita água e fazer exercícios
são hábitos indicados para pre-
venir doenças, mas nem sempre
é fácil encaixá-los na rotina. Na
campanha contra o câncer de
mama de 2016, a Sociedade
Brasileira de Mastologia vai
frisar a importância de uma vida
saudável como forma de com-
bater o câncer de mama. Este
ano, a estimativa é que 60 mil
brasileiras sejam diagnostica-
das com a doença, que é a que
maismatamulheresnopaís.
A coordenadora da
pesquisa, Jordana
Carolina Marque
Godinho Mota, que
comparou grupos de
mulheres atendidas
no Hospital das Clíni-
cas da Universidade
Federal de Goiás,
disse que os alimen-
tos saudáveis ajudam
a regular o metabolismo. Por
outro lado, produtos açucara-
dos, industrializados e gordu-
rosos desregulam as funções do
corpo. “A alimentação inade-
quada altera hormônios corpo-
rais,como,porexemplo,ainsu-
lina. Quando aumenta a quanti-
dade de insulina que o corpo
precisa para absorver a açúcar
no corpo essa insulina pode
agir na mama causando altera-
ção, favorecendo o câncer”,
explicou. Com base nos dados,
a pesquisadora constatou que a
chance de desenvolver o câncer
de mama cai de 74% para 49%
em quem tem uma vida saudá-
vel. Ela recomenda que as
mulheres já saiam de casa com
a alimentação planejada para o
diatodo,fazendopequenasrefe-
ições a cada três horas, em
média, evitando alimentos
industrializados, refrigerantes,
frituras e gorduras.As medidas,
segundo Jordana, também
valem para as pacientes que
estão no tratamento contra a
doença.
A SBM também incentiva os
médicos a fazerem um atendi-
mento completo, com paciên-
cia, além de defender amplia-
ção do acesso à mamografia,
exame que depende aparelho
específico. Outra preocupação
da entidade é a diminuição do
tempo entre o diagnóstico e o
tratamento, que não pode pas-
sar de60dias.As mulherestam-
bém têm direito a uma cirurgia
reparadora,se necessário.
Mulheres com mais de 40 anos
devem fazer exames anuais.
“De um ano para o outro, um
caroço pode aumentar muito e
dificultarotratamento”.
Dicas de hábitos saudáveis para
evitarocâncerdemama:
- Comer a cada três horas, em
pequenasquantidades;
- Priorizar alimentos naturais e
evitaros industrializados;
- Evitar açúcar e carboidratos,
especialmente refrigerantes,
pãobrancoemacarrão;
-Reduziraingestãodegordura;
- Comer proteínas, frutas, legu-
meseverduras.
outubro de 20166 SETEMI NEWS
MP do Ensino Médio recebeu 568 emendas
S
EDUCAÇÃO
A medida provisória que rees-
trutura e flexibiliza o ensino
médio no país, anunciada pelo
governo, recebeu um total de
568 emendas de deputados e
senadores. O texto será analisa-
do primeiro por uma comissão
mista e depois pelos plenários
da Câmara e do Senado. Um
tema recorrente nas emendas
dos parlamentares é a retomada
da obrigatoriedade na lei das
disciplinas de educação física,
artes, filosofia e sociologia nos
currículosdoensinomédio.
Há também propostas para a
inclusão de novas disciplinas ou
temas transversais no currículo,
como direito constitucional,
educação ambiental e sexual e
finançaspessoais.
Uma das emendas quer que
70% dos currículos do ensino
médio sejam compostos por
disciplinas obrigatórias e 30%,
por matérias optativas, enquan-
to a medida provisória prevê
que 50% do currículo seja
determinado pelos sistemas de
ensino e a outra metade pela
Base Nacional Comum. A pos-
sibilidade de contratação de
professores para a educação
técnica sem diploma de licenci-
atura, mas que apresentem "no-
tório saber" na área que ensina-
rão, também é alvo de pedidos
demudança.
Há até uma emenda que propõe
a revogação integral da medida
provisória.
O secretário de Educação Bási-
ca do Ministério da Educação
(MEC), Rossieli Soares da Sil-
va, disse que a postura da pasta
diante das diversas emendas
apresentadas ao texto será a de
estabelecer um amplo debate
com os parlamentares. “A pos-
tura do MEC será de ir lá con-
versar e discutir com os deputa-
dos, comotemosfeito.
Vamos debater, a decisão é do
Congresso e depois a sanção é
do presidente. Vai certamente
ter uma negociação sobre qual
texto será acordado por todos.
O Congresso vai discutir, e
vamos acom-
panhar cada
emenda que
será discuti-
da”, disse ao
participar de
videoconfe-
rência promo-
vidapelaAsso-
ciação de Jor-
nalistasdeEdu-
cação (Jeduca)
para discutir a medida provisó-
ria.
Em relação ao item da MP que
determina que as aulas do ensi-
no técnico e profissional pode-
rão ser ministradas por profissi-
onais com “notório saber”, ou
seja, sem formação acadêmica
específica na área que leciona, o
secretário disse que o ensino
técnico hoje no Brasil já é exe-
cutado com profissional contra-
tadoscombasenonotóriosaber.
“Dependendo de onde está inse-
rida aquela escola e aquele
curso técnico, você não tem o
profissional que é formado
adequadamente para aquilo,
mas que, do ponto de vista práti-
co, é o melhor”, destacou Silva.
A regulamentação do notório
saber é definida pelo conselho
estadual de Educação, confor-
meexplicouosecretário.
Com a MP746/2016, o governo
torna obrigatória para os três
anos do ensino médio apenas o
ensino de português e matemá-
tica. Inglês também torna-se
obrigatório, mas não necessari-
amenteparaos trêsanos.
Os demaisconteúdosserãodefi-
nidos pela Base Nacional Curri-
cularComum.

Recomendados

Setemi News Setembro/2016
Setemi News Setembro/2016Setemi News Setembro/2016
Setemi News Setembro/2016Setemi News
 
Setemi news maio
Setemi news maioSetemi news maio
Setemi news maioSetemi News
 
Setemi news edição de abril
Setemi news   edição de abrilSetemi news   edição de abril
Setemi news edição de abrilSetemi News
 
Setemi news dezembro
Setemi news dezembroSetemi news dezembro
Setemi news dezembroSetemi News
 
Setemi news outubro
Setemi news outubroSetemi news outubro
Setemi news outubroSetemi News
 
Setemi news março
Setemi news marçoSetemi news março
Setemi news marçoSetemi News
 
Setemi News Julho/16
Setemi News Julho/16Setemi News Julho/16
Setemi News Julho/16Setemi News
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Setemi News Março/2015
Setemi News Março/2015Setemi News Março/2015
Setemi News Março/2015Setemi News
 
Setemi news julho
Setemi news julhoSetemi news julho
Setemi news julhoSetemi News
 
Setemi news março
Setemi news marçoSetemi news março
Setemi news marçoSetemi News
 
Setemi news abril
Setemi news abrilSetemi news abril
Setemi news abrilSetemi News
 
Setemi News Dezembro/16
Setemi News Dezembro/16Setemi News Dezembro/16
Setemi News Dezembro/16Setemi News
 
Setemi news fevereiro
Setemi news   fevereiroSetemi news   fevereiro
Setemi news fevereiroSetemi News
 
Setemi news janeiro 2016
Setemi news janeiro 2016Setemi news janeiro 2016
Setemi news janeiro 2016Setemi News
 
Setemi news novembro
Setemi news novembroSetemi news novembro
Setemi news novembroSetemi News
 
Setemi News Junho/16
Setemi News Junho/16Setemi News Junho/16
Setemi News Junho/16Setemi News
 
Jornal setemi news janeiro
Jornal setemi news janeiroJornal setemi news janeiro
Jornal setemi news janeiroSetemi News
 
SETEMI NEWS mês de Fevereiro
SETEMI NEWS mês de FevereiroSETEMI NEWS mês de Fevereiro
SETEMI NEWS mês de FevereiroSetemi News
 
Setemi news agosto
Setemi news agostoSetemi news agosto
Setemi news agostoSetemi News
 
ESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRA
ESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRAESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRA
ESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRAE1R2I3
 
Setemi news junho
Setemi news junhoSetemi news junho
Setemi news junhoSetemi News
 

Mais procurados (20)

Setemi News Março/2015
Setemi News Março/2015Setemi News Março/2015
Setemi News Março/2015
 
Setemi news julho
Setemi news julhoSetemi news julho
Setemi news julho
 
Setemi news março
Setemi news marçoSetemi news março
Setemi news março
 
Setemi news abril
Setemi news abrilSetemi news abril
Setemi news abril
 
Setemi News Dezembro/16
Setemi News Dezembro/16Setemi News Dezembro/16
Setemi News Dezembro/16
 
Setemi news fevereiro
Setemi news   fevereiroSetemi news   fevereiro
Setemi news fevereiro
 
Janeiro 2017
Janeiro 2017Janeiro 2017
Janeiro 2017
 
Setemi news janeiro 2016
Setemi news janeiro 2016Setemi news janeiro 2016
Setemi news janeiro 2016
 
Setemi news novembro
Setemi news novembroSetemi news novembro
Setemi news novembro
 
Ermelino171
Ermelino171Ermelino171
Ermelino171
 
Setemi News Junho/16
Setemi News Junho/16Setemi News Junho/16
Setemi News Junho/16
 
Jornal setemi news janeiro
Jornal setemi news janeiroJornal setemi news janeiro
Jornal setemi news janeiro
 
SETEMI NEWS mês de Fevereiro
SETEMI NEWS mês de FevereiroSETEMI NEWS mês de Fevereiro
SETEMI NEWS mês de Fevereiro
 
Ermelino 167
Ermelino 167Ermelino 167
Ermelino 167
 
Setemi news agosto
Setemi news agostoSetemi news agosto
Setemi news agosto
 
Ermelino 167
Ermelino 167Ermelino 167
Ermelino 167
 
Folha 206
Folha 206Folha 206
Folha 206
 
ESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRA
ESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRAESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRA
ESCOLA VIDA & CIDADANIA - MESTRE OLIVEIRA
 
Setemi news junho
Setemi news junhoSetemi news junho
Setemi news junho
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 

Destaque

Edição de setembro
Edição de setembroEdição de setembro
Edição de setembroseteminews
 
Setemi News Agosto
Setemi News AgostoSetemi News Agosto
Setemi News AgostoSetemi News
 
Jornal setemi news (junho 2014)
Jornal setemi news (junho 2014)Jornal setemi news (junho 2014)
Jornal setemi news (junho 2014)JEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (maio 2013) - s
Jornal setemi news (maio 2013) - sJornal setemi news (maio 2013) - s
Jornal setemi news (maio 2013) - sJEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (janeiro 2014)
Jornal setemi news (janeiro 2014)Jornal setemi news (janeiro 2014)
Jornal setemi news (janeiro 2014)JEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (fevereiro 2014)
Jornal setemi news (fevereiro 2014)Jornal setemi news (fevereiro 2014)
Jornal setemi news (fevereiro 2014)JEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (abril 2013) - s
Jornal setemi news (abril 2013) - sJornal setemi news (abril 2013) - s
Jornal setemi news (abril 2013) - sJEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (agosto 2013) - s
Jornal setemi news (agosto 2013) - sJornal setemi news (agosto 2013) - s
Jornal setemi news (agosto 2013) - sJEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (dezembro 2013)
Jornal setemi news (dezembro 2013)Jornal setemi news (dezembro 2013)
Jornal setemi news (dezembro 2013)JEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (setembro 2013) site
Jornal setemi news (setembro 2013) siteJornal setemi news (setembro 2013) site
Jornal setemi news (setembro 2013) siteJEFFFREITAS
 
Setemi news outubro
Setemi news outubroSetemi news outubro
Setemi news outubroseteminews
 
Pdf jornal de julho 2014
Pdf jornal de julho 2014Pdf jornal de julho 2014
Pdf jornal de julho 2014seteminews
 
Jornal setemi news (maio 2014)
Jornal setemi news (maio 2014)Jornal setemi news (maio 2014)
Jornal setemi news (maio 2014)JEFFFREITAS
 
Jornal setemi news (novembro 2013)
Jornal setemi news (novembro 2013)Jornal setemi news (novembro 2013)
Jornal setemi news (novembro 2013)JEFFFREITAS
 
Setemi news novembro
Setemi news novembroSetemi news novembro
Setemi news novembroSetemi News
 
Setemi news edição maio
Setemi news edição maioSetemi news edição maio
Setemi news edição maioSetemi News
 
Setemi news setembro
Setemi news setembroSetemi news setembro
Setemi news setembroSetemi News
 
Setemi news agosto
Setemi news agostoSetemi news agosto
Setemi news agostoSetemi News
 

Destaque (18)

Edição de setembro
Edição de setembroEdição de setembro
Edição de setembro
 
Setemi News Agosto
Setemi News AgostoSetemi News Agosto
Setemi News Agosto
 
Jornal setemi news (junho 2014)
Jornal setemi news (junho 2014)Jornal setemi news (junho 2014)
Jornal setemi news (junho 2014)
 
Jornal setemi news (maio 2013) - s
Jornal setemi news (maio 2013) - sJornal setemi news (maio 2013) - s
Jornal setemi news (maio 2013) - s
 
Jornal setemi news (janeiro 2014)
Jornal setemi news (janeiro 2014)Jornal setemi news (janeiro 2014)
Jornal setemi news (janeiro 2014)
 
Jornal setemi news (fevereiro 2014)
Jornal setemi news (fevereiro 2014)Jornal setemi news (fevereiro 2014)
Jornal setemi news (fevereiro 2014)
 
Jornal setemi news (abril 2013) - s
Jornal setemi news (abril 2013) - sJornal setemi news (abril 2013) - s
Jornal setemi news (abril 2013) - s
 
Jornal setemi news (agosto 2013) - s
Jornal setemi news (agosto 2013) - sJornal setemi news (agosto 2013) - s
Jornal setemi news (agosto 2013) - s
 
Jornal setemi news (dezembro 2013)
Jornal setemi news (dezembro 2013)Jornal setemi news (dezembro 2013)
Jornal setemi news (dezembro 2013)
 
Jornal setemi news (setembro 2013) site
Jornal setemi news (setembro 2013) siteJornal setemi news (setembro 2013) site
Jornal setemi news (setembro 2013) site
 
Setemi news outubro
Setemi news outubroSetemi news outubro
Setemi news outubro
 
Pdf jornal de julho 2014
Pdf jornal de julho 2014Pdf jornal de julho 2014
Pdf jornal de julho 2014
 
Jornal setemi news (maio 2014)
Jornal setemi news (maio 2014)Jornal setemi news (maio 2014)
Jornal setemi news (maio 2014)
 
Jornal setemi news (novembro 2013)
Jornal setemi news (novembro 2013)Jornal setemi news (novembro 2013)
Jornal setemi news (novembro 2013)
 
Setemi news novembro
Setemi news novembroSetemi news novembro
Setemi news novembro
 
Setemi news edição maio
Setemi news edição maioSetemi news edição maio
Setemi news edição maio
 
Setemi news setembro
Setemi news setembroSetemi news setembro
Setemi news setembro
 
Setemi news agosto
Setemi news agostoSetemi news agosto
Setemi news agosto
 

Semelhante a Setemi News Outubro/16

Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptxOutubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptxWilsonBonifcio
 
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"Marcia Oliveira
 
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro RosaArtigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro RosaNathalia Belletato
 
Outubro rosa 2018 quality rev01
Outubro rosa 2018   quality rev01Outubro rosa 2018   quality rev01
Outubro rosa 2018 quality rev01tigrupoquality
 
Cancer de mama completo
Cancer de mama completoCancer de mama completo
Cancer de mama completoBarbaraqsms
 
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar dissoCartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar dissoFarmacêutico Digital
 
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfCartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfmaxion03
 
Outubro Rosa.pptx
Outubro Rosa.pptxOutubro Rosa.pptx
Outubro Rosa.pptxJssicaPaz5
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi NewsSetemi News
 
Informações equivocadas sobre CA de Mama
Informações equivocadas sobre CA de MamaInformações equivocadas sobre CA de Mama
Informações equivocadas sobre CA de MamaAishameriane Schmidt
 
eBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mamaeBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mamaGnTech
 
Arte outubro folder
Arte outubro folderArte outubro folder
Arte outubro folderDaniel Dino
 
CULTURARTEEN 179 - outubro 2017
CULTURARTEEN 179 - outubro 2017CULTURARTEEN 179 - outubro 2017
CULTURARTEEN 179 - outubro 2017josé pery salgado
 
Principais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_Projecto
Principais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_ProjectoPrincipais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_Projecto
Principais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_ProjectoElsa Pereira
 

Semelhante a Setemi News Outubro/16 (20)

Câncer de Mama
Câncer de MamaCâncer de Mama
Câncer de Mama
 
Folder Campanha Outubro Rosa - 2019
Folder Campanha Outubro Rosa - 2019Folder Campanha Outubro Rosa - 2019
Folder Campanha Outubro Rosa - 2019
 
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptxOutubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
Outubro Rosa - Emilia_Wilson.pptx
 
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
TCF sobre "Entendendo o cancer de mama"
 
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro RosaArtigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
Artigo com Nathalia Belletato sobre o Outubro Rosa
 
Outubro rosa 2018 quality rev01
Outubro rosa 2018   quality rev01Outubro rosa 2018   quality rev01
Outubro rosa 2018 quality rev01
 
cartilha_cancer_de_mama_2022.pdf
cartilha_cancer_de_mama_2022.pdfcartilha_cancer_de_mama_2022.pdf
cartilha_cancer_de_mama_2022.pdf
 
Outubro rosa
Outubro rosaOutubro rosa
Outubro rosa
 
Outubro 2.pptx
Outubro 2.pptxOutubro 2.pptx
Outubro 2.pptx
 
Cancer de mama completo
Cancer de mama completoCancer de mama completo
Cancer de mama completo
 
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar dissoCartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
Cartilha Campanha Outubro Rosa 2014 - Câncer de Mama: é preciso falar disso
 
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfCartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
 
Outubro Rosa.pptx
Outubro Rosa.pptxOutubro Rosa.pptx
Outubro Rosa.pptx
 
Tudo sobre a Saúde da Mama
Tudo sobre a Saúde da MamaTudo sobre a Saúde da Mama
Tudo sobre a Saúde da Mama
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Informações equivocadas sobre CA de Mama
Informações equivocadas sobre CA de MamaInformações equivocadas sobre CA de Mama
Informações equivocadas sobre CA de Mama
 
eBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mamaeBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mama
 
Arte outubro folder
Arte outubro folderArte outubro folder
Arte outubro folder
 
CULTURARTEEN 179 - outubro 2017
CULTURARTEEN 179 - outubro 2017CULTURARTEEN 179 - outubro 2017
CULTURARTEEN 179 - outubro 2017
 
Principais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_Projecto
Principais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_ProjectoPrincipais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_Projecto
Principais_causas_de_morte_em_Portugal-Àrea_de_Projecto
 

Mais de Setemi News (20)

Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Janeiro
JaneiroJaneiro
Janeiro
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Jornal Setemi News
Jornal Setemi NewsJornal Setemi News
Jornal Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 
Setemi News
Setemi NewsSetemi News
Setemi News
 

Setemi News Outubro/16

  • 1. Ano 4 - Edição 43 Mogi das Cruzes, outubro de 2016 Distribuição gratuita SETEMI NEWS DESTAQUE PÁGINA 2 O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do cân- cer de pele não melanoma, respon- de por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Para estimular a detecçãoprecocedadoençaecons- cientizar a população, temos, neste mês, a campanha Outubro Rosa. Neste ano, a ação terá como tema "Câncer de mama: vamos falar sobreisso?". Um grupo de pesquisadores das faculdades de Ciências Médicas (FCM) e de Engenharia Química da Universidade Estadual de Cam- pinas (Unicamp) desenvolveu um colírio para a prevenção e combate dadegeneraçãogradativaqueocor- re com frequência nos olhos das pessoas com diabetes, a chamada retinopatiadiabética. PÁGINA 3 PESQUISA E INOVAÇÃO Unicamp desenvolve colírio para evitar e tratar perda de visão em diabéticos PÁGINA 6 Uma receita deliciosa de Pavê de Limão rápido. Vale a pena conferir! A medida provisória que rees- trutura e flexibiliza o ensino médio no país, anunciada pelo governo, recebeu um total de 568 emendas de deputados e senadores. O texto será anali- sado por uma comissão mista e depois pelos plenários da Câmara e do Senado. Um tema recorrente nas emendas dos parlamentares é a retomada da obrigatoriedade na lei das dis- ciplinas de educação física, artes, filosofia e sociologia nos currículosdoensinomédio. PÁGINA 11 O estudo foi feito pelo Comitê Gestor da Internet noBrasil(CGI.br), peloCentroRegionaldeEstu- dos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br), e pelo Núcleo de Infor- mação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br). Foram realizadas entrevistas pessoais com abor- dagem face-a-face em 23.465 domicílios em todooterritórionacional. PÁGINA 4 TECNOLOGIA Pesquisa recente mostra que 58% da população brasileira acessa a internet TECNOLOGIA Comer frutas e legumes, beber muita água e fazer exercícios são hábitos indicados para pre- venir doenças, mas nem sempre é fácil encaixá- los na rotina. Na campanha contra o câncer de mama de 2016, a Sociedade Brasileira de Masto- logia vai frisar a importância de uma vida saudá- velcomoformadecombaterocâncerdemama. PÁGINA 5 SAÚDE Alimentação saudável e exercícios ajudam a combater câncer de mama, diz SBM EDUCAÇÃO MP do Ensino Médio recebeu 568 emendas Artes Gráficas ETEMIS Tel: 2867-6433 Cel: 99927-0908 • Cartão de Visita • Flyer • Jornal Institucional • Banner • Panfleto Outubro Rosa: conscientização e prevenção do câncer de mama
  • 2. outubro de 20162 SETEMI NEWS Outubro Rosa: conscientização e prevenção do câncer de mama DESTAQUE S O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma, responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Para estimular a detecção precoce da doença e conscientizar a população, temos, neste mês, a campanha Outubro Rosa. Neste ano, a ação terá como tema "Câncer de mama: vamos falarsobreisso?". A mensagem reforça o debate para que a população participe ainda mais das atividades pro- movidas em todo o País. Além de enfatizar a importância de a mulher conhecer suas mamas e ficar atenta às alterações suspe- itas. As ações de conscientiza- ção visam disseminar o maior volume possível de informa- ções sobre acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento, contribuindo para a redução da mortalidade. O câncer de mama é uma doen- ça causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vári- os tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvi- mento rápido enquanto outros sãomaislentos. DeacordocomoInstitutoNaci- onaldoCâncer(Inca),sãoespe- rados 57.960 casos novos de câncer de mama este ano no Brasil. A idade é um dos mais importantes fatores de risco para a doença (cerca de quatro em cada cinco casos ocorrem apósos 50anos). Outros fatores que aumentam o risco da doença são fatores ambientais e comportamenta- is, Fatores da história reprodu- tiva e hormonal e Fatores gené- ticosehereditários. Em grande parte dos casos, o câncer de mama quando detec- tado em fases iniciais há mais chances de tratamento e cura. Todas as mulheres, indepen- dentemente da idade, podem conhecer seu corpo para saber o que é e o que não é normal em suas mamas.Amaior parte dos cânceres de mama é descoberta pelasprópriasmulheres. Para mulheres entre 50 e 69 anos, a indicação do Ministério da Saúde é que a mamografia de rastreamento seja realizada a cada dois anos. Esse exame Mês de Outubro: um período muito importante que nos reme- te a conscientização da preven- ção do câncer de mama, um tipo muito agressivo, que tem ceifa- do a vida de milhares de mulhe- res e homenstambém. Infelizmente nossa prevenção ainda é precária e muitas mulhe- res morrem por causa do diag- nósticotardio. Quando vamos às urnas exercer nosso dever de cidadania enten- demos e acreditamos que nos- sos representantes devem cui- dar bem de nossa saúde, com atendimento humanizado e pre- ventivo. Desejamos que nossos futuros governantes (aqueles que foram eleitos ou reeleitos nas eleições do mês passado) pos- sam investir mais em saúde, educação e segurança, para que possamos viver dignamente. Tudo isso e muito mais você encontra aqui no Jornal SETEMINEWS. Nãodeixedecurtirnossa pági- na no facebook: facebook.- com/seteminews e também de acessar nosso site pelo endere- ço:www.seteminews.com.br Se desejar entrar em contato conosco envie um e-mail para: jornalismo@seteminews.com.br. S SETEMI EDITORA & COMUNICAÇÃO CNPJ 19.641.464/0001-05 Jornalista Profissional: Marcos Dantas - MTB 55235-SP Arte e Revisão: Luzia Miranda Representante Comercial: Geralda Cesário Departamento Jurídico: Dra. Virgínia M. Oliver da Silva Distribuição: Mogi das Cruzes e região ANUNCIE JÁ (11) 2867-6433 (11) 97538-0790 TODAS AS PROPAGANDAS SÃO DE TOTAL RESPONSABILIDADE DO ANUNCIANTE Acesse: www.seteminews.com.br facebook.com/seteminews Fontes de notícias e imagens desta edição: • agenciabrasil • bbcbrasil • usp.br • google images • gazeta.com pode ajudar a identificar o câncer antes do surgimento dos sintomas. O Sistema Único de Saúde (SUS) garante a oferta gratui- ta de exame de mamografia para as mulheres brasileiras em todas as faixas etárias. A recomendação, por parte dos médicos, é que a avaliação seja feita antes dos 35 anos somente em casos específi- cos. Durante o autoexame, é possível verificar se há indí- cio de alguns dos sintomas, como presença de caroço (nó- dulo) fixo, endurecido e, geralmente, indolor; pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja; alterações no bico do peito (mamilo); e pequenos nódulos localizados embaixo dos braços (axilas) ou no pes- coço. O movimento popular Outubro Rosa é internacional, começou na década de 1990 para estimular a participação da população no controle do câncerdemama. Anualmente, várias ativida- des são realizadas com o obje- tivo de compartilhar informa- ções sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.
  • 3. outubro de 2016 3SETEMI NEWS Unicamp desenvolve colírio para evitar e tratar perda de visão em diabéticos S PESQUISA E INOVAÇÃO Um grupo de pesquisadores das faculdades de Ciências Médicas (FCM) e de Engenharia Quími- ca da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) desen- volveu um colírio para a pre- venção e combate da degenera- ção gradativa que ocorre com frequência nos olhos das pesso- as com diabetes, a chamada reti- nopatiadiabética. “Agrandevantagemdesse acha- do é o fato de não ser invasivo. Por ser tópico não implica em riscos e cria uma barreira contra as alterações neurodegenerati- vas que afeta os diabéticos”, explicou a pesquisadora da FCM Jacqueline Mendonça LopesdeFaria. Acientista disse que a descober- ta foi feita a partir de uma pes- quisa que já dura cerca de duas décadas. “É consequência de um estudo de 20 anos para entender o mecanismo de ataque das célu- las nervosas e de irrigação san- guíneanotecidoocular.” De acordo com a pesquisadora, por causa da hiperglicemia – excesso de açúcar no sangue no organismo dos diabéticos – vári- os órgãos podem ser comprome- tidos. Em cerca de 40% dos casos, a doença leva a complica- ções na retina provocadas pelo efeitotóxicodaglicose. O sistema nervoso e vascular da retina passam a ter alterações progressivas que podem levar a cegueira. “Isso ocorre, muitas vezes, justamente no momento em que a pessoa está em idade ativa. ”Atualmente, o trata- mento da retinopatia diabética é feito com opções invasivas, como a fotocoagulação com laser, injeções intravítrea ou mesmocirurgia. A expectativa dos pesquisado- res da Unicamp é que, além de servir para a cura da retinopatia diabética, a descoberta dessa tecnologia possa ser benéfica também no tratamento de outras anomalias da visão, comooglaucoma. Testes em laboratórios da Uni- camp comprovaram a eficácia da fórmula. No entanto, antes de ser transformado em medi- camento para a distribuição e comercialização, o colírio tem de ser submetido à fase clínica de testes, com os ensaios em seres humanos. Ainda não há previsão de quan- do isso vai ocorrer porque os testes dependem do interesse de empresas em fazer o licenci- amento da tecnologia junto com a agência de inovação da uni- versidade,aInovaUnicamp. No teste com os roedores, não foram observados efeitos adversos e o colírio mostrou-se eficaz na proteção do sistema nervosodaretina. Os estudos receberam financia- mento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e da Coordena- çãodeAperfeiçoamentodePes- soal de Nível Superior (Capes), vinculadaaoMinistériodeEdu- cação.
  • 4. outubro de 20164 SETEMI NEWS Pesquisa recente mostra que 58% da população brasileira acessa a internet S TECNOLOGIA O estudo foi feito pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvi- mento da Sociedade da Infor- mação (Cetic.br), e pelo Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br). Foram realizadas entrevistas pessoais com abordagem face-a-face em 23.465 domicílios em todo o território nacional, entre novembro de 2015 e junho de 2016. De acordo com o levantamento, pessoas das classes sociais mais abastadas usam mais a internet: 95% dos entrevistados da classe A haviam utilizado a rede menos de três meses antes da pesquisa. A proporção cai para 82% para a classe B; 57% para a C,e28%paraaD/E. No entanto, as classes menos abastadas foram as que tiveram maior crescimento proporcio- nal em relação à pesquisa anteri- or: a D/E aumentou sete pontos percentuais (de 21% para 28%); a C, três pontos percentuais; a B, dois pontos; e a A caiu um pon- to. A proporção de domicílios brasileiros com acesso à inter- net,considerandotambémcone- xões por telefone celular, ficou praticamente estabilizada em 51%. Em 2014, a fração era de 50% e em 2013, de 43%. De acordo com o levantamento, 34,1 milhões de domicílios no Brasil têm acesso à internet, sendo que as classes mais abas- tadas têm mais acesso: 97% dos domicílios da classeAtêm inter- net, seguidos por 82% da classe B, 49% da classe C e 16% da D/E. Em relação à região, o Sudeste tem o maior número de domicílios conectados à inter- net, quanto desconectados: são 17,4 milhões de domicílios conectados e 11,7 milhões, des- conectados. A Região Nordes- te tem 7 milhões de domicílios com internet e 10,5 milhões sem internet; a Região Sul tem 5,4 milhões conectados e 4,9 milhões desconectados; o Cen- tro-Oeste tem 2,5 milhões com internet e 2,7 milhões sem. A Nortetem1,9milhõesdedomi- cílios conectados e 3,1 milhões, desconectados. O levantamen- to mostra que a proporção de domicíliosbrasileiroscomcom- putador estabilizou em 50% - mesma proporção registrada em 2014 - o que representa 33,2 milhões de domicílios com acessoacomputador.
  • 5. outubro de 2016 5SETEMI NEWS Alimentação saudável e exercícios ajudam a combater câncer de mama, diz SBM S SAÚDE Comer frutas e legumes, beber muita água e fazer exercícios são hábitos indicados para pre- venir doenças, mas nem sempre é fácil encaixá-los na rotina. Na campanha contra o câncer de mama de 2016, a Sociedade Brasileira de Mastologia vai frisar a importância de uma vida saudável como forma de com- bater o câncer de mama. Este ano, a estimativa é que 60 mil brasileiras sejam diagnostica- das com a doença, que é a que maismatamulheresnopaís. A coordenadora da pesquisa, Jordana Carolina Marque Godinho Mota, que comparou grupos de mulheres atendidas no Hospital das Clíni- cas da Universidade Federal de Goiás, disse que os alimen- tos saudáveis ajudam a regular o metabolismo. Por outro lado, produtos açucara- dos, industrializados e gordu- rosos desregulam as funções do corpo. “A alimentação inade- quada altera hormônios corpo- rais,como,porexemplo,ainsu- lina. Quando aumenta a quanti- dade de insulina que o corpo precisa para absorver a açúcar no corpo essa insulina pode agir na mama causando altera- ção, favorecendo o câncer”, explicou. Com base nos dados, a pesquisadora constatou que a chance de desenvolver o câncer de mama cai de 74% para 49% em quem tem uma vida saudá- vel. Ela recomenda que as mulheres já saiam de casa com a alimentação planejada para o diatodo,fazendopequenasrefe- ições a cada três horas, em média, evitando alimentos industrializados, refrigerantes, frituras e gorduras.As medidas, segundo Jordana, também valem para as pacientes que estão no tratamento contra a doença. A SBM também incentiva os médicos a fazerem um atendi- mento completo, com paciên- cia, além de defender amplia- ção do acesso à mamografia, exame que depende aparelho específico. Outra preocupação da entidade é a diminuição do tempo entre o diagnóstico e o tratamento, que não pode pas- sar de60dias.As mulherestam- bém têm direito a uma cirurgia reparadora,se necessário. Mulheres com mais de 40 anos devem fazer exames anuais. “De um ano para o outro, um caroço pode aumentar muito e dificultarotratamento”. Dicas de hábitos saudáveis para evitarocâncerdemama: - Comer a cada três horas, em pequenasquantidades; - Priorizar alimentos naturais e evitaros industrializados; - Evitar açúcar e carboidratos, especialmente refrigerantes, pãobrancoemacarrão; -Reduziraingestãodegordura; - Comer proteínas, frutas, legu- meseverduras.
  • 6. outubro de 20166 SETEMI NEWS MP do Ensino Médio recebeu 568 emendas S EDUCAÇÃO A medida provisória que rees- trutura e flexibiliza o ensino médio no país, anunciada pelo governo, recebeu um total de 568 emendas de deputados e senadores. O texto será analisa- do primeiro por uma comissão mista e depois pelos plenários da Câmara e do Senado. Um tema recorrente nas emendas dos parlamentares é a retomada da obrigatoriedade na lei das disciplinas de educação física, artes, filosofia e sociologia nos currículosdoensinomédio. Há também propostas para a inclusão de novas disciplinas ou temas transversais no currículo, como direito constitucional, educação ambiental e sexual e finançaspessoais. Uma das emendas quer que 70% dos currículos do ensino médio sejam compostos por disciplinas obrigatórias e 30%, por matérias optativas, enquan- to a medida provisória prevê que 50% do currículo seja determinado pelos sistemas de ensino e a outra metade pela Base Nacional Comum. A pos- sibilidade de contratação de professores para a educação técnica sem diploma de licenci- atura, mas que apresentem "no- tório saber" na área que ensina- rão, também é alvo de pedidos demudança. Há até uma emenda que propõe a revogação integral da medida provisória. O secretário de Educação Bási- ca do Ministério da Educação (MEC), Rossieli Soares da Sil- va, disse que a postura da pasta diante das diversas emendas apresentadas ao texto será a de estabelecer um amplo debate com os parlamentares. “A pos- tura do MEC será de ir lá con- versar e discutir com os deputa- dos, comotemosfeito. Vamos debater, a decisão é do Congresso e depois a sanção é do presidente. Vai certamente ter uma negociação sobre qual texto será acordado por todos. O Congresso vai discutir, e vamos acom- panhar cada emenda que será discuti- da”, disse ao participar de videoconfe- rência promo- vidapelaAsso- ciação de Jor- nalistasdeEdu- cação (Jeduca) para discutir a medida provisó- ria. Em relação ao item da MP que determina que as aulas do ensi- no técnico e profissional pode- rão ser ministradas por profissi- onais com “notório saber”, ou seja, sem formação acadêmica específica na área que leciona, o secretário disse que o ensino técnico hoje no Brasil já é exe- cutado com profissional contra- tadoscombasenonotóriosaber. “Dependendo de onde está inse- rida aquela escola e aquele curso técnico, você não tem o profissional que é formado adequadamente para aquilo, mas que, do ponto de vista práti- co, é o melhor”, destacou Silva. A regulamentação do notório saber é definida pelo conselho estadual de Educação, confor- meexplicouosecretário. Com a MP746/2016, o governo torna obrigatória para os três anos do ensino médio apenas o ensino de português e matemá- tica. Inglês também torna-se obrigatório, mas não necessari- amenteparaos trêsanos. Os demaisconteúdosserãodefi- nidos pela Base Nacional Curri- cularComum.
  • 7. outubro de 2016 7SETEMI NEWS
  • 8. outubro de 20168 SETEMI NEWS
  • 9. outubro de 2016 9SETEMI NEWS AUTOS E AFINS CLASSIFICADOS TRÂNSITO SEGURO RESPEITE AS LEIS DE TRÂNSITO MODA, BELEZA E ACESSÓRIOS
  • 10. outubro de 201610 SETEMI NEWS SERVIÇOS CLASSIFICADOS ALIMENTAÇÃO ANUNCIE AQUI SEU PRODUTO OU SERVIÇO S 2867-6433 Maça A maça ajuda a reduzir os níveis de colesterol no sangue, e por absorver grandes quantidades de água do trato intestinal, também ajuda a prevenir a prisão de ventre.
  • 11. outubro de 2016 11SETEMI NEWS SERVIÇOS SETEMI NEWS - SEMPRE TRAZENDO MAIS INFORMAÇÃO! CLASSIFICADOS Pavê de Limão Rápido Ingredientes: ·1 pacote de biscoito de maisena ·1 lata de leite condensado ·1/2 caixinha de creme de leite ·1/2 xícara (chá) de suco de limão Modo de preparo: 1. Misture o leite condensado e o limão. 2. Acrescente o creme de leite e reserve por 10 minutos. 3. Em uma travessa quadrada (não muito grande) disponha camadas de creme e de biscoito. 4. As camadas de creme devem ser bem fininhas, somente o suficiente para cobrir o biscoito. 5. Termine com creme e decore com raspinhas de limão. 6. Leve para gelar por 6 horas. Rendimento: 6 porções Tempo de Preparo: 1 hora e 20 minutos AJUDE A ABELHA A CHEGAR EM SUA CASA LABIRINTO PASSATEMPO
  • 12. outubro de 201612 SETEMI NEWS Rua Jardelina de Almeida Lopes, 491 - Parque Santana - Mogi das Cruzes Tel: 4729-5817