Belém PA 23 mai 2013

375 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
375
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
191
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Belém PA 23 mai 2013

  1. 1. Negociação Aplicada à Gestão da Cadeia de Suprimento 23 de maio de 2013 Belém - PA Prof.: Cláudio da Rocha Miranda claudio@claudiorochamiranda.com.br
  2. 2. Os Grupos
  3. 3. Grupo 1
  4. 4. Grupo 2
  5. 5. Grupo 3
  6. 6. Grupo 4
  7. 7. Grupo 5
  8. 8. Os Sinais
  9. 9. Guarda Fechada: prontas para começar a “batalha”! Posição correta das mãos
  10. 10. Postura correta. Inclinação positiva e atenção à contraparte.
  11. 11. Quando um de nosso grupo argumenta, devemos atentar para as reações da contraparte e não olharmos para baixo ou para as anotações.
  12. 12. Postura correta. Inclinação positiva, com atenção à fala do interlocutor. O colega da direita poderia não ter os braços cruzados que sugere “fechamento”
  13. 13. Enquanto a segunda da esquerda para a direita argumenta ninguém de seu grupo olha para a contraparte.
  14. 14. Idem slide anterior: enquanto o colega do meio argumenta, ninguém de seu grupo presta atenção ao efeito disso na contraparte.
  15. 15. Postura adequada. Enquanto a colega da direita argumenta a do centro e a da esquerda prestam atenção à reação da contraparte.
  16. 16. Outro erro! Aqui todos olham para quem fala e esquecem-se de observar a contraparte.
  17. 17. Postura adequada. Enquanto o segundo colega, da esquerda para a direita fala os demais prestam atenção à reação da contraparte.
  18. 18. Enquanto a colega do centro fala a da sua direita parece não acreditar, coçando a cabeça ou ajeitando o cabelo e a da sua direita, idem mantendo-se com os braços cruzados em sinal fechamento (não comprometimento com o que está sendo dito).
  19. 19. Enquanto o colega do centro fala, os da direita da foto olham para ele como que apoiando-o e o da esquerda observa a contraparte. Postura correta! Pena não terem fechado o acordo!!!
  20. 20. Enquanto o colega fala devemos olhar para a contraparte e não para ele!
  21. 21. “O Muro de Berlin” separando o bom do mal...! Jamais devemos colocar uma barreira entre nós e a outra parte.
  22. 22. Gestual de mãos que marcam o território! Demonstram convicção... Pena que os colegas também não estejam tão convencidos...
  23. 23. Devemos evitar encobrir a boca ou segurar o queixo com a mão. Isto significa meias verdades enquanto falamos e desconfiança enquanto escutamos....
  24. 24. Desconfiança total no que estou escutando!!! Devemos evitar encobrir a boca com a mão e a inclinação lateral/olhar de lado numa negociação!
  25. 25. Fala mansa, sorisso no rosto mas guarda fechada, afinal estou lidando com “adversários...”
  26. 26. A desconfiança é grande mesmo! Guarda fechada, mãos encobrindo a boca e o “Muro de Berlin”! Tudo me distancia da contraparte!!!
  27. 27. A argumentação do colega da direita é boa mas será que vai “colar”...?! Estou desconfiado.... Por isso levo minha mão à boca... Já o colega do centro, parece acreditar mais. Tem uma postura mais “franca”: Inclinação positiva e mãos abertas à mostra.
  28. 28. Falar com auxílio das mãos transmite confiança. Numa negociação é positivo. Aqui vemos um bom equilíbrio. O colega do centro atenta a contraparte e o da direita olha quem fala como que o apoiando
  29. 29. Postura do grupo adequada. Inclinação positiva dos colegas da ponta. Melhor seria se o colega que fala também estivesse inclinado positivamente e a da direita, sem encobrir a boca com a mão.
  30. 30. Muita gente encobrindo a boca com a mão. Vocês estão acreditando no que a colega está dizendo ou no que estão escutando? Se não muito, sugiro disfarçar melhor.
  31. 31. Mais mãos encobrindo a boca ou segurando o queixo, veja os colegas das pontas. Evite.
  32. 32. Além de enfadonho, não sei até que ponto acredito no que vocês estão me falando...
  33. 33. “Enquanto eu falo, um faz conta e o outro olha para mim!” Não devemos perder a oportunidade prestar atenção na outra parte .
  34. 34. Excelente postura! Todos atentos, escutando a outra parte, com inclinação positiva e mãos à vista.
  35. 35. “O Murinho de Berlin...”.
  36. 36. Quando não muito seguras, as mulheres colocam a mão no nó supraesternal. Em público ou em uma negociação, evite.
  37. 37. Guarda fechada, mãos encobrindo a boca, Muro de Berlin, biscoito ainda por comer... Não sei se acredito em nada do que vocês estão me falando?!
  38. 38. E tome mãos encobrindo bocas. Gesto que sugere desconfiança enquanto escutamos e meias verdades enquanto falamos.
  39. 39. O colega da esquerda prossegue argumentando e o da direita fazendo conta . Enquanto isso....
  40. 40. ...o outro lado da mesa ouve, mantém a meia guarda e sorri mas acordo que é bom...
  41. 41. ...o colega da direita, coloca as palmas das mãos para cima num sinal de desamparo, resignação, de “já cedi tudo que podia e vocês...?”
  42. 42. Mão apoiando o rosto, braço entrelaçado, olhar de cima para baixo e sério: “elevada desconfiança...”
  43. 43. Apesar do adiantado da hora e da negociação, não foi chegado o momento de baixar a guarda.” As meninas são difíceis...”
  44. 44. Eu prossigo desconfiada ou dando sinais de... (mão encobrindo a boca)
  45. 45. ... e também no nariz, o que explicita mais desconfiança ainda, naquilo que estou escutando...

×