Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade de Preparação de Estéreis

976 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade de Preparação de Estéreis

  1. 2. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Contextualização do Estudo Concluir sobre o método de administração/produção de misturas analgésicas com mais vantagens no binómio custo-utilidade
  2. 3. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Background : Terapêutica da Dor e Avaliação Económica
  3. 4. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Definição de Dor “ Uma experiência sensorial e emocional desagradável, associada a uma lesão tecidular, efectiva ou potencial” [OMS]. Domínio sensorial, emocional e cognitivo.
  4. 5. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Percepção Dolorosa <ul><li>Depende: </li></ul><ul><li>da experiência , </li></ul><ul><li>da aprendizagem cultural , </li></ul><ul><li>do significado pessoal da situação; </li></ul><ul><li>de factores intrínsecos . </li></ul><ul><li>A cultura influencia o limiar da dor, a tolerância à dor e a expressão dolorosa. </li></ul>Subjectividade
  5. 6. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Duração da Dor 6 meses
  6. 7. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Dor Oncológica - Epidemiologia Sintomas dolorosos no doente oncológico: 25% dos doentes com diagnóstico recente, 30% dos doentes que se encontram em tratamento, 75% dos doentes com doença avançada. Dor Irruptiva
  7. 8. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Sistemas de Administração de Analgesia <ul><li>Máquinas Perfusoras; </li></ul><ul><li>Dispositivos Infusores Portáteis (DIB); </li></ul><ul><li>Seringas Infusoras. </li></ul>
  8. 9. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Preparação de DIB
  9. 10. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Instalações da UPE
  10. 11. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Avaliação Económica em Saúde A avaliação económica de medicamentos e tecnologias de saúde assume-se como uma actividade fundamental no sentido da sustentabilidade dos sistemas de saúde modernos. De uma forma muito resumida, a avaliação económica em saúde será a análise comparativa de alternativas terapêuticas nos seus custos e consequências .
  11. 12. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Tipos de Estudos - Resultados Tipo de Estudo Recurso Resultado Minimização de Custos Unidades Monetárias Unidades Naturais Custo-efectividade Unidades Monetárias Unidades Naturais Custo-utilidade Unidades Monetárias QALY Custo-benefício Unidades Monetárias Unidades Monetárias
  12. 13. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Metodologias e Desenho do Estudo
  13. 14. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Desenho do Estudo
  14. 15. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Apresentação e Análise de Resultados
  15. 16. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Avaliação da Satisfação <ul><li>Foram aplicados 260 inquéritos de opinião sobre a utilização de dispositivos portáteis de administração de analgesia a duas amostras populacionais [Fevereiro a Abril 2011]: </li></ul><ul><li>156 Doentes sujeitos a terapêutica da dor, divididos em dois grupos (utilização de DIB vs não utilização de DIB); </li></ul><ul><li>- 104 Profissionais de enfermagem , como comparador das respostas dos doentes no que à utilização de DIB diz respeito. </li></ul>
  16. 17. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Amostra “Doentes” - Divisão Grupo “DIB” Amostra Grupo “Tradicional” 72 n 84 55 Média de Idades 52 56 Mediana de Idades 49 74% Sexo Feminino 62% 26% Sexo Masculino 38% Aumentar número de respostas! LIMITAÇÃO TEMPORAL
  17. 18. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Avaliação da Satisfação Global Grupo “Profissionais de Enfermagem” para a tecnologia DIB Doentes: Grupo “DIB” Doentes: Grupo “Terapêutica Tradicional” Unidades Percentuais de Utilidade 86% 88% 68% Conversão em escala % de utilidade.
  18. 19. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Resultados de Satisfação DIB vs Terapêutica Convencional T-Test p-value = 0,000 Evidência de diferença estatisticamente significativa. DIB vs Enfermeiros T-Test p-value = 0,374 Não há evidência de diferença estatisticamente significativa. DIB vs Terap. Conv. vs Satisfação χ2 p-value = 0,000 Evidência de associação estatisticamente significativa. Intervalo de Confiança de 95%.
  19. 20. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Preparação nos Serviços Clínicos Tempo de Preparação (minutos) Número médio de DIBs preparados Média 11 1 Mediana 10 1 SF: 30 minutos
  20. 21. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Estudo de Custos (i) o custo teórico da produção de um DIB em ambas as situações (serviços farmacêuticos vs serviços clínicos); (ii) o custo da produção efectiva , no período compreendido entre os meses de Março a Junho de 2011 na UPE; (iii) e o custo do mesmo volume de produção se fosse efectuado nos serviços clínicos.
  21. 22. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Custo Teórico de Produção Unitária de DIBs – Dor Aguda 6,86€
  22. 23. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Avaliação de Custo da Produção Efectiva Dor Aguda Mês Nº DIB Entradas na UPE DIB por Entrada Custo Total UPE Custo Total SC Diferença [SC-UPE] Diferença por DIB Março 66 29 2,28 7.412,00 € 8.503,81 € 1.091,81 € 16,54 € Abril 87 21 4,14 9.702,49 € 11.474,01 € 1.771,52 € 20,36 € Maio 12 8 1,50 1.448,72 € 1.528,73 € 80,01 € 6,67 € Junho 7 6 1,17 850,09 € 849,88 € -0,21 € -0,03 € Total 172 64 19.413,30 € 22.356,43 € 2.943,12 € -13,16% UPE pré-instalada
  23. 24. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Rácio Custo-Utilidade Incremental [adaptado] RCUI = (Custo DIB – Custo Trad.) / (Utilidade DIB – Utilidade Trad.)       Custo acrescido de 0,33€ na produção de DIB relativamente aos métodos convencionais.
  24. 25. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Ponderação da Produção Dor Aguda vs Dor Crónica Aumento do stock de máquinas perfusoras nos serviços clínicos.
  25. 26. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Avaliação da Prescrição de Analgesia em Cuidados Paliativos O estudo de prescrição de analgesia em cuidados paliativos decorreu entre os dias 1 de Janeiro de 2011 e 30 de Abril de 2011, sendo reportados dados de prescrição à data de internamento ou reinternamento, num total de 250 doentes , através do sistema informático integrado de prescrição do IPO Porto.
  26. 27. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Perfil de Prescrição de Analgesia
  27. 28. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Perfil de Prescrição de Analgesia (ii)
  28. 29. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Preparação para Cuidados Paliativos Internamento Início gradual de produção de DIB para a consulta de paliativos. Ambulatório
  29. 30. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Conclusões
  30. 31. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Conclusões DIB Evidência de diferença significativa na satisfação dos doentes que utilizam DIB. Sem evidência de vantagens significativas na utilização em regime de internamento. Ambulatório
  31. 32. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis | Bruno Costa | 2011 Conclusões (ii) Serviços Clínicos Serv. Farmacêuticos + 6€/DIB Dados Epidemiológicos de Complicações 2x € Custos Indirectos
  32. 33. Estudo Exploratório de Custo-Utilidade da Produção de Dispositivos Portáteis para Administração de Analgesia, numa Unidade Centralizada de Preparação de Estéreis Bruno Filipe de Azevedo Costa Orientação: Professor Doutor Rui Couto Viana Dissertação de Mestrado em Gestão e Economia de Serviços de Saúde

×