O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

FAT-Curso de desenho Extensão parte 1

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 22 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (17)

Quem viu também gostou (20)

Anúncio

Semelhante a FAT-Curso de desenho Extensão parte 1 (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

FAT-Curso de desenho Extensão parte 1

  1. 1. FACULDADE ATENEU CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA EXTENSÃO: Introdução à Prática do Desenho Profa. Priscila Guimarães, Esp. Fortaleza 2012.1
  2. 2. Princípios Básicos do Desenho Ementa • Abordaremos as configurações básicas que formulam um desenho. De início estudaremos os ELEMENTOS VISUAIS e como eles se integram entre si. Abordaremos o desenho artístico como estudo, períodos da História da Arte, bem como, artistas e suas técnicas. Durante o processo teremos experiências relacionadas aos diversos estímulos externos como música e imagens, além do espaço físico. • No fim desta atividade levantaremos questões relacionadas ao aprendizado e como essa atividade servirá para os estudos de desenho de moda.
  3. 3. Metodologia: Universos da Arte (OSTROWER, Fayga Ed. Campus, Rio de Janeiro1983) • Segundo a artista plástica e professora Ostrower (1983), o desenho tem na sua construção um mistério surpreendente. Ela compara a formação das frases com a formação harmoniosa do desenho e apresenta uma questão sobre essa relação. • “Quantos vocábulos se constitui a linguagem visual?” • Para a autora são apenas cinco. A LINHA, A SUPERFÍCIE, O VOLUME, A LUZ E A COR. Parece básico e simples e é aí que o desenhista depara com a complexidade de lidar com tão poucos elementos, porém é com poucos elementos que conseguimos apreciar tantas variedades de técnicas e estilos que constituem as obras de arte.
  4. 4. • O desenho e a imagem não são apenas apropriações dos elementos visuais, eles têm simbologias e linguagens e por causa desses quesitos é que devemos praticar e estudar algumas regras que compõe a estrutura do desenho. • Há uma grande diferença entre o desenho artístico do desenho técnico de moda. Normalmente, o desenho artístico serve apenas para a apreciação e idealização de um futuro projeto, além de servir de ilustração ou promoção. Entretanto, o desenho técnico de moda tem como regra sua unificação como linguagem, principalmente quando tratamos de modelos e aviamentos diferenciados. O desenho técnico de moda acompanha a ficha técnica, tem em sua representação a formação o desenho plano da roupa e de configuração bem simétrica sem muitos estilos e adereços desproporcionais. Essa característica exigida pelo desenho técnico não deixa a liberdade criativa exercer sua vontade, isso porque diferentes pessoas irão ler seu desenho e sua mensagem visual deve ser clara e unificada dentro da empresa para que não haja prejuízos e desperdício de tempo. • Todavia, o que devemos saber é que desenho técnico ou desenho artístico perpassam o mesmo desenvolvimento: LINHA, SUPERFÍCIE, VOLUME, LUZ E COR.
  5. 5. O que desenho artístico? • O desenho artístico é uma representação gráfica, normalmente em suporte plano onde as características singulares de cada artista fica eminente. Pablo Picasso - "Cabeça de mulher" "Peixes grandes comem peixes pequenos", de Pieter Brueghel. (1965). 1563
  6. 6. O que é desenho Técnico • O desenho técnico é aquele que se configura de forma limpa, sem muitos adereços e estilos. Tem por finalidade a comunicação de algum procedimento ou representação técnica de algum objeto. O desenho necessita ser claro e no decorrer do projeto ser representado com uniformidade. Pode ser regido por regras de configuração ou ser adequado as características de cada desenhista técnico.
  7. 7. Regras de Configuração Regras de configuração podem ser interpretadas como representação uniforme dos traços da imagem. Ela obedece normas técnicas que dão a possibilidade da compreensão do desenho por diferentes leitores. Ex: Representação gráfica das máquinas de costura.
  8. 8. 2. Marcadores • Entendamos como marcadores tudo aquilo que possa de alguma forma ajudar a configurar o desenho em cima da superfície. • Podemos enquadrar os marcadores em solúveis em água, porosos, minerais, oleosos.
  9. 9. Característica dos Marcadores
  10. 10. Aquarela
  11. 11. Guache
  12. 12. Pastel Seco
  13. 13. Lápis Aquarela
  14. 14. Nanquim ( Unipin)
  15. 15. Caneta Hidrocor
  16. 16. Pintura Acrílica
  17. 17. Pintura a óleo
  18. 18. Pastel a óleo
  19. 19. Lápis de Cor
  20. 20. Carvão
  21. 21. Grafite
  22. 22. Os Elementos Visuais • Os elementos visuais são usados para a formulação do desenho: Podem ser resumidos em 5 elementos • Linha • Superfície • Luz • Volume • Cor • Exercício: • Aquecimento das mãos. • Exercitar o traço • Fazer um desenho de forma • Observar luz e sombra • Fazer um Retrato do amigo • Fazer um esboço de uma obra

×