1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 20121°-Estudo da Água nos ecos...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –       6°ano – 2012       Encontramos ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –     6°ano – 2012Água “invisível”     ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 20123ª – Parte da água cai no ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012LENÇOL FREÁTICO = Diz-se d...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –     6°ano – 2012                     ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –    6°ano – 2012    Solução saturada c...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012                          ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012                          ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012    Qual é a diferença en...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –            6°ano – 2012              ...
1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012                          ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

1 estudo da água nos ecossistemas maio

656 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

1 estudo da água nos ecossistemas maio

  1. 1. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 20121°-Estudo da Água nos ecossistemas 1Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências – 6°ano –2012Objetivo: compreender como ocorre a circulação da água noplaneta. Proporção de terra e de água Proporção de terra e água no planeta Água TerraEncontramos a água no planeta de diferentes maneiras, a suadistribuição, observe como os 70% de água do planeta estáatualmente.9,2% de oceanos2,1% de geleiras0,6% de águas subterrâneas0,1% de rios, lagos e vapor de água.
  2. 2. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências – 6°ano – 2012 Encontramos a água em diferentes estados físicos no planeta 2 também.  No estado sólido, encontramo-la nas geleiras;ÁGUA  No estado líquido, encontramo-la nos 3 Aquecimento global = rios, mares, aumento das temperaturas médias anuais no planeta, em lagos, oceanos, água subterrânea; consequência da liberação de alguns gases  No estado gasoso, encontramo-la no (gás carbônico e gás metano, vapor de água. por exemplo) na atmosfera. Geleira = imensa formação de gelo que se localizam em montanhas muito altas e nas regiões polares. Acompanhando a forma do globo terrestre, são calotas de bordas irregulares que, e certos casos, atingem até quilômetros de espessura. Você sabia que no passado, houve períodos em que essas calotas polares aumentaram e depois derreteram. Com isso, grandes volumes de água provocaram um aumento dos níveis dos oceanos e a submersão de grandes extensões de terras litorâneas. Essas mudanças foram acompanhadas por grandes alterações no clima do planeta. As geleiras são formadas por água doce solidificada. Atualmente, um problema ambiental preocupante em todo o mundo é o 3aquecimento global, que provoca aumento e derretimento das geleiras. As consequências podem ser desastres ambientais, especialmente o aumento do nível da água nos mares e oceanos que afetaria milhares de cidades litorâneas do mundo.
  3. 3. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências – 6°ano – 2012Água “invisível” 3Você já percebeu que, às vezes, sentimos que o ar está úmido ou muito seco?Essa sensação só é possível porque o ar tem certo grau de umidade, ou seja,há uma ciclo da O quantidade de vapor de água invisível misturada ao ar.Esse vapor de água presente no ar é consequência da evaporação que ocorrena superfície das águas pela ação do Sol e dos ventos e pela transpiração deanimais e vegetais.Se houver uma evaporação intensa, ocorrerá a formação das nuvens,constituídas pelo vapor de água que se condensa em muitas gotículas, as quaispermanecem em suspensão na atmosfera. Por sua vez, essas gotículas irão seagrupar em gotas maiores e, com a diminuição da temperatura nas camadasaltas da atmosfera, cairão livremente (precipitarão) em forma de chuva.Se a diminuição de temperatura for grande e brusca, as gotas de água nasnuvens passarão para o estado sólido e caíram em pedaços de gelo, quechamamos de granizo (chuva de gelo, também chamada de chuva de pedras). O ciclo da água Considerando-se em todo o planeta, descrevemos resumidamente as etapas desse ciclo: 1ª- Sob a ação dos ventos e dos raios solares, as águas dos rios, lagos e oceanos evaporam. O vapor de água sobe e, ao encontrar as camadas mais frias da atmosfera, condensa-se, formando nuvens. As nuvens são compostas por uma grande quantidade de gotículas de água, não se confunda, a nuvem é a água no estado líquido, não no gasoso. 2ª – A água presente nas nuvens precipita-se sobre a superfície na forma de chuva, neve ou granizo. Ou seja, quando a água cai em forma de chuva, precipitando-se, significa que as gotículas de água aumentaram, assim, caem na forma de chuva. Por isso, não se confunda, a água não se transforma quando cai em forma de chuva, de estado gasoso ao líquido.
  4. 4. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 20123ª – Parte da água cai no solo torna a evaporar. Outra parte escorre 4pela superfície, atingindo rios e mares. Uma certa quantidade deágua se infiltra no solo e forma os depósitos de água subterrâneos.Estes, por sua vez, acabam abastecendo rios, mares, lagos e fontes,fechando o ciclo. Assim, este se repete infinitamente. Os seres vivos também participam do ciclo da água pois osvegetais e os animais absorvem continuamente água do ambiente ea devolvem ao meio de diversas maneiras. Os vegetais a devolvempela transpiração, na qual a água é perdida sob a forma de vapor.Os animais, pela transpiração, pelas fezes e pela urina. CondensaçãoAs mudanças de estado físico que ocorrem no ciclo daágua são a evaporação e a condensação.INFILTRAÇÃO = agua entra (penetra) no solo.PRECIPITAÇÃO = chuva.
  5. 5. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012LENÇOL FREÁTICO = Diz-se de lençol de água que se forma 5em profundidade relativamente pequena.ÁQUIFERO= grande lençol freático.Acesse o link, para saber mais informações sobre o ciclo da água:http://www.youtube.com/watch?v=g26Wk4gpkwsPropriedades da água Dizemos que a água é um solvente universal. Solvente universal é a capacidade de dissolver muitassubstâncias (tanto sólidas, gasosas ou líquidas). Observe, com os exemplos a seguir, como a água dissolvemuitas substâncias.a) Água (solvente universal) + açúcar (sólido) Solução (resultado da mistura)b) Água (solvente universal) + groselha (líquido) Solução (resultado da mistura)
  6. 6. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências – 6°ano – 2012 6 Água (solvente universal) + Gás oxigênio (gasoso) c) Solução (resultado da mistura)CuriosidadeVocê sabia que no refrigerante encontramosgás carbono? Solvente= substância que dissolve, está em maior quantidade. Ex.: água e leite. Soluto = a substância dissolvida, está em menor quantidade. Ex.: sal, Nescau em pó e café. Solução = mistura do solvente e do soluto. Quando à dissolução, quando o solvente consegue dissolver o soluto. Suspensão = quando não a dissolução do soluto, por tanto, o soluto tende a ficar espalhado no solvente. Ex.: água (solvente) com areia (soluto). As partículas da suspensão normalmente são visíveis. Solução saturada = solução equilibrada, em que é compatível a quantidade de solvente e de soluto.
  7. 7. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências – 6°ano – 2012 Solução saturada com depósito = solução saturada, porém a 7 quantidade de soluto é maior que a de solvente, portanto, o soluto se deposita no fundo do recipiente, pote... Solução insaturada = solução cujo o solvente é maior que o soluto, deixando a mistura aguada. Quantidade de soluto insuficiente em relação a quantidade de solvente. Ex.: Solução insaturada Água +pouco sal Solução saturada Água +colher decafé de sal Solução saturada com depósito Água + colher desobremesa de sal
  8. 8. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012 8Solubilidade = quanto de soluto é dissolvido.  -A temperatura influencia na solubilidade, ou seja, na quantidade de substâncias que podem ser dissolvidas. Assim, quanto mais quente for a água, maior será a quantidade de soluto que conseguimos dissolver dela.  Quando a temperatura aumenta, a solubilidade dos sólidos aumenta (consegue dissolver mais e mais rapidamente). Com o aumente da temperatura, maior será a solubilidade de substâncias sólidas. Por exemplo, o sal.  Conclusão: a temperatura alta ajuda a dissolver o sal da água, porém o soluto tem seus limites, o solvente não consegue mais dissolver o soluto, portanto, o aquecimento influencia na rapidez da solubilidade.  -No caso de solutos sob a forma gasosa, como o ar misturado na água, a situação é bem diferente.  Com o aumento da temperatura, menor será a solubilidade de substâncias gasosas. Por exemplo, o gás carbônico e o gás oxigênio.  Em refrigerantes, por exemplo, existe gás carbônico dissolvido sob pressão. A espuma formada por bolhas do gás que saem aos poucos quando abrimos a garrafa. Refrigerantes bem gelados fazem muito menos espuma do que se estivessem sem gelo, pois, no líquido gelado, a solubilidade de gás é maior. Por isso, ela sai em menor quantidade, formando menos espuma do que no líquido não gelado.
  9. 9. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012 9Objetivo: conhecer condições de flutuabilidade da água.Os corpos têm peso Para entender melhor como alguns corpos flutuam e outrosafundam, precisamos saber primeiro o que é peso. Se soltarmos uma pedra de mais o menos 1 metro de altura dochão, ela vai ao solo. Isso acontece com qualquer objeto. Nóspróprios vamos ao chão cairmos de uma escada ou em umburaco. Mas por que todos os objetos caem? Por que somos todos“puxados” para baixo, mesmo contra a nossa vontade. Tudo isso acontece porque o planeta Terra atrai para o seucentro todos os corpos colocados em suas proximidades. Essaatração é conhecida como força da gravidade. Para entender melhor o efeito dessa força, estenda a sua mão,colocando sobre ela uma pedra de tamanho médio. Você sentiráuma força, que é a força da gravidade, empurrando sua mão parabaixo. Isso porque a pedra é atraída pela Terra e, em suatentativa de ir ao solo, empurra a sua mão para baixo. Tanto isso éverdade que você cansará e abaixará a mão e descansá-la,soltando a pedra. Essa força de atração da Terra sobre os corpos, sempre parabaixo, também é chamada de peso. Se essa atração não existisse,todos nós flutuaríamos e não teríamos como caminhar sobre osolo. A força da gravidade, ou o peso, varia conforme a massa deum corpo. Quanto maior a massa, maior também será a força deatração da Terra sobre um corpo, ou seja, maior será o seu peso.
  10. 10. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012  Qual é a diferença entre MASSA e PESO? 10  Massa é a quantidade de matéria de um corpo. Medimos com grama (g), quilograma (kg) e tonelada (t).  Peso é a força da gravidade que a Terra exerce sobre um corpo, por conta da Lua. Essa força empurra, puxa todos os corpos para baixo, para o centro da Terra.  Muitas pessoas acabam confundindo massa e peso porque quanto maior for a massa de um corpo, maior é a força da gravidade que a Terra exerce sobre ele e, portanto, maior é o seu peso.  Fisicamente é errado dizer “eu peso 32kg”. O certo é dizer “minha massa é de 32kg”. Empuxo de Arquimedes Você já notou que quando vamos a água de uma piscina ou ao mar, nos sentimos mais leves, parece que nosso peso diminuiu, como se houvesse diminuído a atração que a Terra exerce sobre nós. Também, é mais fácil carregar uma pessoa dentro da água do que fazer a mesma coisa fora dela. Assim, quando os corpos estão mergulhados em um meio líquido, eles parecem mais leves porque sobre eles passa a agir uma força de baixo para cima, que é chamada de Empuxo de Arquimedes. Empuxo de Arquimedes é a força vertical para cima que todo o corpo recebe quando mergulhados em um líquido. Quando mergulhado em um determinado líquido, o empuxo sobre um corpo será tanto maior quanto maior o volume submerso. Todos os corpos mergulhados na água sofrem a ação de um empuxo, que sempre age para cima.
  11. 11. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências – 6°ano – 2012 11 A flutuação dos corpos Podemos dizer que um corpo mergulhado em água, ou em outro líquido qualquer, está sujeito a duas forças, uma para baixo, que é o peso, e outra para cima, que é o empuxo. A ação dessas forças sobre os corpos submersos determinará se o corpo afunda, flutua ou fica parado. Se o peso é maior que o empuxo, o corpo afunda. Mas, se o empuxo e é maior que o peso, o corpo sobe. No caso de peso empuxo serem iguais, o corpo permanece parado em certo ponto da coluna do líquido.1- A força peso é maior que o 2- O empuxo é maior que a força 3 - O empuxo e a força peso sãoempuxo = corpo afunda peso = corpo flutua iguais = corpo fica parado no meio do líquido A relação de massa e volume é chamada de DENSIDADE. D = m ÷ v  Além das forças peso e empuxo, é necessário levar em consideração a massa e o volume, o que determina a densidade.
  12. 12. 1°-Estudo da Água nos ecossistemas - Maio- 2°Trimestre – Prof.ª Cláudia - Ciências –6°ano – 2012 12

×