Estratégias vencedoras:                                           a busca pelo novo                                       ...
Cenário positivo da economia brasileira se reflete nos mercados de consumomassivos, com destaque para Bebidas e Perecíveis....
...sobretudo nas regiões Nordeste e Leste, áreas estimuladas por maior focoindustrial e de desenvolvimento de base        ...
Entre os canais, destaque para as lojas de pequeno e médio portee Cash and Carry                  Imp.                  36...
O crescimento do consumo é impulsionado pelas classes C2 e D/E, comaumento da frequência de compra                        ...
Como se comportaram os principais fabricantes                           diante deste novo cenário de trading up?          ...
Para chegar a essa resposta, a Nielsen realizou o Cross Industry Meter       Top 40 fabricantes em                        ...
O resultado mostrou 4 grupos distintos, com destaque para empresas quefocaram em inovação e execução                      ...
Dentre as principais estratégias dos fabricantes estão os novos SKUs, quesão responsáveis pelo crescimento das cestas nos ...
Ações de execução mostraram-se cruciais para o resultado dos fabricantesque mais cresceram                            Ofer...
Para os varejistas, a chave de sucesso é reduzir perdas com ruptura                                                       ...
www.nielsen.com brasil@nielsen.com                                                                             12Insights ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estratégias vencedoras: a busca pelo novo consumidor brasileiro - Abril 2011

806 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
806
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estratégias vencedoras: a busca pelo novo consumidor brasileiro - Abril 2011

  1. 1. Estratégias vencedoras: a busca pelo novo consumidor brasileiro 1 Insights Estratégicos - Abril de 2011Insights Estratégicos - Abril de 2011
  2. 2. Cenário positivo da economia brasileira se reflete nos mercados de consumomassivos, com destaque para Bebidas e Perecíveis... Imp. 22,8 18,7 15,4 12,2 10,4 6,3 6,2 Fat. 9,6 09 X 08 10 X 09 9,3 7,9 5,7 5,6 4,6 3,6 3,9 3,7 2,9 2,7 2,9 1,8 2 1,2 0,9 Total Cestas Bebidas Mercearia Bebidas não Higiene, Mercearia Perecíveis Limpeza Nielsen alcoólicas doce alcoólicas saúde e salgada caseira beleza Variação de volume | 2009 x 2008 e 2010 x 2009 (DJF até OND) Base: 139 categorias de produto – Total Brasil – Fonte: Nielsen | Retail Index 2 Insights Estratégicos - Abril de 2011
  3. 3. ...sobretudo nas regiões Nordeste e Leste, áreas estimuladas por maior focoindustrial e de desenvolvimento de base 17% 6,8 17% 17,2% 6,8 7,9 17,2% TOP 5 CPs (var%) 36,6% T. Cestas 17% 17% 7,9 do crescimento em 7,3% 6,8 +5,7% 17% 17% 6,8 17,2% volume Áreas I e II 6,8 7,9 17,2% 7,3% 6,8 7,9 17,2% 4,9 17% 17,2% 7,9 7,9 4,9 7,3% 6,8 7,3% 7,3% 17,2% 7,3% 7,9 4,9 4,9 4,9 4,9 7,3% 17,7% 9,5% 7,6 13,9% 17,7%4,9 9,5% 7,6 13,9% 5,1 5,6 17,7% 17,7% 2,3 5,1 5,6 9,5% 9,5% 17,7% 7,6 7,6 13,9% 13,9% 9,5% 7,6 13,9% 17,7% 2,3 17,4% 9,5%5,6 5,6 TOP 5 CPs (var %) 7,6 13,9%5,1 5,1 5,6 5,1 35% do crescimento 17,7%17,4% 2,3 2,3 5,6 9,5% 7,6 2,3 5,1 13,9% em volume Área VI 17,4% 17,4% 2,3 5,6 17,4% Variação de volume – 2010 x 2009 (DJF até OND) 5,1 Importância das Áreas – Vendas em Valor - 2010 17,4% 2,3 Base: 139 categorias de produto – Total Brasil – Fonte: Nielsen | Retail Index 3 Insights Estratégicos - Abril de 2011 17,4%
  4. 4. Entre os canais, destaque para as lojas de pequeno e médio portee Cash and Carry Imp. 36,8 12,3 12,4 9,6 3,2 4,7 21,0 Fat. 9,8 9,2 6,6 8,1 5,7 6,4 5,8 4,1 1,8 2,4 3,7 3,3 0 -0,9 -5,9 -5,5 Total Cestas Pequeno Supermercado Supermercado Supermercado Hipermercado Farma Bar Nielsen varejo pequeno médio grandeVariação de Volume – Total Brasil 09 X 08 10 X 09Base: 139 categorias de produtoFonte: Nielsen | Retail Index Penetração + 3.4 nos Domicílios 2008 2009 2010 milhões Cash & Carry 19 23 27 de lares em 2 anos T. Brasil Nielsen – Base T. 51 Categorias – 2008, 2009 e 2010 4 Fonte: Nielsen Homescan Insights Estratégicos - Abril de 2011
  5. 5. O crescimento do consumo é impulsionado pelas classes C2 e D/E, comaumento da frequência de compra Contribuição em volume do NSE C2+D/E para o crescimento dos canais Pop. Porta a Porta 77% Cash & Carry 64% 21 Tradicional 66% Supermercado 49% 20 Variação % 2010 x 2009 23 Freq. Ticket Gasto total Alto 11% -1% 10% 36 Médio C1 7% 5% 12% NSE Baixo (D+E) NSE Médio (C 1) Médio C2 8% 5% 13% NSE Médio (C 2) NSE Alto (A+B) Baixo 12% 2% 14% 5 Insights Estratégicos - Abril de 2011
  6. 6. Como se comportaram os principais fabricantes diante deste novo cenário de trading up? 6Insights Estratégicos - Abril de 2011
  7. 7. Para chegar a essa resposta, a Nielsen realizou o Cross Industry Meter Top 40 fabricantes em ...que faturaram em 2010 ...e que cresceram faturamento no Brasil... R$ 195 bilhões ... 7,4% em 2010 Destes, R$ 9,4 bi estão concentrados Ou seja, incrementaram em 10 fabricantes R$ 13,5 bi no período 7Insights Estratégicos - Abril de 2011
  8. 8. O resultado mostrou 4 grupos distintos, com destaque para empresas quefocaram em inovação e execução 21,0 Imp. Imp. Var% 2010 x x 09 Var% 2010 09 Var.% Var.% 18,0 Fat. Fat . Imp. Imp. 37% 12,1% 37% 12,1% 15,0 Var.% Var.% Fat . Fat. 12,0 33% 9,0% 9,0% 9,0 Imp. Imp. Var.% Var.% 6,0 Fat. Fat . 7% 7% -4,3% -4,3% 3,0 0,0 -11,0 -6,0 -1,0 4,0 9,0 14,0 19,0 Imp. Var.% Var% 2009 x x 08 Var% 2009 08 -3,0 24% Fat . 2,4% -6,0 24% 2,4% Top 40 Cias – base de 139 categorias de produto 2010 8 Fonte: Nielsen | Cross Industry MeterInsights Estratégicos - Abril de 2011
  9. 9. Dentre as principais estratégias dos fabricantes estão os novos SKUs, quesão responsáveis pelo crescimento das cestas nos autosserviços 15,813 Crescimento em Fat. Cestas 12,140 c/ novos SKU’s s/ novos SKU’s 4,070 Higiene e beleza 3,421 4,9% 0,2% 3,168 Mercearia doce 2,467 2,403 38 Bebidas alcoólicas 1,397 % índice de preço 12 2,280 Mercearia salgada 1,655 50 1,158Bebidas não alcoólicas 1,064 SKU’s lançados < 90 1,116 Perecíveis 967 90><110 >110 1,046 Limpeza caseira 775 Lançamentos 5% ou 861 SKU’s 572 Outros 394 de sucesso* Mortalidade Novas movimentações de SKUs no ano de 2010 – T. Brasil AS *SKU’s de sucesso: ultrapassaram o share médio de lançamentos 9 Fonte: Nielsen | Scantrack Insights Estratégicos - Abril de 2011
  10. 10. Ações de execução mostraram-se cruciais para o resultado dos fabricantesque mais cresceram Oferta 62,5 Aumento itens / Loja 58,3 Distribuição 54,2 Promo Packs 50,0 Ponto extra 45,8 Pop 20,8 Correção de ruptura 16,7 Checkouts 16,7 10,0 20,0 30,0 40,0 50,0 60,0 70,0 Aprofundando as 3 principais alavancas Análise das ações de execução dos fabricantes em suas categorias com contribuição positiva para seus crescimentos – 2009 vs 2010 – Total Mercados 10 Fonte: Nielsen | Retail Index; Nielsen | Scantrack, Nielsen | Store TrackInsights Estratégicos - Abril de 2011
  11. 11. Para os varejistas, a chave de sucesso é reduzir perdas com ruptura AGOSTO A SETEMBRO 2010 SETORES ALIMENTAR + HIGIENE/BELEZA Cadeia dentro dos % Estoque Vendas % Ruptura Top 15 varejistas BR virtual perdidas R$ Total cadeia 3,0% 21,4% 15.434.459 Total Mercearia Seca 3,5% 17,2% 4.429.970 Varejista de médio porte (Top 15 Brasil) – % Estoque Virtual, % Ruptura e Vendas Perdidas Agosto a Setembro 2010 | Setores Alimentar+Higiene Beleza Fonte: Nielsen | RDDS 11Insights Estratégicos - Abril de 2011
  12. 12. www.nielsen.com brasil@nielsen.com 12Insights Estratégicos - Abril de 2011

×