Construtores do Reino: o início
Nossa fonte de inspiração foi o Jornal São Judas, da paróquia SãoJudas Tadeu, no Jabaquara. Foi dele que, inicialmente, ti...
Este foi o primeiro informativo da comunidade. Não passou donúmero 2. Faltou incentivo e pessoas que se comprometessem com...
Nossa primeira mascote, colocada junto com o logotipo. Mostrava otrabalho necessário para “construir o Reino”. Para evitar...
Os logotipos das seções do informativo eram desenhadas numatransparência, xerocados e colados no papel. Depois da página s...
Este foi o primeiro esboço do castor, mascote oficial do jornal. Ocastor foi escolhido por ser um animal que “constrói” su...
Finalmente, este castor foi aprovado como mascote. Batizado comoCefas (pedra, o mesmo nome dado a Pedro por Jesus), operso...
Construtores01
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Construtores01

371 visualizações

Publicada em

Breve história do informativo Construtores do Reino, suas inspirações e primeiros esboços.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
371
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
154
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Construtores01

  1. 1. Construtores do Reino: o início
  2. 2. Nossa fonte de inspiração foi o Jornal São Judas, da paróquia SãoJudas Tadeu, no Jabaquara. Foi dele que, inicialmente, tiramos váriasmensagens para preencher nosso conteúdo.
  3. 3. Este foi o primeiro informativo da comunidade. Não passou donúmero 2. Faltou incentivo e pessoas que se comprometessem como projeto.
  4. 4. Nossa primeira mascote, colocada junto com o logotipo. Mostrava otrabalho necessário para “construir o Reino”. Para evitar problemascom direitos autorais, ela foi substituída posteriormente.
  5. 5. Os logotipos das seções do informativo eram desenhadas numatransparência, xerocados e colados no papel. Depois da página serdatilografada, era xerocada com a figura. Bem rudimentar, masfuncionou durante muito tempo.
  6. 6. Este foi o primeiro esboço do castor, mascote oficial do jornal. Ocastor foi escolhido por ser um animal que “constrói” sua casa, masesta figura foi rejeitada porque ele estava de lado e um pouco“gordinho” demais!
  7. 7. Finalmente, este castor foi aprovado como mascote. Batizado comoCefas (pedra, o mesmo nome dado a Pedro por Jesus), opersonagem estampou a capa do jornal por 48 edições. O design dosdois castores é do publicitário Sérgio da Mota Sordi.

×