Trabalho realizado por:

                     Tiago
Introdução

O nosso trabalho foi sobre os “incêndios” e
tivemos de ir pesquisar na Internet para recolher
informações.
É i...
Um incêndio é uma ocorrência de fogo não controlado, que pode ser
extremamente perigosa para os seres vivos e as estrutura...
A- Incêndios em materiais sólidos fibrosos, tais como: madeira, papel,
      tecido, etc. que se caracterizam por deixar a...
ANTES COMO PREVENIR?




Manter a casa limpa.

Verificar se a instalação eléctrica se encontra em bom estado de conservaçã...
Antes de sair de casa, mesmo que por pouco tempo, certificar-se que não há panelas ou
frigideiras ao lume.

Desligar das t...
Se houver cheiro a gás, desligar os aparelhos de queima, abrir as portas e janelas e sair
de casa. Não mexer nos interrupt...
DURANTE COMO ACTUAR?




Mantém a calma e abandona rapidamente a habitação.

Auxilia os que necessitarem, particularmente ...
Se as tuas roupas pegarem fogo, não entres em pânico nem corras. Atira-te
imediatamente para o chão e abafa as chamas rola...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estudo do Meio-Incêndios

1.343 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.343
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estudo do Meio-Incêndios

  1. 1. Trabalho realizado por: Tiago
  2. 2. Introdução O nosso trabalho foi sobre os “incêndios” e tivemos de ir pesquisar na Internet para recolher informações. É importante saber quais as causas dos incêndios, o que é um incêndio, que tipos de incêndios pode haver e como se podem evitar.
  3. 3. Um incêndio é uma ocorrência de fogo não controlado, que pode ser extremamente perigosa para os seres vivos e as estruturas. 1. Brincadeiras de crianças 2. Exaustores, Chaminés, Fogueiras 3. Balões 4. Fogos de Artifícios 5. Displicência ao cozinhar 6. Descuido com fósforo 7. Velas, lamparinas, iluminação à chama aberta sobre móveis 8. Aparelhos electrodomésticos 9. Pontas de cigarros 10. Vazamento de gás liquefeito de petróleo (G.L.P.) 11. Ignição ou explosão de produtos químicos 12. Instalações eléctricas inadequadas 13. Trabalhos de soldagens 14. Acção Criminosa
  4. 4. A- Incêndios em materiais sólidos fibrosos, tais como: madeira, papel, tecido, etc. que se caracterizam por deixar após a queima, resíduos como carvão e cinza. B- Incêndios em líquidos e gases inflamáveis, ou em sólidos liquefazem para entrar em combustão: gasolina, GLP, parafina,etc. C- Incêndios que envolvem equipamentos eléctricos: motores, geradores, cabos, etc. D- Incêndios em metais combustíveis, tais como: magnésio, titânio, potássio, zinco, sódio, etc. PREVENIR INCÊNDIOS São necessários apenas alguns minutos para que um incêndio transforme uma casa em cinzas. Conhecer as características básicas do fogo e os procedimentos mais apropriados são a chave para garantir a segurança da tua família. Os incêndios em edifícios de habitação resultam, na maior parte dos casos, da falta de cuidado ou desrespeito das normas de segurança na utilização dos mais variados equipamentos domésticos. A maior parte destes fogos podem ser evitados.
  5. 5. ANTES COMO PREVENIR? Manter a casa limpa. Verificar se a instalação eléctrica se encontra em bom estado de conservação, sem fios descarnados, tomadas ou interruptores partidos. Afastar os fios eléctricos das zonas de passagem e não colocá-los por baixo de portas, alcatifas , tapetes ou revestimentos em madeira. Não sobrecarregar os circuitos eléctricos. Não secar roupas junto de aquecedores ou radiadores, nem colocá-las sobre qualquer aparelho de aquecimento.
  6. 6. Antes de sair de casa, mesmo que por pouco tempo, certificar-se que não há panelas ou frigideiras ao lume. Desligar das tomadas os electrodomésticos que não estiverem em uso. Não exceder nunca 1/3 da capacidade das fritadeiras, pois o óleo pode incendiar-se. Fazer a inspecção e limpeza de chaminés e exaustores, recorrendo a técnicos especializados. Evitar a utilização de fósforos e velas dentro de casa. Não fumar na cama ou no sofá quando sentir-se cansado ou sonolento. Equipar a casa com extintores apropriados e ensinar toda a família sobre a forma de os utilizar.
  7. 7. Se houver cheiro a gás, desligar os aparelhos de queima, abrir as portas e janelas e sair de casa. Não mexer nos interruptores nem ligar ou desligar aparelhos eléctricos. Não deitar fósforos ou cigarros para o lixo sem ver se estão de facto apagados. Não acumular papéis ou substâncias inflamáveis, tóxicas ou explosivas, em armários, caves, garagens ou escadas. Afixar em local bem visível o número de telefone dos bombeiros e o número nacional de emergência. 112 Se ficarmos fora de casa alguns dias, devemos fechar a água, a electricidade e o gás
  8. 8. DURANTE COMO ACTUAR? Mantém a calma e abandona rapidamente a habitação. Auxilia os que necessitarem, particularmente os idosos e crianças, e chama de imediato os bombeiros, fornecendo a morada e a localização do incêndio. Não percas tempo a tentar salvar objectos de valor – isso pode colocar a tua vida em perigo. Fecha as portas atrás de ti e, se possível as janelas que se encontrarem abertas. Isso irá retardar a velocidade de propagação do fogo. Se existir fumo, tapa a boca e o nariz com um pano molhado e desloca-te o mais perto possível do chão, onde o ar é geralmente mais respirável e a visibilidade melhor.
  9. 9. Se as tuas roupas pegarem fogo, não entres em pânico nem corras. Atira-te imediatamente para o chão e abafa as chamas rolando lentamente sobre ti mesmo repetidas vezes. Se possível, envolve-te num tapete ou cobertor de lã. Não utilizes os elevadores. Desce pelas escadas, junto à parede. Ao chegar à porta de saída, não pares. Mantém a saída desimpedida. Afasta-te do edifício e permanece junto da tua família. Ninguém deverá regressar ao local do sinistro.

×