LOCALIZAÇÃO E FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO

37.505 visualizações

Publicada em

LOCALIZAÇÃO E FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO

  1. 1. LOCALIZAÇÃO E FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO Profª.: Danúbia Zanotelli Soares
  2. 2. LOCALIZAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO A localização do território brasileiro e a distância entre seus pontos extremos ajudam a explicar a predominância de climas tropicais e de horários diferenciados em nosso país. O território brasileiro é o 5° maior do mundo, com uma área de 8. 514. 876 km². os países que superam essa área são: Rússia, Canadá, China e Estados Unidos.
  3. 3. ONDE ESTÁ O BRASIL? A maior parte do território brasileiro está no Hemisfério Sul ou meridional – isto é, ao sul da linha do Equador e totalmente localizado no Hemisfério Oeste ou Ocidental, a oeste do Meridiano de Greenwich.
  4. 4. AS ZONAS TÉRMICAS O Brasil tem a maior parte de seu território situada na zona térmica tropical, compreendida entre os Trópicos de Câncer e de Capricórnio. Essa localização é um dos motivos do predomínio de climas tropicais no Brasil. Uma porção do território no entanto, está na zona temperada, onde encontramos climas com temperaturas mais baixas que as apresentadas pelos climas tropicais.
  5. 5. O BRASIL E OS CONTINENTES Considerando-se a distribuição das terras emersas do globo, isto é, os continentes, o Brasil está localizado na América, onde ocupa grande parte da porção sul, chamada América do Sul. Além de ter uma extensa costa, com 7.367 km banhada pelo Oceano Atlântico, o Brasil tem 15. 719 km de fronteira terrestre, limitando-se com quase todos os países da América do Sul.
  6. 6. EXTENSÃO LATITUDINAL E LONGITUDINAL DO BRASIL Além da vasta área, o território brasileiro apresenta grande extensão latitudinal (norte a sul) e longitudinal (leste a oeste).
  7. 7. AS LATITUDES E AS PAISAGENS A grande extensão do Brasil no sentido norte sul(latitudinal) influencia alguns aspectos do espaço como os tipos diversos de paisagens naturais, com climas e vegetações diferenciadas. Assim, enquanto no sul do país encontramos paisagens denominadas por vegetações que se adaptem a temperaturas mais baixas, no norte encontramos maior número de formações vegetais adaptadas a climas mais quentes.
  8. 8. AS LONGITUDES E OS HORÁRIOS Por causa do movimento de rotação, quando uma porção da superfície terrestre está iluminada pelo Sol, no restante está escuro, ou seja, quando num lado da Terra é dia, no outro lado já é noite. A grande extensão do território brasileiro no sentido leste-oeste (longitudinal) faz com que o país seja abrangido por três fusos horários. Isso leva a uma diferença de horários que chega a 02 horas, dependendo da localidade (entre Fernando de Noronha e Acre, por exemplo).
  9. 9. FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO A formação do extenso território brasileiro resultou de um longo processo de expansão colonial iniciado com a chegada dos portugueses a partir de 1500, quando os colonizadores aqui chegaram – episódio na história que ficou conhecido como “descobrimento do Brasil”. Ao estudar como ocorreu a formação do território brasileiro, devemos lembrar que os colonizadores portugueses foram apropriando das terras que hoje constituem o Brasil e conquistando a área onde viviam cerca de 04 milhões de pessoas, distribuídas entre mias de mil povos diferentes: os indígenas. Estima-se que atualmente haja no território brasileiro aproximadamente 817 mil indígenas, divididos entre 230 diferentes povos.
  10. 10. OS LIMITES TERRITORIAIS No período de expansão marítimo comercial portugueses e espanhóis buscavam novas terras para colonização. Foi nessa época que os atuais limites do território brasileiro começaram a ser definidos, já em 1494 com o Tratado de Tordesilhas. As terras localizadas a leste do meridiano passariam a pertencer a Portugal e as terras localizadas a oeste à Espanha. O objetivo era impedir conflitos entre as duas nações Ibéricas e garantir a exploração dos domínios reservados.
  11. 11. POVOAR OU PERDER Para garantir o poder sobre as terras ocupadas e protegê-las de outros conquistadores, como franceses e holandeses, além dos próprios espanhóis, em 1534 a coroa portuguesa organizou o território, dividindo-o em capitanias hereditárias, que eram lotes de terras doados pelo rei de Portugal, tratava-se de grandes extensões de terras delimitadas a partir do litoral. Como os portugueses não conheciam muito bem o território, as fronteiras ainda não estavam definidas. Os primeiros donatários eram portugueses de classes abastadas, ligados à coroa portuguesa, ou funcionários de confiança do rei. A capitania era considerada hereditária porque os donatários poderiam passar a seus herdeiros o controle sobre suas terras.
  12. 12. Capitanias Hereditárias Donatários das Capitanias Hereditárias
  13. 13. EXPANSÃO TERRITORIAL O território inicialmente dominado pelos portugueses expandiu-se significativamente, ultrapassando a linha de Tordesilhas. Muitos fatores contribuíram para a ocupação e a expansão do território, desde o século XVI, entre os quais se destacam: A atuação dos bandeirantes O papel dos Jesuítas A exploração econômica do território
  14. 14. A ocupação do território brasileiro
  15. 15. EXPLORAÇÃO ECONÔMICA DO TERRITÓRIO A exploração econômica do território teve grande importância para a ocupação realizada pelos colonizadores. Nas primeiras décadas de ocupação das terras americanas, não foram encontrados metais preciosos; assim, os portugueses começaram a explorar o pau-brasil ao longo de uma extensa área do território para comercializá-lo na Europa.
  16. 16. Século XVI No século XVI, além da exploração do pau-brasil, a produção de cana-de-açúcar, principalmente no nordeste, começou a ganhar importância. Nesse período, a ocupação se concentrava no litoral.
  17. 17. Século XVII A partir do século XVII, a expansão do povoamento acompanhou a produção de cana-de-açúcar em áreas do sudeste. A pecuária levou o povoamento em direção ao interior do território, e a busca pelas drogas do sertão – guaraná, urucum, cravo, canela, salsa, entre outras – possibilitou o início da ocupação da Amazônia pelos portugueses.
  18. 18. Século XVIII A expansão da pecuária pelo território e a exploração do ouro e diamantes foram as principais atividades que favoreceram o domínio das terras a oeste, já no século XVIII. No ano de 1750, Portugal e Espanha assinaram o Tratado de Madri, delimitando fronteiras bastante semelhantes às que vigoram atualmente. Esse tratado levou em conta o princípio da posse de terras, de modo que as terras ocupadas por Portugal passaram a lhe pertencer.
  19. 19. Século XIX No século XIX, desenvolvia-se no território um conjunto de atividades econômicas importantes, como a produção de café, de cacau e de algodão, que fortaleceram o povoamento das terras. Na Amazônia, houve avanço da ocupação devido à produção da borracha. Ao longo do século XIX e XX, vários tratados acabaram definindo os limites do território brasileiro.
  20. 20. Todo o conteúdo contido neste material de estudo foi retirado da seguinte obra: VEDOVATE, Fernando Carlo. Projeto Araribá – geografia. Ed. Moderna, 3° edição, São Paulo 2010.

×