Novas oportunidades para as áreas rurais

533 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
533
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Novas oportunidades para as áreas rurais

  1. 1. Novas Oportunidades para as Áreas Rurais Turismo Tradicional
  2. 2. Introdução
  3. 3. Turismo Balnear Consiste na busca do Sol e da praia, tendo uma exploração intensiva no litoral durante o Verão. O turismo balnear começou a desenvolver-se nos meios rurais devido à preocupação pelo espaços de lazer e cultura de modo a garantir que exista qualidade de vida, com as praias fluviais. Praias Fluviais sofrem a influências das cheias dos rios e dos sedimentos trazidos por eles. Estas praias podem desaparecer durante as cheias. Já na época de cheias podem se tornar bem extensas.
  4. 4. Contudo este tipo de turismo pode ter vários inconvenientes: • O património natural fica ameaçado e por vezes é mesmo destruído • Os alojamentos multiplicam-se • As infra-estruturas necessárias tornam-se insuficientes e ainda por vezes não são criadas • Excesso de população que causa complicações
  5. 5. 1 - ORTIGA 2 - ALDEIA RUIVA 3 - RIBEIRA GRANDE 4 - MALHADAL 5 - FRÓIA 6 - FRAGAS DE S. SIMÃO 7- ANA DE AVIZ 8 - MOSTEIRO 9 - AÇUDE PINTO 10 - CAMBAS 11- LOUÇAINHA 12 - ROCAS 13 - POÇO CORGA 14 - SRª DA PIEDADE 15 - SRª DA GRAÇA 16 - BOGUEIRA 17 - PENEDA 18 - CANAVEIAS 19 - SECARIAS 20 - POMARES 21 - PIÓDÃO Mapa da Rede de Praias Fluviais do Xisto
  6. 6. Praia da Ortiga
  7. 7. Termalismo O Termalismo consiste no aproveitamento das águas subterrâneas com características terapêuticas que é sobretudo realizado em espaços rurais. Apesar de ser um tipo de turismo antigo tem sido afectado com a concorrência do turismo balnear. Contudo recentemente verificou-se um aumento contínuo da sua procura para fins terapêuticos associados a áreas de recreio e lazer, o que permite:
  8. 8. • A diversificação da oferta turística • A dinamização da economia regional • A valorização do património natural e do meio ambiente • A construção e a melhoria de infra-estruturas e equipamentos hoteleiros • A redução das assimetrias regionais
  9. 9. Piscina exterior do Villa Termal das Caldas de Monchique
  10. 10. Turismo de Montanha e Neve Explora os recursos paisagísticos e ambientais dos espaços montanhosos, sendo geralmente a segunda forma mais popular de turismo. É particularmente procurado no período de Inverno, para a prática de desportos de neve.
  11. 11. Serra da Estrela
  12. 12. Pousadas Composto de no máximo com 30 unidades habitacionais e 90 leitos, com serviços de recepção, alimentação e alojamento temporário, podendo ser em prédio. Vê-se que a principal diferença entre hotel e pousada é nas características físicas: a pousada terá no máximo 30 quartos, e será predominantemente horizontal.

×