Uhe balbina

1.222 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.222
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Uhe balbina

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁLICENCIATURA EM CIÊNCIAS NATURAISDOCENTE: MOIRAH MENESESDISCIPLINA: ECOLOGIA DA AMAZÔNIAANDREZA RIBEIRO SILVAELIANA ALVES DA SILVAGLEIDSON PHILLIPE FIGUEIREDOUSINA HIDRELÉTRICA DE BALBINA
  2. 2.  Criada em 1972; Estudos hidroenergéticos, planejamento e execuçãoempreendimentos hidrelétricos;Industria de alumínio primário; Tucuruí objetivava suprir empreendimentoseletrometalúrgicos e de mineração; Importância econômica para o modelodesenvolvimentista; Compromissos internacionais ligados à Balbina; Financiamento junto à banco franceses; A construção de Balbina se legitima;Eletronorte
  3. 3.  Implantada em 1967, no período de expansão da frenteagrícola Incentivo ao comércio, a indústria e agropecuária daqueleperíodo Atraiu indústrias de montagem A energia de Manaus era gerada por um parquetermelétrico Consumo 156 milhões de litros de óleo combustível 3 milhões de barris de petróleoZona franca de Manaus
  4. 4.  Um dos argumentos usados para a construção deBalbina; Pólo de desenvolvimento de Manaus; Licenciamento da obra; Licença prévia; Licença de instalação; Resolução nº006/87 do CONAMA; Licença de operação/ CODEAMA; Conselho Estadual de Ciência e Tecnologia;
  5. 5.  1975 divulgação da viabilidade 1979 construção 1982 geração da primeira unidade Bacia do rio Uatumã Município de Presidente Figueiredo Distante de Manaus 140 km Acesso- Rodovia BR 174 Capacidade nominal 250 MW Aproximadamente 135 MW 1/3 da demanda atualUSINA HIDRELÉTRICA DE BALBINA
  6. 6.  Substituir energia gerada pela termelétrica pelaenergia gerada pela UHE de Balbina; Estudos de impactos ambientais;vantagens
  7. 7. Inicio da construção da UHE Balbina-Região do Uatumã – áreaDepois da construção•Tragédia ecológica:-Destruiu floresta ( 240 mil ha) e espécies;DESVANTAGENScacaia ou paliteiras
  8. 8. - Inundou terras de caça e moradia;- Mortandade de peixes;- Água ácida e poluída;- Problemas de saúde pública.•Tragédia econômica :- Custo altíssimo;- Gera uma quantidade insignificante de energia.Municípios atingidos (10 mil pessoas).• Tragédia social:
  9. 9.  As Campanhas Publicitárias: *criadas pela Eletronorte; *Utilização de Dinheiro público; *Alienação popular; *Uso de entidades folclóricas na propaganda(curupira).CONFLITOS
  10. 10. “Tudo pelo social”
  11. 11. “Se Balbina não fosse uma coisa boa para dar energia aManaus, não cuidasse do meio ambiente. Não ajudasse aproteger o peixe-boi, a ariranha, o boto, a tartaruga, eununca deixaria construir a usina. Afinal eu sou o Curupira,senhor da floresta, protetor dos animais da Amazônia.”O Discurso do Curupira
  12. 12.  Índios x militares; Redução da população; Perda de seu espaço;Os Waimiri-Atroari
  13. 13.  População ribeirinha afetada; Organização da Comissão de defesa do rio Uatumã; Debates; Passeatas;Manifestos populares
  14. 14.  Criados com o objetivo de minimizar os impactos socio-ambientais CPPMA (Centro de Proteção e Pesquisas de MamíferosAquáticos CPPQA (Centro de Preservação e Pesquisas dequelônios Aquáticos) REBIO UatumãMedidas compensatórias
  15. 15.
  16. 16.  http://www.youtube.com/watch?v=2v40-zvNW0kReferências
  17. 17. OBRIGADO!

×