Sistema de Saúde de Paracuru CE-indicadores do 3.º quadrimestre de 2014

1.153 visualizações

Publicada em

Audiência pública de apresentação dos indicadores do 3.º quadrimestre de 2014 do Sistema de Saúde de Paracuru, Ceará-BR

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.153
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
971
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sistema de Saúde de Paracuru CE-indicadores do 3.º quadrimestre de 2014

  1. 1. Audiência Pública – Câmara de Vereadores 04 de Março de 2015 Anderson Silva Sousa Secretário Municipal de Saúde APRESENTAÇÃO DOS INDICADORES 3° QUADRIMESTRE 2014 SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE
  2. 2. ESTRUTURA DA SECRETARIA DE SAÚDE  11 EQUIPES DE SAÚDE DA FAMÍLIA com 11 médicos, 11 enfermeiros e 27 auxiliares de enfermagem e 80 Agentes Comunitários de Saúde  02 EQUIPES DE NASF com 02 educadores físicos, 02 nutricionistas, 04 fisioterapeutas (20h), 01 terapeuta ocupacional, 01 psicóloga, 02 assistentes sociais, 02 fonoaudiólogas  11 EQUIPES DE SAÚDE BUCAL com 11 dentistas e 11 ASB  01 CENTRO DE ESPECIALIDADES ODONTOLÓGICAS – CEO com 03 especialidades: periodontia, cirurgia buco-maxilo e endodontia.  01 CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL com 01 médico especialista, 01 médico clínico, 01 assistente social, 01 enfermeiro, 01 psicóloga e 01 terapeuta ocupacional.  01 SETOR DE FISIOTERAPIA: com 02 fisioterapeutas  01 SAD: com 01 médico, 01 enfermeira e 01 fisioterapeuta.  01 LABORATÓRIO com 02 bioquímicos  01 SETOR DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA com 04 inspetores e 01 veterinário.  01 SETOR DE ENDEMIAS: 14 agentes e 02 supervisores  01 CENTRAL DE ABASTECIMENTO FARMACÊUTICO - CAF com 02 farmacêuticas  ADMINISTRATIVO: 01 secretário, 01 enfermeira no CARA, 01 enfermeira na coordenação da Vig. À Saúde; 01 enfermeiro na Coordenação da Atenção Básica ; 01 administradora na coordenação do financeiro e pessoal e 01 assistente social na ouvidoria, 01 dentista na coordenação da s. bucal
  3. 3. RELATÓRIO DE RECEITAS E DESPESAS 3º QUADRIMESTRE 2014
  4. 4. SANTA CASA DE PARACURU RELATÓRIO DE RECEITAS E DESPESAS 3º QUADRIMESTRE 2014
  5. 5. SECRETARIA DE SAÚDE RELATÓRIO DE RECEITAS E DESPESAS 3º QUADRIMESTRE 2014
  6. 6. PRINCIPAIS GASTOS DA SAÚDE NO 3º QUADRIMESTRE DE 2014 CONFORME EXTRATO BANCÁRIO
  7. 7. APLICAÇÃO EM SAÚDE –SIOPS 2014
  8. 8. Fonte: SIAB 1,0001,1001,2001,3001,4001,5001,6001,7001,8001,9002,0002,1002,2002,3002,4002,5002,6002,7002,8002,9003,0003,1003,2003,3003,4003,5003,6003,7003,8003,9004,0004,1004,2004,3004,4004,5004,6004,7004,8004,9005,000 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 3,694 4,135 3,426 2,496
  9. 9. Fonte: SIAB SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 2,582 3,081 2,678 2,386
  10. 10. Fonte: SIAB SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 2,016 2,302 2,108 1,614
  11. 11. Fonte: SIAB 0 50 100 150 200 250 300 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 262 239 279 159
  12. 12. Fonte: SIAB 0 20 40 60 80 100 120 140 160 180 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 173 95 168 156
  13. 13. Fonte: SIAB 1,000 3,000 5,000 7,000 9,000 11,000 13,000 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 11,703 11,143 11,384 8,693
  14. 14. Fonte: SIAB 0 50 100 150 200 250 300 350 400 450 500 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 388 315 452 329
  15. 15. Fonte: SIAB 310 320 330 340 350 360 370 380 390 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 345 361 390 340
  16. 16. Fonte: SIAB 0 100 200 300 400 500 600 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 321 489 556 371
  17. 17. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 1,062 1,075 1,275 980 Fonte: SIAB
  18. 18. 0 2 4 6 8 10 12 14 16 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 17 12 11 8 Fonte: SIAB
  19. 19. 1 3 5 7 9 11 13 15 17 19 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 20 14 16 12 Fonte: SIAB
  20. 20. 0 100 200 300 400 500 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 196 588 215 134 Fonte: SIAB
  21. 21. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 968 1,036 1,250 651 Fonte: SIAB
  22. 22. 0 50 100 150 200 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 160 232 183 229 Fonte: SIAB
  23. 23. 0 20 40 60 80 100 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 33 102 49 11 Fonte: SIAB
  24. 24. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 1,012 997 1,005 999945 947 954 937 CADASTRADOS ACOMPANHADOS Fonte: SIAB
  25. 25. 0 500 1,000 1,500 2,000 2,500 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 2,667 2,678 2,735 2,786 2,552 2,544 2,629 2,588 CADASTRADOS ACOMPANHADOS Fonte: SIAB
  26. 26. 0 2,000 4,000 6,000 8,000 10,000 12,000 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 11,046 10,869 10,994 11,065 11,703 11,143 11,384 8,693 CADASTRADOS ACOMPANHADOS Fonte: SIAB
  27. 27. 0 50 100 150 200 250 300 350 400 450 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 260 266 260 254 Fonte: SIAB
  28. 28. 0.10 10.10 20.10 30.10 40.10 50.10 60.10 70.10 80.10 90.10 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 99.15 99.14 96.68 98.49 Fonte: SIAB
  29. 29. 0.10 10.10 20.10 30.10 40.10 50.10 60.10 70.10 80.10 90.10 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 80.34 79.66 78.66 81.58 Fonte: SIAB
  30. 30. NÚCLEO DE APOIO À SAÚDE DA FAMÍLIA NASF
  31. 31. 0 10 20 30 40 50 60 70 80 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 76 76 52 52 Fonte: SIAB
  32. 32. 10 110 210 310 410 510 610 710 810 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 733 581 370 405 Fonte: SIAB
  33. 33. 10 60 110 160 210 260 310 360 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 340 331 217 196 Fonte: SIAB
  34. 34. 0 5 10 15 20 25 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 24 4 29 22 Fonte: SIAB
  35. 35. ATENÇÃO DE MÉDIA E ALTA COMPLEXIDADE
  36. 36. SETOR DE REGULAÇÃO
  37. 37. 0 10 20 30 40 50 60 49 23 39 58 32 50 25 47 13 41 28 10 CONSULTAS ESPECIALIZADAS REALIZADAS NA POLÍCLINICA DE CAUCAIA – 3° QUADRIMESTRE/2014 Fonte: REGISTRO DE ATENDIMENTOS - SMS
  38. 38. 0 20 40 60 80 100 120 140 29 40 2 137 46 98 105 140 117 21 9 PROCEDIMENTOS ESPECIALIZADOS REALIZADOS NA POLÍCLINICA DE CAUCAIA – 3° QUADRIMESTRE/2014 Fonte: REGISTRO DE ATENDIMENTOS - SMS
  39. 39. PACIENTES AGENDADOS / ATENDIDOS / FALTOSOS - 3° QUADRIMESTRE/2014 Fonte: REGISTRO DE ATENDIMENTOS - SMS 239 50 225 564 337 1,097 192 96 192 120 160222 48 187 465 284 761 165 87 139 100 122 17 2 38 99 53 336 27 9 53 20 38 AGENDADOS ATENDIDOS FALTOSOS
  40. 40. 0 100 200 300 400 500 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 419 254 248 176 264 168 196 133 AGENDADOS ATENDIDOS ULTRASSONOGRAFIAS AGENDADES / FALTOSOS NO MUNICÍPIO - 3° QUADRIMESTRE/2014 Relatório de atendimento SMS
  41. 41. 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 80 73 70 32 Fonte: RELATÓRIO UNISUS TOTAL DE PROCEDIMENTOS AGENDADOS CRESUS - 3° QUADRIMESTRE/2014
  42. 42. CENTRO DE ESPECIALIDADES ODONTOLÓGICAS - CEO
  43. 43. TOTAL DE PACIENTES AGENDADOS/ATENDIDOS CEO PARACURU - 3° QUADRIMESTRE/2014 Fonte: REGISTRO DE ATENDIMENTOS - SMS 0.1 100.1 200.1 300.1 400.1 500.1 600.1 700.1 800.1 900.1 CIRURGIA BUCO-MAXILO PERIODONTIA ENDODONTIA 315 338 458 227 246 276 AGENDADOS ATENDIDOS
  44. 44. PROCEDIMENTOS AGENDADOS CEO SÃO GONÇALO – 3° QUADRIMESTRE/2014 Fonte: SISTEMA DE REGULAÇÃO - SISREG CIRURGIA BUCO- MAXILO PERIODONTIA ENDODONTIA PROTESE PACIENTES ESPECIAIS ORTODONTIA ESTOMATOLOGIA 18 4 135 50 18 1 2
  45. 45. CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL CAPS
  46. 46. Fonte: RELATÓRIOS DO CAPS CONSOLIDADO DOS PROCEDIMENTOS CAPS - 3° QUADRIMESTRE/2014 ENFERMEIRO MÉDICO CLÍNICO MÉDICO ESPECIALISTA PSICOLOG O ASSISTENTE SOCIAL TERAPEUTA OCUPACIONAL TOTAL TOTAL DE PACIENTES ATENDIDOS 353 - 844 359 141 174 1871 TOTAL DE VISITAS DOMICILIARES 33 - - 16 64 16 129 TOTAL DE PROCEDIMENTOS REALIZADOS 425 - - 483 443 329 1680 TOTAL DE ATENDIMENTOS INDIVIDUALIZADOS 358 - 844 359 143 174 1873 TOTAL DE ATENDIMENTOS EM SITUAÇÃO DE CRISE 17 - - - 03 - 20 TOTAL ATENDIMENTO EM GRUPO - - - 03 09 10 22
  47. 47. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 970 780 847 654 Fonte: RELATÓRIOS DO CAPS NÚMEROS DE PACIENTES ATENDIDOS - 3° QUADRIMESTRE/2014
  48. 48. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 772 690 753 565 Fonte: RELATÓRIOS CAPS TOTAL DE PROCEDIMENTOS REALIZADOS - 3° QUADRIMESTRE/2014
  49. 49. 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 45 30 18 35 Fonte: RELATÓRIOS DO CAPS TOTAL DE VISITAS DOMICILIARES REALIZADAS 3° QUADRIMESTRE/2014
  50. 50. 0 100 200 300 400 500 600 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 465 463 513 405 Fonte: RELATÓRIOS DO CAPS TOTAL DE ATENDIMENTOS INDIVÍDUAIS REALIZADOS - 3° QUADRIMESTRE/2014
  51. 51. LABORATÓRIO MUNICIPAL
  52. 52. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 2,997 5,100 4,787 2,548 Fonte: SIA EXAMES REALIZADOS LAB. LOCAL - 3° QUADRIMESTRE/2014
  53. 53. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 146 106 159 0 Fonte: RELATÓRIOS SMS EXAMES REALIZADOS- LAB. CONTRATADO - 3° QUADRIMESTRE/2014
  54. 54. FISIOTERAPIA
  55. 55. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 1,551 1,657 1,419 729 Fonte: SIA PROCEDIMENTOS REALIZADOS NA FISIOTERAPIA - 3° QUADRIMESTRE/2014
  56. 56. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 356 344 374 247 Fonte: SIA TOTAL DE PACIENTES NOVOS ATENDIDOS NAS FISIOTERAPIA - 3° QUADRIMESTRE/2014
  57. 57. SANTA CASA DE PARACURU
  58. 58. 0 2,000 4,000 6,000 8,000 10,000 12,000 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 11,326 10,985 9,625 10,148 Fonte: SIA TOTAL DE PROCEDIMENTOS REALIZADOS NA SCP - 3° QUADRIMESTRE/2014
  59. 59. 10 510 1,010 1,510 2,010 2,510 3,010 3,510 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 3,613 3,607 3,260 3,359 Fonte: SIA TOTAL DE PACIENTES ATENDIDOS NA SCP - 3° QUADRIMESTRE/2014
  60. 60. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 24 18 18 12 7 4 7 3 30 34 28 25 35 39 38 43 CLÍNICA MÉDICA CLÍNICA PEDIATRICA CLÍNICA CIRURGICA CLÍNICA OBSTÉTRICA CM CP CC CO CM CP CC CO CM CP CC CO CM CP CC CO CM CP CC CO Fonte: SIH TOTAL DE INTERNAMENTOS POR CLÍNICA SCP- 3° QUADRIMESTRE/2014
  61. 61. 0 100 200 300 400 500 600 700 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 692 437 496 517 Fonte: SIA TOTAL DE EXAMES REALIZADOS –STA CASA - 3° QUADRIMESTRE/2014
  62. 62. 0 50 100 150 200 250 300 350 400 450 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 366 375 313 300 Fonte: SIA TOTAL DE RAIO X REALIZADOS - 3° QUADRIMESTRE/2014
  63. 63. SAD
  64. 64. 1 6 11 16 21 26 31 setembro outubro novembro dezembro 31 31 27 31 PACIENTES ACOMPANHADOS PACIENTES ACOMPANHADOS QUANTIDADE DE PACIENTES ASSISTIDOS- SAD 3º QUADRIMESTRE/2014
  65. 65. setembro outubro novembro dezembro 68 67 74 54 PROCEDIMENTOS REALIZADOS PROCEDIMENTOS REALIZADOS QUANTIDADE DE PROCEDIMENTOS REALIZADOS SAD 3º QUADRIMESTRE/2014
  66. 66. VIGILÂNCIA À SAÚDE
  67. 67. ENDEMIAS
  68. 68. ÍNDICE DE INFESTAÇÃO VETORIAL DA DENGUE – 1º , 2° E 3º QUADRIMESTRE/2014 0 0.2 0.4 0.6 0.8 1 1.2 1.4 1.6 1º LIA 2º LIA 3º LIA 4º LIA 1.42 1.48 0.44 0.25 Fonte: SISFAD
  69. 69. TOTAL DE IMÓVEIS INSPECIONADOS/ TRATADOS – 1º , 2° E 3º QUADRIMESTRE/2014 0 2,000 4,000 6,000 8,000 10,000 12,000 14,000 1º LIA 2º LIA 3º LIA 4º LIA 4,500 3,307 2,950 3,247 13,760 10,984 9,727 9,865 IMÓVEIS INSPECIONADOS IMÓVEIS TRATADOS Fonte: RELATÓRIO ENDEMIAS
  70. 70. TOTAL DE CÃES EXAMINADOS PARA CALAZAR 1º , 2° E 3º QUADRIMESTRE/2014 0 50 100 150 200 250 300 JANEIRO A DEZEMBRO 262 44 15 COLETADOS ENCAMINHADOS POSITIVOS COLETADAS ENCAMINHADAS POSITIVOS Fonte: RELATÓRIO ENDEMIAS
  71. 71. TOTAL DE CÃES E GATOS VACINADOS 3º QUADRIMESTRE/2014 Fonte: PNI JANEIRO A ABRIL 5,268 707 JANEIRO A DEZEMBRO GATOS VACINADOS CÃES VACINADOS GATOS VACINADOS COBERTURA (88,88%)
  72. 72. VIGILÂNCIA SANITÁRIA
  73. 73. 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 SETEMBRO OUTURBO NOVEMBRO DEZEMBRO 24 7 19 9 Fonte: SIA TOTAL DE INSPEÇÕES SANITÁRIAS REALIZADAS - 3º QUADRIMESTRE/2014
  74. 74. 20 15 RECEBIDAS Denuncias recebidas denúncias atendidas Fonte: SIA TOTAL DE DENÚNCIAS RECEBIDAS E ATENDIDAS 3º QUADRIMESTRE/2014
  75. 75. VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA
  76. 76. 0 10 20 30 40 50 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 48 41 39 36 Fonte: SIAB TOTAL DE NASCIDOS VIVOS 3º QUADRIMESTRE/2014
  77. 77. 0 1 1 2 2 3 3 4 4 5 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 0 0 3 0 • CAUSAS: • 02 MAL FORMAÇÕES CONGÊNITA (CEREBRAL E CARDÍACA) • PREMATURIDADE COM 400GR Fonte: SIAB TOTAL DE ÓBITOS INFANTIS 3º QUADRIMESTRE/2014
  78. 78. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO 11 10 14 12 Fonte:SIAB TOTAL DE ÓBITOS MAIOR DE 1 ANO 3º QUADRIMESTRE/2014
  79. 79. 0 100 200 300 400 500 600 2010 2011 2012 2013 * 2014 17 82 582 139 174 3 14 517 32 84 NOTIFICADOS POSITIVOS * janeiro a dezembro NOTIFICAÇÕES DE DENGUE NO SINAN SÉRIE HISTÓRICA
  80. 80. 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 45 6 1 0 4 0 4 0 1 0 0 SETEMBRO A DEZEMBRO SETEMBRO A DEZEMBRO NOTIFICAÇÕES NO SINAN 3º QUADRIMESTRE/2014
  81. 81. 0 5 10 15 20 25 30 35 NOTIFICAÇÃO POSITIVOS DESCARTADO ANDAMENTO 34 13 5 16 SETEMBRO A DEZEMBRO SETEMBRO A DEZEMBRO TOTAL DE NOTIFICAÇÕES/CASOS POSITIVOS DE DENGUE NO SINAN - 3º QUADRIMESTRE
  82. 82. 96.05% 117.29% 115.60% 126.69% 111.84% BCG PENTA MENINGO PNEUMO ROTAVIRUS Fonte: PNI Fonte: PNI
  83. 83. Fonte: PNI ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA
  84. 84. Fonte: PNI ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA
  85. 85. Fonte: PNI ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA
  86. 86. Fonte: PNI OUVIDORIA
  87. 87. Fonte: PNI OUVIDORIA/2014 3º QUADRIMESTRE/14
  88. 88. Fonte: PNI OUVIDORIA/2014 3º QUADRIMESTRE/14
  89. 89. Fonte: PNI OUVIDORIA 3º QUADRIMESTRE/2014
  90. 90. Fonte: PNI OUVIDORIA 3º QUADRIMESTRE/2014
  91. 91. Fonte: PNI AUDITORIAS REALIZADAS
  92. 92. AUDITORIAS REALIZADAS 2014 Fonte: PNI setembro • Objeto: Prestação de contas 2° Quadrimestre/2014; • Período: Maio a Agosto de 2014; • Sugestões: Submeter a apresentação da prestação de contas da Secretaria de Saúde ao Conselho Municipal De Saúde; outubro • Objeto: Prestação de contas do 2° quadrimestre/2014 da Santa Casa de Paracuru; • Período: Maio a agosto de 2014; • Considerações: Formalizar comissão de acompanhamento do convênio; submeter a prestação de contas ao Conselho Municipal de Saúde para apreciação;
  93. 93. AUDITORIAS REALIZADAS 2014 Fonte: PNI novembro • Objeto: Auditorias das unidades básicas de saúde (Volta, Poço Doce, Jardim, São Pedro e Vila São José ) • Período: Setembro à Novembro de 2014; • Sugestões comuns à todas as UBS auditadas: • Identificar as necessidades estruturais das UBS e equipá-las com materiais e equipamentes suficientes ao funcionamento. • Realizar reparos e manutenção das UBS • Melhorar controle de estoque e dispensação de medicamentos • Adequar a carga horária de algumas equipes, conforme legislação vigente • Ofertar materiais de limpeza suficiente • Desenvolver rotinas e instrumentos que possam acompanhar as atividades das equipes • Dispor de EPIs para os auxiliares de serviços gerais
  94. 94. Fonte: PNI
  95. 95. Fonte: PNI
  96. 96. Fonte: PNI
  97. 97. Fonte: PNI
  98. 98. Fonte: PNI
  99. 99. Fonte: PNI
  100. 100. Fonte: PNI

×