Planeamento da redeCablagem horizontal e backbone de            edifício           Etiquetas
Planeamento da rede     Num projeto de rede criado de raiz, é necessárioindicar todo o material passivo e ativo de rede, l...
Cablagem de piso ou horizontalToda a área da rede de um piso de um edifício denomina-sepor cablagem de piso ou horizontal....
Cablagem de piso ou horizontal Sempre que existem mesas no meio de uma sala, para utilização de dispositivos portáteis. D...
Cablagem de piso ou horizontalLigação da sala ao armário de distribuição de piso: Os cabos devem ser passados até ao armá...
Cablagem de piso ou horizontal O conjunto de cabos de cada sala deve ser mantido agrupado  (utilizando abraçadeiras) e nu...
Cablagem de piso ou horizontalOrganização dentro do armário: Para impedir que os chicotes fiquem soltos na parte da frent...
Etiquetas São fundamentais para que se possa identificar a origem e destino  de um cabo. Para isso, nos patch panels exis...
Cablagem de backbone de edifício A ligação entre armários é denominada de backbone de edifício, concentrando todo o tráfe...
Cablagem de backbone de edifícioCuidados a ter na escolha do local dos armários: 1º passo: Conhecer o local de saída para...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Planeamento da rede

814 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
814
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planeamento da rede

  1. 1. Planeamento da redeCablagem horizontal e backbone de edifício Etiquetas
  2. 2. Planeamento da rede Num projeto de rede criado de raiz, é necessárioindicar todo o material passivo e ativo de rede, localdos bastidores e por onde deverá passar a cablagem.
  3. 3. Cablagem de piso ou horizontalToda a área da rede de um piso de um edifício denomina-sepor cablagem de piso ou horizontal.Dentro de uma sala: Onde se pretende criar a rede devem ser utilizadas duas calhas independentes, uma para os dados (dados, som, áudio) e outra para a alimentação (tomadas elétrica); evitando as interferências eletromagnéticas que diminuem a performance da rede de dados.
  4. 4. Cablagem de piso ou horizontal Sempre que existem mesas no meio de uma sala, para utilização de dispositivos portáteis. Deve ser utilizado um chão falso que permita passar toda a cablagem até esses locais, para evitar que a circulação na sala seja reduzida. Serão necessárias caixas de chão para acomodar as tomadas, tubos flexíveis ou esteiras (em separado) para passar os cabos de dados e de alimentação.
  5. 5. Cablagem de piso ou horizontalLigação da sala ao armário de distribuição de piso: Os cabos devem ser passados até ao armário de distribuição, através de esteiras nos tetos falsos, e tubos flexíveis ou esteiras no caso do chão falso. Cada tomada de rede implica um cabo de rede, logo uma sala com 20 tomadas de rede terá 20 cabos de rede ligados ao bastidor.
  6. 6. Cablagem de piso ou horizontal O conjunto de cabos de cada sala deve ser mantido agrupado (utilizando abraçadeiras) e nunca deve ser cruzado com outro, ao longo da esteira desde a sua origem até ao destino. Antes de se começar a estender cabos é necessário entender qual a sua posição na esteira. As ligações provenientes de cada sala (tomadas de rede) são ligadas à parte de trás dos patch panels existentes no bastidor da sala técnica. Da parte frontal do patch panel sairão chicotes de rede (patch cord) para as portas do switch/router.
  7. 7. Cablagem de piso ou horizontalOrganização dentro do armário: Para impedir que os chicotes fiquem soltos na parte da frente do armário, utilizam-se os passa cabos para organizar a cablagem. O cabo de rede sai do patch panel e entra no passa cabos imediatamente abaixo, percorre o passa cabos descendente e através do passa cabos existente por baixo do switch, liga-se à porta de rede do equipamento.
  8. 8. Etiquetas São fundamentais para que se possa identificar a origem e destino de um cabo. Para isso, nos patch panels existem zonas para escrever/etiquetar, nomeadamente por cima/baixo de cada tomada de rede. Devem ser utilizados os mesmos números nos patch panels e nas tomadas de rede dentro de cada sala, facilitando a correspondência de cada entrada no patch panel à respetiva tomada. Os cabos devem ter a sua própria etiqueta, para que se saiba em que porta do patch panel devem estar ligados.
  9. 9. Cablagem de backbone de edifício A ligação entre armários é denominada de backbone de edifício, concentrando todo o tráfego proveniente de cada armário de piso. Esta ligação normalmente é estabelecida através de fibra ótica entre cada armário de piso e o armário principal. Com as salas de piso todas ligadas ao respetivo bastidor de piso, é altura de interligar os bastidores dos vários pisos.
  10. 10. Cablagem de backbone de edifícioCuidados a ter na escolha do local dos armários: 1º passo: Conhecer o local de saída para o exterior (outro edifício ou Internet); 2º passo: Escolher a localização dos armários no edifício, quanto menor a distância entre bastidores melhor, diminui os custos (esteiras, cabos, etc.) e aumenta a eficiência da rede. Idealmente as salas técnicas devem ficar umas por cima das outras no mesmo edifício.No caso de existirem vários edifícios, terá de haver uma interligação entre osarmários principais de cada edifício, normalmente em fibra. Esta cablagemtambém deve ser etiquetada como foi descrito para a cablagem de piso.

×