Gt

341 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
341
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gt

  1. 1. O QUE É A EDUCAÇÃO SEXUAL NAS ESCOLAS?<br />
  2. 2. O QUE É A SEXUALIDADE? <br />É a formação de professores e outros profissionais de forma a<br />terem uma actuação profissional adequada e coerente face às<br />dúvidas e manifestações de crianças e jovens relativas à<br />sexualidade.<br />É a abordagem pedagógica sistemática de temas ligados à<br />sexualidade humana em contexto curricular, quer nas áreas<br />disciplinares, quer nas áreas não disciplinares, numa lógica<br />interdisciplinar, privilegiando o espaço turma e as diferentes<br />necessidades de crianças e jovens.<br />É a promoção de actividades de apoio às famílias na educação<br />sexual de crianças e jovens.<br />É o estabelecimento de mecanismos de parceria, nomeadamente<br />com os serviços de saúde, que permitam o encaminhamento e<br />orientação individual sempre que necessários.<br />
  3. 3. Educação Sexual!!!<br />Educação Sexual: nenhum outro tema ensinado hoje nas escolas representa um<br />desafio tão grande. A simples descrição de factos relativos ao acto sexual e à<br />reprodução levanta problemas algo difíceis, pelo que o tema exige uma abordagem<br />cuidadosa. A educação sexual deve abranger a totalidade da criança, o conceito que <br />a imagem que tem do seu corpo, isto é, a sua própria experiência de ser rapaz ou<br />rapariga. A série CRESCER consiste em três pequenos filmes para crianças a partir<br />dos 9 anos. Foi concebida para ajudá-las a adquirirem a informação necessária para<br />que possam assumir uma atitude correcta e terem o respeito próprio que as ajudará<br />a encarar as incertezas da puberdade e da adolescência. CRESCER não é fácil, mas<br />estes três filmes podem contribuir significativamente para abrir caminhos.<br />"Mudanças" aborda as alterações físicas e emocionais que acompanham a<br />puberdade: desde a menstruação, a erecção e a masturbação até às mudanças de disposição e<br />falta de auto-confiança tão características desta fase de desenvolvimento.<br />Sequências animadas ilustram com detalhe as diferentes fases por que passa o corpo em<br />crescimento.<br />
  4. 4. O que é um preservativo?<br />Um preservativo é um método contraceptivo 99% eficaz. É um tubo de material flexível e fino, fechado numa das extremidades. Os preservativos de látex têm dois contras: o seu lubrificante pode fazê-los sair e algumas pessoas são alérgicas; nesse caso, podem usar preservativos de poliuretano.Os preservativos são usados:- para prevenir a gravidez fazendo com que o esperma do homem não passe para a vagina da mulher;- para prevenir doenças sexualmente transmissíveis (pelo esperma ou pelo contacto com secreções infectadas das áreas genitais); a maior parte dos preservativos adaptam-se ao pénis. Recentemente foi comercializado o preservativo feminino, que é colocado na vagina da mulher; este preservativo feminino pode ainda ser usado para proteger o recto.<br />
  5. 5. Preservativos<br />
  6. 6. Cuidados a ter com os preservativos<br />Verificar sempre a data da validade impressa na embalagem do preservativo. No caso de estar fora de prazo ou de a embalagem estar danificada, não usar NUNCA esse preservativo.Se for necessária uma lubrificação, utilizar apenas lubrificantes aquosos, não utilizar produtos à base de óleo ou de álcool (ou seja, óleo para bebés, vaselina, cremes cosméticos, óleos de massagem, etc.). Estes podem danificar ou enfraquecer o látex no espaço de quinze minutos.Se estiver a aplicar um medicamento no pénis ou na vagina, este poderá afectar o preservativo. Em caso de dúvida, pedir sempre opinião a um médico ou farmacêutico.Nunca usar um preservativo mais que uma vez.Conservar as embalagens de preservativos em lugar fresco e sem contacto directo com o sol ou com temperaturas mais elevadas (o que implica não usar preservativos que viveram durante dias no bolso das calças ou num canto recôndito da carteira).Abrir a embalagem com cuidado sem utilizar objectos cortantes e evitar que as unhas ou anéis rompam o preservativo.O preservativo não é reciclável, nem reutilizável. E, já agora, nunca o deitem na sanita.Embora seja muito raro, há pessoas que podem ser alérgicas ao látex. Se isso acontecer, consultar um serviço de atendimento e de aconselhamento juvenil ou o centro de saúde.<br />
  7. 7. Como devemos utilizar o preservativo<br />
  8. 8. Trabalho realizado por:<br />Tiago Figueiredo Nº26 6ºC Cláudio Antunes Nº11 6ºC<br />

×