Tipologias de rede

4.167 visualizações

Publicada em

tipologias de rede

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.167
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
30
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tipologias de rede

  1. 1. Tipologias de Rede<br />Trabalho realizado por:<br />Cláudio Cortesão, nº5<br />Disciplina de:<br />IMC<br />Professor:<br />Miguela Fernandes<br />
  2. 2. Tipologias de Rede<br />O modo como os computadores se interligam fisicamente na rede, como os dados circulam na rede, é definido por, tipologia física e lógica.<br />Tipologia física<br />Tipologia lógica<br />
  3. 3. Tipologias Físicas<br />As tipologias físicas indicam como podemos, dispor os computadores e os cabos informáticos.<br />Diferentes tipologias físicas:<br /><ul><li>Tipologia em Barramento
  4. 4. Tipologia em estrela (Star)
  5. 5. Tipologia em Anel (Ring)
  6. 6. Tipologia em estrela hierárquica ou árvore
  7. 7. Tipologia em espinha dorsal
  8. 8. Tipologia em duplo anel
  9. 9. Tipologia em Malha</li></li></ul><li>Tipologia física/ Barramento<br />A tipologia física em barramento é utilizado um cabo coaxial fino(10base2) que percorre todos os computadores. O cabo não é inteiriço, é interrompido em cada computador e é ligado à placa de rede. Esta tipologia também é utilizada com outro tipo de cabo, cabo coaxial grosso(10base5). Esta tipologia é usada em LAN CAMPUS e MAN.<br />Vantagens da tipologia em barramento:<br />-Equipamento preciso: placa de rede, cabo coaxial, ficha BNC-T e dois terminadores.<br />-A ligação é fácil: Necessário por as fichas BNC nos extremos dos cabos.<br />-O cabo tem de passar por todos os computadores.<br />-É fácil inserir um novo computador na rede. Fazer um novo cabo e interligar o computador à rede.<br />Problemas da tipologia em barramento:<br />-Se houver um mau contacto com a ficha BNC-T, ou com a ficha do cabo toda a rede perde a comunicação.<br />-Com o cabo coaxial fino 10base2, a velocidade máxima é de 10 Mbps e com a distância de 185 m.<br />
  10. 10. Tipologia física/ Estrela<br />É a tipologia mais utilizada em LAN. Do computador saem cabos em pares entrançados ( UTP categoria 5e), para um dispositivo. O dispositivo pode ser um hub ou um switch. <br />Desvantagens da tipologia:<br />-Necessita de adquirir um dispositivo de interligação, hub o switch.<br />-O número de portas é limitado, quando atingir o limite de portas terá de adquirir outro concentrador.<br />-A distância máxima sem amplificação é de 100m.<br />Vantagens da tipologia:<br />-Se um cabo tiver partido ou a ficha mal ligada, a comunicação desse computador é perdida, mas em compensação os outros computadores ficam ligados.<br />-Há possibilidade de obter velocidades a cima de 10 000 Mbps.<br />
  11. 11. Tipologia física/ Anel<br />A tipologia em anel é utilizada em LAN, e constituída por um cabo coaxial fechado formando um anel. Existe em LAN, CAMPUS e MAN esta tipologia.<br />Vantagens desta tipologia:<br />-A passagem dos sinais é realizada em sequencia entre os computadores.<br />-A velocidade de transmissão é de 16 Mbps, mas já existe 100 Mbps.<br />Desvantagens desta tipologia:<br />-O preço do equipamento da rede é mais cara do que a tipologia em barramento ou em estrela.<br />- Se o cabo partir perdemos a comunicação dos computadores.<br />
  12. 12. Tipologia física/ malha<br />Nesta tipologia os computadores interligam-se ponto-a-ponto, existem vários caminhos para chegar ao destino. Nas redes WAN (Internet). Quando enviamos um e-mail, pode ir para vários caminhos. Caso haja problema no troço, pode seguir outros troços, aumenta a probabilidade de chegar ao destino. As desvantagens devem-se à complexidade de rede ou ao preço do equipamento.<br />
  13. 13. Tipologia física/ hierárquica ou árvore<br />Existem vários centradores que ligam a cada rede LAN e existe outro que interliga todos os concentradores. A tipologia facilita a manutenção do sistema e permite, em caso de avaria, detectar o problema mais facilmente do que as outras tipologias.<br />

×