Revolução lógica

221 visualizações

Publicada em

Lógica

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
221
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revolução lógica

  1. 1.  A criação da Lógica Clássica no final do Século XIX pelo filósofo e matemático Gottlob Frege, marca o fim do domínio de cerca de vinte e cinco séculos do sistema aristotélico na Lógica.  Frege, desenvolve um novo sistema lógico, porque precisa de um sistema que o permita demonstrar teoremas (afirmação que pode ser provada como verdadeira através de afirmações já demonstradas) matemáticos.
  2. 2.  Ora, o sistema aristotélico de lógica não permite demonstrar teoremas. Porquê? Porque não é um sistema formal. As regras de validade do sistema aristotélico não são mais do que orientações a seguir para raciocinarmos validamente e essas orientações não permitem propriamente proceder a uma demonstração.
  3. 3. De modo muito resumido, é essa a grande revolução provocada pela criação da Lógica Clássica.
  4. 4. A Lógica Clássica divide-se em dois sistemas:
  5. 5. O cálculo proposicional (o sistema da Lógica Clássica que iremos estudar) estuda as regras de derivação para proposições.
  6. 6. Já a Lógica de Predicados é um sistema que estuda as regras de validade para variáveis quantificáveis. Ambos os sistemas fazem parte da Lógica Clássica.

×