SOLUÇÕES DE
SEGURANÇA
PARA
IPSS
SOLUÇÕES DE
SEGURANÇA
PARA
IPSS
GESTÃO E
CONTROLO
DE RONDAS
SOLUÇÕES DE
SEGURANÇA
PARA
IPSS
GESTÃO E
CONTROLO
DE RONDAS
CONTROLO
DE ACESSOS
ERRANTES
SOLUÇÕES DE
SEGURANÇA
PARA
IPSS
GESTÃO E
CONTROLO
DE RONDAS
CONTROLO
DE ACESSOS
ERRANTES
TELEALARME
BOTÃO DE EMERGÊNCIA
PE...
GESTÃO E
CONTROLO
DE RONDAS
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS
DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO
É UM FATOR IMPORTAN...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS
DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO
É UM FATOR IMPORTAN...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS
DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO
É UM FATOR IMPORTAN...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS
DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO
É UM FATOR IMPORTAN...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS
DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO
É UM FATOR IMPORTAN...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS
DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO
É UM FATOR IMPORTAN...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
1. CHECKPOINT/ T...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
1. CHECKPOINT/ T...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
2. LEITOR/ BASTÃ...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
3. INTERFACE/ BA...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
3. INTERFACE/ BA...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
4. SOFTWARE
GEST...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
4. SOFTWARE
GEST...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
4. SOFTWARE
GEST...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO É COMPOSTO?
O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS
FUNDAMENTAIS:
4. SOFTWARE
GEST...
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO FUNCIONA?
GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
www.artsensor.pt
COMO FUNCIONA?
REGISTO DE CHECKPOINTS
COMO FUNCIONA?
REGISTO DE CHECKPOINTS
O funcionário transporta o leitor nas rondas ou
serviços ao exterior. Efetua o regis...
COMO FUNCIONA?
REGISTO DE CHECKPOINTS
O funcionário transporta o leitor nas rondas ou
serviços ao exterior. Efetua o regis...
COMO FUNCIONA?
COMO FUNCIONA?
TRANSFERÊNCIA DE DADOS PARA O PC
COMO FUNCIONA?
TRANSFERÊNCIA DE DADOS PARA O PC
A transferência de dados do leitor para o PC é
rápida e simples. Basta col...
COMO FUNCIONA?
TRANSFERÊNCIA DE DADOS PARA O PC
A transferência de dados do leitor para o PC é
rápida e simples. Basta col...
COMO FUNCIONA?
COMO FUNCIONA?
GESTÃO DE INFORMAÇÃO
COMO FUNCIONA?
GESTÃO DE INFORMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO: Realiza de forma intuitiva o
processo de programação dos Tag’s. É possíve...
COMO FUNCIONA?
GESTÃO DE INFORMAÇÃO
COMO FUNCIONA?
GESTÃO DE INFORMAÇÃO
RELATÓRIOS: Oferece relatórios segundo os mais
variados requisitos: hora, data, leitor...
COMO FUNCIONA?
GESTÃO DE INFORMAÇÃO
RELATÓRIOS: Oferece relatórios segundo os mais
variados requisitos: hora, data, leitor...
COMO FUNCIONA?
GESTÃO DE INFORMAÇÃO
RELATÓRIOS: Oferece relatórios segundo os mais
variados requisitos: hora, data, leitor...
CONTROLO
ACESSOS E
ERRANTES
A SEGURANÇA DOS UTENTES COM
ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA
CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA?
A SEGURANÇA DOS UTENTES COM
ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA
CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA?
O SISTEMA DE CONTROLO DE
ERRANTES PER...
A SEGURANÇA DOS UTENTES COM
ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA
CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA?
O SISTEMA DE CONTROLO DE
ERRANTES PER...
A SEGURANÇA DOS UTENTES COM
ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA
CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA?
O SISTEMA DE CONTROLO DE
ERRANTES PER...
COMO FUNCIONA?
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UMA
PULSEIRA CODIFICADA:
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UMA
PULSEIRA CODIFICADA:
Que lhe permite a máxima liberdade de
movimentos, excepto qu...
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UMA
PULSEIRA CODIFICADA:
Que lhe permite a máxima liberdade de
movimentos, excepto qu...
COMO FUNCIONA?
COMO FUNCIONA?
OS FUNCIONÁRIOS CIRCULAM
LIVREMENTE:
COMO FUNCIONA?
OS FUNCIONÁRIOS CIRCULAM
LIVREMENTE:
O pessoal assistente e familiares podem
movimentar-se sem restrições, ...
CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA?
CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA?
Controlador
Software (alternativo)
Antena
Recetor
Testa
elétrica
Pulseira de
plástico de seguranç...
TELEALARME
BOTÃO DE
EMERGÊNCIA
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
O SISTEMA DE TELEALARME
DESTINA-SE:
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
O SISTEMA DE TELEALARME
DESTINA-SE:
A pess...
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
O SISTEMA DE TELEALARME
OFERECE:
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
O SISTEMA DE TELEALARME
OFERECE:
TRANQUILI...
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
O SISTEMA DE TELEALARME
OFERECE:
TRANQUILI...
OFERECER UM ACOMPANHAMENTO
PERMANENTE AOS UTENTES QUE
PERMANECEM EM SUAS CASAS?
O SISTEMA DE TELEALARME
OFERECE:
TRANQUILI...
COMO FUNCIONA?
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO
DE EMERGÊNCIA PESSOAL:
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO
DE EMERGÊNCIA PESSOAL:
Transmissores com 1 botão de fácil activação,
resiste...
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO
DE EMERGÊNCIA PESSOAL:
Transmissores com 1 botão de fácil activação,
resiste...
COMO FUNCIONA?
O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO
DE EMERGÊNCIA PESSOAL:
Transmissores com 1 botão de fácil activação,
resiste...
CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA?
CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA?
Saiba mais sobre Telealarme
SOLUÇÕES DE
SEGURANÇA
PARA
IPSS
Rua de Ribas, nº8B 3830-221 Ílhavo
T. 234 321 214 F. 234 321 356
seguranca@artsensor.pt
ww...
IPSS - Soluções de segurança
IPSS - Soluções de segurança
IPSS - Soluções de segurança
IPSS - Soluções de segurança
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

IPSS - Soluções de segurança

697 visualizações

Publicada em

Soluções de segurança para a gestão e controlo do dia-a-dia nas IPSS.
Controlo de rondas: permite gerir e controlar rondas de assistência, manutenção e/ou apoio dentro das instalações ou em serviços no exterior.
Controlo de errantes: para controlo de pessoas sem restrição de movimentos.
Teleassistência ou botão de alarme: para garantir o melhor serviço aos utentes que permanecem em suas casas.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
697
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

IPSS - Soluções de segurança

  1. 1. SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PARA IPSS
  2. 2. SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PARA IPSS GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
  3. 3. SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PARA IPSS GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS CONTROLO DE ACESSOS ERRANTES
  4. 4. SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PARA IPSS GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS CONTROLO DE ACESSOS ERRANTES TELEALARME BOTÃO DE EMERGÊNCIA PESSOAL
  5. 5. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS
  6. 6. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO É UM FATOR IMPORTANTE PARA SI?
  7. 7. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO É UM FATOR IMPORTANTE PARA SI? O SISTEMA DE RONDAS ELETRÓNICO CLOSEPATROL PODE OFERECER:
  8. 8. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO É UM FATOR IMPORTANTE PARA SI? O SISTEMA DE RONDAS ELETRÓNICO CLOSEPATROL PODE OFERECER: PRECISÃO: Identifica o local, data, hora e quem efetuou a visita.
  9. 9. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO É UM FATOR IMPORTANTE PARA SI? O SISTEMA DE RONDAS ELETRÓNICO CLOSEPATROL PODE OFERECER: PRECISÃO: Identifica o local, data, hora e quem efetuou a visita. EFICIÊNCIA: Organiza toda a informação segundo variadíssimos pressuposto (data, local, funcionário, evento) Permitindo a emissão de relatórios completos em diferentes formatos.
  10. 10. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO É UM FATOR IMPORTANTE PARA SI? O SISTEMA DE RONDAS ELETRÓNICO CLOSEPATROL PODE OFERECER: PRECISÃO: Identifica o local, data, hora e quem efetuou a visita. EFICIÊNCIA: Organiza toda a informação segundo variadíssimos pressuposto (data, local, funcionário, evento) Permitindo a emissão de relatórios completos em diferentes formatos. FIABILIDADE: Equipamentos fabricados atendendo às condições de trabalho mais duras. Design não manipulável e estrutura completamente estanque.
  11. 11. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt O CONTROLO EFICAZ DAS EQUIPAS DE ASSISTÊNCIA E MANUTENÇÃO É UM FATOR IMPORTANTE PARA SI? O SISTEMA DE RONDAS ELETRÓNICO CLOSEPATROL PODE OFERECER: PRECISÃO: Identifica o local, data, hora e quem efetuou a visita. EFICIÊNCIA: Organiza toda a informação segundo variadíssimos pressuposto (data, local, funcionário, evento) Permitindo a emissão de relatórios completos em diferentes formatos. FIABILIDADE: Equipamentos fabricados atendendo às condições de trabalho mais duras. Design não manipulável e estrutura completamente estanque. SIMPLICIDADE: Na utilização de equipamentos e software.
  12. 12. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO?
  13. 13. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS:
  14. 14. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 1. CHECKPOINT/ TAG PARA IDENTIFICAÇÃO DO LOCAL
  15. 15. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 1. CHECKPOINT/ TAG PARA IDENTIFICAÇÃO DO LOCAL Pode ser fixado sobre praticamente qualquer superfície, mediante utilização de prego, parafuso ou adesivo. Cada checkpoint possui uma identidade única, à qual será associada, em programação no software, uma localização específica para integração em ronda.
  16. 16. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS:
  17. 17. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO
  18. 18. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica
  19. 19. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica  100% impermeável
  20. 20. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica  100% impermeável  Bateria de longa duração até 2 anos
  21. 21. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica  100% impermeável  Bateria de longa duração até 2 anos  Memória de alta capacidade 30.719 leituras
  22. 22. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica  100% impermeável  Bateria de longa duração até 2 anos  Memória de alta capacidade 30.719 leituras  Sensor de quedas e manipulação de baterias
  23. 23. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica  100% impermeável  Bateria de longa duração até 2 anos  Memória de alta capacidade 30.719 leituras  Sensor de quedas e manipulação de baterias  Leitura automática, sem botões
  24. 24. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 2. LEITOR/ BASTÃO TRANSPORTADO PELO FUNCIONÁRIO  Alta resistência mecânica  100% impermeável  Bateria de longa duração até 2 anos  Memória de alta capacidade 30.719 leituras  Sensor de quedas e manipulação de baterias  Leitura automática, sem botões  Cobertura em borracha para maior conforto
  25. 25. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS:
  26. 26. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 3. INTERFACE/ BASE TRANSFERE OS DADOS DO LEITOR PARA O PC
  27. 27. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 3. INTERFACE/ BASE TRANSFERE OS DADOS DO LEITOR PARA O PC Disponíveis diversas soluções para a transferência local ou remota de dados:  Mediante cabo USB  Unidade de inspeção com memória  Linha telefónica  Rede TCP-IP  GPRS
  28. 28. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS:
  29. 29. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 4. SOFTWARE GESTÃO DE TODA A INFORMAÇÃO RECOLHIDA
  30. 30. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 4. SOFTWARE GESTÃO DE TODA A INFORMAÇÃO RECOLHIDA O Software de Gestão de Rondas oferece uma completa gama de ferramentas para a gestão de rondas.
  31. 31. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 4. SOFTWARE GESTÃO DE TODA A INFORMAÇÃO RECOLHIDA O Software de Gestão de Rondas oferece uma completa gama de ferramentas para a gestão de rondas. Permite programar rondas, agendas e turnos de trabalho. Gere de uma forma simples, rápida e eficaz o banco de dados armazenado.
  32. 32. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO É COMPOSTO? O SISTEMA INTEGRA 4 ELEMENTOS FUNDAMENTAIS: 4. SOFTWARE GESTÃO DE TODA A INFORMAÇÃO RECOLHIDA O Software de Gestão de Rondas oferece uma completa gama de ferramentas para a gestão de rondas. Permite programar rondas, agendas e turnos de trabalho. Gere de uma forma simples, rápida e eficaz o banco de dados armazenado. Faculta diversos relatórios e detalhadas análises de desempenho dos funcionários.
  33. 33. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO FUNCIONA?
  34. 34. GESTÃO E CONTROLO DE RONDAS www.artsensor.pt COMO FUNCIONA? REGISTO DE CHECKPOINTS
  35. 35. COMO FUNCIONA? REGISTO DE CHECKPOINTS O funcionário transporta o leitor nas rondas ou serviços ao exterior. Efetua o registo de cada checkpoint, bastando para isso aproximar o leitor. O leitor grava automaticamente cada ponto e a cada checkpoint lido associa uma dada e hora concreta. .
  36. 36. COMO FUNCIONA? REGISTO DE CHECKPOINTS O funcionário transporta o leitor nas rondas ou serviços ao exterior. Efetua o registo de cada checkpoint, bastando para isso aproximar o leitor. O leitor grava automaticamente cada ponto e a cada checkpoint lido associa uma dada e hora concreta. . A leitura é confirmada mediante emissão de um aviso sonoro (bip) e o LED vermelho pisca 4 vezes..
  37. 37. COMO FUNCIONA?
  38. 38. COMO FUNCIONA? TRANSFERÊNCIA DE DADOS PARA O PC
  39. 39. COMO FUNCIONA? TRANSFERÊNCIA DE DADOS PARA O PC A transferência de dados do leitor para o PC é rápida e simples. Basta colocar o leitor sobre o interface de comunicação (base).
  40. 40. COMO FUNCIONA? TRANSFERÊNCIA DE DADOS PARA O PC A transferência de dados do leitor para o PC é rápida e simples. Basta colocar o leitor sobre o interface de comunicação (base). Não há conexão entre o leitor e o interface e a transferência de dados é automática.
  41. 41. COMO FUNCIONA?
  42. 42. COMO FUNCIONA? GESTÃO DE INFORMAÇÃO
  43. 43. COMO FUNCIONA? GESTÃO DE INFORMAÇÃO PROGRAMAÇÃO: Realiza de forma intuitiva o processo de programação dos Tag’s. É possível identificar checkpoints, vigilantes e eventos de modo rápido e directo, sem necessidade de introduzir longos códigos.
  44. 44. COMO FUNCIONA? GESTÃO DE INFORMAÇÃO
  45. 45. COMO FUNCIONA? GESTÃO DE INFORMAÇÃO RELATÓRIOS: Oferece relatórios segundo os mais variados requisitos: hora, data, leitor, ronda, funcionário, evento, tipo (impacto ou bateria) e cliente.
  46. 46. COMO FUNCIONA? GESTÃO DE INFORMAÇÃO RELATÓRIOS: Oferece relatórios segundo os mais variados requisitos: hora, data, leitor, ronda, funcionário, evento, tipo (impacto ou bateria) e cliente. Podemos obter uma análise de performance do funcionário e dos diferentes pontos de uma ronda (se foram efectuados por ex.: no horário, atrasados, adiantados, não programados…)
  47. 47. COMO FUNCIONA? GESTÃO DE INFORMAÇÃO RELATÓRIOS: Oferece relatórios segundo os mais variados requisitos: hora, data, leitor, ronda, funcionário, evento, tipo (impacto ou bateria) e cliente. Podemos obter uma análise de performance do funcionário e dos diferentes pontos de uma ronda (se foram efectuados por ex.: no horário, atrasados, adiantados, não programados…) Os relatórios podem ser visualizados no ecrã, impressos, enviados por e-mail, ou salvos em arquivos de texto, pdf ou exportados para Excel. Saiba mais sobre Sistema de rondas
  48. 48. CONTROLO ACESSOS E ERRANTES
  49. 49. A SEGURANÇA DOS UTENTES COM ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA?
  50. 50. A SEGURANÇA DOS UTENTES COM ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA? O SISTEMA DE CONTROLO DE ERRANTES PERMITE:
  51. 51. A SEGURANÇA DOS UTENTES COM ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA? O SISTEMA DE CONTROLO DE ERRANTES PERMITE: Liberdade de movimentos para o paciente, evitando a sua passagem por portas ou zonas que possam expô-lo a situações de risco.
  52. 52. A SEGURANÇA DOS UTENTES COM ALGUM GRAU DE DEMÊNCIA CONDICIONA A GESTÃO DO DIA-A-DIA? O SISTEMA DE CONTROLO DE ERRANTES PERMITE: Liberdade de movimentos para o paciente, evitando a sua passagem por portas ou zonas que possam expô-lo a situações de risco. Facilitar acesso aos médicos, assistentes e/ou familiares, mantendo um alto nível de segurança e sem impor restrições de movimentos.
  53. 53. COMO FUNCIONA?
  54. 54. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UMA PULSEIRA CODIFICADA:
  55. 55. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UMA PULSEIRA CODIFICADA: Que lhe permite a máxima liberdade de movimentos, excepto quando se aproxima de uma das portas identificadas como "extravio”.
  56. 56. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UMA PULSEIRA CODIFICADA: Que lhe permite a máxima liberdade de movimentos, excepto quando se aproxima de uma das portas identificadas como "extravio”. A antena situada junto a esta porta capta o sinal da pulseira (com um alcance ajustável até 3 metros) e activa um controlador que executa de forma imediata o bloqueio da porta, impedindo a passagem do paciente. .
  57. 57. COMO FUNCIONA?
  58. 58. COMO FUNCIONA? OS FUNCIONÁRIOS CIRCULAM LIVREMENTE:
  59. 59. COMO FUNCIONA? OS FUNCIONÁRIOS CIRCULAM LIVREMENTE: O pessoal assistente e familiares podem movimentar-se sem restrições, sem acessos condicionados por ex. por chaves. .
  60. 60. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA?
  61. 61. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA? Controlador Software (alternativo) Antena Recetor Testa elétrica Pulseira de plástico de segurança Pulseira de tela reutilizável Saiba mais sobre Controlo de errantes
  62. 62. TELEALARME BOTÃO DE EMERGÊNCIA
  63. 63. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS?
  64. 64. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS? O SISTEMA DE TELEALARME DESTINA-SE:
  65. 65. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS? O SISTEMA DE TELEALARME DESTINA-SE: A pessoas que se encontram em situações de dependência por velhice, doença, incapacidade ou isolamento e que necessitam de vigilância contínua, preservando ao mesmo tempo a sua autonomia e liberdade.
  66. 66. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS?
  67. 67. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS? O SISTEMA DE TELEALARME OFERECE:
  68. 68. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS? O SISTEMA DE TELEALARME OFERECE: TRANQUILIDADE: Basta pressionar o botão de pulso/colar para emitir um sinal de emergência. O utente e os seus familiares sentem-se mais seguros e acompanhados.
  69. 69. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS? O SISTEMA DE TELEALARME OFERECE: TRANQUILIDADE: Basta pressionar o botão de pulso/colar para emitir um sinal de emergência. O utente e os seus familiares sentem-se mais seguros e acompanhados. SIMPLICIDADE: Instalação utilização e manutenção simples.
  70. 70. OFERECER UM ACOMPANHAMENTO PERMANENTE AOS UTENTES QUE PERMANECEM EM SUAS CASAS? O SISTEMA DE TELEALARME OFERECE: TRANQUILIDADE: Basta pressionar o botão de pulso/colar para emitir um sinal de emergência. O utente e os seus familiares sentem-se mais seguros e acompanhados. SIMPLICIDADE: Instalação utilização e manutenção simples. FLEXIBILIDADE: Versátil, permite integrar prevenção de intrusão, alarme de incêndio e de fuga de gás, alerta de inactividade.
  71. 71. COMO FUNCIONA?
  72. 72. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO DE EMERGÊNCIA PESSOAL:
  73. 73. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO DE EMERGÊNCIA PESSOAL: Transmissores com 1 botão de fácil activação, resistentes à água, com bateria de longa duração e led indicador de bateria fraca.
  74. 74. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO DE EMERGÊNCIA PESSOAL: Transmissores com 1 botão de fácil activação, resistentes à água, com bateria de longa duração e led indicador de bateria fraca. Disponíveis em formato colar, pulseira e transmissor com sensor de quedas para situações onde há perda de sentidos.
  75. 75. COMO FUNCIONA? O PACIENTE TRANSPORTA UM BOTÃO DE EMERGÊNCIA PESSOAL: Transmissores com 1 botão de fácil activação, resistentes à água, com bateria de longa duração e led indicador de bateria fraca. Disponíveis em formato colar, pulseira e transmissor com sensor de quedas para situações onde há perda de sentidos. Numa situação de emergência o utente activa o botão e o painel central emite um alerta para uma central gestora de alarmes 24 horas ou para números pré-programados.
  76. 76. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA?
  77. 77. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA? Saiba mais sobre Telealarme
  78. 78. SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PARA IPSS Rua de Ribas, nº8B 3830-221 Ílhavo T. 234 321 214 F. 234 321 356 seguranca@artsensor.pt www.artsensor.pt

×