Habitat 67

3.333 visualizações

Publicada em

Edmara das Neves Lima
Priscila Martins Rodrigues
Ricardo Rubio
Wanderleya Souza

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.333
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
60
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
181
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Habitat 67

  1. 1. FICHA TÉCNICA Arquitetos: Moshe Safdie Ano: 1967 Endereço: Cite Du Havre Montreal Canadá Tipo de projeto: Habitacional Status: Construído Materialidade: Concreto Estrutura: Concreto Localização: Cite Du Havre, Montreal, Canadá Implantação no terreno: Isolado
  2. 2. INSERÇÃO URBANA
  3. 3. INSERÇÃO URBANA
  4. 4. INSERÇÃO URBANA
  5. 5. INSERÇÃO URBANA
  6. 6. FORMA / VOLUMETRIA
  7. 7. FORMA / VOLUMETRIA
  8. 8. FUNÇÃO Projetou de uma maneira tal para que o nível da rua fosse cheio de vida. Para isso separou as torres de maneira que elas não sombreiem o espaço público no nível do chão. Safdie tentou dar a cada casa ou apartamento um jardim a céu aberto. Tentou criar a noção de que há jardins para todos. Para a família individual e para a comunidade, criando muitas oportunidades para a natureza e os habitantes interagissem uns com os outros. Fizeram isso tanto nos espaços públicos, quanto nos diferentes andares dos prédios e no espaço privado.
  9. 9. Conjunto Habitat 67 Construído para o Expo 67, uma feira internacional, em Montreal, Canadá. Construção, formada de blocos em concreto pré- moldado, empilhados uns sobre os outros. 12 andares e 158 apartamentosCada um com seu próprio jardim privativo Durante o evento em 1967, abrigou funcionários e visitantes
  10. 10. Safdie preocupou-se em humanizar o condomínio. Por isso, todos os apartamentos têm jardins no teto e ruas suspensas permitem que as pessoas encontrem com seus vizinhos antes de entrar em casa.
  11. 11. Os 158 apartamentos desse complexo foram pré-fabricados e montados no local. Moshe Safdie criou o complexo como uma proposta para habitação em cidades cada vez mais povoadas. O edifício hoje abriga moradores de classe alta.
  12. 12. Os blocos entrecruzam-se e formam uma superfície irregular. Assim, permitem que haja mais luz solar e áreas a céu aberto nos apartamentos. Todos os volumes do prédio – unidades residenciais, ruas de pedestre e torres de elevador – ajudam a distribuir o peso da construção.
  13. 13. O conjunto une em uma gigantesca escultura interiores futuristas, links, ruas de pedestres e terraços suspensos, espaços aéreos, clarabóias de diferentes ângulos, grandes praças e pilares do elevador monumentais, sem esquecer as aberturas.
  14. 14. Os banheiros, cozinhas e seus respectivos móveis e tubulações foram todos desenvolvidos e pré-fabricados no local da obra. Para que as caixas de concreto pré-moldado fossem dispostas uma em cima da outra foi preciso desenvolver um guindaste para transportá-las adequadamente, chegando até o décimo segundo andar, otimizando o tempo de construção. Moshe Safdie declara que os métodos utilizadas na construção de automovéis também podem ser usados em habitações.
  15. 15. Já a cobertura de cada casa torna-se o jardim para o vizinho de cima, sendo assim, todos os moradores apesar de morarem em um conjunto maior possuem a sua própria casa, com seu próprio jardim, privacidade, integrados a um contexto urbano e, é claro, comunitário
  16. 16. PLANTAS
  17. 17. PLANTAS
  18. 18. PLANTAS
  19. 19. CORTES
  20. 20. CORTES
  21. 21. CORTES
  22. 22. SISTEMA CONSTRUTIVO
  23. 23. Edmara das Neves Lima (turma B) C1611B-7 Priscila Martins Rodrigues (turma B) C1397E-0 Ricardo Rubio (turma A) B97DJA-9 Wanderleya Souza (turma A) C10DBC-2
  24. 24. BIBLIOGRAFIA DEVIANT ART. Disponível em : http://lelasan.deviantart.com/art/Habitat-67-343127802 Acesso em: 25 fevereiro 2015. ENTREVISTA MOSHE SAFDIE. Disponível em: http://casa.abril.com.br/materia/entrevista-moshe-safdie-o- arquiteto-por-tras-habitat-67#4 Acesso em: 27 fevereiro 2015. PORTAL ARQUITETÔNICO. Disponível em: http://portalarquitetonico.com.br/habitat-67/ Acesso em: 28 fevereiro 2015. ARCHDAILY. Disponível em: http://www.archdaily.com.br/br/01-23132/classicos-da-arquitetura- habitat-67-moshe-safdie Acesso em: 1 março 2015.

×