SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Osvaldo Queiroz
Avançar manualmente
Música: Chopin
(Arthur Rubinstein)
Nascido em 10 de setembro de 1950 no município
de Aparecida do Taboado-MS.
Filho de Oswaldo Bernardes, político de prestígio
regional e de Francisca Queiroz, esta de família
tradicional e de grande expressão na vida do
esposo.
Começa a escrever na adolescência, no Colégio
Americano de Lins.
Estuda arquitetura no Rio de Janeiro, mas parte
para a Europa antes de concluir o curso, se aloja
em Paris no final dos anos 70.
Vai a Nova York pela primeira vez em 1981 e
visita Los Angeles.
Mora por dez anos em Aparecida do Taboado, na
Fazenda Santa Maria.
Colabora com o jornal “Bolsão em Notícias”, em
uma coluna de assuntos variados com o
pseudônimo OSQueiroz.
Mora em São Paulo, São José do Rio Preto e
Campo Grande. Visita Londres, Espanha,
Marrocos, Portugal, Irlanda e Cuba. No final de
1998 decide morar em Nova York, de onde
retorna em 2000.
Mora em Ilhabela, próximo ao mar, para realizar
o sonho de escrever e publicar seus poemas.
Fotografia: Ben Goossens
Verdad
eiro
Há em cada canto
um sonho
em cada um deles
uma doce utopia
de fantasia desnuda
no desejo
de lembrança oposta
Há em cada sujeito
uma revelia
um passo falso
falsa fantasia
em bailado intenso
sem algum intuito
Há uma loucura acesa
em cada sentinela
aquela atenção interna
no tardar da noite
um tornar constante
pra fitar o nada
Há em cada qual de nós
um interior obscuro
um desejar maduro
um querer latente
uma fantasia
que nos represente
e desnude pra sempre
nossa revelia
Pintura: Winslow Homer
Santiago
de CubaYo vivi caminando por la vida
como se esta fuesse una calle sola
? el camino que va donde?
- por la calle donde la vida se esconde
La gente que passa por este camino
van y viene no se donde
mas se que toda esa gente
sabe mas que yo sobre la muerte
Los niños caminan a saltos
las mujeres com sus modales e com furores
los hombres como yo no solo caminan
como mueren por entre los montes
La calle de piedras oscuras
a la noche brillam como brillantes
por el dia son negras como negros eran
los ancestros que llegaran aqui antes
Páginas das
andanças
rastro de
loucura
dias de
mudanças
longas
alucinações
deuses que se
chocam
mundos que
mutam
trapos que se
encolhemFotografia: Ben Goossens
NewYork
NewYork
Desci
pela escada do shopping
day
encontrei um rato
no prato
do moço louco
doido para sair de casa
se mandar pros bares
debruçar nas bordas
dos copos vazios
e soprar as ondas
dos mares d onde estou
Fotografia: Arnold Pouteau
Transpa
rênciaNa lira dos vinte anos
os enganos
suspiros de doce agonia
Ânsia de viver tanto
no entanto prevalecia
Formado por todos enganos
o tempo em sintonia
Acordes e tempestades
de loucas manias
A loucura acesa
acessa toda revelia
Sublime labirinto
do gosto de viver
recordando belos dias
Na lira da eternidade
vão tolas vaidades
de frustradas fantasias
Fotografia: Ben Goossens
Desil
usão
Pensando que era dia
a negra noite sobrepôs
a névoa lenta denuncia
a vinda de outro horror
Ao mesmo tempo que sorrio
as pálpebras fecham pro depois
não há mais nada que anime
o meu – o teu – nós dois
Um caminhar por entre pedras
sentencia a dor
de solidão envolta em trevas
como se houvesse métodos
para desobscurecer
o ato desse amor
Não há mais tempo de espera
para o que não há depois
você caminha pela relva
me olha como quem dissera
adeus – louco provedor
E eu no coito dessa esfera
estarreço no tempo minha espera
olhando para outra flor
Fotografia: Ben Goossens
Flores
Flores, flores, flores
sois os únicos amores
que nunca deixei de amar
Faça chuva faça sol
com vosso esplendor
lá vêm vós trazer amor
Lancem pétalas contra a guerra
pois nem mesmo quem erra
deixa de te amar
Seja vermelha ou amarela
sois vós todas aquelas
que um dia me fizeram sonhar
Fotografia: Marl
Dorme pequenino mundo meu
dorme que outro dia irá chegar
amanhã – quem sabe
a gente seja feliz um pouco mais
Somos pequenos animais
sonhando entre a multidão
a cada dia que passa
vemos mais mutilações
assim vivemos de medo
com medo da própria ilusão
Fotografia: Ben Goossens
Ante a LuaAnte a lua
o tempo
Antes de ti
meu viver
Longe do vento
o segredo acalanta o medo
A alma anuncia
a renúncia
A luta que é ser
Tudo parece mentira
toda verdade
que a mentira tem
Por hora,
a mesma mentira
Nada reflete em si
ou em alguém
Aquém de mim
o senso como sendo
meu único vento
Meu Norte
Meu bem
Fotografia: Ben Goossens
Fotografia: Jason Friesen
Coragem
A chama invade
o clamor
do amor que no peito
bateu
ressoa nos vales
nas noites
nos bares
são tempos ateus
O medo reluta
em minh alma
e afaga esse imenso
querer
O tempo o vento
anuncia
por mais que incomode
me toma de volta
eu digo – bom dia!
Fotografia: Ben Goossens
Fotografia
Revi por esta janela
aquela vontade de existir
conceitos – mimos e seqüelas
nada que seja ruim
Assim nessa singeleza
naquela imagem refletida
revendo cartas e fotografias
refiz o tempo que vivi
Vivendo os mesmos deleites
na calçada diante de mim
caminhantes – caminhando
quem sabe só – a se iludir
Lutei uma vida toda
por causas distantes daqui
voltei para rever os conceitos
da janela de onde te vi
Fotografia: Ben Goossens
Happy Birthday
to me
Mirando o fogo
me aqueço todo
morro de medo
no mês de agosto
como se fosse
cachorro louco
latindo solto
querendo osso
Ainda moço ...
pensava ser tão poderoso!
Quando me lembro
chega setembro
fico mais velho
– nunca por dentro
conservador –
penso que sou
de astral eterno
querendo sempre
alguém por perto
virginiando meu inferno.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

02 a vida depois da vida
02 a vida depois da vida02 a vida depois da vida
02 a vida depois da vidaRachel V.
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vidaAmadeu Wolff
 
02 a+vida+depois+da+vida+(1)
02 a+vida+depois+da+vida+(1)02 a+vida+depois+da+vida+(1)
02 a+vida+depois+da+vida+(1)Rachel V.
 
Invisíveis Mas Não Ausentes
Invisíveis  Mas Não AusentesInvisíveis  Mas Não Ausentes
Invisíveis Mas Não AusentesSávio Ponte
 
02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vidaNilce Bravo
 
+++++Vitor Hugo +++++
+++++Vitor Hugo ++++++++++Vitor Hugo +++++
+++++Vitor Hugo +++++cab3032
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vidaAshera
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vidaNuno Costa
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vidaIrene Aguiar
 
a vida depois da vida - Victor Hugo
a vida depois da vida - Victor Hugoa vida depois da vida - Victor Hugo
a vida depois da vida - Victor Hugosite curiosidades
 

Mais procurados (16)

Oficinas de escrita
Oficinas de escritaOficinas de escrita
Oficinas de escrita
 
02 a vida depois da vida
02 a vida depois da vida02 a vida depois da vida
02 a vida depois da vida
 
A Vida Depois Da Vida
A Vida Depois Da VidaA Vida Depois Da Vida
A Vida Depois Da Vida
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vida
 
02 a+vida+depois+da+vida+(1)
02 a+vida+depois+da+vida+(1)02 a+vida+depois+da+vida+(1)
02 a+vida+depois+da+vida+(1)
 
Vida depois da morte
 Vida depois da morte Vida depois da morte
Vida depois da morte
 
Invisíveis Mas Não Ausentes
Invisíveis  Mas Não AusentesInvisíveis  Mas Não Ausentes
Invisíveis Mas Não Ausentes
 
02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida
 
Invisiveis mas nao ausentes
Invisiveis mas nao ausentesInvisiveis mas nao ausentes
Invisiveis mas nao ausentes
 
+++++Vitor Hugo +++++
+++++Vitor Hugo ++++++++++Vitor Hugo +++++
+++++Vitor Hugo +++++
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vida
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vida
 
A vida depois da vida
A vida depois da vidaA vida depois da vida
A vida depois da vida
 
A vida depois da vida*
A vida depois da vida*A vida depois da vida*
A vida depois da vida*
 
25 De Abril
25 De Abril25 De Abril
25 De Abril
 
a vida depois da vida - Victor Hugo
a vida depois da vida - Victor Hugoa vida depois da vida - Victor Hugo
a vida depois da vida - Victor Hugo
 

Destaque

Proverbium (II)
Proverbium (II)Proverbium (II)
Proverbium (II)guida04
 
Rio Kwanza
Rio KwanzaRio Kwanza
Rio Kwanzaguida04
 
Ron Hicks
Ron HicksRon Hicks
Ron Hicksguida04
 
Women in Black
Women in BlackWomen in Black
Women in Blackguida04
 
Sandra Bierman
Sandra BiermanSandra Bierman
Sandra Biermanguida04
 
Black Coffee
Black CoffeeBlack Coffee
Black Coffeeguida04
 
I Love Chocolate
I Love ChocolateI Love Chocolate
I Love Chocolateguida04
 
Sweet Colors
Sweet ColorsSweet Colors
Sweet Colorsguida04
 
Leituras
LeiturasLeituras
Leiturasguida04
 
Lake Constance
Lake ConstanceLake Constance
Lake Constanceguida04
 
Tiradentes
TiradentesTiradentes
Tiradentesguida04
 
Merry Christmas
Merry  ChristmasMerry  Christmas
Merry Christmasguida04
 
Have you ever seen the rain?
Have you ever seen the rain?Have you ever seen the rain?
Have you ever seen the rain?guida04
 
H. Armstrong Roberts
H. Armstrong RobertsH. Armstrong Roberts
H. Armstrong Robertsguida04
 
Cubatas de Angola
Cubatas de AngolaCubatas de Angola
Cubatas de Angolaguida04
 
Tea Time
Tea TimeTea Time
Tea Timeguida04
 
Andreas Heumann - Photography
Andreas Heumann - PhotographyAndreas Heumann - Photography
Andreas Heumann - Photographyguida04
 
Colors and Sounds from Africa
Colors and Sounds from AfricaColors and Sounds from Africa
Colors and Sounds from Africaguida04
 

Destaque (20)

Proverbium (II)
Proverbium (II)Proverbium (II)
Proverbium (II)
 
Rio Kwanza
Rio KwanzaRio Kwanza
Rio Kwanza
 
Ron Hicks
Ron HicksRon Hicks
Ron Hicks
 
Colors
ColorsColors
Colors
 
Women in Black
Women in BlackWomen in Black
Women in Black
 
Sandra Bierman
Sandra BiermanSandra Bierman
Sandra Bierman
 
Black Coffee
Black CoffeeBlack Coffee
Black Coffee
 
I Love Chocolate
I Love ChocolateI Love Chocolate
I Love Chocolate
 
Sweet Colors
Sweet ColorsSweet Colors
Sweet Colors
 
Leituras
LeiturasLeituras
Leituras
 
Lake Constance
Lake ConstanceLake Constance
Lake Constance
 
Tiradentes
TiradentesTiradentes
Tiradentes
 
Daisies
DaisiesDaisies
Daisies
 
Merry Christmas
Merry  ChristmasMerry  Christmas
Merry Christmas
 
Have you ever seen the rain?
Have you ever seen the rain?Have you ever seen the rain?
Have you ever seen the rain?
 
H. Armstrong Roberts
H. Armstrong RobertsH. Armstrong Roberts
H. Armstrong Roberts
 
Cubatas de Angola
Cubatas de AngolaCubatas de Angola
Cubatas de Angola
 
Tea Time
Tea TimeTea Time
Tea Time
 
Andreas Heumann - Photography
Andreas Heumann - PhotographyAndreas Heumann - Photography
Andreas Heumann - Photography
 
Colors and Sounds from Africa
Colors and Sounds from AfricaColors and Sounds from Africa
Colors and Sounds from Africa
 

Semelhante a Verdadeiro

Andar! corramos! ozimpio
Andar! corramos!   ozimpioAndar! corramos!   ozimpio
Andar! corramos! ozimpioozimpio
 
Pinturase Poesias
Pinturase PoesiasPinturase Poesias
Pinturase Poesiastaigua
 
Modernismo poesia - 2.a fase - Ose
Modernismo   poesia - 2.a fase - OseModernismo   poesia - 2.a fase - Ose
Modernismo poesia - 2.a fase - OseAndré Damázio
 
Poesia 2ª fase modernista
Poesia 2ª fase modernistaPoesia 2ª fase modernista
Poesia 2ª fase modernistaLuciene Gomes
 
Gonzaga Barbosa
Gonzaga Barbosa Gonzaga Barbosa
Gonzaga Barbosa Ze Legnas
 
Antologia poética e alguns de seus poetas
Antologia poética e alguns de seus poetas Antologia poética e alguns de seus poetas
Antologia poética e alguns de seus poetas Vinicius Soco
 
Passageiros do Tempo
Passageiros do TempoPassageiros do Tempo
Passageiros do Tempopoetadorock
 
Letras Taquarenses Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - Rj
Letras Taquarenses  Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - RjLetras Taquarenses  Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - Rj
Letras Taquarenses Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - RjANTONIO CABRAL FILHO
 
Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)
Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)
Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)AMEOPOEMA Editora
 
Apresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusApresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusRonaldo Rom
 
Apresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusApresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusRonaldo Rom
 

Semelhante a Verdadeiro (20)

O Rio de Vinicius de Moraes
O Rio de Vinicius de MoraesO Rio de Vinicius de Moraes
O Rio de Vinicius de Moraes
 
O riode vinicius
O riode viniciusO riode vinicius
O riode vinicius
 
Andar! corramos! ozimpio
Andar! corramos!   ozimpioAndar! corramos!   ozimpio
Andar! corramos! ozimpio
 
Um verso um texto
Um verso um texto Um verso um texto
Um verso um texto
 
Dia mundial da poesia vf
Dia mundial da poesia vfDia mundial da poesia vf
Dia mundial da poesia vf
 
Pinturase Poesias
Pinturase PoesiasPinturase Poesias
Pinturase Poesias
 
Modernismo poesia - 2.a fase - Ose
Modernismo   poesia - 2.a fase - OseModernismo   poesia - 2.a fase - Ose
Modernismo poesia - 2.a fase - Ose
 
Chuva de Poemas 1.pdf
Chuva de Poemas 1.pdfChuva de Poemas 1.pdf
Chuva de Poemas 1.pdf
 
Poesia 2ª fase modernista
Poesia 2ª fase modernistaPoesia 2ª fase modernista
Poesia 2ª fase modernista
 
Pinturas poesias
Pinturas poesiasPinturas poesias
Pinturas poesias
 
Gonzaga Barbosa
Gonzaga Barbosa Gonzaga Barbosa
Gonzaga Barbosa
 
Antologia poética e alguns de seus poetas
Antologia poética e alguns de seus poetas Antologia poética e alguns de seus poetas
Antologia poética e alguns de seus poetas
 
Ameopoema 0033 janeiro 2015
Ameopoema 0033 janeiro 2015Ameopoema 0033 janeiro 2015
Ameopoema 0033 janeiro 2015
 
Poesia 8 1
Poesia 8 1Poesia 8 1
Poesia 8 1
 
Modernismo 1922
Modernismo   1922Modernismo   1922
Modernismo 1922
 
Passageiros do Tempo
Passageiros do TempoPassageiros do Tempo
Passageiros do Tempo
 
Letras Taquarenses Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - Rj
Letras Taquarenses  Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - RjLetras Taquarenses  Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - Rj
Letras Taquarenses Ano IX Nº 64 Maio 2015 * Antonio Cabral Filho - Rj
 
Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)
Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)
Acre e-book #22 (julho, agosto, setembro 2021)
 
Apresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusApresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic vinícius
 
Apresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusApresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic vinícius
 

Mais de guida04

Filmes (II)
Filmes  (II)Filmes  (II)
Filmes (II)guida04
 
I Love Cats (II)
I Love Cats (II)I Love Cats (II)
I Love Cats (II)guida04
 
Beautiful Africa
Beautiful AfricaBeautiful Africa
Beautiful Africaguida04
 
Fotógrafos
FotógrafosFotógrafos
Fotógrafosguida04
 
I Love Cats
I Love CatsI Love Cats
I Love Catsguida04
 
Séverine
SéverineSéverine
Séverineguida04
 
Artur Pastor
Artur PastorArtur Pastor
Artur Pastorguida04
 
José Saramago - Poesia
José Saramago - PoesiaJosé Saramago - Poesia
José Saramago - Poesiaguida04
 
Daro Bernardes
Daro BernardesDaro Bernardes
Daro Bernardesguida04
 
Lisboa de Ontem
Lisboa de  OntemLisboa de  Ontem
Lisboa de Ontemguida04
 
Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .
Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .
Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .guida04
 
Painting the Sun
Painting the SunPainting the Sun
Painting the Sunguida04
 
Mar e Poesia
Mar e PoesiaMar e Poesia
Mar e Poesiaguida04
 
Here Comes the Sun
Here Comes the SunHere Comes the Sun
Here Comes the Sunguida04
 
Chuva e Poesia
Chuva e PoesiaChuva e Poesia
Chuva e Poesiaguida04
 
Eric Lafforgue
Eric LafforgueEric Lafforgue
Eric Lafforgueguida04
 
Eugène Atget
Eugène AtgetEugène Atget
Eugène Atgetguida04
 

Mais de guida04 (20)

Filmes (II)
Filmes  (II)Filmes  (II)
Filmes (II)
 
I Love Cats (II)
I Love Cats (II)I Love Cats (II)
I Love Cats (II)
 
Beautiful Africa
Beautiful AfricaBeautiful Africa
Beautiful Africa
 
Filmes
FilmesFilmes
Filmes
 
Poetas
PoetasPoetas
Poetas
 
Fotógrafos
FotógrafosFotógrafos
Fotógrafos
 
I Love Cats
I Love CatsI Love Cats
I Love Cats
 
Séverine
SéverineSéverine
Séverine
 
Artur Pastor
Artur PastorArtur Pastor
Artur Pastor
 
José Saramago - Poesia
José Saramago - PoesiaJosé Saramago - Poesia
José Saramago - Poesia
 
Sonho
SonhoSonho
Sonho
 
Daro Bernardes
Daro BernardesDaro Bernardes
Daro Bernardes
 
Lisboa de Ontem
Lisboa de  OntemLisboa de  Ontem
Lisboa de Ontem
 
Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .
Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .
Gervasio Sánchez. El fotógrafo del dolor .
 
Painting the Sun
Painting the SunPainting the Sun
Painting the Sun
 
Mar e Poesia
Mar e PoesiaMar e Poesia
Mar e Poesia
 
Here Comes the Sun
Here Comes the SunHere Comes the Sun
Here Comes the Sun
 
Chuva e Poesia
Chuva e PoesiaChuva e Poesia
Chuva e Poesia
 
Eric Lafforgue
Eric LafforgueEric Lafforgue
Eric Lafforgue
 
Eugène Atget
Eugène AtgetEugène Atget
Eugène Atget
 

Último

Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioWyngDaFelyzitahLamba
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptElifabio Sobreira Pereira
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................mariagrave
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfManuais Formação
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)Centro Jacques Delors
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 

Verdadeiro

  • 2. Nascido em 10 de setembro de 1950 no município de Aparecida do Taboado-MS. Filho de Oswaldo Bernardes, político de prestígio regional e de Francisca Queiroz, esta de família tradicional e de grande expressão na vida do esposo. Começa a escrever na adolescência, no Colégio Americano de Lins. Estuda arquitetura no Rio de Janeiro, mas parte para a Europa antes de concluir o curso, se aloja em Paris no final dos anos 70. Vai a Nova York pela primeira vez em 1981 e visita Los Angeles. Mora por dez anos em Aparecida do Taboado, na Fazenda Santa Maria. Colabora com o jornal “Bolsão em Notícias”, em uma coluna de assuntos variados com o pseudônimo OSQueiroz. Mora em São Paulo, São José do Rio Preto e Campo Grande. Visita Londres, Espanha, Marrocos, Portugal, Irlanda e Cuba. No final de 1998 decide morar em Nova York, de onde retorna em 2000. Mora em Ilhabela, próximo ao mar, para realizar o sonho de escrever e publicar seus poemas.
  • 3.
  • 4. Fotografia: Ben Goossens Verdad eiro Há em cada canto um sonho em cada um deles uma doce utopia de fantasia desnuda no desejo de lembrança oposta Há em cada sujeito uma revelia um passo falso falsa fantasia em bailado intenso sem algum intuito Há uma loucura acesa em cada sentinela aquela atenção interna no tardar da noite um tornar constante pra fitar o nada Há em cada qual de nós um interior obscuro um desejar maduro um querer latente uma fantasia que nos represente e desnude pra sempre nossa revelia
  • 5. Pintura: Winslow Homer Santiago de CubaYo vivi caminando por la vida como se esta fuesse una calle sola ? el camino que va donde? - por la calle donde la vida se esconde La gente que passa por este camino van y viene no se donde mas se que toda esa gente sabe mas que yo sobre la muerte Los niños caminan a saltos las mujeres com sus modales e com furores los hombres como yo no solo caminan como mueren por entre los montes La calle de piedras oscuras a la noche brillam como brillantes por el dia son negras como negros eran los ancestros que llegaran aqui antes
  • 6. Páginas das andanças rastro de loucura dias de mudanças longas alucinações deuses que se chocam mundos que mutam trapos que se encolhemFotografia: Ben Goossens
  • 7. NewYork NewYork Desci pela escada do shopping day encontrei um rato no prato do moço louco doido para sair de casa se mandar pros bares debruçar nas bordas dos copos vazios e soprar as ondas dos mares d onde estou Fotografia: Arnold Pouteau
  • 8. Transpa rênciaNa lira dos vinte anos os enganos suspiros de doce agonia Ânsia de viver tanto no entanto prevalecia Formado por todos enganos o tempo em sintonia Acordes e tempestades de loucas manias A loucura acesa acessa toda revelia Sublime labirinto do gosto de viver recordando belos dias Na lira da eternidade vão tolas vaidades de frustradas fantasias Fotografia: Ben Goossens
  • 9. Desil usão Pensando que era dia a negra noite sobrepôs a névoa lenta denuncia a vinda de outro horror Ao mesmo tempo que sorrio as pálpebras fecham pro depois não há mais nada que anime o meu – o teu – nós dois Um caminhar por entre pedras sentencia a dor de solidão envolta em trevas como se houvesse métodos para desobscurecer o ato desse amor Não há mais tempo de espera para o que não há depois você caminha pela relva me olha como quem dissera adeus – louco provedor E eu no coito dessa esfera estarreço no tempo minha espera olhando para outra flor Fotografia: Ben Goossens
  • 10. Flores Flores, flores, flores sois os únicos amores que nunca deixei de amar Faça chuva faça sol com vosso esplendor lá vêm vós trazer amor Lancem pétalas contra a guerra pois nem mesmo quem erra deixa de te amar Seja vermelha ou amarela sois vós todas aquelas que um dia me fizeram sonhar Fotografia: Marl
  • 11. Dorme pequenino mundo meu dorme que outro dia irá chegar amanhã – quem sabe a gente seja feliz um pouco mais Somos pequenos animais sonhando entre a multidão a cada dia que passa vemos mais mutilações assim vivemos de medo com medo da própria ilusão Fotografia: Ben Goossens
  • 12. Ante a LuaAnte a lua o tempo Antes de ti meu viver Longe do vento o segredo acalanta o medo A alma anuncia a renúncia A luta que é ser Tudo parece mentira toda verdade que a mentira tem Por hora, a mesma mentira Nada reflete em si ou em alguém Aquém de mim o senso como sendo meu único vento Meu Norte Meu bem Fotografia: Ben Goossens
  • 13. Fotografia: Jason Friesen Coragem A chama invade o clamor do amor que no peito bateu ressoa nos vales nas noites nos bares são tempos ateus O medo reluta em minh alma e afaga esse imenso querer O tempo o vento anuncia por mais que incomode me toma de volta eu digo – bom dia!
  • 14. Fotografia: Ben Goossens Fotografia Revi por esta janela aquela vontade de existir conceitos – mimos e seqüelas nada que seja ruim Assim nessa singeleza naquela imagem refletida revendo cartas e fotografias refiz o tempo que vivi Vivendo os mesmos deleites na calçada diante de mim caminhantes – caminhando quem sabe só – a se iludir Lutei uma vida toda por causas distantes daqui voltei para rever os conceitos da janela de onde te vi
  • 15. Fotografia: Ben Goossens Happy Birthday to me Mirando o fogo me aqueço todo morro de medo no mês de agosto como se fosse cachorro louco latindo solto querendo osso Ainda moço ... pensava ser tão poderoso! Quando me lembro chega setembro fico mais velho – nunca por dentro conservador – penso que sou de astral eterno querendo sempre alguém por perto virginiando meu inferno.