SlideShare uma empresa Scribd logo
Tese de Guerdjef
Tese de um pensador russo chamado Guerdjef, que no início do século passado já falava em auto-conhecimento e na importância de se saber viver.
Dizia ele: "Uma boa vida tem como base o sentido do que queremos para nós em cada momento e daquilo que,  realmente vale como principal".
Assim sendo, ele traçou 20 regras de vida que foram colocadas em destaque no Instituto Francês de Ansiedade e Stress, em Paris.
Dizem os "experts" em comportamento que, quem já consegue assimilar 10 delas, com certeza aprendeu a viver com qualidade interior. Ei-las:
1) Faça pausas de  dez minutos a cada  duas horas de trabalho,  no máximo. Repita essas pausas  na vida diária  e pense em você, analisando suas atitudes.
2) Aprenda a dizer não  sem se sentir culpado  ou achar que magoou.  Querer agradar a todos  é um desgaste enorme.
3) Planeje seu dia, sim, mas deixe sempre  um bom espaço  para o improviso, consciente de que  nem tudo depende de você.
4) Concentre-se em apenas uma tarefa de cada vez.  Por mais ágeis que sejam  os seus quadros mentais,  você se exaure.
5) Esqueça,  de uma vez por todas,  que você é imprescindível.  No trabalho, casa, no grupo habitual. Por mais que isso lhe desagrade,  tudo anda sem a sua atuação,  a não ser você mesmo.
6) Abra mão  de ser o responsável  pelo prazer de todos.  Não é você a fonte dos desejos, o eterno mestre de cerimônias.
7) Peça ajuda  sempre que necessário,  tendo o bom senso  de pedir às pessoas certas. .
8) Diferencie problemas reais de problemas imaginários e  elimine-os porque são pura perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais importantes.
9) Tente descobrir o prazer de fatos cotidianos como dormir, comer e tomar banho, sem também achar que é o máximo a se conseguir na vida.
10) Evite se envolver na ansiedade e tensão alheias enquanto ansiedade e tensão. Espere um pouco e depois  retome o diálogo, a ação.
11) Família não é você.  Está junto de você.  Compõe o seu mundo, mas não é a sua própria  identidade.
12) Entenda que princípios e convicções fechadas  podem ser um grande peso, a trave do movimento e da  busca.
13) É preciso ter sempre  alguém em que se possa  confiar  e falar abertamente  ao menos num raio de cem  quilômetros. Não adianta estar mais longe.
14) Saiba a hora certa  de sair de cena,  de retirar-se do palco,  de deixar a roda.  Nunca perca o sentido  da importância sutil  de uma saída discreta.
15) Não queira saber  se falaram mal de você  e nem se atormente  com esse lixo mental;  escute o que falaram bem,  com reserva analítica,  sem qualquer convencimento.
16) Competir no lazer,  no trabalho,  na vida a dois, é ótimo ...  para quem quer ficar esgotado  e perder o melhor.
17) A rigidez é boa na pedra, não no homem. A ele cabe firmeza, o que é muito diferente.
18) Uma hora de intenso prazer substitui com folga 3 horas de sono perdido. O prazer recompõe mais que o sono. Logo, não perca uma oportunidade de divertir-se.
19) Não abandone suas 3 grandes e inabaláveis amigas: a intuição, a inocência e a fé!
20) E entenda de uma vez por todas, definitiva e  conclusivamente:
Você é o que se fizer ser!
Deseja a voce uma semana formidável!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tese De Guerdjef
Tese De  GuerdjefTese De  Guerdjef
Tese De Guerdjef
Dennia
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
Ivo Amarante
 
Tesedegurdjieff.
Tesedegurdjieff.Tesedegurdjieff.
Tesedegurdjieff.
Renato Cardoso
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
Caroline Ramos
 
SAUDE - Tese de Guerdjef*
SAUDE - Tese de Guerdjef*SAUDE - Tese de Guerdjef*
SAUDE - Tese de Guerdjef*
Cristiane Freitas
 
Guerdjef
GuerdjefGuerdjef
Guerdjef
Denise Andrews
 
Tese De Guerdjef
Tese De GuerdjefTese De Guerdjef
Tese De Guerdjef
Aristides Faria
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
Rachel V.
 
20 regras para a vida tese de Guerdjef
20 regras para a vida tese de Guerdjef20 regras para a vida tese de Guerdjef
20 regras para a vida tese de Guerdjef
Amadeu Wolff
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
bilibiowebsite
 

Mais procurados (11)

Tese De Guerdjef
Tese De  GuerdjefTese De  Guerdjef
Tese De Guerdjef
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tesedegurdjieff.
Tesedegurdjieff.Tesedegurdjieff.
Tesedegurdjieff.
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
 
SAUDE - Tese de Guerdjef*
SAUDE - Tese de Guerdjef*SAUDE - Tese de Guerdjef*
SAUDE - Tese de Guerdjef*
 
Guerdjef
GuerdjefGuerdjef
Guerdjef
 
Tese De Guerdjef
Tese De GuerdjefTese De Guerdjef
Tese De Guerdjef
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
 
20 regras para a vida tese de Guerdjef
20 regras para a vida tese de Guerdjef20 regras para a vida tese de Guerdjef
20 regras para a vida tese de Guerdjef
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
 

Semelhante a Tese de Guerdjef

Tesedegurdfieff1
Tesedegurdfieff1Tesedegurdfieff1
Tesedegurdfieff1
Renato Cardoso
 
vinte lições de viver
vinte lições de vivervinte lições de viver
vinte lições de viver
qstress
 
Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
Cláudio Ferigoli
 
Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
HMATMN
 
Tese de guerdigej
Tese de guerdigejTese de guerdigej
Tese de guerdigej
Amadeu Wolff
 
A Tese de_Guerdjef do Viver Bem
A Tese de_Guerdjef do Viver BemA Tese de_Guerdjef do Viver Bem
A Tese de_Guerdjef do Viver Bem
Adalberto Queiroz
 
Tesede guerdjef
Tesede guerdjefTesede guerdjef
Tesede guerdjef
Luiz Edgar de Carvalho
 
Tese
TeseTese
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
Mensagens Virtuais
 

Semelhante a Tese de Guerdjef (10)

Tesedegurdfieff1
Tesedegurdfieff1Tesedegurdfieff1
Tesedegurdfieff1
 
vinte lições de viver
vinte lições de vivervinte lições de viver
vinte lições de viver
 
Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef Tese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tese de guerdigej
Tese de guerdigejTese de guerdigej
Tese de guerdigej
 
A Tese de_Guerdjef do Viver Bem
A Tese de_Guerdjef do Viver BemA Tese de_Guerdjef do Viver Bem
A Tese de_Guerdjef do Viver Bem
 
Tesede guerdjef
Tesede guerdjefTesede guerdjef
Tesede guerdjef
 
Tese
TeseTese
Tese
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 

Mais de Doni Cia

Anona (Combate ao câncer)
Anona (Combate ao câncer)Anona (Combate ao câncer)
Anona (Combate ao câncer)
Doni Cia
 
Aviões
AviõesAviões
Aviões
Doni Cia
 
Será que Deus é culpado?
Será que Deus é culpado?Será que Deus é culpado?
Será que Deus é culpado?
Doni Cia
 
Rui Barbosa
Rui  BarbosaRui  Barbosa
Rui Barbosa
Doni Cia
 
Relacionamentos
RelacionamentosRelacionamentos
Relacionamentos
Doni Cia
 
Receita para beleza interior
Receita para beleza interiorReceita para beleza interior
Receita para beleza interior
Doni Cia
 
Quem eu
Quem  euQuem  eu
Quem eu
Doni Cia
 
Publicidade
PublicidadePublicidade
Publicidade
Doni Cia
 
Piloto
PilotoPiloto
Piloto
Doni Cia
 
Os pais envelhecem
Os pais envelhecemOs pais envelhecem
Os pais envelhecem
Doni Cia
 
O lugar certo
O lugar certoO lugar certo
O lugar certo
Doni Cia
 
Museu da familia
Museu da familiaMuseu da familia
Museu da familia
Doni Cia
 
Muçulmanas X Homens sem amor
Muçulmanas X  Homens  sem  amorMuçulmanas X  Homens  sem  amor
Muçulmanas X Homens sem amor
Doni Cia
 
Infancia Tv
Infancia TvInfancia Tv
Infancia Tv
Doni Cia
 
D E S A P E G O
D E S A P E G OD E S A P E G O
D E S A P E G O
Doni Cia
 
Tesede Guerdjef
Tesede GuerdjefTesede Guerdjef
Tesede Guerdjef
Doni Cia
 
O lugar certo
O lugar certoO lugar certo
O lugar certo
Doni Cia
 
Piloto
PilotoPiloto
Piloto
Doni Cia
 
A hora
A horaA hora
A hora
Doni Cia
 

Mais de Doni Cia (20)

Anona (Combate ao câncer)
Anona (Combate ao câncer)Anona (Combate ao câncer)
Anona (Combate ao câncer)
 
Fotos
FotosFotos
Fotos
 
Aviões
AviõesAviões
Aviões
 
Será que Deus é culpado?
Será que Deus é culpado?Será que Deus é culpado?
Será que Deus é culpado?
 
Rui Barbosa
Rui  BarbosaRui  Barbosa
Rui Barbosa
 
Relacionamentos
RelacionamentosRelacionamentos
Relacionamentos
 
Receita para beleza interior
Receita para beleza interiorReceita para beleza interior
Receita para beleza interior
 
Quem eu
Quem  euQuem  eu
Quem eu
 
Publicidade
PublicidadePublicidade
Publicidade
 
Piloto
PilotoPiloto
Piloto
 
Os pais envelhecem
Os pais envelhecemOs pais envelhecem
Os pais envelhecem
 
O lugar certo
O lugar certoO lugar certo
O lugar certo
 
Museu da familia
Museu da familiaMuseu da familia
Museu da familia
 
Muçulmanas X Homens sem amor
Muçulmanas X  Homens  sem  amorMuçulmanas X  Homens  sem  amor
Muçulmanas X Homens sem amor
 
Infancia Tv
Infancia TvInfancia Tv
Infancia Tv
 
D E S A P E G O
D E S A P E G OD E S A P E G O
D E S A P E G O
 
Tesede Guerdjef
Tesede GuerdjefTesede Guerdjef
Tesede Guerdjef
 
O lugar certo
O lugar certoO lugar certo
O lugar certo
 
Piloto
PilotoPiloto
Piloto
 
A hora
A horaA hora
A hora
 

Último

Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdfTrabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
erico paulo rocha guedes
 
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
JohnnyLima16
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.pptESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
maria-oliveira
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Pedro Luis Moraes
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
Manuais Formação
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 

Último (20)

Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdfTrabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
 
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.pptESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 

Tese de Guerdjef

  • 2. Tese de um pensador russo chamado Guerdjef, que no início do século passado já falava em auto-conhecimento e na importância de se saber viver.
  • 3. Dizia ele: "Uma boa vida tem como base o sentido do que queremos para nós em cada momento e daquilo que, realmente vale como principal".
  • 4. Assim sendo, ele traçou 20 regras de vida que foram colocadas em destaque no Instituto Francês de Ansiedade e Stress, em Paris.
  • 5. Dizem os "experts" em comportamento que, quem já consegue assimilar 10 delas, com certeza aprendeu a viver com qualidade interior. Ei-las:
  • 6. 1) Faça pausas de dez minutos a cada duas horas de trabalho, no máximo. Repita essas pausas na vida diária e pense em você, analisando suas atitudes.
  • 7. 2) Aprenda a dizer não sem se sentir culpado ou achar que magoou. Querer agradar a todos é um desgaste enorme.
  • 8. 3) Planeje seu dia, sim, mas deixe sempre um bom espaço para o improviso, consciente de que nem tudo depende de você.
  • 9. 4) Concentre-se em apenas uma tarefa de cada vez. Por mais ágeis que sejam os seus quadros mentais, você se exaure.
  • 10. 5) Esqueça, de uma vez por todas, que você é imprescindível. No trabalho, casa, no grupo habitual. Por mais que isso lhe desagrade, tudo anda sem a sua atuação, a não ser você mesmo.
  • 11. 6) Abra mão de ser o responsável pelo prazer de todos. Não é você a fonte dos desejos, o eterno mestre de cerimônias.
  • 12. 7) Peça ajuda sempre que necessário, tendo o bom senso de pedir às pessoas certas. .
  • 13. 8) Diferencie problemas reais de problemas imaginários e elimine-os porque são pura perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais importantes.
  • 14. 9) Tente descobrir o prazer de fatos cotidianos como dormir, comer e tomar banho, sem também achar que é o máximo a se conseguir na vida.
  • 15. 10) Evite se envolver na ansiedade e tensão alheias enquanto ansiedade e tensão. Espere um pouco e depois retome o diálogo, a ação.
  • 16. 11) Família não é você. Está junto de você. Compõe o seu mundo, mas não é a sua própria identidade.
  • 17. 12) Entenda que princípios e convicções fechadas podem ser um grande peso, a trave do movimento e da busca.
  • 18. 13) É preciso ter sempre alguém em que se possa confiar e falar abertamente ao menos num raio de cem quilômetros. Não adianta estar mais longe.
  • 19. 14) Saiba a hora certa de sair de cena, de retirar-se do palco, de deixar a roda. Nunca perca o sentido da importância sutil de uma saída discreta.
  • 20. 15) Não queira saber se falaram mal de você e nem se atormente com esse lixo mental; escute o que falaram bem, com reserva analítica, sem qualquer convencimento.
  • 21. 16) Competir no lazer, no trabalho, na vida a dois, é ótimo ... para quem quer ficar esgotado e perder o melhor.
  • 22. 17) A rigidez é boa na pedra, não no homem. A ele cabe firmeza, o que é muito diferente.
  • 23. 18) Uma hora de intenso prazer substitui com folga 3 horas de sono perdido. O prazer recompõe mais que o sono. Logo, não perca uma oportunidade de divertir-se.
  • 24. 19) Não abandone suas 3 grandes e inabaláveis amigas: a intuição, a inocência e a fé!
  • 25. 20) E entenda de uma vez por todas, definitiva e conclusivamente:
  • 26. Você é o que se fizer ser!
  • 27. Deseja a voce uma semana formidável!!