SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5


INVERNO

O INVERNO BATEU À PORTA,
TROUXE COM ELE CHUVA E FRIO,
AS NUVENS TAMBÉM VIERAM
A ÁGUA SUBIU NO RIO.

AS CRIANÇAS BRINCAM LÁ FORA,
JÁ VESTEM ROUPAS DE LÃ,
CALÇAM GALOCHAS E LUVAS,
QUANDO SAEM DE MANHÃ

A MÃE ARRANJA O CASACO
O GORRO E A CAMISOLA
MESMO COM O TEMPO FRIO
EU GOSTO DE IR À ESCOLA.

            Ana Cristina Correia
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5



Velho

Velho, Velho, Velho.
Chegou o InVerno.
Vem de sobretudo,
Vem de CaCheCol,
o Chão onde passa
pareCe um lençol.

esqueCeu as luVas
perto do fogão:
quando as proCurou,
roubara-as um Cão.

Com medo do frIo
enCosta-se a nós:
daI-lhe Café quente
senão perde a Voz.

Velho, Velho, Velho.
Chegou o InVerno.

      Eugénio de Andrade
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5



InVerno

O Inverno começou

tudo molhou…

o vento soprou…

o frio chegou…

a mãe me agasalhou

com um camisolão

as botas, o gorro

e um blusão.

Mas eu, mesmo assim,

fiquei constipado

tive que ficar

em casa deitado.

O senhor Inverno

traz o frio à noite

e por culpa dele

eu fiquei doente!




Chove chuva
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5

Chove chuva
Chuva chove.
 Chove chuva
Chove cá.
Já choveu uma chuvada
Numa chávena de chá.

Numa chávena de chá
Numa chávena chinesa
Chove chuva
Chuva chove
No chá da dona Teresa.

Chove chuva
Chuva chove
Chove chuva
Chove cá.
Já estou farto da chuva
Quero tomar um chá.
                          António Mota




AquelA nuvem
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5

- É tão bom ser nuvem,
ter um corpo leve,
e pAssAr, pAssAr.

- levA-me contigo,
quero ver grAnAdA
quero ver o mAr.

- grAnAdA É longe,
o mAr É distAnte,
não podes voAr.

- pArA que te serve
ser nuvem, se não
me podes levAr?

- serve pArA te ver.
e pAssAr, pAssAr.

        eugÉnio de AndrAde




“ FLOCOS DE NEVE”
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5

São moscas brancas?
São borboletas?
Não pode ser,
Moscas são pretas
E as borboletas
Estão por nascer.
Flocos de neve?
Isso é que são
Dançam ao vento
Depois cansados
Caem no chão.




        O Vento

        Um moinho
    lento
        Não       tinha
    vento
        E o moleiro
    dizia:
        Se eu invento o vento
        O meu moinho lento
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5

Ganha movimento.
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5
                                                  Chove,
                                                  chove,



Chove,
chove,




Ping... Ping...
Chove chuva sem parar.
Chove, chove,
Ping... Ping...
E o menino sem brincar.
Chove, chove,
Ping... Ping...
Correm os rios para o mar.
Chove, chove,
Ping... Ping...
Estão os barcos a navegar.
Chove, chove,
Ping... Ping...
Andam chapéus pelo ar.
Chove, chove,
Ping... Ping...
Gosto de estar a olhar.
A chuva a cair,
O vento a soprar,
E eu aqui sozinho
Sem poder brincar
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5


Um guarda-chuva

Tenho um guarda-chuva
branco e azulinho,
levo-o pela rua
com muito jeitinho.

Quando vou abri-lo
Fica todo assim:
Como o cogumelo
Que está no jardim.

Guarda-chuva, meu amigo,
eu não quero constipar.
Deixa-me ir no teu abrigo
até a chuva parar.

 O meu guarda-chuva
parece uma onda,
varetas brilhantes
e copa redonda.
Leve dançarino,
se o vento soprar
fica viradinho
de penas p´ro ar.




A chuva
EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5



Cai a chuva de mansinho
De manhã, ao acordar.

Da janela do meu quarto
Mil gotinhas a dançar.

Porque cai chuva do céu?
Serão nuvens a chorar?
São milhares de gotinhas
Que à terra vão chegar.




Gota d`água

Gota d`água é brincalhona
Transparente e vadia;
Gota d`água cai depressa
Seja noite ou seja dia.

Onde moras, ó gotinha,
Que do céu queres sair?
Tu espreitas pela nuvem
Para então poderes cair.

Andas suspensa no ar
Arco-íris de ilusão
Tu viajas pelo mundo
E cais na nossa canção

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A roda dos alimentos
A roda dos alimentosA roda dos alimentos
A roda dos alimentosIsa Cruz
 
Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013
Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013
Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013Maria José Ramalho
 
Família de palavras e Campo lexical
Família de palavras e Campo lexicalFamília de palavras e Campo lexical
Família de palavras e Campo lexicalgifamiliar
 
Mais Lengalengas
Mais LengalengasMais Lengalengas
Mais LengalengasLuis Rolhas
 
Cartaz fabrica de histórias
Cartaz fabrica de históriasCartaz fabrica de histórias
Cartaz fabrica de históriasSandra Costa
 
A famã­lia das palavras
A famã­lia das palavrasA famã­lia das palavras
A famã­lia das palavrasdifisantos
 
Ficha de 2º ano diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...
Ficha de 2º ano   diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...Ficha de 2º ano   diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...
Ficha de 2º ano diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...Sónia Rodrigues
 
Livro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-ano
Livro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-anoLivro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-ano
Livro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-anoRosa Maria
 
Regras de sala de aula
Regras de sala de aulaRegras de sala de aula
Regras de sala de aulaSofia Almeida
 

Mais procurados (20)

A roda dos alimentos
A roda dos alimentosA roda dos alimentos
A roda dos alimentos
 
O mar na poesia
O mar na poesiaO mar na poesia
O mar na poesia
 
Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013
Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013
Ciências experimentais no 1º ciclo 2012 2013
 
Descrição física e psicológica
Descrição física e psicológicaDescrição física e psicológica
Descrição física e psicológica
 
Poema livro
Poema   livroPoema   livro
Poema livro
 
Família de palavras e Campo lexical
Família de palavras e Campo lexicalFamília de palavras e Campo lexical
Família de palavras e Campo lexical
 
Um Beijo Na MãO.Ppt
Um Beijo Na MãO.PptUm Beijo Na MãO.Ppt
Um Beijo Na MãO.Ppt
 
Mais Lengalengas
Mais LengalengasMais Lengalengas
Mais Lengalengas
 
Poemas dia do pai
Poemas dia do paiPoemas dia do pai
Poemas dia do pai
 
O diálogo
O diálogoO diálogo
O diálogo
 
Ditongos ui e iu
Ditongos ui e iuDitongos ui e iu
Ditongos ui e iu
 
História de uma gaivota e do gato que a essinou a voar
História de uma gaivota e do gato que a essinou a voarHistória de uma gaivota e do gato que a essinou a voar
História de uma gaivota e do gato que a essinou a voar
 
Cartaz fabrica de histórias
Cartaz fabrica de históriasCartaz fabrica de histórias
Cartaz fabrica de histórias
 
A famã­lia das palavras
A famã­lia das palavrasA famã­lia das palavras
A famã­lia das palavras
 
Ciclo da água- 4º ano EB1/JI Campelo
Ciclo da água- 4º ano EB1/JI CampeloCiclo da água- 4º ano EB1/JI Campelo
Ciclo da água- 4º ano EB1/JI Campelo
 
PLANO NACIONAL DE LEITURA
PLANO NACIONAL DE LEITURAPLANO NACIONAL DE LEITURA
PLANO NACIONAL DE LEITURA
 
Ficha de 2º ano diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...
Ficha de 2º ano   diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...Ficha de 2º ano   diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...
Ficha de 2º ano diagrama de venn, euros, números pares e ímpares, leitura d...
 
Livro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-ano
Livro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-anoLivro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-ano
Livro o mundo da carochinha-fichas-de-matematica-2º-ano
 
Regras de sala de aula
Regras de sala de aulaRegras de sala de aula
Regras de sala de aula
 
Poemas de Natal
Poemas de NatalPoemas de Natal
Poemas de Natal
 

Destaque

Apresentação poesia1
Apresentação poesia1Apresentação poesia1
Apresentação poesia1Soleducador1
 
Poesias De CecíLia Meireles
Poesias De CecíLia MeirelesPoesias De CecíLia Meireles
Poesias De CecíLia MeirelesRomy23
 
Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"
Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"
Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"ameliaioneda
 
Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010Isabel DA COSTA
 
Amostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia Junqueira
Amostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia JunqueiraAmostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia Junqueira
Amostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia JunqueiraAndrea Alves
 
Atividades poemas sobre o inverno 1º ciclo
Atividades poemas sobre o inverno   1º cicloAtividades poemas sobre o inverno   1º ciclo
Atividades poemas sobre o inverno 1º ciclosofiasimao
 
Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)
Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)
Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)SHIRLEY SCOMPARIN
 
302 a casa de formas geometricas
302 a casa de formas geometricas302 a casa de formas geometricas
302 a casa de formas geometricasSimoneHelenDrumond
 
Apostila a casa de simone helen drumond
Apostila a casa de simone helen drumondApostila a casa de simone helen drumond
Apostila a casa de simone helen drumondSimoneHelenDrumond
 
Consciência fonologica revisto_abril_2013
Consciência fonologica revisto_abril_2013Consciência fonologica revisto_abril_2013
Consciência fonologica revisto_abril_2013Andreá Perez Leinat
 

Destaque (13)

Apresentação poesia1
Apresentação poesia1Apresentação poesia1
Apresentação poesia1
 
Poesias De CecíLia Meireles
Poesias De CecíLia MeirelesPoesias De CecíLia Meireles
Poesias De CecíLia Meireles
 
A Ovelhinha Preta
A Ovelhinha PretaA Ovelhinha Preta
A Ovelhinha Preta
 
Poemas de Alunos
Poemas de AlunosPoemas de Alunos
Poemas de Alunos
 
Poesias
PoesiasPoesias
Poesias
 
Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"
Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"
Livro de Poesias: "Recriando a Natureza"
 
Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010
 
Amostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia Junqueira
Amostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia JunqueiraAmostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia Junqueira
Amostra da sequência didática do livro: O macaco e a mola - Sônia Junqueira
 
Atividades poemas sobre o inverno 1º ciclo
Atividades poemas sobre o inverno   1º cicloAtividades poemas sobre o inverno   1º ciclo
Atividades poemas sobre o inverno 1º ciclo
 
Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)
Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)
Vamos montar uma casa com figuras geométricas (1)
 
302 a casa de formas geometricas
302 a casa de formas geometricas302 a casa de formas geometricas
302 a casa de formas geometricas
 
Apostila a casa de simone helen drumond
Apostila a casa de simone helen drumondApostila a casa de simone helen drumond
Apostila a casa de simone helen drumond
 
Consciência fonologica revisto_abril_2013
Consciência fonologica revisto_abril_2013Consciência fonologica revisto_abril_2013
Consciência fonologica revisto_abril_2013
 

Mais de labeques

A multiplicação+
A multiplicação+A multiplicação+
A multiplicação+labeques
 
Os reis magos
Os reis magosOs reis magos
Os reis magoslabeques
 
Os reis magos
Os reis magosOs reis magos
Os reis magoslabeques
 
Água potável...
Água potável...Água potável...
Água potável...labeques
 
Água potável
Água potávelÁgua potável
Água potávellabeques
 
Mat adicao somar9.19.29
Mat adicao somar9.19.29Mat adicao somar9.19.29
Mat adicao somar9.19.29labeques
 
Natal nas asas do arco íris
Natal nas asas do arco írisNatal nas asas do arco íris
Natal nas asas do arco írislabeques
 
Power point
Power pointPower point
Power pointlabeques
 
Meses do ano...
Meses do ano...Meses do ano...
Meses do ano...labeques
 
As profissões
As profissões As profissões
As profissões labeques
 
Multiplicao
MultiplicaoMultiplicao
Multiplicaolabeques
 
Multiplicao
MultiplicaoMultiplicao
Multiplicaolabeques
 
A lenda de S. Martinho...
A lenda de S. Martinho... A lenda de S. Martinho...
A lenda de S. Martinho... labeques
 
Osmesesdoano 101108162530-phpapp01
Osmesesdoano 101108162530-phpapp01Osmesesdoano 101108162530-phpapp01
Osmesesdoano 101108162530-phpapp01labeques
 
Abruxamimi 130806180006-phpapp02
Abruxamimi 130806180006-phpapp02Abruxamimi 130806180006-phpapp02
Abruxamimi 130806180006-phpapp02labeques
 
óRgãos dos sentidos
óRgãos dos sentidosóRgãos dos sentidos
óRgãos dos sentidoslabeques
 
Guião de leitura...
Guião de leitura...Guião de leitura...
Guião de leitura...labeques
 
Leónia devora os livros...
Leónia devora os livros...Leónia devora os livros...
Leónia devora os livros...labeques
 
Lenóia devora os livros...
Lenóia devora os livros...Lenóia devora os livros...
Lenóia devora os livros...labeques
 
Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01
Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01
Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01labeques
 

Mais de labeques (20)

A multiplicação+
A multiplicação+A multiplicação+
A multiplicação+
 
Os reis magos
Os reis magosOs reis magos
Os reis magos
 
Os reis magos
Os reis magosOs reis magos
Os reis magos
 
Água potável...
Água potável...Água potável...
Água potável...
 
Água potável
Água potávelÁgua potável
Água potável
 
Mat adicao somar9.19.29
Mat adicao somar9.19.29Mat adicao somar9.19.29
Mat adicao somar9.19.29
 
Natal nas asas do arco íris
Natal nas asas do arco írisNatal nas asas do arco íris
Natal nas asas do arco íris
 
Power point
Power pointPower point
Power point
 
Meses do ano...
Meses do ano...Meses do ano...
Meses do ano...
 
As profissões
As profissões As profissões
As profissões
 
Multiplicao
MultiplicaoMultiplicao
Multiplicao
 
Multiplicao
MultiplicaoMultiplicao
Multiplicao
 
A lenda de S. Martinho...
A lenda de S. Martinho... A lenda de S. Martinho...
A lenda de S. Martinho...
 
Osmesesdoano 101108162530-phpapp01
Osmesesdoano 101108162530-phpapp01Osmesesdoano 101108162530-phpapp01
Osmesesdoano 101108162530-phpapp01
 
Abruxamimi 130806180006-phpapp02
Abruxamimi 130806180006-phpapp02Abruxamimi 130806180006-phpapp02
Abruxamimi 130806180006-phpapp02
 
óRgãos dos sentidos
óRgãos dos sentidosóRgãos dos sentidos
óRgãos dos sentidos
 
Guião de leitura...
Guião de leitura...Guião de leitura...
Guião de leitura...
 
Leónia devora os livros...
Leónia devora os livros...Leónia devora os livros...
Leónia devora os livros...
 
Lenóia devora os livros...
Lenóia devora os livros...Lenóia devora os livros...
Lenóia devora os livros...
 
Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01
Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01
Regularidadesnumatabelappt 131011143946-phpapp01
 

Poesias de inverno

  • 1. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 INVERNO O INVERNO BATEU À PORTA, TROUXE COM ELE CHUVA E FRIO, AS NUVENS TAMBÉM VIERAM A ÁGUA SUBIU NO RIO. AS CRIANÇAS BRINCAM LÁ FORA, JÁ VESTEM ROUPAS DE LÃ, CALÇAM GALOCHAS E LUVAS, QUANDO SAEM DE MANHÃ A MÃE ARRANJA O CASACO O GORRO E A CAMISOLA MESMO COM O TEMPO FRIO EU GOSTO DE IR À ESCOLA. Ana Cristina Correia
  • 2. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 Velho Velho, Velho, Velho. Chegou o InVerno. Vem de sobretudo, Vem de CaCheCol, o Chão onde passa pareCe um lençol. esqueCeu as luVas perto do fogão: quando as proCurou, roubara-as um Cão. Com medo do frIo enCosta-se a nós: daI-lhe Café quente senão perde a Voz. Velho, Velho, Velho. Chegou o InVerno. Eugénio de Andrade
  • 3. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 InVerno O Inverno começou tudo molhou… o vento soprou… o frio chegou… a mãe me agasalhou com um camisolão as botas, o gorro e um blusão. Mas eu, mesmo assim, fiquei constipado tive que ficar em casa deitado. O senhor Inverno traz o frio à noite e por culpa dele eu fiquei doente! Chove chuva
  • 4. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 Chove chuva Chuva chove. Chove chuva Chove cá. Já choveu uma chuvada Numa chávena de chá. Numa chávena de chá Numa chávena chinesa Chove chuva Chuva chove No chá da dona Teresa. Chove chuva Chuva chove Chove chuva Chove cá. Já estou farto da chuva Quero tomar um chá. António Mota AquelA nuvem
  • 5. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 - É tão bom ser nuvem, ter um corpo leve, e pAssAr, pAssAr. - levA-me contigo, quero ver grAnAdA quero ver o mAr. - grAnAdA É longe, o mAr É distAnte, não podes voAr. - pArA que te serve ser nuvem, se não me podes levAr? - serve pArA te ver. e pAssAr, pAssAr. eugÉnio de AndrAde “ FLOCOS DE NEVE”
  • 6. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 São moscas brancas? São borboletas? Não pode ser, Moscas são pretas E as borboletas Estão por nascer. Flocos de neve? Isso é que são Dançam ao vento Depois cansados Caem no chão. O Vento Um moinho lento Não tinha vento E o moleiro dizia: Se eu invento o vento O meu moinho lento
  • 7. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 Ganha movimento.
  • 8. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 Chove, chove, Chove, chove, Ping... Ping... Chove chuva sem parar. Chove, chove, Ping... Ping... E o menino sem brincar. Chove, chove, Ping... Ping... Correm os rios para o mar. Chove, chove, Ping... Ping... Estão os barcos a navegar. Chove, chove, Ping... Ping... Andam chapéus pelo ar. Chove, chove, Ping... Ping... Gosto de estar a olhar. A chuva a cair, O vento a soprar, E eu aqui sozinho Sem poder brincar
  • 9. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5
  • 10. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 Um guarda-chuva Tenho um guarda-chuva branco e azulinho, levo-o pela rua com muito jeitinho. Quando vou abri-lo Fica todo assim: Como o cogumelo Que está no jardim. Guarda-chuva, meu amigo, eu não quero constipar. Deixa-me ir no teu abrigo até a chuva parar. O meu guarda-chuva parece uma onda, varetas brilhantes e copa redonda. Leve dançarino, se o vento soprar fica viradinho de penas p´ro ar. A chuva
  • 11. EB1 de S. Miguel – Viseu nº 5 Cai a chuva de mansinho De manhã, ao acordar. Da janela do meu quarto Mil gotinhas a dançar. Porque cai chuva do céu? Serão nuvens a chorar? São milhares de gotinhas Que à terra vão chegar. Gota d`água Gota d`água é brincalhona Transparente e vadia; Gota d`água cai depressa Seja noite ou seja dia. Onde moras, ó gotinha, Que do céu queres sair? Tu espreitas pela nuvem Para então poderes cair. Andas suspensa no ar Arco-íris de ilusão Tu viajas pelo mundo E cais na nossa canção