SlideShare uma empresa Scribd logo
Núcleo Interfásico e Divisão Celular CFCM Prof(a). Gilmara Lopes Biologia
 
 
Núcleo Celular Portador dos fatores hereditários e  controlador das atividades metabólicas.
Núcleo Celular Uma célula em intérfase, isto é, que não está se dividindo, apresenta os seguintes componentes : ·1. Carioteca - envoltório nuclear, formada por duas membranas com poros, onde há intercâmbio de substâncias entre o núcleo e o citoplasma.  ·2. Nucleoplasma, Cariolinfa ou Suco Nuclear- é uma massa incolor constituída principalmente de água e proteínas. ·3. Nucléolo - Trata-se de um corpúsculo esponjoso e desprovido de membranas, que se encontra em contato direto com o suco nuclear, rico em RNA ribossômico.
Núcleo Celular ·  4. Cromatina - representa o material genético, com proteínas e moléculas de DNA. Têm aspecto emaranhado de filamentos longos e finos, denominados cromonemas. Esses apresentam regiões condensadas chamadas de heterocromatinas, e regiões distendidas chamadas eucromatinas. Durante a divisão celular, os cromonemas espiralizam-se, tornando-se mais curtos e mais grossos e passam a ser chamados de cromossomos.
Cromonema = Cromossomo Durante a divisão celular, os  cromonemas  espiralizam-se, tornando-se mais curtos e mais grossos. Podem, então, ser vistos individualmente e passam a ser chamados de  cromossomos .
Cromatina = Cromossomos O material genético descondensado – cromatina - é ativo, pois pode ser transcrito mais facilmente nesse estado. Ao se tornar condensado – cromossomo – a transcrição é dificultada, mas por outro lado a divisão celular ocorre com maior precisão.  
Cromonema = Cromossomo http://www.universitario.com.br/celo/aulas/DNA.exe
Cromossomo é uma única molécula de DNA O DNA (do inglês DesoxirribuNucleic Acid) é como uma escada retorcida ou uma dupla hélice e é composta por inúmero genes, os quais tem a função de determinar as características de cada um de nós.
O Cromossomo é formado por cromátides ligadas pelo centrômero. Quando a célula está prestes a se dividir, as cromátides se duplicam formando cromátides irmãs (que até que ocorra a separação final, ficam ligadas pelo centrômero).
Todas as células do nosso corpo (exceto as dos gametas) são diplóides, ou seja, possuem dois cromossomos de cada tipo (no caso, 23 pares de cromossomos homólogos ). Quando uma célula possui apenas um cromossomo de cada tipo (no caso os gametas, com 23 cromossomos), dizemos que ela é haplóide. HOMEM 2n=46 n=23
Cariótipo   É o estudo da constituição cromossômica dos seres vivos. Na espécie humana,  é composto de 46 cromossomos, em 23 pares (22 pares de autossomos e o par sexual), permitindo a análise das anomalias numéricas ou estruturais dos cromossomos.
Cariótipo É o conjunto de todos os cromossomos presentes no núcleo da célula de um  organismo. O estudo do cariótipo (forma, tamanho e número de cromossomos de uma pessoa) pode ajudar no diagnóstico pré-natal ou pós-natal de aberrações genéticas.
Ciclo Celular Período G1: intensa síntese de RNA e proteínas e aumento do citoplasma. PERÍODO S: Este é o período de síntese,duplicando seu DNA. PERÍODO G2: tempo adicional para o crescimento celular assegurando completa replicação do DNA antes da mitose. MITOSE : Divisão equacional da célula.
FASES DO  CICLO CELULAR  G 0 G 1 S 12h 8h 4h 1h G 2 M
Ciclo Celular Na interfase - Há duplicação do DNA, sem o qual não se completa o  ciclo celular.
Ciclo Celular O ciclo celular : processos que ocorrem desde a formação de uma célula até sua própria divisão em duas filhas, tendo  natureza cíclica. A célula se divide originando duas descendentes, com divisão do núcleo (mitose ) e  divisão do citoplasma (citocinese). A etapa seguinte, é compreendida no espaço entre duas divisões celulares sucessivas e foi denominada de intérfase. http://www.cellsalive.com/cell_cycle.htm
DURAÇÃO DOS PERÍODOS DO CICLO Existem diferenças notáveis quanto à duração do ciclo celular segundo o organismo que está se observando.  O ciclo dura de 12 horas, em tecidos de mamíferos com crescimento muito rápido, e 24 horas em outros com crescimento mais lento.  De todas as fases que compõem o ciclo, G1é a mais variável na maioria das células animais e plantas.
Em função das variações apresentadas quanto à proliferação as células animais podem ser classificadas em três grandes categorias  Células embrionárias, as do epitélio do intestino delgado(renovação de três em três dias), as dos folículos capilares, as do sistema linfático e as da medula óssea.  As células que se dividem continuamente:
Células que podem permanecer por longos períodos em um estado não proliferante, um estado de dormência ou quiescência com relação ao crescimento - permanecem no período G0 Células que ordinariamente não se dividem, mas que podem fazê-lo em resposta a estímulos; Hepatócitos, fibroblastos, células renais, células do músculo liso, de pâncreas, de ovário, de pulmão, células endoteliais dos vasos sangüíneos, células ósseas.
Células altamente diferenciadas Há tecidos cujas células, ao cessarem suas divisões e se tornarem diferenciadas, perdem permanentemente a capacidade reprodutiva, não podendo se novamente chamadas ao ciclo.  Neurônios, Células musculares esqueléticas e cardíaca.
Teor de DNA 2C 4C G 1 S G 2 intérfase M G 1 mitose intérfase Prófase-anáfase telófase tempo Evolução do teor de DNA  (C)  no núcleo de uma célula, ao longo do ciclo celular.
Aparelho Mitótico. É constituído pelos fusos, centríolos, ásteres e cromossomos. O áster é um grupo de microtúbulos irradiados que convergem em direção do centríolo. As fibras do fuso são constituídas por microtúbulos(proteínas especiais).  Cada cromossomo têm duas cromátides ligadas entre si através do centrômero, que é uma região que se liga ao fuso mitótico, e se localiza num segmento mais fino denominado de constricção primária.
http://www.johnkyrk.com/mitosis.html
Mitose Divisão celular de todas as células somática vegetais e animais. É um processo continuo que é dividido didaticamente em 5 fases: Prófase, metáfase, anáfase, telófase, nas quais ocorrem grande modificações no núcleo e no citoplasma.  http://www.cellsalive.com/mitosis.htm
Mitose : Funções Mitose relaciona-se com a reprodução assexuada de seres unicelulares, crescimento e regeneração de tecidos de seres multicelulares.
Mitose
 
Mitose em célula vegetal
Mitose e Câncer Mitoses anormais e aceleradas podem originar tumores malignos (Neoplasia/Câncer). Muitos tipos de câncer não têm causas conhecidas e outros estão associados a drogas, radiação e certos vírus.
O  que são células-tronco?    São células indiferenciadas capazes de realizar inúmeras mitoses e que podem originar todos os demais tipos de células do organismo (TOTIPOTENTES) ou  alguns tipos diferentes (MULTIPOTENTES), encontradas em embriões, medula óssea, encéfalo e na pele de adultos. http://gslc.genetics.utah.edu/units/stemcells/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Organelas Celulares I
Organelas Celulares IOrganelas Celulares I
Apresentação de células
Apresentação de célulasApresentação de células
Apresentação de células
cejlrodrigues
 
Núcleo celular
Núcleo celularNúcleo celular
Núcleo celular
mainamgar
 
Reino Animalia_Introdução
Reino Animalia_IntroduçãoReino Animalia_Introdução
Reino Animalia_Introdução
Marcia Regina
 
Mitocondria
MitocondriaMitocondria
Mitocondria
Luciano Souza
 
Biologia molecular 1
Biologia molecular 1Biologia molecular 1
Biologia molecular 1
César Milani
 
Embriologia animal
Embriologia animalEmbriologia animal
Embriologia animal
Thiago Benevides
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
rnogueira
 
Citoplasma e organelas
Citoplasma e organelasCitoplasma e organelas
Citoplasma e organelas
profatatiana
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
César Milani
 
Aula Citologia
Aula CitologiaAula Citologia
Aula Citologia
bradok157
 
Aula 1 citologia - introdução
Aula 1 citologia - introduçãoAula 1 citologia - introdução
Aula 1 citologia - introdução
Amarildo César
 
Introducao histologia
Introducao histologia Introducao histologia
Introducao histologia
Thais Benicio
 
Estruturas Celulares
Estruturas CelularesEstruturas Celulares
Estruturas Celulares
Daniela Silveira
 
Aula biologia celular
Aula   biologia celularAula   biologia celular
Aula biologia celular
santhdalcin
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
Adrianne Mendonça
 
SISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSOSISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSO
César Milani
 
Aula citoplasma
Aula citoplasmaAula citoplasma
Aula citoplasma
Marcia Bantim
 
Histologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIO
Histologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIOHistologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIO
Histologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIO
Josy Grossklaus
 
Introdução a citologia
Introdução a citologiaIntrodução a citologia
Introdução a citologia
emanuel
 

Mais procurados (20)

Organelas Celulares I
Organelas Celulares IOrganelas Celulares I
Organelas Celulares I
 
Apresentação de células
Apresentação de célulasApresentação de células
Apresentação de células
 
Núcleo celular
Núcleo celularNúcleo celular
Núcleo celular
 
Reino Animalia_Introdução
Reino Animalia_IntroduçãoReino Animalia_Introdução
Reino Animalia_Introdução
 
Mitocondria
MitocondriaMitocondria
Mitocondria
 
Biologia molecular 1
Biologia molecular 1Biologia molecular 1
Biologia molecular 1
 
Embriologia animal
Embriologia animalEmbriologia animal
Embriologia animal
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
 
Citoplasma e organelas
Citoplasma e organelasCitoplasma e organelas
Citoplasma e organelas
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
Aula Citologia
Aula CitologiaAula Citologia
Aula Citologia
 
Aula 1 citologia - introdução
Aula 1 citologia - introduçãoAula 1 citologia - introdução
Aula 1 citologia - introdução
 
Introducao histologia
Introducao histologia Introducao histologia
Introducao histologia
 
Estruturas Celulares
Estruturas CelularesEstruturas Celulares
Estruturas Celulares
 
Aula biologia celular
Aula   biologia celularAula   biologia celular
Aula biologia celular
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 
SISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSOSISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSO
 
Aula citoplasma
Aula citoplasmaAula citoplasma
Aula citoplasma
 
Histologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIO
Histologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIOHistologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIO
Histologia TECIDO EPITELIAL ENSINO MEDIO
 
Introdução a citologia
Introdução a citologiaIntrodução a citologia
Introdução a citologia
 

Semelhante a Núcleo interfásico e mitose

Núcleo FIJ
Núcleo FIJNúcleo FIJ
Núcleo FIJ
Dalu Barreto
 
(2) Divisão celular
(2) Divisão celular(2) Divisão celular
(2) Divisão celular
Hugo Martins
 
Ciclo celular
Ciclo celularCiclo celular
Ciclo celular
margaridabt
 
aula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicos
aula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicosaula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicos
aula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicos
Joandro Pandilha Santos
 
Núcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celularNúcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celular
UERGS
 
2ª Aula Núcleo
2ª Aula Núcleo2ª Aula Núcleo
2ª Aula Núcleo
Flávia Albuquerque
 
A CéLula
A CéLulaA CéLula
A CéLula
Fabianez
 
04 divisão celular mitose e meiose
04 divisão celular   mitose e meiose04 divisão celular   mitose e meiose
04 divisão celular mitose e meiose
ManuhSilva
 
3 ciclo celular
3  ciclo celular3  ciclo celular
3 ciclo celular
margaridabt
 
3 ciclo celular
3  ciclo celular3  ciclo celular
3 ciclo celular
margaridabt
 
Núcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celularNúcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celular
Maria Jose Queiroz
 
Nucleo e divisao celular
Nucleo e divisao celularNucleo e divisao celular
Aula mitose e meiose
Aula mitose e meioseAula mitose e meiose
Aula mitose e meiose
Thiago barreiros
 
mitose e meiose
mitose e meiosemitose e meiose
mitose e meiose
Ana Paula
 
Biologia, núcleo e divisão celular.
Biologia, núcleo e divisão celular.Biologia, núcleo e divisão celular.
Biologia, núcleo e divisão celular.
Henrique Felipe Lima
 
Ciclo celular e mitose.pdf
Ciclo celular e mitose.pdfCiclo celular e mitose.pdf
Ciclo celular e mitose.pdf
Miguel Fernandes
 
Divisao celular
Divisao celular Divisao celular
Divisao celular
Renata de Castro
 
Ciclo E DivisãO Celular Mitose
Ciclo E DivisãO Celular   MitoseCiclo E DivisãO Celular   Mitose
Ciclo E DivisãO Celular Mitose
Universidade Federal do Oeste Pará
 
Núcleo e rep celular
Núcleo e rep celularNúcleo e rep celular
Núcleo e rep celular
paulogrillo
 
Apostila divisão celular - UFF
Apostila divisão celular - UFFApostila divisão celular - UFF
Apostila divisão celular - UFF
Guellity Marcel
 

Semelhante a Núcleo interfásico e mitose (20)

Núcleo FIJ
Núcleo FIJNúcleo FIJ
Núcleo FIJ
 
(2) Divisão celular
(2) Divisão celular(2) Divisão celular
(2) Divisão celular
 
Ciclo celular
Ciclo celularCiclo celular
Ciclo celular
 
aula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicos
aula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicosaula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicos
aula 1 - estrutura e fisiologia celular, clonagem, celulas tronco e transgênicos
 
Núcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celularNúcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celular
 
2ª Aula Núcleo
2ª Aula Núcleo2ª Aula Núcleo
2ª Aula Núcleo
 
A CéLula
A CéLulaA CéLula
A CéLula
 
04 divisão celular mitose e meiose
04 divisão celular   mitose e meiose04 divisão celular   mitose e meiose
04 divisão celular mitose e meiose
 
3 ciclo celular
3  ciclo celular3  ciclo celular
3 ciclo celular
 
3 ciclo celular
3  ciclo celular3  ciclo celular
3 ciclo celular
 
Núcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celularNúcleo e divisão celular
Núcleo e divisão celular
 
Nucleo e divisao celular
Nucleo e divisao celularNucleo e divisao celular
Nucleo e divisao celular
 
Aula mitose e meiose
Aula mitose e meioseAula mitose e meiose
Aula mitose e meiose
 
mitose e meiose
mitose e meiosemitose e meiose
mitose e meiose
 
Biologia, núcleo e divisão celular.
Biologia, núcleo e divisão celular.Biologia, núcleo e divisão celular.
Biologia, núcleo e divisão celular.
 
Ciclo celular e mitose.pdf
Ciclo celular e mitose.pdfCiclo celular e mitose.pdf
Ciclo celular e mitose.pdf
 
Divisao celular
Divisao celular Divisao celular
Divisao celular
 
Ciclo E DivisãO Celular Mitose
Ciclo E DivisãO Celular   MitoseCiclo E DivisãO Celular   Mitose
Ciclo E DivisãO Celular Mitose
 
Núcleo e rep celular
Núcleo e rep celularNúcleo e rep celular
Núcleo e rep celular
 
Apostila divisão celular - UFF
Apostila divisão celular - UFFApostila divisão celular - UFF
Apostila divisão celular - UFF
 

Mais de Larissa Yamazaki

Trabalho de filosofia
Trabalho de filosofiaTrabalho de filosofia
Trabalho de filosofia
Larissa Yamazaki
 
Histologia
HistologiaHistologia
Histologia
Larissa Yamazaki
 
Histologia
HistologiaHistologia
Histologia
Larissa Yamazaki
 
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
Larissa Yamazaki
 
Zenão de eléia trabalho filosofia
Zenão de eléia trabalho filosofiaZenão de eléia trabalho filosofia
Zenão de eléia trabalho filosofia
Larissa Yamazaki
 
Mileto
MiletoMileto
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
Larissa Yamazaki
 
Heráclito de éfeso
Heráclito de éfesoHeráclito de éfeso
Heráclito de éfeso
Larissa Yamazaki
 
Processos de obtenção de energia - Parte II
Processos de obtenção de energia - Parte IIProcessos de obtenção de energia - Parte II
Processos de obtenção de energia - Parte II
Larissa Yamazaki
 
Processos de obtenção de energia
Processos de obtenção de energiaProcessos de obtenção de energia
Processos de obtenção de energia
Larissa Yamazaki
 
Núcleo interfásico e mitose
Núcleo interfásico e mitoseNúcleo interfásico e mitose
Núcleo interfásico e mitose
Larissa Yamazaki
 
Meiose
MeioseMeiose
Dna, rna, síntese protéica
Dna, rna, síntese protéicaDna, rna, síntese protéica
Dna, rna, síntese protéica
Larissa Yamazaki
 
Organelas celulares
Organelas celularesOrganelas celulares
Organelas celulares
Larissa Yamazaki
 
As mãos
As mãosAs mãos
Criao ou coincidencia biolgica?
Criao ou coincidencia biolgica?Criao ou coincidencia biolgica?
Criao ou coincidencia biolgica?
Larissa Yamazaki
 
As heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africaAs heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africa
Larissa Yamazaki
 
As heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africaAs heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africa
Larissa Yamazaki
 

Mais de Larissa Yamazaki (18)

Trabalho de filosofia
Trabalho de filosofiaTrabalho de filosofia
Trabalho de filosofia
 
Histologia
HistologiaHistologia
Histologia
 
Histologia
HistologiaHistologia
Histologia
 
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
 
Zenão de eléia trabalho filosofia
Zenão de eléia trabalho filosofiaZenão de eléia trabalho filosofia
Zenão de eléia trabalho filosofia
 
Mileto
MiletoMileto
Mileto
 
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
 
Heráclito de éfeso
Heráclito de éfesoHeráclito de éfeso
Heráclito de éfeso
 
Processos de obtenção de energia - Parte II
Processos de obtenção de energia - Parte IIProcessos de obtenção de energia - Parte II
Processos de obtenção de energia - Parte II
 
Processos de obtenção de energia
Processos de obtenção de energiaProcessos de obtenção de energia
Processos de obtenção de energia
 
Núcleo interfásico e mitose
Núcleo interfásico e mitoseNúcleo interfásico e mitose
Núcleo interfásico e mitose
 
Meiose
MeioseMeiose
Meiose
 
Dna, rna, síntese protéica
Dna, rna, síntese protéicaDna, rna, síntese protéica
Dna, rna, síntese protéica
 
Organelas celulares
Organelas celularesOrganelas celulares
Organelas celulares
 
As mãos
As mãosAs mãos
As mãos
 
Criao ou coincidencia biolgica?
Criao ou coincidencia biolgica?Criao ou coincidencia biolgica?
Criao ou coincidencia biolgica?
 
As heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africaAs heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africa
 
As heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africaAs heroinas anonimas_da_africa
As heroinas anonimas_da_africa
 

Núcleo interfásico e mitose

  • 1. Núcleo Interfásico e Divisão Celular CFCM Prof(a). Gilmara Lopes Biologia
  • 2.  
  • 3.  
  • 4. Núcleo Celular Portador dos fatores hereditários e controlador das atividades metabólicas.
  • 5. Núcleo Celular Uma célula em intérfase, isto é, que não está se dividindo, apresenta os seguintes componentes : ·1. Carioteca - envoltório nuclear, formada por duas membranas com poros, onde há intercâmbio de substâncias entre o núcleo e o citoplasma. ·2. Nucleoplasma, Cariolinfa ou Suco Nuclear- é uma massa incolor constituída principalmente de água e proteínas. ·3. Nucléolo - Trata-se de um corpúsculo esponjoso e desprovido de membranas, que se encontra em contato direto com o suco nuclear, rico em RNA ribossômico.
  • 6. Núcleo Celular · 4. Cromatina - representa o material genético, com proteínas e moléculas de DNA. Têm aspecto emaranhado de filamentos longos e finos, denominados cromonemas. Esses apresentam regiões condensadas chamadas de heterocromatinas, e regiões distendidas chamadas eucromatinas. Durante a divisão celular, os cromonemas espiralizam-se, tornando-se mais curtos e mais grossos e passam a ser chamados de cromossomos.
  • 7. Cromonema = Cromossomo Durante a divisão celular, os cromonemas espiralizam-se, tornando-se mais curtos e mais grossos. Podem, então, ser vistos individualmente e passam a ser chamados de cromossomos .
  • 8. Cromatina = Cromossomos O material genético descondensado – cromatina - é ativo, pois pode ser transcrito mais facilmente nesse estado. Ao se tornar condensado – cromossomo – a transcrição é dificultada, mas por outro lado a divisão celular ocorre com maior precisão.  
  • 9. Cromonema = Cromossomo http://www.universitario.com.br/celo/aulas/DNA.exe
  • 10. Cromossomo é uma única molécula de DNA O DNA (do inglês DesoxirribuNucleic Acid) é como uma escada retorcida ou uma dupla hélice e é composta por inúmero genes, os quais tem a função de determinar as características de cada um de nós.
  • 11. O Cromossomo é formado por cromátides ligadas pelo centrômero. Quando a célula está prestes a se dividir, as cromátides se duplicam formando cromátides irmãs (que até que ocorra a separação final, ficam ligadas pelo centrômero).
  • 12. Todas as células do nosso corpo (exceto as dos gametas) são diplóides, ou seja, possuem dois cromossomos de cada tipo (no caso, 23 pares de cromossomos homólogos ). Quando uma célula possui apenas um cromossomo de cada tipo (no caso os gametas, com 23 cromossomos), dizemos que ela é haplóide. HOMEM 2n=46 n=23
  • 13. Cariótipo É o estudo da constituição cromossômica dos seres vivos. Na espécie humana, é composto de 46 cromossomos, em 23 pares (22 pares de autossomos e o par sexual), permitindo a análise das anomalias numéricas ou estruturais dos cromossomos.
  • 14. Cariótipo É o conjunto de todos os cromossomos presentes no núcleo da célula de um organismo. O estudo do cariótipo (forma, tamanho e número de cromossomos de uma pessoa) pode ajudar no diagnóstico pré-natal ou pós-natal de aberrações genéticas.
  • 15. Ciclo Celular Período G1: intensa síntese de RNA e proteínas e aumento do citoplasma. PERÍODO S: Este é o período de síntese,duplicando seu DNA. PERÍODO G2: tempo adicional para o crescimento celular assegurando completa replicação do DNA antes da mitose. MITOSE : Divisão equacional da célula.
  • 16. FASES DO CICLO CELULAR G 0 G 1 S 12h 8h 4h 1h G 2 M
  • 17. Ciclo Celular Na interfase - Há duplicação do DNA, sem o qual não se completa o ciclo celular.
  • 18. Ciclo Celular O ciclo celular : processos que ocorrem desde a formação de uma célula até sua própria divisão em duas filhas, tendo natureza cíclica. A célula se divide originando duas descendentes, com divisão do núcleo (mitose ) e divisão do citoplasma (citocinese). A etapa seguinte, é compreendida no espaço entre duas divisões celulares sucessivas e foi denominada de intérfase. http://www.cellsalive.com/cell_cycle.htm
  • 19. DURAÇÃO DOS PERÍODOS DO CICLO Existem diferenças notáveis quanto à duração do ciclo celular segundo o organismo que está se observando. O ciclo dura de 12 horas, em tecidos de mamíferos com crescimento muito rápido, e 24 horas em outros com crescimento mais lento. De todas as fases que compõem o ciclo, G1é a mais variável na maioria das células animais e plantas.
  • 20. Em função das variações apresentadas quanto à proliferação as células animais podem ser classificadas em três grandes categorias Células embrionárias, as do epitélio do intestino delgado(renovação de três em três dias), as dos folículos capilares, as do sistema linfático e as da medula óssea. As células que se dividem continuamente:
  • 21. Células que podem permanecer por longos períodos em um estado não proliferante, um estado de dormência ou quiescência com relação ao crescimento - permanecem no período G0 Células que ordinariamente não se dividem, mas que podem fazê-lo em resposta a estímulos; Hepatócitos, fibroblastos, células renais, células do músculo liso, de pâncreas, de ovário, de pulmão, células endoteliais dos vasos sangüíneos, células ósseas.
  • 22. Células altamente diferenciadas Há tecidos cujas células, ao cessarem suas divisões e se tornarem diferenciadas, perdem permanentemente a capacidade reprodutiva, não podendo se novamente chamadas ao ciclo. Neurônios, Células musculares esqueléticas e cardíaca.
  • 23. Teor de DNA 2C 4C G 1 S G 2 intérfase M G 1 mitose intérfase Prófase-anáfase telófase tempo Evolução do teor de DNA (C) no núcleo de uma célula, ao longo do ciclo celular.
  • 24. Aparelho Mitótico. É constituído pelos fusos, centríolos, ásteres e cromossomos. O áster é um grupo de microtúbulos irradiados que convergem em direção do centríolo. As fibras do fuso são constituídas por microtúbulos(proteínas especiais). Cada cromossomo têm duas cromátides ligadas entre si através do centrômero, que é uma região que se liga ao fuso mitótico, e se localiza num segmento mais fino denominado de constricção primária.
  • 26. Mitose Divisão celular de todas as células somática vegetais e animais. É um processo continuo que é dividido didaticamente em 5 fases: Prófase, metáfase, anáfase, telófase, nas quais ocorrem grande modificações no núcleo e no citoplasma. http://www.cellsalive.com/mitosis.htm
  • 27. Mitose : Funções Mitose relaciona-se com a reprodução assexuada de seres unicelulares, crescimento e regeneração de tecidos de seres multicelulares.
  • 29.  
  • 30. Mitose em célula vegetal
  • 31. Mitose e Câncer Mitoses anormais e aceleradas podem originar tumores malignos (Neoplasia/Câncer). Muitos tipos de câncer não têm causas conhecidas e outros estão associados a drogas, radiação e certos vírus.
  • 32. O que são células-tronco? São células indiferenciadas capazes de realizar inúmeras mitoses e que podem originar todos os demais tipos de células do organismo (TOTIPOTENTES) ou alguns tipos diferentes (MULTIPOTENTES), encontradas em embriões, medula óssea, encéfalo e na pele de adultos. http://gslc.genetics.utah.edu/units/stemcells/