SlideShare uma empresa Scribd logo
Lógica de 
Programação C 
Gercélia Ramos
Linguagem de Programação C 
O C nasceu na década de 70. Seu inventor, Dennis Ritchie, 
implementou-o pela primeira vez usando um DEC PDP-11 
rodando o sistema operacional UNIX. 
O C é derivado de uma outra linguagem: o B, criado por Ken 
Thompson. O B, por sua vez, veio da linguagem BCPL, 
inventada por Martin Richards. 
O C é "Case Sensitive" Soma, SOMA, SoMa ou sOmA
Exemplos de Aplicações Escritas em C 
✓ Grande parte dos programas da Microsoft, incluindo Windows XP, Windows NT, Windows 
9x, Pacote Office, Internet Explorer, Visual Studio e outros. 
✓ Sistemas Operacionais como o já citado Windows, Apple OS X, BeOS, Solaris e Symbian 
(sistema operacional para celulares). 
✓ Bancos de dados como SQL e MySQL. 
✓ Aplicações Web, como a máquina de busca Google e o sistema de comércio virtual da 
Amazon. 
✓ Aplicações gráficas como os programas da Adobe (Photoshop, Illustrator), Maya e 
AutoCAD. 
Desenvolvidos totalmente ou parcialmente em C
Ranking das Linguagens mais usadas 
Fonte: http://www.tiobe.com/
Introdução a Linguagem de Programação C
Palavras Reservadas
#include 
#include <stdio.h> 
int main () 
{ 
return(0); 
} A linha #include <stdio.h> diz ao 
compilador que ele deve incluir o arquivo-cabeçalho 
stdio.h. Neste arquivo existem 
declarações de funções úteis para entrada e 
saída de dados (std = standard, padrão em 
inglês; io = Input/Output, entrada e saída 
==> stdio = Entrada e saída padronizadas).
int main() 
#include <stdio.h> 
int main () 
{ 
return(0); 
} A linha int main() indica que estamos 
definindo uma função de nome main. 
Todos os programas em C têm que ter uma 
função main, pois é esta função que será 
chamada quando o programa for 
executado. O conteúdo da função é 
delimitado por chaves { }.
return(0); 
A última linha do programa, 
return(0); , indica o número inteiro 
que está sendo retornado pela 
função, no caso o número 0. 
#include <stdio.h> 
int main () 
{ 
return(0); 
}
Desenvolvimento em C 
O desenvolvimento de programas em linguagem C é um processo que 
compreende quatro fases: escrita, compilação, "linking" e execução. 
C 
Se responsabiliza por transformar os programa objecto numa aplicação executável
Tipos de Dados
Delimitadores
Declaração de Variáveis 
<tipo> <nome>; 
int idade;
Declaração de Constantes 
declaradas 
const <tipo> <nome> = <valor>; 
const int maiorIdade = 18; 
const int largura = 100;
#define 
definidas 
Existem constantes que podem ser declaradas pelo programador, 
podendo ser definidas através de uma diretiva de pré-processamento 
#define ou através da palavra-chave const.
stdio.h 
O "printf" é usado para saída, 
que normalmente é enviada 
para o monitor. 
O "scanf" é usado para entrada, 
que normalmente consiste em 
uma leitura do teclado. 
escreva 
leia
printf 
A função printf() tem a seguinte forma geral: 
printf (string_de_controle,lista_de_argumentos); 
Teremos, na string de controle, uma descrição de tudo 
que a função vai colocar na tela. A string de controle 
mostra não apenas os caracteres que devem ser 
colocados na tela, mas também quais as variáveis e 
suas respectivas posições usando a notação %
scanf 
O formato geral da função scanf() é: 
scanf (string-de-controle,lista-de-argumentos); 
Usando a função scanf() podemos pedir dados ao 
usuário usando a notação &
Introdução a Linguagem de Programação C
stdlib.h 
A biblioteca stdlib.h possui algumas funções 
que podem ser usadas para realizar mudanças 
na tela padrão dos programas em C 
Para usar estes comandos devemos inserir a 
biblioteca stdlib.h 
#include <stdlib.h>
Introdução a Linguagem de Programação C
ARQUIVOS DO SISTEMA OPERACIONAL
CORES 
system (“color B");
Introdução a Linguagem de Programação C
system(“cls”);
Introdução a Linguagem de Programação C
Formatação
Tamanho das Variáveis
string 
Outro tipo de valor suportado pela Linguagem 
C++ é o tipo string (cadeia de caracteres). Uma 
string é um conjunto de caracteres entre aspas. 
Por exemplo, “você é um vencedor” é uma 
string, composta por várias letras que formam a 
frase. Não confunda strings com caractere. Um 
caractere simples fica entre dois apóstrofos, por 
exemplo 'a'. Entretanto “a” é uma string que 
contém somente uma letra.
Caracteres Especiais 
Existem caracteres especiais que não podem ser 
expressos sem ser no código fonte do programa.
Atribuição
Visualg C
Baixe e instale o DEV C++ 
http://www.bloodshed.net/dev/devcpp.html

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Python - Introdução
Python - IntroduçãoPython - Introdução
Python - Introdução
fabiocerqueira
 
Introdução a JavaScript
Introdução a JavaScriptIntrodução a JavaScript
Introdução a JavaScript
Bruno Catão
 
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Gercélia Ramos
 
Material de Apoio de Algoritmo e Lógica de Programação
Material de Apoio de Algoritmo e Lógica de ProgramaçãoMaterial de Apoio de Algoritmo e Lógica de Programação
Material de Apoio de Algoritmo e Lógica de Programação
rodfernandes
 
Lista de exercicios algoritmos resolvida-
Lista de exercicios   algoritmos  resolvida-Lista de exercicios   algoritmos  resolvida-
Lista de exercicios algoritmos resolvida-
Mauro Pereira
 
Lógica de programação { para iniciantes }
Lógica de programação { para iniciantes }Lógica de programação { para iniciantes }
Lógica de programação { para iniciantes }
Mariana Camargo
 
Lógica de programação em ppt
Lógica de programação em pptLógica de programação em ppt
Lógica de programação em ppt
Andrei Bastos
 
Visualg
VisualgVisualg
Visualg
Pedro Silva
 
Aula - Internet
Aula - InternetAula - Internet
Aula 4 - Teste de mesa
Aula 4 - Teste de mesaAula 4 - Teste de mesa
Aula 4 - Teste de mesa
Pacc UAB
 
Aula - Introdução a Engenharia de Software
Aula - Introdução a Engenharia de SoftwareAula - Introdução a Engenharia de Software
Aula - Introdução a Engenharia de Software
Cloves da Rocha
 
Lista de exercícios em portugol
Lista de exercícios em portugolLista de exercícios em portugol
Lista de exercícios em portugol
Gabriel Faustino
 
Algoritmos e lp parte3-pseudocódigo
Algoritmos e lp parte3-pseudocódigoAlgoritmos e lp parte3-pseudocódigo
Algoritmos e lp parte3-pseudocódigo
Mauro Pereira
 
Variáveis e portugol
Variáveis e portugolVariáveis e portugol
Variáveis e portugol
Carlos Wagner Costa
 
Logica Programação. ...
Logica Programação. ...Logica Programação. ...
Logica Programação. ...
Miller Magalhaes
 
Introdução à Programação
Introdução à ProgramaçãoIntrodução à Programação
Introdução à Programação
Mario Sergio
 
Fluxograma (Lógica de Programação)
Fluxograma (Lógica de Programação)Fluxograma (Lógica de Programação)
Fluxograma (Lógica de Programação)
Gercélia Ramos
 
Algoritmos: Tipos de Dados
Algoritmos: Tipos de DadosAlgoritmos: Tipos de Dados
Algoritmos: Tipos de Dados
Elaine Cecília Gatto
 
Introdução a linguagem C# (CSharp)
Introdução a linguagem C# (CSharp)Introdução a linguagem C# (CSharp)
Introdução a linguagem C# (CSharp)
Marcos Castro
 
Linguagem de Programação Python
Linguagem de Programação PythonLinguagem de Programação Python
Linguagem de Programação Python
Junior Sobrenome
 

Mais procurados (20)

Python - Introdução
Python - IntroduçãoPython - Introdução
Python - Introdução
 
Introdução a JavaScript
Introdução a JavaScriptIntrodução a JavaScript
Introdução a JavaScript
 
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
 
Material de Apoio de Algoritmo e Lógica de Programação
Material de Apoio de Algoritmo e Lógica de ProgramaçãoMaterial de Apoio de Algoritmo e Lógica de Programação
Material de Apoio de Algoritmo e Lógica de Programação
 
Lista de exercicios algoritmos resolvida-
Lista de exercicios   algoritmos  resolvida-Lista de exercicios   algoritmos  resolvida-
Lista de exercicios algoritmos resolvida-
 
Lógica de programação { para iniciantes }
Lógica de programação { para iniciantes }Lógica de programação { para iniciantes }
Lógica de programação { para iniciantes }
 
Lógica de programação em ppt
Lógica de programação em pptLógica de programação em ppt
Lógica de programação em ppt
 
Visualg
VisualgVisualg
Visualg
 
Aula - Internet
Aula - InternetAula - Internet
Aula - Internet
 
Aula 4 - Teste de mesa
Aula 4 - Teste de mesaAula 4 - Teste de mesa
Aula 4 - Teste de mesa
 
Aula - Introdução a Engenharia de Software
Aula - Introdução a Engenharia de SoftwareAula - Introdução a Engenharia de Software
Aula - Introdução a Engenharia de Software
 
Lista de exercícios em portugol
Lista de exercícios em portugolLista de exercícios em portugol
Lista de exercícios em portugol
 
Algoritmos e lp parte3-pseudocódigo
Algoritmos e lp parte3-pseudocódigoAlgoritmos e lp parte3-pseudocódigo
Algoritmos e lp parte3-pseudocódigo
 
Variáveis e portugol
Variáveis e portugolVariáveis e portugol
Variáveis e portugol
 
Logica Programação. ...
Logica Programação. ...Logica Programação. ...
Logica Programação. ...
 
Introdução à Programação
Introdução à ProgramaçãoIntrodução à Programação
Introdução à Programação
 
Fluxograma (Lógica de Programação)
Fluxograma (Lógica de Programação)Fluxograma (Lógica de Programação)
Fluxograma (Lógica de Programação)
 
Algoritmos: Tipos de Dados
Algoritmos: Tipos de DadosAlgoritmos: Tipos de Dados
Algoritmos: Tipos de Dados
 
Introdução a linguagem C# (CSharp)
Introdução a linguagem C# (CSharp)Introdução a linguagem C# (CSharp)
Introdução a linguagem C# (CSharp)
 
Linguagem de Programação Python
Linguagem de Programação PythonLinguagem de Programação Python
Linguagem de Programação Python
 

Semelhante a Introdução a Linguagem de Programação C

Logica5 141120062157-conversion-gate02
Logica5 141120062157-conversion-gate02Logica5 141120062157-conversion-gate02
Logica5 141120062157-conversion-gate02
Lucas Antonio
 
Introdução+à+linguagem+c
Introdução+à+linguagem+cIntrodução+à+linguagem+c
Introdução+à+linguagem+c
Thiago Freitas
 
Ud2
Ud2Ud2
Apostila de Linguagem C
Apostila de Linguagem CApostila de Linguagem C
Apostila de Linguagem C
Daniel Barão
 
Aula09 traducaosin110
Aula09 traducaosin110Aula09 traducaosin110
Aula09 traducaosin110
Aldo Henrique Dias Mendes
 
Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...
Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...
Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...
Alex Camargo
 
Curso Completo de Linguagem de Programação C
Curso Completo de Linguagem de Programação CCurso Completo de Linguagem de Programação C
Curso Completo de Linguagem de Programação C
JoberthSilva
 
Introdução à Linguagem de Programação C
Introdução à Linguagem de Programação CIntrodução à Linguagem de Programação C
Introdução à Linguagem de Programação C
Jose Augusto Cintra
 
Introdução a linguagem de programação C
Introdução a linguagem de programação CIntrodução a linguagem de programação C
Introdução a linguagem de programação C
SchoolByte
 
Introdução a linguagem c karen lowhany
Introdução a linguagem c   karen lowhanyIntrodução a linguagem c   karen lowhany
Introdução a linguagem c karen lowhany
Karen Costa
 
Linguagem C clecioamerico
Linguagem C clecioamericoLinguagem C clecioamerico
Linguagem C clecioamerico
Clécio Américo de Lima
 
Apostila linguagem c
Apostila linguagem cApostila linguagem c
Apostila linguagem c
orvel
 
5. introducao a linguagem c
5. introducao a linguagem c5. introducao a linguagem c
5. introducao a linguagem c
Eugenio Caetano
 
Introdução à Linguagem C
Introdução à Linguagem CIntrodução à Linguagem C
Introdução à Linguagem C
Elaine Cecília Gatto
 
Linguagem c parte 1
Linguagem c parte 1Linguagem c parte 1
Linguagem c parte 1
Mauro Pereira
 
Aula01
Aula01Aula01
Aula01
vdlos
 
Apostila linguagem c
Apostila linguagem cApostila linguagem c
Apostila linguagem c
Valmir Romariz
 
Linguagem em c
Linguagem em cLinguagem em c
Linguagem em c
Rafaela Alves
 
Linguagem c wellington telles - aula 02
Linguagem c   wellington telles - aula 02Linguagem c   wellington telles - aula 02
Linguagem c wellington telles - aula 02
profwtelles
 
Introdução a Linguagem C
Introdução a Linguagem CIntrodução a Linguagem C
Introdução a Linguagem C
apolllorj
 

Semelhante a Introdução a Linguagem de Programação C (20)

Logica5 141120062157-conversion-gate02
Logica5 141120062157-conversion-gate02Logica5 141120062157-conversion-gate02
Logica5 141120062157-conversion-gate02
 
Introdução+à+linguagem+c
Introdução+à+linguagem+cIntrodução+à+linguagem+c
Introdução+à+linguagem+c
 
Ud2
Ud2Ud2
Ud2
 
Apostila de Linguagem C
Apostila de Linguagem CApostila de Linguagem C
Apostila de Linguagem C
 
Aula09 traducaosin110
Aula09 traducaosin110Aula09 traducaosin110
Aula09 traducaosin110
 
Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...
Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...
Algoritmos e Programação: Apresentação da ferramenta de programação. Comandos...
 
Curso Completo de Linguagem de Programação C
Curso Completo de Linguagem de Programação CCurso Completo de Linguagem de Programação C
Curso Completo de Linguagem de Programação C
 
Introdução à Linguagem de Programação C
Introdução à Linguagem de Programação CIntrodução à Linguagem de Programação C
Introdução à Linguagem de Programação C
 
Introdução a linguagem de programação C
Introdução a linguagem de programação CIntrodução a linguagem de programação C
Introdução a linguagem de programação C
 
Introdução a linguagem c karen lowhany
Introdução a linguagem c   karen lowhanyIntrodução a linguagem c   karen lowhany
Introdução a linguagem c karen lowhany
 
Linguagem C clecioamerico
Linguagem C clecioamericoLinguagem C clecioamerico
Linguagem C clecioamerico
 
Apostila linguagem c
Apostila linguagem cApostila linguagem c
Apostila linguagem c
 
5. introducao a linguagem c
5. introducao a linguagem c5. introducao a linguagem c
5. introducao a linguagem c
 
Introdução à Linguagem C
Introdução à Linguagem CIntrodução à Linguagem C
Introdução à Linguagem C
 
Linguagem c parte 1
Linguagem c parte 1Linguagem c parte 1
Linguagem c parte 1
 
Aula01
Aula01Aula01
Aula01
 
Apostila linguagem c
Apostila linguagem cApostila linguagem c
Apostila linguagem c
 
Linguagem em c
Linguagem em cLinguagem em c
Linguagem em c
 
Linguagem c wellington telles - aula 02
Linguagem c   wellington telles - aula 02Linguagem c   wellington telles - aula 02
Linguagem c wellington telles - aula 02
 
Introdução a Linguagem C
Introdução a Linguagem CIntrodução a Linguagem C
Introdução a Linguagem C
 

Introdução a Linguagem de Programação C

  • 1. Lógica de Programação C Gercélia Ramos
  • 2. Linguagem de Programação C O C nasceu na década de 70. Seu inventor, Dennis Ritchie, implementou-o pela primeira vez usando um DEC PDP-11 rodando o sistema operacional UNIX. O C é derivado de uma outra linguagem: o B, criado por Ken Thompson. O B, por sua vez, veio da linguagem BCPL, inventada por Martin Richards. O C é "Case Sensitive" Soma, SOMA, SoMa ou sOmA
  • 3. Exemplos de Aplicações Escritas em C ✓ Grande parte dos programas da Microsoft, incluindo Windows XP, Windows NT, Windows 9x, Pacote Office, Internet Explorer, Visual Studio e outros. ✓ Sistemas Operacionais como o já citado Windows, Apple OS X, BeOS, Solaris e Symbian (sistema operacional para celulares). ✓ Bancos de dados como SQL e MySQL. ✓ Aplicações Web, como a máquina de busca Google e o sistema de comércio virtual da Amazon. ✓ Aplicações gráficas como os programas da Adobe (Photoshop, Illustrator), Maya e AutoCAD. Desenvolvidos totalmente ou parcialmente em C
  • 4. Ranking das Linguagens mais usadas Fonte: http://www.tiobe.com/
  • 7. #include #include <stdio.h> int main () { return(0); } A linha #include <stdio.h> diz ao compilador que ele deve incluir o arquivo-cabeçalho stdio.h. Neste arquivo existem declarações de funções úteis para entrada e saída de dados (std = standard, padrão em inglês; io = Input/Output, entrada e saída ==> stdio = Entrada e saída padronizadas).
  • 8. int main() #include <stdio.h> int main () { return(0); } A linha int main() indica que estamos definindo uma função de nome main. Todos os programas em C têm que ter uma função main, pois é esta função que será chamada quando o programa for executado. O conteúdo da função é delimitado por chaves { }.
  • 9. return(0); A última linha do programa, return(0); , indica o número inteiro que está sendo retornado pela função, no caso o número 0. #include <stdio.h> int main () { return(0); }
  • 10. Desenvolvimento em C O desenvolvimento de programas em linguagem C é um processo que compreende quatro fases: escrita, compilação, "linking" e execução. C Se responsabiliza por transformar os programa objecto numa aplicação executável
  • 13. Declaração de Variáveis <tipo> <nome>; int idade;
  • 14. Declaração de Constantes declaradas const <tipo> <nome> = <valor>; const int maiorIdade = 18; const int largura = 100;
  • 15. #define definidas Existem constantes que podem ser declaradas pelo programador, podendo ser definidas através de uma diretiva de pré-processamento #define ou através da palavra-chave const.
  • 16. stdio.h O "printf" é usado para saída, que normalmente é enviada para o monitor. O "scanf" é usado para entrada, que normalmente consiste em uma leitura do teclado. escreva leia
  • 17. printf A função printf() tem a seguinte forma geral: printf (string_de_controle,lista_de_argumentos); Teremos, na string de controle, uma descrição de tudo que a função vai colocar na tela. A string de controle mostra não apenas os caracteres que devem ser colocados na tela, mas também quais as variáveis e suas respectivas posições usando a notação %
  • 18. scanf O formato geral da função scanf() é: scanf (string-de-controle,lista-de-argumentos); Usando a função scanf() podemos pedir dados ao usuário usando a notação &
  • 20. stdlib.h A biblioteca stdlib.h possui algumas funções que podem ser usadas para realizar mudanças na tela padrão dos programas em C Para usar estes comandos devemos inserir a biblioteca stdlib.h #include <stdlib.h>
  • 22. ARQUIVOS DO SISTEMA OPERACIONAL
  • 29. string Outro tipo de valor suportado pela Linguagem C++ é o tipo string (cadeia de caracteres). Uma string é um conjunto de caracteres entre aspas. Por exemplo, “você é um vencedor” é uma string, composta por várias letras que formam a frase. Não confunda strings com caractere. Um caractere simples fica entre dois apóstrofos, por exemplo 'a'. Entretanto “a” é uma string que contém somente uma letra.
  • 30. Caracteres Especiais Existem caracteres especiais que não podem ser expressos sem ser no código fonte do programa.
  • 33. Baixe e instale o DEV C++ http://www.bloodshed.net/dev/devcpp.html