SlideShare uma empresa Scribd logo
Seminário de intercessão
“Confessai as vossas culpas uns aos outros e orai uns pelos
outros, para que sareis; a oração feita por um justo pode muito
em seus efeitos” (Tiago 5:16).
A intercessão na Bíblia
Na Bíblia temos muitos exemplos de intercessão. Logo no livro
de Gênesis, por exemplo, Abraão aparece como sendo alguém que
tinha o dom da intercessão (Gênesis 20:7). O livro de Êxodo
também mostra como Moisés intercedeu em favor de Israel
(Êxodo 32:31,32). Os profetas, de modo geral, eram todos
intercessores, ou seja, frequentemente oravam a Deus em favor do
povo.
O próprio Senhor Jesus também é relatado na Bíblia como o
intercessor do seu povo junto ao Pai (Romanos 8:34; Hebreus
7:25; 1 João 2:1,2). Inclusive, os Evangelhos registram orações de
Jesus ao Pai em favor dos seus discípulos (João 17:15). Isso fica
particularmente claro naquela passagem em que Jesus declara ter
rogado em favor de Pedro (Lucas 22:32).
Na Carta aos Romanos, o apóstolo Paulo destaca que a
intercessão também faz parte do ministério do Espírito Santo. O
Espírito Santo intercede pelos crentes com “gemidos
inexprimíveis” (Romanos 8:26). O mesmo apóstolo Paulo
também é um grande exemplo de intercessor. Frequentemente ele
orava a Deus intercedendo pelos crentes (cf. Efésios 3:14-21).
A intercessão na vida cristã
A intercessão deve ser uma prática constante na vida cristã. O
crente deve interceder a Deus em oração por seus familiares,
amigos e irmãos na fé. Tiago, por exemplo, registra um dos
versículos mais lembrados da Bíblia quando o assunto é a
intercessão entre os membros do Corpo de Cristo. Ele
escreve: “Confessai as vossas culpas uns aos outros e orai uns
pelos outros, para que sareis; a oração feita por um justo pode
muito em seus efeitos” (Tiago 5:16).
Mas o crente não é chamado a interceder apenas por quem ele tem
alguma afinidade pessoal. Na verdade o cristão também deve se
apresentar diante de Deus em intercessão por aquelas pessoas que
não fazem parte do seu círculo social.
Nesse sentido o próprio apóstolo Paulo aborda esse tema ao
dizer: “Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam
deprecações, orações, intercessões e ações de graças por todos
os homens, pelos reis e por todos os que estão em eminência,
para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a
piedade e honestidade” (1 Timóteo 2:1,2). Na sequência o
mesmo apóstolo ainda completa dizendo que “isto é bom e
agradável diante de Deus” (1 Timóteo 2:3).
Mas considerando que interceder é orar por alguém, então talvez
o aspecto mais difícil da intercessão seja aquele ensinado pelo
Senhor Jesus no contexto do ensino de que devemos amar os
nossos inimigos. Nesse ponto o ensino é bem claro: “Eu, porém,
vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem,
fazei bem aos que vos odeiam e orai pelos que vos maltratam e
vos perseguem” (Mateus 5:44).
Também é importante observar que nem sempre Deus responde a
uma intercessão da maneira como esperamos. O patriarca Abraão,
por exemplo, intercedeu pela cidade de Sodoma sem o sucesso
pretendido por ele (Gênesis 18:23-30). Então entendemos que a
intercessão do povo de Deus tem um papel importante na forma
com que Deus cumpre seus decretos eternos. Mas isso ocorre de
um modo em que nem a intercessão perde o seu significado e
muito menos a vontade de Deus deixa de ser soberana.
Como devemos interceder uns pelos outros?
A Bíblia Sagrada nos ensina a como devemos interceder a Deus
em favor de outras pessoas. Na Carta aos Efésios, por exemplo,
encontramos o registro da intercessão do apóstolo Paulo pelos
crentes de Éfeso. Esse registro fornece uma boa orientação de
como deve ser o conteúdo da intercessão na Igreja.
Primeiro, o apóstolo intercede a Deus para que os efésios tenham
esclarecimento acerca de tudo o que eles desfrutavam em Cristo
mediante a obra da redenção (Efésios 1:15-23). Depois, Paulo
intercede pelos efésios pedindo a Deus que eles sejam capacitados
(Efésios 3:13-21). É interessante perceber que de certo modo as
duas orações se complementam. Isso porque na primeira oração o
apóstolo ora para que eles entendam sua nova condição; e na
segunda oração o apóstolo ora para que eles possam viver de
acordo com essa realidade maravilhosa.
Nesse sentido Paulo ora para que os cristãos sejam fortalecidos
com poder mediante o Espírito, e que o coração dos crentes seja,
pela fé, uma habitação confortável para Cristo. Assim eles podem
conhecer o amor de Cristo que excede todo entendimento, e ser
tomados de “toda a plenitude de Deus” (Efésios 3:19). Por fim, o
apóstolo conclui sua intercessão pelos efésios testificando que a
ação do poder de Deus na vida do cristão é ilimitada e está além
da compreensão humana. E finalmente Paulo encerra sua
intercessão com uma doxologia.
oração
há vários tipo de oração
Quando de e o centro da oração; não pede nada .
Louvando ou adorando.
2 as nossas causas ou objetivo e o centro da oração.oração de
perdição pede algum
Oração de consagração
3 oração de intercessão, quando você não ora por você .
Pensar no outro......

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A intercessão na Bíblia.docx

O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
yosseph2013
 
Lição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecidoLição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecido
Jose Ventura
 
Oração e Recomendação às Mulheres Cristãs
Oração e Recomendação às Mulheres CristãsOração e Recomendação às Mulheres Cristãs
Oração e Recomendação às Mulheres Cristãs
Antonio Fernandes
 
Lição 11 final
Lição 11   finalLição 11   final
Simpósio Intercessão parte 2
Simpósio Intercessão parte 2Simpósio Intercessão parte 2
Simpósio Intercessão parte 2
Jana Franpe
 
"Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores""Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores"
JUERP
 
Slide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptx
Slide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptxSlide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptx
Slide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptx
JooSalaroli
 
Lição 05 o reino de deus através da igreja
Lição 05   o reino de deus através da igrejaLição 05   o reino de deus através da igreja
Lição 05 o reino de deus através da igreja
estevao01
 
Meios de graça na igreja
Meios de graça na igrejaMeios de graça na igreja
Meios de graça na igreja
Ivan Barreto
 
Meios de graça na igreja
Meios de graça na igrejaMeios de graça na igreja
Meios de graça na igreja
Ivan Barreto
 
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicasTeologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
Joel da Silva
 
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicasTeologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
Joel O. Silva
 
Lição 10 - A Intercessão pelos Efésios
Lição 10 - A Intercessão pelos EfésiosLição 10 - A Intercessão pelos Efésios
Lição 10 - A Intercessão pelos Efésios
Marina de Morais
 
Lição 5 - A Identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A Identidade do Espírito SantoLição 5 - A Identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A Identidade do Espírito Santo
Igreja Evangélica Assembléia de Deus
 
Cetadeb sonora- ms
Cetadeb  sonora- msCetadeb  sonora- ms
Cetadeb sonora- ms
Anjela Paes Bueno
 
ESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculo
ESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculoESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculo
ESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculo
PAULO RICARDO FERREIRA
 
EBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divina
EBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divinaEBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divina
EBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divina
Andre Nascimento
 
Lição 13 - Orando sem Cessar
Lição 13 - Orando sem CessarLição 13 - Orando sem Cessar
Lição 13 - Orando sem Cessar
Hamilton Souza
 
APOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdf
APOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdfAPOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdf
APOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdf
SEDUC-PA
 
Evangelismo pessoal
Evangelismo pessoalEvangelismo pessoal
Evangelismo pessoal
Gda Geração da Aliança
 

Semelhante a A intercessão na Bíblia.docx (20)

O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
 
Lição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecidoLição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecido
 
Oração e Recomendação às Mulheres Cristãs
Oração e Recomendação às Mulheres CristãsOração e Recomendação às Mulheres Cristãs
Oração e Recomendação às Mulheres Cristãs
 
Lição 11 final
Lição 11   finalLição 11   final
Lição 11 final
 
Simpósio Intercessão parte 2
Simpósio Intercessão parte 2Simpósio Intercessão parte 2
Simpósio Intercessão parte 2
 
"Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores""Somos mais que vencedores"
"Somos mais que vencedores"
 
Slide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptx
Slide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptxSlide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptx
Slide Licao 3 - 2T - 2022 - BETEL.pptx
 
Lição 05 o reino de deus através da igreja
Lição 05   o reino de deus através da igrejaLição 05   o reino de deus através da igreja
Lição 05 o reino de deus através da igreja
 
Meios de graça na igreja
Meios de graça na igrejaMeios de graça na igreja
Meios de graça na igreja
 
Meios de graça na igreja
Meios de graça na igrejaMeios de graça na igreja
Meios de graça na igreja
 
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicasTeologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
 
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicasTeologia. 1 doutrinas bíblicas
Teologia. 1 doutrinas bíblicas
 
Lição 10 - A Intercessão pelos Efésios
Lição 10 - A Intercessão pelos EfésiosLição 10 - A Intercessão pelos Efésios
Lição 10 - A Intercessão pelos Efésios
 
Lição 5 - A Identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A Identidade do Espírito SantoLição 5 - A Identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A Identidade do Espírito Santo
 
Cetadeb sonora- ms
Cetadeb  sonora- msCetadeb  sonora- ms
Cetadeb sonora- ms
 
ESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculo
ESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculoESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculo
ESTUDO Livro filipenses versiculo por versiculo
 
EBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divina
EBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divinaEBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divina
EBD Revista Palavra e Vida: Aula 13: Sob a bênção divina
 
Lição 13 - Orando sem Cessar
Lição 13 - Orando sem CessarLição 13 - Orando sem Cessar
Lição 13 - Orando sem Cessar
 
APOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdf
APOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdfAPOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdf
APOSTILA TEOLOGIA SISTEMATICA - Aula 13 - Igreja I.pdf
 
Evangelismo pessoal
Evangelismo pessoalEvangelismo pessoal
Evangelismo pessoal
 

Mais de sergio dos santos

IGREJA QUE CRECE.docx
IGREJA QUE CRECE.docxIGREJA QUE CRECE.docx
IGREJA QUE CRECE.docx
sergio dos santos
 
TEMA IDENTIDADE X AUTO.docx
TEMA  IDENTIDADE X AUTO.docxTEMA  IDENTIDADE X AUTO.docx
TEMA IDENTIDADE X AUTO.docx
sergio dos santos
 
TEMA PATERNIDADE
TEMA PATERNIDADETEMA PATERNIDADE
TEMA PATERNIDADE
sergio dos santos
 
Culto do amigo.docx
Culto do amigo.docxCulto do amigo.docx
Culto do amigo.docx
sergio dos santos
 
Culto do amigo.docx
Culto do amigo.docxCulto do amigo.docx
Culto do amigo.docx
sergio dos santos
 
Teatro juízo final.docx
Teatro juízo final.docxTeatro juízo final.docx
Teatro juízo final.docx
sergio dos santos
 
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdfpea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
sergio dos santos
 
peça sabedoria.docx
peça sabedoria.docxpeça sabedoria.docx
peça sabedoria.docx
sergio dos santos
 
O Fruto do Espírito Santo.docx
O Fruto do Espírito Santo.docxO Fruto do Espírito Santo.docx
O Fruto do Espírito Santo.docx
sergio dos santos
 
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docxESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
sergio dos santos
 
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docxTEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
sergio dos santos
 
Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx
Isabel e Zacarias viveram Milagres.docxIsabel e Zacarias viveram Milagres.docx
Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx
sergio dos santos
 
estudos 2.docx
estudos 2.docxestudos 2.docx
estudos 2.docx
sergio dos santos
 
A intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docxA intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docx
sergio dos santos
 
Ouvi.docx
Ouvi.docxOuvi.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docxESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
sergio dos santos
 
estudos
estudosestudos
estudos
estudosestudos
estudos
estudosestudos
Documento.pdf
Documento.pdfDocumento.pdf
Documento.pdf
sergio dos santos
 

Mais de sergio dos santos (20)

IGREJA QUE CRECE.docx
IGREJA QUE CRECE.docxIGREJA QUE CRECE.docx
IGREJA QUE CRECE.docx
 
TEMA IDENTIDADE X AUTO.docx
TEMA  IDENTIDADE X AUTO.docxTEMA  IDENTIDADE X AUTO.docx
TEMA IDENTIDADE X AUTO.docx
 
TEMA PATERNIDADE
TEMA PATERNIDADETEMA PATERNIDADE
TEMA PATERNIDADE
 
Culto do amigo.docx
Culto do amigo.docxCulto do amigo.docx
Culto do amigo.docx
 
Culto do amigo.docx
Culto do amigo.docxCulto do amigo.docx
Culto do amigo.docx
 
Teatro juízo final.docx
Teatro juízo final.docxTeatro juízo final.docx
Teatro juízo final.docx
 
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdfpea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
pea-teatral-o-juizo-final (1).pdf
 
peça sabedoria.docx
peça sabedoria.docxpeça sabedoria.docx
peça sabedoria.docx
 
O Fruto do Espírito Santo.docx
O Fruto do Espírito Santo.docxO Fruto do Espírito Santo.docx
O Fruto do Espírito Santo.docx
 
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docxESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
ESTUDO DAS CÉLULAS 2022.docx
 
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docxTEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
TEMA; DEUS LEMBRA DA PROMESSA.docx
 
Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx
Isabel e Zacarias viveram Milagres.docxIsabel e Zacarias viveram Milagres.docx
Isabel e Zacarias viveram Milagres.docx
 
estudos 2.docx
estudos 2.docxestudos 2.docx
estudos 2.docx
 
A intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docxA intercessão na Bíblia.docx
A intercessão na Bíblia.docx
 
Ouvi.docx
Ouvi.docxOuvi.docx
Ouvi.docx
 
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docxESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
ESTUDOS DA TRIBO N 05.docx
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
Documento.pdf
Documento.pdfDocumento.pdf
Documento.pdf
 

Último

Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
FernandoCavalcante48
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
marcobueno2024
 

Último (11)

Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
 

A intercessão na Bíblia.docx

  • 1. Seminário de intercessão “Confessai as vossas culpas uns aos outros e orai uns pelos outros, para que sareis; a oração feita por um justo pode muito em seus efeitos” (Tiago 5:16). A intercessão na Bíblia Na Bíblia temos muitos exemplos de intercessão. Logo no livro de Gênesis, por exemplo, Abraão aparece como sendo alguém que tinha o dom da intercessão (Gênesis 20:7). O livro de Êxodo também mostra como Moisés intercedeu em favor de Israel (Êxodo 32:31,32). Os profetas, de modo geral, eram todos intercessores, ou seja, frequentemente oravam a Deus em favor do povo. O próprio Senhor Jesus também é relatado na Bíblia como o intercessor do seu povo junto ao Pai (Romanos 8:34; Hebreus 7:25; 1 João 2:1,2). Inclusive, os Evangelhos registram orações de Jesus ao Pai em favor dos seus discípulos (João 17:15). Isso fica particularmente claro naquela passagem em que Jesus declara ter rogado em favor de Pedro (Lucas 22:32). Na Carta aos Romanos, o apóstolo Paulo destaca que a intercessão também faz parte do ministério do Espírito Santo. O Espírito Santo intercede pelos crentes com “gemidos inexprimíveis” (Romanos 8:26). O mesmo apóstolo Paulo também é um grande exemplo de intercessor. Frequentemente ele orava a Deus intercedendo pelos crentes (cf. Efésios 3:14-21). A intercessão na vida cristã A intercessão deve ser uma prática constante na vida cristã. O crente deve interceder a Deus em oração por seus familiares, amigos e irmãos na fé. Tiago, por exemplo, registra um dos
  • 2. versículos mais lembrados da Bíblia quando o assunto é a intercessão entre os membros do Corpo de Cristo. Ele escreve: “Confessai as vossas culpas uns aos outros e orai uns pelos outros, para que sareis; a oração feita por um justo pode muito em seus efeitos” (Tiago 5:16). Mas o crente não é chamado a interceder apenas por quem ele tem alguma afinidade pessoal. Na verdade o cristão também deve se apresentar diante de Deus em intercessão por aquelas pessoas que não fazem parte do seu círculo social. Nesse sentido o próprio apóstolo Paulo aborda esse tema ao dizer: “Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões e ações de graças por todos os homens, pelos reis e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade” (1 Timóteo 2:1,2). Na sequência o mesmo apóstolo ainda completa dizendo que “isto é bom e agradável diante de Deus” (1 Timóteo 2:3). Mas considerando que interceder é orar por alguém, então talvez o aspecto mais difícil da intercessão seja aquele ensinado pelo Senhor Jesus no contexto do ensino de que devemos amar os nossos inimigos. Nesse ponto o ensino é bem claro: “Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem” (Mateus 5:44). Também é importante observar que nem sempre Deus responde a uma intercessão da maneira como esperamos. O patriarca Abraão, por exemplo, intercedeu pela cidade de Sodoma sem o sucesso pretendido por ele (Gênesis 18:23-30). Então entendemos que a intercessão do povo de Deus tem um papel importante na forma com que Deus cumpre seus decretos eternos. Mas isso ocorre de um modo em que nem a intercessão perde o seu significado e muito menos a vontade de Deus deixa de ser soberana. Como devemos interceder uns pelos outros?
  • 3. A Bíblia Sagrada nos ensina a como devemos interceder a Deus em favor de outras pessoas. Na Carta aos Efésios, por exemplo, encontramos o registro da intercessão do apóstolo Paulo pelos crentes de Éfeso. Esse registro fornece uma boa orientação de como deve ser o conteúdo da intercessão na Igreja. Primeiro, o apóstolo intercede a Deus para que os efésios tenham esclarecimento acerca de tudo o que eles desfrutavam em Cristo mediante a obra da redenção (Efésios 1:15-23). Depois, Paulo intercede pelos efésios pedindo a Deus que eles sejam capacitados (Efésios 3:13-21). É interessante perceber que de certo modo as duas orações se complementam. Isso porque na primeira oração o apóstolo ora para que eles entendam sua nova condição; e na segunda oração o apóstolo ora para que eles possam viver de acordo com essa realidade maravilhosa. Nesse sentido Paulo ora para que os cristãos sejam fortalecidos com poder mediante o Espírito, e que o coração dos crentes seja, pela fé, uma habitação confortável para Cristo. Assim eles podem conhecer o amor de Cristo que excede todo entendimento, e ser tomados de “toda a plenitude de Deus” (Efésios 3:19). Por fim, o apóstolo conclui sua intercessão pelos efésios testificando que a ação do poder de Deus na vida do cristão é ilimitada e está além da compreensão humana. E finalmente Paulo encerra sua intercessão com uma doxologia. oração há vários tipo de oração Quando de e o centro da oração; não pede nada . Louvando ou adorando. 2 as nossas causas ou objetivo e o centro da oração.oração de perdição pede algum Oração de consagração 3 oração de intercessão, quando você não ora por você . Pensar no outro......