Ppt 2 SituaçãO Problema

3.082 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.082
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
16
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
218
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ppt 2 SituaçãO Problema

  1. 1. 10º ANO - GEOLOGIA Situação-Problema
  2. 2. A história da Terra encontra-se escrita nas rochas. É uma história feita de acontecimentos, ora rápidos e de extraordinária violência, ora lentos e extremamente calmos. Nuno Correia - 09/10
  3. 3. A evolução da vida na Terra é um dos capítulos mais interessantes da história da Terra que pode ser decifrado através do estudo dos fósseis preservados nas rochas. Nuno Correia - 09/10
  4. 4. O aparecimento dos primeiros seres vivos, a evolução dos diferentes organismos, a extinção maciça de espécies e o aparecimento do Homem são, entre outros, acontecimentos que, ao longo dos tempos, têm cativado a atenção e o interesse de muitas gerações de geólogos. Nuno Correia - 09/10
  5. 5. A profissão de geólogo. Nuno Correia - 09/10
  6. 6. Ramo da Ciência que se dedica à:  Caracterização da estrutura e composição da Terra;  Compreensão e caracterização dos mecanismos que regem os fenómenos naturais (processos geológicos);  Investigação das várias etapas históricas por que o Planeta passou ao longo do tempo. Nuno Correia - 09/10
  7. 7. Saber observar Nuno Correia - 09/10
  8. 8. Saber questionar … medir… e registar Nuno Correia - 09/10
  9. 9. Interpretar… compreender…comunicar Nuno Correia - 09/10
  10. 10. e há muitas maneiras de o fazer Nuno Correia - 09/10
  11. 11. QUE SE COMPLEMENTAM .... E EXIGEM MÉTODO, DISCIPLINA, TRABALHO, RIGOR. Nuno Correia - 09/10
  12. 12. Questionem.... muito, de preferência!... Nuno Correia - 09/10
  13. 13. Causas das Extinções em Massa Nuno Correia - 09/10
  14. 14. Extinção das Espécies Glossopteris Um dos fenómenos mais apaixonantes da história da vida na Dinossauros Terra é o das extinções das espécies. Mamutes Nuno Correia - 09/10
  15. 15. Desde o aparecimento das primeiras formas de vida até à actualidade, milhões de espécies de organismos já desapareceram do nosso planeta. Nuno Correia - 09/10
  16. 16. Extinção (conceito) Entende-se por extinção de uma espécie a redução gradual do número dos seus indivíduos até ao seu desaparecimento. Raphus cucullatus - Dodo Nuno Correia - 09/10
  17. 17. A extinção de espécies é um fenómeno geralmente associado a alterações climáticas e geológicas. No entanto, a intervenção directa ou indirecta do Homem nos ecossistemas naturais tem vindo a constituir um factor de risco de extinções em massa. Nuno Correia - 09/10
  18. 18. No complexo ecossistema terrestre, a extinção de espécies e a sua substituição por outras é um processo natural que está na base da actual biodiversidade. Nuno Correia - 09/10
  19. 19. Fóssil vivo  "Fósseis vivos" são organismos actuais pertencentes a grupos biológicos que, no passado geológico da Terra, foram muito mais abundantes e diversificados que na actualidade.  Frequentemente, a expressão "fóssil vivo" é também utilizada informalmente para qualificar organismos de grupos biológicos actuais que são morfologicamente muito similares a organismos dos quais há conhecimento apenas do registo fóssil. http://webpages.fc.ul.pt/~cmsilva/Paleotemas/Fossilvivo/Fossilvivo.htm Nuno Correia - 09/10
  20. 20. Extinção do Cretácico
  21. 21. Hipóteses e Teorias Teoria consistente Observações Hipótese Previsões não consistente Altera-se a Hipótese Testes Nuno Correia - 09/10
  22. 22. Causas Geológicas  Transgressões e regressões marinhas  Actividade vulcânica  Tectónica de Placas Nuno Correia - 09/10
  23. 23. Transgressões e Regressões Topo Numa regressão aumenta o diâmetro dos sedimentos da base para o topo. Base Praia da Falésia (Albufeira, Pt) Nuno Correia - 09/10
  24. 24. Actividade vulcânica Nuno Correia - 09/10
  25. 25. As escoadas dos Traps do Decão (Índia) representam milhões de quilómetros cúbicos de basalto, com idade situada no limite K-T. Nuno Correia - 09/10
  26. 26. Tectónica de Placas Nuno Correia - 09/10
  27. 27. Causas Cosmológicas Nuno Correia - 09/10
  28. 28. Impacto meteorítico Nuno Correia - 09/10
  29. 29. História de uma extinção Walter Alvarez, em 1980, descobriu uma anomalia no teor de irídio numa sequência sedimentar marinha com idade situada na fronteira K-T (Cretácico-Terciário), na cidade de Gubbio, em Itália. Este metal nobre, muito comum nos meteoritos, tem ali uma concentração cerca de trinta vezes superior à das rochas da superfície terrestre. Nuno Correia - 09/10
  30. 30. Desta forma, foi formulada a hipótese de que um corpo de grandes dimensões, oriundo do espaço, tenha colidido com a Terra nesta altura. Nuno Correia - 09/10
  31. 31. Cratera de Impacto No México foi encontrada uma estrutura circular, datada do Terciário, com 200 a 300 quilómetros de diâmetro, e que foi identificada como uma cratera de impacto meteorítico - a cratera de Chicxulub. Nuno Correia - 09/10
  32. 32. Este impacto teria levantado uma nuvem de poeira e de outras pequenas partículas, de tal modo intensa, que fez com que a luz solar não fosse capaz de a atravessar e chegar até ao solo. Nuno Correia - 09/10
  33. 33. Esta é a causa correntemente atribuída à extinção dos dinossáurios, como defendeu Alvarez. Nuno Correia - 09/10
  34. 34. Com os conhecimentos actuais, será muito difícil excluir definitivamente qualquer uma das prováveis hipóteses da extinção em massa. Provavelmente, nem será necessário. Com efeito, vários modelos têm sido apresentados em que os dois fenómenos poderão estar associados. Nuno Correia - 09/10
  35. 35. Nuno Correia - 09/10

×