Programa espacial dos Estados UnidosOrigem: Wikipédia, a enciclopédia livre.Programa espacial estadunidense ou Programa es...
Mesmo assim, apenas quatro meses após o lançamento da Sputnik I, os EUA responderam com seu primeiro satélite,o Explorer I...
Houve doze vôos no Projeto Gemini, dez deles tripulados, que ocorreram entre março de 1965 enovembro de 1966. As missões t...
    Apollo 8 (Frank Borman, James Lovell e William Anders) - dezembro de 1968 - orbitou     a Lua na noite de Natal    A...
O projeto de construção de veículos espaciais reutilizáveis remonta de 1975, quando foramfeitos os primeiros testes de um ...
A maior parte do Projeto Constellation utiliza equipamentos e sistemas baseados noconhecimento adquirido com o projeto do ...
[editar]Exploração    de MarteOs EUA enviaram três missões de pesquisa ao planeta vermelho: Viking, MarsPathfinder e Mars ...
[editar]Ver   tambémUm lugar bem conhecidoEnviar por eCompartiCompartilhar no FaCompartilhar no OrLocalizada a 384 mil qui...
Face e fasesA Lua está sempre com uma mesma face voltada para a Terra,mas isso não significa que ela não se mova.Naverdade...
primeira nave tripulada a entrar em órbita lunar.As Apollo 9 e 10 realizaram os testes finais antes do pouso na Lua,diaque...
Surveyor.A volta à Terra aconteceu no dia 24 de novembro.Apollo 13A Apollo13 constituiu-se com a mais dramática missão já ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Programa espacial dos estados unidos

1.234 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.234
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Programa espacial dos estados unidos

  1. 1. Programa espacial dos Estados UnidosOrigem: Wikipédia, a enciclopédia livre.Programa espacial estadunidense ou Programa espacial dos Estados Unidos da América designa o programade exploração espacial executado pelos EUA, que inclui o desenvolvimento e usodefoguetes, espaçonaves, satélites de comunicação, meteorológicos, espiões e sondas interplanetárias. Constituidentre os programas espaciais existentes, aquele com o maior orçamento do mundo.[editar]Motivação e início do programaA partir do fim da Segunda Guerra Mundial, com o surgimento dos EUA como maior potência mundial e da URSS comoseu rival, a disputa política, diplomática e militar entre ambos rapidamente generalizou-se para todos os campos,inclusive a exploração do espaço.Devido aos primeiros sucessos da URSS no espaço, com o lançamento do primeiro satélite (Sputnik) e do primeirohomem no espaço (Yuri Gagarin), os EUA perceberam que teriam de aumentar seus esforços e investimentos nestaárea se não quisessem ficar para trás. Causaram mais perplexidade ainda nos EUA os feitos iniciais dos soviéticos,pois havia opinião formada nos EUA que a URSS era um "país agrícola" e estava "destruída pela guerra".Em famoso discurso em 1961, John F. Kennedy lançou o desafio de, antes que a década terminasse, "enviar homens aLua e retorná-los a salvo".No famoso discurso na Universidade Rice suas palavras foram: We choose to go to the moon. We choose to go to themoon in this decade and do the other things, not because they are easy, but because they are hard ("Nós decidimos ir aLua. Nós decidimos ir a Lua nesta década e fazer as outras coisas, não porque elas são fáceis, mas porque elas sãodifíceis").A partir de então, os EUA colocaram em marcha um ambicioso programa espacial tripulado que iniciou com o ProjetoMercury, que usava uma cápsula com capacidade para um astronauta em manobras em órbita terrestre, seguidopelo Projeto Gemini com capacidade para dois astronautas, e finalmente o Projeto Apollo, cuja espaçonave tinhacapacidade de levar três astronautas e pousar na Lua.Este objetivo foi atingido em 20 de julho de 1969, quando os astronautas da Apollo 11 pousaram na superfície lunar.Particularmente importante para os EUA foi a aquisição de Wernher von Braun, um dos principais projetistas alemãesda V-2, que participou ativamente do programa de mísseis balísticos dos EUA e depois dos primeiros passos doprograma espacial estadunidense (tendo sido inclusive o líder da equipe que projetou o lançador Saturno V).[editar]Razões para o atraso inicialMuito do atraso inicial do programa espacial dos EUA pode ser atribuído a um erro estratégico de investir inicialmentenos lançadores Vanguard, mais complexos e menos confiáveis que os lançadoresRedstone (baseado nas antigas V-2 alemãs). Isto acarretou que a capacidade de lançamento estadunidense era de 5 kg no momento em que a Sputnik I,de 84 kg mas com capacidade de 500 kg, fora recém lançada pela URSS.
  2. 2. Mesmo assim, apenas quatro meses após o lançamento da Sputnik I, os EUA responderam com seu primeiro satélite,o Explorer I, em 31 de janeiro de 1958, e logo depois com as Vanguard I, II e III.[editar]Criação da Nasa Com a derrota da Alemanha na Segunda Guerra Mundial, os EUA e a URSS capturaram a maioria dos engenheiros que trabalharam no desenvolvimento da V-2(veja também Operação Paperclip). Verdade é que eles foram relevantes apenas no programa espacial dos EUA, já que os capturados pela URSS não passavam de engenheiros e técnicos de produção. Logo os EUA estariam lançando seus primeiros foguetes Bumper, baseados nas V-2. Em julho de 1958 é criada a agência espacial dos EUA, Nasa, responsável por coordenar todo o esforço estadunidense de exploração espacial e administrar o programa espacial dos EUA. Rapidamente os EUA enviaram diversos satélites artificiais e sondas para explorar outros planetas. Por volta da metade da década de 1960 os EUA haviam lançado tantos satélites meteorológicos, de comunicações e espiões, que seria impossível relacioná-los todos em pouco espaço. Assim, destacamos a sonda Mariner 2, que pousou em Vênus em 1962, os 16 satélites Explorers e os 38 satélites de reconhecimento Discoverer. [editar]Projeto Mercury Ver artigo principal: Projeto Mercury Os vôos tripulados do programa espacial dos EUA iniciaram com o Projeto Mercury, baseado em uma nave com capacidade para um astronauta e manobras em órbita da Terra. Os vôos tripulados do Mercury foram:  Freedom 7 - 5 de maio de 1961 - Alan B. Shepard, Jr. - primeiro estadunidense no espaço, em vôo sub-orbital de 15 minutos, usando um foguete Redstone;  Liberty Bell 7 - 21 de julho de 1961 - Virgil Grisson - também vôo sub-orbital usando um foguete Redstone;  Friendship 7 - 20 de fevereiro de 1962 - John H. Glenn, Jr. - primeiro vôo orbital tripulado dos EUA, usando um foguete Atlas;  Aurora 7 - 24 de maio de 1962 - Scott Carpenter - a missão usou um foguete Atlas;  Sigma 7 - 3 de outubro de 1962 - Walter M. Schirra, Jr. - usando o Atlas;  Faith 7 - 15 de maio e 16 de maio de 1963 - Gordon Cooper - lançado por um foguete Atlas. [editar]Projeto Gemini O segundo projeto tripulado da Nasa foi o Projeto Gemini, que consistia em uma nave com capacidade para dois astronautas e manobras em órbita da Terra. Os principais objetivos das missões Gemini eram testar a acoplagem em órbita e atividades extra-veiculares, duas habilidades consideradas necessárias para o pouso na Lua. O lançador usado no Projeto Gemini foi o foguete Atlas. O Projeto Gemini também usou o estágio Agena, um veículo para treinamento de rendez-vous e acoplamento.
  3. 3. Houve doze vôos no Projeto Gemini, dez deles tripulados, que ocorreram entre março de 1965 enovembro de 1966. As missões tripuladas do projeto foram: Gemini III (ou Molly Brown) - 23 de março de 1965 - Virgil Grisson e John Young - primeiro vôo tripulado do Projeto Gemini (três órbitas) Gemini IV - 3 de junho até 7 de junho de 1965 - James McDivitt e Ed White - primeira atividade extraveicular estadunidense (White "caminhou no espaço" durante 22 minutos) Gemini V - 21 de agosto até 29 de agosto de 1965 - Gordon Cooper e Charles Conrad - testou manobras de rendez-vous (encontro em órbita) Gemini VI - 15 de dezembro e 16 de dezembro de 1965 - Walter M. Schirra, Jr. e Tom Stafford - primeiro rendez-vous com a Gemini VII Gemini VII - 4 de dezembro até 18 de dezembro de 1965 - Frank Borman e James Lovell - falhou a acoplagem com estágio Agena (veículo para treinamento de rendez-vous e acoplagem); acoplou com a Gemini VI; teste se humanos poderiam viver no espaço por 14 dias Gemini VIII - 16 de março de 1966 - Neil Armstrong e David Scott - primeira acoplagem com Agena; defeito quase ocasionou desastre e perda dos astronautas; primeiro pouso de emergência do programa espacial Gemini IX - 3 de junho até 6 de junho de 1966 - Tom Stafford e Eugene Cernan - três diferentes tipos de rendez-vous; 44 órbitas completadas Gemini X - 18 de julho até 21 de julho de 1966 - John Young e Michael Collins - primeiro uso dos sistemas propulsores da Agena; rendez-vous com veículo Gemini VIII; Collins fica 49 minutos em atividades extra-veiculares e 39 minutos para recuperar experimento na Agena Gemini XI - 12 de setembro até 15 de setembro de 1966 - Charles Conrad e Richard Gordon - recorde de altitude da Gemini (1.189,3 km); rendez-vous e acoplagem com Agena Gemini XII - 11 de novembro até 15 de novembro de 1966 - James Lovell e Edwin "Buzz" Aldrin - último vôo do Projeto Gemini; Aldrin executa uma atividade extra-veicular de 5 horasO projeto foi bem sucedido em seus objetivos de desenvolver a tecnologia e preparar os astronautaspara as missões para a Lua.[editar]Projeto Apollo O terceiro projeto tripulado da Nasa foi o Projeto Apollo. Este projeto envolveu um fantástico esforço de US$ 20 bilhões, 20.000 companhias que desenvolveram/fabricaram componentes e peças, e 300.000 trabalhadores. Seis missões Apollo pousaram na Lua (no total de doze astronautas que caminharam na Lua). As missões tripuladas do Projeto Apollo foram:  Apollo 7 (Walter Schirra, Donn Eisele e Walter Cunningham) - decolagem em 11 de outubro de 1968 - primeira missão Apollo tripulada
  4. 4.  Apollo 8 (Frank Borman, James Lovell e William Anders) - dezembro de 1968 - orbitou a Lua na noite de Natal Apollo 9 (James McDivitt, David Scott e Russell Schweikart) - março de 1969 - testes do Módulo Lunar em órbita da Terra Apollo 10 (Tom Stafford, John Young e Eugene Cernan) - maio de 1969 - testes em órbita da Lua Apollo 11 (Neil Armstrong, Michael Collins e Edwin "Buzz" Aldrin) - decolagem em 16 de julho de 1969, pouso na Lua em20 de julho de 1969, retorno a Terra em 24 de julho de 1969 - primeiros homens a caminhar na Lua Apollo 12 (Charles "Pete" Conrad, Richard Gordon e Alan Bean) - novembro de 1969 - recolheu partes da sonda "Surveyor 3" Apollo 13 (James Lovell, John Swigert e Fred Haise) - abril de 1970 - acidente grave impediu pouso na Lua Apollo 14 (Alan Shepard, Stuart Roosa e Edgar Mitchell) - fevereiro de 1971 - experimentos científicos Apollo 15 (David Scott, James Irwin e Alfred Worden) - julho de 1971 - uso do rover lunar Apollo 16 (John Young, Thomas Mattingly e Charles Duke) - abril de 1972 - ficou 3 dias na superfície da Lua Apollo 17 (Eugene Cernan, Ronald Evans e Harrison Schmitt) - dezembro de 1972 - último vôo do projeto Apollo para a Lua Skylab II, III e IV - três missões que usaram a nave Apollo para trabalhar com a estação espacial Skylab Apollo-Soyuz ou Apollo 18 (Tom Stafford, Vance Brand e Donald "Deke" Slayton) - julho de 1975 - acoplou em órbita da Terra com a Soyuz 19 da URSSApós a missão Apollo 18, a Nasa abandonou a nave Apollo para desenvolver um veículoreutilizável, chamado Ônibus Espacial (Space Shuttle), que entrou em operação em 1981.[editar]Ônibus Espacial Após o bem sucedido Projeto Apollo, a Nasa aposentou a nave Apollo em detrimento de um veículo reutilizável, chamadoÔnibus Espacial (Space Shuttle; em Portugal: Vaivém Espacial). O Ônibus Espacial vôou a primeira vez em 1981 e serviu até recentemente as necessidades da Nasa. Diversos acidentes, o mais recente deles com a nave Columbia, acabaram demonstrando a obsolescência do projeto. O veículo deverá ser substituído em breve por outro veículo reutilizável.
  5. 5. O projeto de construção de veículos espaciais reutilizáveis remonta de 1975, quando foramfeitos os primeiros testes de um protótipo acoplado a um avião Boeing adaptado a testes devôo a grande altitude. O objetivo foi testar a aerodinâmicae a dirigibilidade do ÔnibusEspacial.Foram construídas cinco espaçonaves deste tipo,chamadas Columbia, Challenger, Discovery, Atlantis e Endeavour, que foram usadas emdiversas missões no espaço. Destas apenas a Discovery, a Atlantis e a Endeavour aindaexistem, já que as outras acabaram destruídas em acidentes que se tornaram tragédias dahistória da exploração espacial.Ainda foram construidas mais duas naves, uma chamada Enterprise, usada apenas paratestes de pouso, mas sem capacidade de entrar em órbita, e a outra chamada Pathfinder,um simulador usado para treinamento dos astronautas.A mais conhecida tragédia envolvendo o Ônibus Espacial ocorreu em janeiro de 1986, emque um defeito nos tanques de combustível causou a explosão do ÔnibusEspacial Challenger, matando todos os seus ocupantes, inclusive a professora ChristaMacAulife, a primeira civil a participar de um vôo espacial.(Logo na partida da naveChallenger , as fotografias e filmes em alta velocidade já indicavam a presença de umafumaça negra , resultante de uma pequena explosão no tanque de combustível( elementocentral cor laranja) , esta ruptura expôs o hidrogênio líquido à atmosfera e em consequênciada proximidade das chamas do foguete , este combustível logo entrou em combustão ,abrindo caminho para desintegração do tanque e explosão de todo o conjunto.(Arq.Fernando Butinholle, Planetary Society Member 2011))O Ônibus Espacial é constituído por três partes: o veículo reutilizável, um tanque externo(elemento central cor laranja) e dois foguetes propulsores de combustível sólido. O ÔnibusEspacial é operado por motores traseiros e 44 mini-jatos de controle de órbita. A decolagemé feita pelos foguetes, e ele pousa como avião - porém apenas planando sem motores e àuma única oportunidade de aproximação , sem chances de arremeter ; em uma pista de 7quilômetros no Deserto , embora existam 2 pistas previstas em diferentes lugares dosU.S.A.[editar]Projeto ConstellationO Projeto Constellation é o novo programa da NASA para criar uma nova geração deespaçonaves para vôos tripulados e consiste de dois foguetes de lançamentos,Ares I e AresV, uma cápsula para tripulantes, a Orion, um estágio de partida da Terra e o módulolunar Altair. Essa espaçonave será capaz de realizar uma grande variedade de missões,desde ressuplir a Estação Espacial Internacional até fazer lunissagem.
  6. 6. A maior parte do Projeto Constellation utiliza equipamentos e sistemas baseados noconhecimento adquirido com o projeto do ônibus espacial. A dupla módulo de serviço ecápsula para tripulantes é fortemente influenciada pelo projeto Apollo e também usarámotores derivados dos foguetes Saturn V e Delta IV. As missões previstas no projetoConstellation deverá incluir manobras de aproximação em órbita da Terra e da Lua.Entre as principais novidades deste projeto destaca-se a capacidade da espaçonave Oriontransportar 6 tripulante em missões em órbita da Terra e 4 tripulantes para uma missãona Lua ou Marte e o fato de que a Orion poderá ficar em órbita da Lua sem tripulantesdurante a missão em solo.Com esse projeto, a NASA pretende suportar a sua nova visão de exploração espacial queinclui como primeiro passo a volta da exploração humana da Lua (em 2020) através dainstalalção de bases com tripulação permanente, e posteriormente a realização das primeiraviagens até Marte.Os primeiros testes do projeto já estão em andamento e está previsto para 2009 um vôo deteste do foguete Ares I com a cápsula Orion sem tripulantes. Também está previsto que aOrion entre em operação em 2011 tendo em vista que os ônibus espaciais serão retiradosde operação em 2011.[editar]Principais sondas espaciaisOs EUA desenvolveram uma série de projetos de exploração espacial usando sondas deespaço profundo, além da já citada Mariner 2, podemos citar também asPioneer 10 e 11 quepesquisaram Júpiter em 1973 e 1974, e em 1979 enviaram fotos de Saturno.A Pioneer 10 foi o primeiro artefato humano a abandonar o sistema solar. Lançada em 3 demarço de 1972, sobrevoou Júpiter a aproximadamente 131.000 km em 3 dedezembro de 1973. Depois, em 3 de dezembro de 1974, a Pioneer 11 também sobrevoouJúpiter a 46.000 km, seguindo rota depois para Saturno.Também devemos lembrar das Voyager I e II que pesquisaram os planetas externos dosistema solar e abandonaram o sistema solar partindo para uma viagem sem volta emdireção das estrelas. A Voyager II, lançada em 20 de agosto de 1977 passou a 286.000 kmde Júpiter e a 101.000 km de Saturno. Em 24 de janeirode 1986 ela passou a 82.000 kmde Urano, o planeta mais distante da Terra a ser visitado por uma sonda espacial.Em 1976 a Viking (EUA) pousou em Marte e coletou muitos dados do planeta, assim comoenviou muitas fotografias de seu relevo.Mais avançada, a Pathfinder dos EUA, pousou no solo de Marte em 1997, com um veículorobótico capaz de movimentar-se na superfície marciana e enviar fotos detalhadas de seuterreno.
  7. 7. [editar]Exploração de MarteOs EUA enviaram três missões de pesquisa ao planeta vermelho: Viking, MarsPathfinder e Mars Global Surveyor.As missões Viking enviaram duas naves gêmeas para Marte, as Viking 1 e Viking 2. AViking 1 foi lançada em 20 de agosto de 1975 e chegou em Marte em 19 de junho de 1976.A Viking 2 foi lançada em 9 de setembro de 1975 e entrou em órbita de Marte em 7 deagosto de 1976. Ambas pousaram naves-filhas, os Landers, que tiraram fotos, tomaramamostras e efetuaram análises de solo em busca de vida marciana.Às missões Viking seguiu-se a Pathfinder, que foi uma das mais bem sucedidas sondas dahistória da exploração espacial. A Pathfinder foi lançada ao espaço em 4 dedezembro de 1996. Ela possuía um robô chamado Sojourner, que permitia mobilidade nasobservações da superfície marciana. O robô foi projetado para movimentar-se pelasuperfície de Marte e colher amostras, assim como fazer análises do solo.As imagens da Pathfinder foram recebidas até setembro de 1997, quando as transmissõesse interromperam por algum problema desconhecido.A Mars Global Surveyor é uma nave da Nasa lançada em 7 de novembro de 1996, quechegou à órbita de Marte em 12 de setembro de 1997. Sua missão principal começou emmarço de 1999 e terminou em janeiro de 2001. A missão estendida começou imediatamenteapós em Fevereiro de 2001 e terminou em Dezembro de2006. A Surveyor pousou doisveículos robóticos de controle remoto (rovers) na superfície de Marte, o Opportunity e oSpirit. Ambos obtiveram valiosas informações científicas do solo marciano.[editar]Projetos recentesUm dos grandes feitos recentes da Nasa foi o Telescópio Espacial Hubble, posto em órbitada Terra em 1990, e que captou as mais nítidas imagens do céu até então vistas, que estãopermitindo descobrir as origens de nosso Universo.A sonda Deep Space 1 foi lançada em 24 de outubro de 1998, testando diversas novastecnologias espaciais. Sua missão foi bem sucedida em encontrar-se com ocometaBorrelly e enviar as melhores fotos de um cometa jamais obtidas. A nave deixou defuncionar em dezembro de 2001.Ainda são dignas de menção as sondas Galileu, que descobriu vulcões em Io, e Cassini,lançada em 1997, que pesquisa Saturno.Atualmente, os EUA também participam da construção da Estação EspacialInternacional junto com 16 outros países, inclusive a ex-rival Rússia.A Nasa também vem trabalhando no projeto do avião espacial.
  8. 8. [editar]Ver tambémUm lugar bem conhecidoEnviar por eCompartiCompartilhar no FaCompartilhar no OrLocalizada a 384 mil quilômetros da Terra,a Lua é o corpo celestemais próximo de nós e exibe sempre uma mesma face voltada para o planeta.Um céu permanente negro,e enormes crateras de até 200Km de diâmetro, ausência de atmosfera e temperaturas quevariam de 100ºC a dezenas de graus abaixo de zero.Apesar do aspecto sombrio,a Lua sempre exerceu um fascínio nahumanidade,inspirando tantos artistas e casais apaixonados como astrônomos e observadores do céu.Na década de1960,o encanto pelo satélite natural da Terra tornou-se uma obsessão com a corrida espacial,empreendida por norte-americanos e soviéticos,rumo a Lua.Origem incertaApesar dos estudos e dos dados científicos existentes,a origem da Lua permanece até hoje envolta em mistérios.Nãose sabe se ela é um corpo celeste capturado pela órbita terrestre,se é fruto da colisão de um objeto com a Terra-queteria lançado fragmentos ao espaço formando a Lua-ou se foi constituída na mesma ´poca em que o nosso Planeta.Seja como for,no início de seu processo de formação,a Lua era recoberta por uma grossa camada de lava fundida.Oresfriamento gradual desse material criou uma crosta uniforme,com rochas claras,submetida posteriormente a intensose constantes choques de meteoritos,o que fez com que ela ficasse repleta de crateras.A energia gerada pelos impactosaqueceu novamente o interior lunar e fundiu o magma,que formou as regiões baixas,visíveis da Terra como manchasescuras.Chamadas de mares lunares,essas regiões possuem poucas crateras e constituem uma pequena parte dasuperfície.Depois que os grandes choques cessaram,há cerca de 2 bilhões de anos,os poucos impactos ocorridosfragmentaram as rochas superficiais,gerando os minúsculos grãos de poeira que compõem o solo lunar.As montanhas,ao contrário,têm o maior número de crateras e são os locais mais brilhantes quando observadas daTerra.O primeiro ser vivo Laika era uma cadela que vivia nas ruas de Moscou.Foiselecionada,junto com outros dois cães,para ser submetida aos testes que escolheria o primeiro animalenviado ao espaço.Umas das intenções deste experimento era pesquisar as reações causadas pelas viagensespaciais no organismo dos seres vivos.Como o satélite não foi projetado para ser recuperado,estava previstapara a cadela,uma injeção letal,que seria aplicada automaticamente no prazo de dez dias.Porém,estima-se queLaika tenha morrido poucas horas após o lançamento,vítima das altas temperaturas registradas no minúsculocompartimento interno da nave.Mundo de craterasVisíveis a olho nu,as crateras da Lua chamam a atenção.Elas são resultado do choque de meteoritos ocorrido duranteo processo de formação do satélite.A superfície lunar ainda guarda as marcas de colisões porque,diferentemente daTerra,lá não há vento nem ocorrem processos erosivos.A força gravitacional da Lua é seis vezes menor do que a terrestre.Assim,uma pessoa de 70 quilos na Terra,passaria ater mais de 11 quilos em solo lunar.Daí a explicação para as famosas imagens que mostram astronautas andando aossaltos na Lua.Outro fato curioso é a influência que a Lua exerce sobre os oceanos terrestres.A atração gravitacional interfere nomovimento das marés e ,por consequência,na vida dos seres vivos das áreas litorâneas,já que a variação do nível dosmares influencia esse habitat.
  9. 9. Face e fasesA Lua está sempre com uma mesma face voltada para a Terra,mas isso não significa que ela não se mova.Naverdade,a Lua gira ao redor de seu eixo ,e ao mesmo tempo,em torno da Terra.Os dois movimentos,noentanto,coincidem de tal modo que um lado do satélite está sempre visível e o outro lado,oculto.A impressão de que a Lua muda de forma decorre da luminosidade que recebe do Sol.Quando a Terra,o Sol e a Luaestão alinhados,o hemisfério lunar voltado para a Terra fica inteiramente iluminado e ocorre a fase da LuaCheia.Quando o satélite fica entre a Terra e o Sol,sem receber luminosidade,acontece a Lua Nova.As luas cheia enova são intercaladas pelas fases minguante e crescente.Ou seja enquanto está ocorrendo o alinhamento entreSol,Terra e Lua está ocorrendo a fase Crescente.Veja agora os horários aproximados do poente e nascente da cada fase da Lua:Fase da Lua Horário da nascente Horário do poenteLua nova seis da manhã seis da tardeLua crescente meio dia meia noiteLua cheia seis da tarde seis da manhãLua Minguante meia noite meio diaMITO:Não é verdade que a Lua nasce quando o Sol se põe e se põe quando o Sol nasce.Isso é razoavelmenteválido para a Lua Cheia.Destino:Lua!Um pequeno passo para o homem,um salto gigantesco para a humanidade.Uma das mais célebres frases da históriafoi pronunciada por Neil Armstrong,o primeiro ser humano a pisar em solo lunar.Em 25 de maio de 1961,cerca de um mês e meio após a União Soviética colocar o primeiro homem na órbita daTerra,o presidente norte-americano John F.Kennedy pronunciou um discurso histórico,na qual prometia odesenvolvimento de uma nave espacial que chegue à Lua,com o propósito de enviar um homem e trazê-lo de volta àTerra,antes do fim desta década.Os Estados Unidos seguiram à risca a programação e enviaram sondas para o reconhecimento do satélite.Além dassondas Ranger e Lunar Orbiter,que fizeram extenso mapeamento na Lua,o programa Gemini contou com dez missõestripuladas que testaram diversas técnicas,como o acoplamento entre naves que seriam utilizadas na missões Apollo.Aomesmo tempo,cientistas trabalhavam no desenvolvimento de foguetes que pudessem colocar as naves Apollo emórbita.Inúmeros testes resultaram no Saturn V,um poderoso propulsor com três estágios e 110 metros decomprimento.Os dois primeiros estágios tinham por objetivo levar a Apollo 11ao espaço,colocando-a na órbita daTerra.O terceiro conduziria a nave para a trajetória correta,em direção à Lua.Dentre diversas polêmicas:O homem foi a Lua?Sim, o homem foi a Lua.Muitas pessoas duvidam e apresentam diversas provas,que seriam erros na montagem daNASA,mas todas essas provas podem ser explicadas simplesmente pelos cientistas,basta pensar umpouquinho,dentre essas provas muitas estão erradas e foi falta de pensar quem as inventou.Veja as provas:Bandeira:Muitos acham que a bandeira ao ser fincada no chão,ela começa a tremular,mas o que acontece na verdadeé que ao os astronautas fincarem ela,ela vai mexer sendo assim ao ser fincada ela estará na posição que estava ao sertremulada com o impulso dos astronautas.Temperatura:Na Lua as temperaturas são extremamente difícil de ser superada por um ser humano,mas a área queeles pousaram era uma área que nem fazia muito frio,nem muito calor.Diferentes lugares das sombras:A lua não possuía no momento uma única fonte de luz as luzes dos flashes poderiamdiferenciar o lugar de cada sombra e também como existem diversas crateras a luz do sol refletida pela Lua direciona aluz para diferentes lugares.Onde estão as estrelas:Esta é a pior das provas,varias pessoas dizem a NASA esqueceu as estrelas no cenário,masé impossível de ver as estrelas da Lua pois lá não há atmosfera.Veja agora evidências que podem complementar o fato de que o homem foi a Lua:Rochas da Lua:As rochas trazidas da Lua são diferentes das da Terra,diversos cientistas de todo mundo,estudouessas rochas e não houve suspeita de que elas não eram da Lua.Corrida Espacial:Na época em que o homem foi a Lua,grandes potências disputavam a corrida espacial,a UniãoSoviética,uma delas,nunca disse ou duvidou que o homem foi a Lua,sendo que ela era concorrente dos EstadosUnidos e vigiavam os Estados Unidos 24h.Painel deixado na Lua:Os astronautas deixaram um painel na Lua,onde envia informações para a Terra,diversoscientistas usam este painel até hoje e nunca questionaram que ele era falso.Comprove estas ideias vendo o vídeoabaixo:O programa ApolloO programa Apollo,que levaria o homem à Lua,teve início trágico.Em 27 de janeiro de 1967,quando quando osastronautas da Apollo 11 testavam em Terra os equipamentos do módulo de comando,uma faísca provocou umincêndio.O interior da cápsula,cheio de oxigênio,foi incendiado.Os astronautas Edward White,Virgil Grisson e RogerChaffee morreram asfixiados.Apesar do trauma o programa teve prosseguimento.Em 1968,a Apollo 8 tornou-se a
  10. 10. primeira nave tripulada a entrar em órbita lunar.As Apollo 9 e 10 realizaram os testes finais antes do pouso na Lua,diaque entrou para a história como um dos mais memoráveis feitos humanos.O primeiro passo:Exatamente às 23h56min20s de 20 de julho de 1969,pelo horário de Brasília,Neil Armstrong tocou o solo lunarcom o pé esquerdo e pronunciou a famosa frase:Um pequeno passo para o homem,um salto gigantesco paraa humanidade.Cerca de 20 minutos depois,Edwin Aldrin também desceu.Os dois fincaram a bandeira norte-americana e deixaram uma placa com o seguinte texto:Aqui,homens do planeta Terra pisaram pela primeiravez na Lua,em julho de 1969.Viemos em paz,em nome de toda a humanidade.Os astronautas permaneceramcerca de duas horas na Lua e coletaram 27 quilos de amostras de solo.Também instalaram um sismógrafo eum painel para estudos dos ventos solares.Encerrada a missão,eles voltaram para o Eagle.No diaseguinte,regressaram ao módulo de comando para a viagem de volta.No dia 24 de julho,a Apollo 11 chegoucom sucesso na Terra.Um dia para a história!O Cabo Canaveral,na Flórida,foi palco do mais aguardado lançamento espacial da história.No dia 16 de julho de1969,a Apollo 11 partiu levando Neil Armstrong,Edwin Aldrin,Michael Collins,três veteranos do programa Gemini.O procedimento ocorreu exatamente como planejado,o que não impediu que,ao redor do complexo Kennedy SpaceCenter,médicos,enfermeira,oficiais de salvamento e especialistas em reanimação estivessem a postos.E não era paramenos:o foguete Saturn V,ao qual estava acoplada a nave,encontra-se equipado com cerca de três toneladas decombustível volátil,quantidades suficientes para liberar força equivalente a quase 550 mil quilos de dinamite.Após 11 minutos e 49 segundos,a Apollo 11 atingiu a órbita terrestre.A partir de então,seguiu o caminho para a Lua,a38.600Km/h.A nave contava com três módulos:o de comando,o de serviço e o lunar.Durante a viagem,de 384 milkm,os três astronautas dividiram o limitado espaço do módulo de comando,um compartimento de seis metrosquadrados.No terceiro dia de viagem,a Apollo 11 entrou em órbita lunar.Ouça o homem na Lua,dizendo Um pequeno passo para um homem,um grande salto para a humanidade:Pouso e embarqueNo dia seguinte,20 de julho,o módulo lunar ocupado por Armstrong e Aldrin,chamado Eagle,desprendeu-se do módulode comando.Como ele não possuía assentos,os dois astronautas permaneceram em pé por cerca de duashoras,quando tiveram início as manobras de pouso.Nesse meio tempo porém,houve um momento dramático,porque oEagle passou cerca de um quilômetro do ponto previsto e o módulo quase ficou sem combustível.Quando finalmenteprocedeu a alunissagem,em um local chamado Mar da tranquilidade,Armstrong informou ao centro de controle,emHouston:A Águia pousou.Cinco horas antes do planejado,Armstrong abriu a cabine e pisou pela primeira vez em solo lunar.O astronautacarregava 38 quilos de equipamento que,sob a baixa gravidade local,tornaram-se pouco mais de 6 quilos.Com acâmera portátil de TV,transmitiu imagens ao vivo para 1 bilhão de pessoas,que acompanharam esse feito pelatelevisão.200 horasA duração total da viagem da Apollo 11 foi de quase 200 horas.Os módulos orbital(Columbia) e lunar(Eagle)mostraram-se extremamente eficientes para a missão.Após realizar uma correção de 180 graus e seguir até a órbitalunar,o módulo Eagle,com dois astronautas,preparou a alunissagem.A estadia na Lua durou 21 horas e 38 minutos.Oretorno a Terra ocorreu em 24 de julho de 1969.Outras viagens:Até 1972 o programa Apollo levou outras seis expedições tripuladas a Lua.Cinco chegaram ao destino.Ainda em1969,no mês de novembro,a Apollo 12 transportou Charles Conrad,Richard Gordon e Alan Bean.Durante a contagemregressiva,no dia 7,um dos tanques de hidrogênio do módulo de serviço apresentou problemas técnicos.O lançamentofoi adiantado para a manhã do dia 14.No dia 19,o módulo lunar desceu no Oceano da tempestades,onde dois anos antes a sonda Surveyor 3 haviapousado.Conrad e Bean passaram 7 horas e 45 minutos na Lua,coletando amostras de rochas e pedaços da
  11. 11. Surveyor.A volta à Terra aconteceu no dia 24 de novembro.Apollo 13A Apollo13 constituiu-se com a mais dramática missão já realizada pela NASA.Em 13 de abril de 1970,dois dias apósseu lançamento,a tripulação entrou no módulo lunar para operações de rotina quando se ouve umaexplosão.Imediatamente,os tripulantes contataram o centro de comando;Houston,temos um problema.....Um tanquede oxigênio do módulo de serviço havia explodido,deixando sem ar os módulos de serviço e de comando,e semeletricidade todo o conjunto.A bateria auxiliar tinha capacidade para operar durante 19 horas,mas a nave estava a 87horas da Terra.Os três astronautas-Jim Lovell,Fred Haise e James Swiggert-refugiaram-se no módulo lunar,concebido para apenasduas pessoas.A descida na Lua foi cancelada e a sobrevivência dos três astronautas era uma possibilidade remota,emcondições com pouco oxigênio,falta de água,frio e desgaste psicológico.Uma legião de engenheiros e cientistas estudava soluções para assegurar a volta dos astronautas.Após quatro dias,atripulação retornou ao módulo de comando para acionar a bateria auxiliar.Uma hora e meia antes de alcançar a Terra,omódulo lunar foi desacoplado.No momento da reentrada na atmosfera verificou-se que a posição da nave estavaincorreta,mas não havia mais tempo para corrigi-la.Quando todos da Terra esperavam pelo pior,os paraquedas daApollo 13 se abriram nos céus do Oceano Pacífico e os três astronautas conseguiram sobreviver.O Eclipse LunarUm eclipse lunar é um fenômeno celeste que ocorre quando a Lua penetra, totalmente ou parcialmente, no cone desombra projetado pela Terra, em geral, sendo visível a olho nu. Isto ocorre sempre que o Sol, a Terra e a Lua seencontram próximos ou em perfeito alinhamento, estando a Terra no meio destes outros dois corpos. É como se fosseum eclipse solar porém a Terra encobre o sol nesse caso.Por isso o eclipse lunar só pode ocorrer quando coincidem a fase de Lua cheia e a passagem dela pelo seu nodoorbital. Este último evento também é responsável pelo tipo e duração do eclipse.O eclipse lunar ocorre sempre durante a fase da Lua cheia pois ela precisa estar atrás da Terra, do ponto de vista deum observador no Sol. Como o plano da órbita da Lua está inclinado 5° em relação ao plano da órbita que a Terrarealiza ao redor do Sol, nem todas as fases de Lua cheia levam a ocorrência do eclipse.Relação da passagem da lua pelos seus nodos e a ocorrência de eclipses lunares e solares.O eclipse ocorre sempre que a fase de Lua cheia coincide com a passagem da Lua pelo plano da órbita da Terra. Esteponto onde a órbita da Lua se encontra com o plano da órbita da Terra chama-se nodo orbital. O nodo pode serclassificado como ascendente ou descendente, de acordo com a direção que a lua cruza o plano.Ao contrário dos eclipses solares que são visíveis apenas em pequenas áreas da Terra, os eclipses lunares podem servistos em qualquer lugar da Terra em que seja noite no momento do eclipse.

×