SISTEMAS AGROFLORESTAIS COMAÇAÍZEIROS PARA A RECUPERAÇÃODE ÁREAS ALTERADAS DE FLORESTA     DE VÁRZEAS DO ESTUÁRIO         ...
Exportações de preparados de açaí no Amapá
QUINTAIS CASEIROS
Ocorrência de açaizeiros, espécies arbóreas e frutíferas na composição de                    três quintais caseiros no Est...
Cultivos anuais   Áreasabandonadas
SISTEMAS AGROFLORESTAIS EM ROÇAS            ABANDONADAS:Diversos arranjos de Açaí e Cupuaçu:       - Açaí: 4 x 5 m; 4 x 6 ...
Diversidade, densidade total e relativa da regeneração de espécies arbóreas      em sistemas agroflorestais estabelecidos ...
Diversidade, densidade total e relativa da regeneração de espécies arbóreas      em sistemas agroflorestais estabelecidos ...
Caracterização da regeneração natural das espécies arbóreas de maiorabundância em sistemas agroflorestais, com um ano de i...
Caracterização de sistemas agroflorestais com dez anos de idade,                 estabelecidos no Estuário Amazônico – S1 ...
Caracterização de sistemas agroflorestais com dez anos de idade,                     estabelecidos no Estuário Amazônico –...
MANEJO E ENRIQUECIMENTO DE ÁREASUTILIZADAS COM CULTIVOS ANUAIS
Caracteristicas de sistemas agroflorestais com seis anos de idade,estabelecidos pelo manejo e enriquecimento de áreas util...
Caracteristicas de sistemas agroflorestais com seis anos de idade,estabelecidos pelo manejo e enriquecimento de áreas util...
OPORTUNIDADES PARA SAFs EMÁREAS UTILIZADAS DE FLORESTAS   DE VÁRZEAS DO ESTUÁRIO          AMAZÔNICO
Programa de melhoramento genético de açaí para frutos da Embrapa Amapá2000                      Seleção fenotípica        ...
População 2: Produção de frutos/touceira                        25                        20      N. de progênies         ...
Período de safra: redução da sazonalidade!               2500               2000                                          ...
Antocianina – População 1                600                500mg/100g fruto                400                300        ...
OBRIGADO PELA ATENÇÃO!
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti

865 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
865
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti

  1. 1. SISTEMAS AGROFLORESTAIS COMAÇAÍZEIROS PARA A RECUPERAÇÃODE ÁREAS ALTERADAS DE FLORESTA DE VÁRZEAS DO ESTUÁRIO AMAZÔNICO Silas Mochiutti, Eng. Agr. D.Sc. Mochiutti, Pesquisador da Embrapa Amapá
  2. 2. Exportações de preparados de açaí no Amapá
  3. 3. QUINTAIS CASEIROS
  4. 4. Ocorrência de açaizeiros, espécies arbóreas e frutíferas na composição de três quintais caseiros no Estuário AmazônicoQuintal AÇAIZEIROS (ha) ARBÓREAS FRUTÍFERASCaseiro Touc P>2m PP n/ha Freqüência Rel. n/ha Freqüência Rel. Espécie (%) Espécie (%) Macacaúba 33,0 Goiaba 33,3 Pau Mulato 25,0 Jenipapo 14,3 1 1.400 2.696 767 53 Seringueira 16,5 175 Jambo 11,9 Andiroba 16,5 Taperebá 9,5 Ingá-cipó 9,5 Seringueira 100 Cupuaçú 18,5 Abiu 11,1 2 367 1.020 1.120 03 270 Laranja 9,9 Limão 9,9 Graviola 8,6 Coco 7,4 Embaúba 33,3 Abacaxi 23,7 Louro 25,0 Graviola 11,8 3 270 580 322 30 Virola 190 Caju 7,9 Curupita 16,6 Taperebá 7,9 Assacurana 16,6 Manga 5,3 8,5 Jambo 5,3 Buruti 5,3
  5. 5. Cultivos anuais Áreasabandonadas
  6. 6. SISTEMAS AGROFLORESTAIS EM ROÇAS ABANDONADAS:Diversos arranjos de Açaí e Cupuaçu: - Açaí: 4 x 5 m; 4 x 6 m; fileiras duplas de 4 x 4 x 6 m; - Cupuaçu: 4 x 6 m; 8 x 10 m; 4 x 10 m.Estabelecimento em faixas com 2 m de largura;Condução da regeneração natural de espécies arbóres.
  7. 7. Diversidade, densidade total e relativa da regeneração de espécies arbóreas em sistemas agroflorestais estabelecidos no Estuário AmazônicoSistema Área Diversidade Densidade Espécies arbóreas (ha) Famílias Espécies (plantas/ha) Nome científico Densidade relativa (%) S1 0,48 2 2 19 Spondias mombin L. 88,8 Licania mahuba 11,2 (Kuhlm. & Samp) Kosterm. S2 0,20 6 8 612 Calycophyllum spruceanum Benth. 61,7 Spondias mombin L 13,3 Platymiscium filipes Benth. 9,2 Genipa americana L. 8,3 S3 0,48 10 13 350 Carapa guianensis Aubl. 48,2 Platymiscium filipes Benth. 21,4 Hevea brasiliensis M. Arg. 11,9 Calycophyllum spruceanum Benth. 8,3 Spondias mombin L 5,3 S4 0,77 3 3 178 Spondias mombin L 51,1 Calycophyllum spruceanum Benth. 48,2
  8. 8. Diversidade, densidade total e relativa da regeneração de espécies arbóreas em sistemas agroflorestais estabelecidos no Estuário AmazônicoSistema Área Diversidade Densidade Espécies arbóreas (ha) Famílias Espécies (plantas/ha) Nome científico Densidade relativa (%) S5 0,94 13 16 255 Calycophyllum spruceanum Benth. 49,6 Spondias mombin L 38,8 Guatteria poeppigiana Mart. 1,2 Cecropia palmata Willd 0,8 S6 0,68 9 9 389 Calycophyllum spruceanum Benth. 61,1 Spondias mombin L. 27,5 Cecropia palmata Willd. 7,9 Ficus guianensis Desv. 1,1 S7 0,36 4 4 1.824 Calycophyllum spruceanum Benth. 79,5 Spondias mombin L. 18,8 Platymiscium filipes Benth. 1,5Média 0,56 - - 409 Calycophyllum spruceanum Benth. 60,1 Spondias mombin L. 24,6 Carapa guianensis Aubl. 5,0 Platymiscium filipes Benth. 3,5 Hevea brasiliensis M. Arg. 1,2 Total 3,91 26 32 - - -
  9. 9. Caracterização da regeneração natural das espécies arbóreas de maiorabundância em sistemas agroflorestais, com um ano de idade, estabelecidos no Estuário Amazônico Espécies Altura Diâmetro Tipo de regeneração * (%) Nome vulgar Nome científico (cm) (cm) Semente Rebrote Pau mulato Calycophyllum spruceanum 160 2,15 81 19 Benth. Taperebá Spondias mombin L. 165 2,90 66 34 Andiroba Carapa guianensis Aubl. 39 0,89 100 - Macacaúba Platymiscium filipes Benth. 265 3,09 57 43 Seringueira Hevea brasiliensis M. Arg. 53 0,83 100 -
  10. 10. Caracterização de sistemas agroflorestais com dez anos de idade, estabelecidos no Estuário Amazônico – S1 Espécies Altura DAP DensidadeNome vulgar Nome científico (m) (cm) n/haAçaí Euterpe oleracea 11,2 12,3 420Pau mulato Calycophyllum spruceanum 14,6 15,0 65Taperebá Spondias mombin . 14,0 32,6 55Macacaúba Platymiscium filipes 11,9 15,5 20Cupuaçu Theobroma grandiflorum 3,2 3,2 128
  11. 11. Caracterização de sistemas agroflorestais com dez anos de idade, estabelecidos no Estuário Amazônico – S2 Espécies Altura DAP DensidadeNome vulgar Nome científico (m) (cm) n/haAçaí Euterpe oleracea 11,8 12,5 464Pau mulato Calycophyllum spruceanum 17,1 20,8 50Taperebá Spondias mombin . 19,9 58,8 14Macacaúba Platymiscium filipes 17,1 22,4 10Andiroba Carapa guianensis 13,5 21,4 11Virola Virola surinamensis 16,5 28,4 5Cupuaçu Theobroma grandiflorum 4,2 7,3 65O. fruteiras Manga, cacau, citrus 4,9 9,1 30
  12. 12. MANEJO E ENRIQUECIMENTO DE ÁREASUTILIZADAS COM CULTIVOS ANUAIS
  13. 13. Caracteristicas de sistemas agroflorestais com seis anos de idade,estabelecidos pelo manejo e enriquecimento de áreas utilizadas com cultivos anuais no Estuário Amazônico – S1 Espécies Altura DAP DensidadeNome vulgar Nome científico (m) (cm) n/haAçaí Euterpe oleracea 4,6 6,4 20Pau mulato Calycophyllum spruceanum 9,4 7,1 1.633Taperebá Spondias mombin . 9,6 12,4 15Macacaúba Platymiscium filipes 7,2 6,2 18Andiroba Carapa guianensis 6,8 5,5 8Cedro Cedrela sp. 7,8 7,2 7Cacau Theobroma cacao 4,2 5,9 20
  14. 14. Caracteristicas de sistemas agroflorestais com seis anos de idade,estabelecidos pelo manejo e enriquecimento de áreas utilizadas com cultivos anuais no Estuário Amazônico – S2 Espécies Altura DAP DensidadeNome vulgar Nome científico (m) (cm) n/haAçaí Euterpe oleracea 8,9 10,9 413Pau mulato Calycophyllum spruceanum 18,2 19,3 133Taperebá Spondias mombin . 14,2 26,4 18Seringueira Hevea brasiliensis 17,5 28,6 45Andiroba Carapa guianensis 12,0 10,7 20Virola Virola surinamensis 13,8 20,4 35Cupuaçu Theobroma grandiflorum 4,3 6,9 43
  15. 15. OPORTUNIDADES PARA SAFs EMÁREAS UTILIZADAS DE FLORESTAS DE VÁRZEAS DO ESTUÁRIO AMAZÔNICO
  16. 16. Programa de melhoramento genético de açaí para frutos da Embrapa Amapá2000 Seleção fenotípica em populações nativas20012002 Teste de progênies20032004 Avaliações de2005 crescimento20062007 Avaliações de produção de frutos, rendimento e qualidade Reprodução2008 de polpa e período de safra vegetativa Área2009 de Plantio2010 coleta Seleção genética isolado de de plantas2011 sementes Pomar clonal (ACS) Sementes para de sementes2012 plantios (PCS)
  17. 17. População 2: Produção de frutos/touceira 25 20 N. de progênies 15 10 5 0 Produção (Kg de frutos)
  18. 18. Período de safra: redução da sazonalidade! 2500 2000 POP 1 09Kg de frutos 1500 POP 2 09 POP 1 10 1000 POP 2 10 500 0 O O O O O R O IL IO O H O TO BR RO R BR IR EI RÇ R A H UL B B N E R A AB M J UN J O S M TU EM M JA VE M AG TE U V ZE FE SE O N O D E MÊS
  19. 19. Antocianina – População 1 600 500mg/100g fruto 400 300 200 100 0 1 4 7 10 13 16 19 22 25 28 31 34 37 40 progênie/colheita
  20. 20. OBRIGADO PELA ATENÇÃO!

×