Segurança para a Sustentabilidade - CLASS 2014

427 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada no CLASS 2014 (Conferência Latino-Americana de Segurança em SCADA) por Thiago Branquinho.
A ideia central é apresentar como os controles de segurança em automação industrial podem contribuir para a resiliência da sociedade e propor um framework de integração entre segurança e iniciativas sustentáveis.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
427
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Segurança para a Sustentabilidade - CLASS 2014

  1. 1. Segurança para a SustentabilidadeThiago Braga BranquinhoGuilherme Inocêncio Matos Use a hashtagdo evento nas redes sociais! #class2014
  2. 2. Sobre os autores biologia bio= vida | logia= estudo O estudo da vida ... bioiniciativa Iniciativas para nossas vidas! Thiago Branquinho Biólogo, CISA, CRISC, Diretor Executivo da bioiniciativa Guilherme Matos Biólogo, Núcleo de inovação da bioiniciativa Sustentabilidade corporativa Capacitação Estratégias Tecnologias
  3. 3. Sustentabilidade... Ambiente Sociedade Economia O termo "sustentável" provém do latim sustentare(sustentar; defender; favorecer, apoiar; conservar, cuidar). Segundo o Relatório de Brundtland(1987), o uso sustentável dos recursos naturais deve "suprir as necessidades da geração presente sem afetar a possibilidade das gerações futuras de suprir as suas" Economia ∈Sociedade ∈Ambiente Tudo que rodeia ou envolve os seres vivos e/ou as coisas; meio ambiente Agrupamento de seres que convivem em estado gregário e em colaboração mútua Gerenciamento de uma “casa”, especialmente das “despesas domésticas”; aproveitamento racional de recursos materiais
  4. 4. Em outras palavras... Sustentabilidade é a plena continuidade de negócios
  5. 5. Por que falar sobre sustentabilidade? Climáticas Sociais Econômicas Políticas Existenciais Crises do Antropoceno Acesse os relatórios do IPCC em: http://www.ipcc.ch/
  6. 6. Estamos no “cheque especial” da Terra Precisamos de um pouco mais de um planeta para nos mantermos... Saiba mais em: http://www.footprintnetwork.org/
  7. 7. E vamos usar um pouco mais... 9,6 bilhões em 2050! • Precisando de... • Água • Comida • Moradia • Vestuário • Outros bens de consumo • Serviços • ... Demanda por recursos naturais e de alto desempenho de produção A população humana ainda não estabilizou! www.un.org/en/development/desa/population/publications/pdf/technical/TP2013-3.pdf
  8. 8. Demandas da sociedade “ A gente não quer só comida A gente quer comida Diversão e arte” Titãs –Comida
  9. 9. Estaríamos à beira de um colapso? http://www.voanews.com/content/bangladesh-building-collapse/1647752.html
  10. 10. Riscos •Ambientais •Escassez ou falta de recursos naturais •Imprevisibilidade do clima •Epidemias •Desastres naturais mais frequentes •Extinções •Sociais •Mortes pela falta de acesso a água e alimentos •Elevação das desigualdades sociais •Êxodo: refugiados climáticos •Queda de governos •Econômicos •Crises sistêmicas •Quebra de instituições •Desemprego ...e muito mais! Possíveis cenários em 2050 Sony Pictures 2013 –Elysium
  11. 11. Ok, 2050 será em 2050. E hoje? •Os 7 bi de hoje precisam: •Água •Comida •Segurança •Educação •Saúde •Moradia •Vestuário •Outros bens de consumo •Emprego digno •Mobilidade •... Muitas dessas necessidadessão entregues com o uso de sistemas de automação industrial Do que as pessoas precisam?
  12. 12. E quando os sistemas falham, o que ocorre? http://lele-chan-ice.deviantart.com/art/Theory-of-Caos-140720624
  13. 13. O que essas falhas causam? Santa Adélia (SP) –2013 | Golfo do México –2010 http://www.diarioweb.com.br/novoportal/noticias/Meio+Ambiente/162442,,Lavas+de+caramelo+dao+ multa+de+R$+15+milhoes.aspx
  14. 14. Por que os sistemas de automação falham? Eventos naturais Falhas humanas Falhas de sistemas Malware Sabotagem Terrorismo
  15. 15. Palavra de ordem #resiliência Propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica Capacidade de se recobrar facilmente ou se adaptar à má sorte ou às mudanças
  16. 16. Para pensar... “Eu acredito demais na sorte. E tenho constatado que, quanto mais duro eu trabalho, mais sorte eu tenho” Thomas Jefferson (1743-1826)
  17. 17. Segurança para a Sustentabilidade Estabelecer controles de segurançade automação que contribuam para a resiliência da sociedade Ideia central
  18. 18. Segurança para a Sustentabilidade Assegurar direitos básicos •Acesso à água potável •Segurança alimentar •Segurança física •Privacidade Manter a governança sobre as cidades •Mobilidade •Ordem civil •Gestão de saúde •Disponibilidade de energia •Cidades inteligentes Evitar e minimizar impactos ambientais •Prevenir desastres •Pronta resposta aos incidentes Alcançar a sustentabilidade dos negócios •Continuidade da produção •Garantia dos canais de distribuição Objetivos gerais
  19. 19. Segurança para a Sustentabilidade Monitoramento de ativos •Oleodutos •Tanques de armazenamento •Trens, caminhões e embarcações •Refinarias •Fornos e caldeiras •Armazéns •Outros ativosde alto risco Detecção e controle •Derramamentos e vazamentos •Abastecimento de tanques e dutos •Fogo, explosões, e material QBRN •Intrusões e acessos não permitidos •Atividades suspeitas •Terrorismo, sabotagem e vandalismo •Corrosão •Meteorologia •Veículos suspeitos, comportamentos veiculares atípicos Proteção •Pessoas •Ativos físicos •Produção •Dados •Ambiente •Economia Dinâmica
  20. 20. Segurança para a Sustentabilidade Gestão de riscos do negócio Riscos operacionais Riscos estratégicos Segurança Segurança no trabalho Segurança física Segurança de automação Segurança da informação Inteligência Análise da deep webe dark web Data analytics Big data Fusão de dados C4I4 Resposta a incidentes Monitoramento contínuo Gestão de emergências Gestão de crises Resposta a incidentes Gestão da continuidade do negócio Planos de recuperação de desastres Planos de continuidade de negócios Objetivos de controle Referências Série ISO 14000 ISO 26000 ISO 37120 ISO 22301 Série ISO 27000 ANSI/ISA 99 GRI 4.0 Legislação
  21. 21. Cidades Usinas elétricas Distribuição Indústrias Hortifrutigranjeiros Extração Matéria prima Fertilizantes e defensivos Bens e serviços Energia Energia Água Água Alimentos Segurança para a Sustentabilidade Pensando em sistemas para evitar o colapso
  22. 22. Cidades Usinas elétricas Distribuição Indústrias Hortifrutigranjeiros Extração Matéria prima Fertilizantes e defensivos Bens e serviços Energia Energia Água Água Alimentos Segurança para a Sustentabilidade Pensando em sistemas para evitar o colapso Produção contínua mat. prima perene Segurança alimentar Evitar blecautes Segurança hídrica Cidades inteligentes
  23. 23. Saiba mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Segurança para a Sustentabilidade Empresa em uma página com o modelo de geração de negócios (canvas)
  24. 24. Saiba mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Segurança de ativos Gestão da continuidade do negócio Segurança para a Sustentabilidade Aplicando controles em alguns pontos... Mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Gestão de riscos do negócio
  25. 25. Saiba mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Segurança para a Sustentabilidade ...pode-se oferecer segurança para os clientes... Mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Segurança de ativos Gestão da continuidade do negócio Segurança para os clientes Gestão de riscos do negócio
  26. 26. Saiba mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Segurança para a Sustentabilidade ...e ter a segurança como um diferencial Mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Segurança de ativos Gestão da continuidade do negócio Gestão de riscos do negócio Segurança para os clientes Segurança como diferencial
  27. 27. Segurança para a Sustentabilidade Casos de uso Objetivos •Segurança de trabalhadores •Eficiência energética •Visão geral da geração Justificativa •A energia move tudo •Se parar, tudo para •Potenciais crises de segurança •Potencial falta de água O que deve ser controlado? •Níveis de geração •Produção de resíduos •Distribuição Futuro •E quando os smartgrids funcionarem? •Segurança do pessoal •Redução de consumo de combustível •Controle de movimentação de minério •Integração de dados entre equipamentos •As atividades de mineração obtém os minerais usados de insumo na indústrias •Níveis dos tanques de contenção •Qualidade ambiental •Meteorologia •Deslocamento de minério •Efluentes •O que acontecerá quando o último grama de minério for extraído? •Logística reversa: “mineração” nos bens de consumo •Segurança do pessoal •Eficiência energética •Controle de produção •As refinarias fornecem os inúmeros derivados de petróleo dos quais dependemos para nosso cotidiano •Tudo! •E quando a última gota de petróleo for extraída? •Monitorar fornos e caldeiras •Reaproveitar e reciclar materiais •Gerar energia a partir de gases residuais •Comercializar sub produtos (brita, cimento) •As siderúrgicas fornecem o aço que é usado em diversos bens de consumo •Temperatura de fornos •Sobrecargas •Quantidade de minério •Volume de produção •E a potencial descentralização da indústria com novos materiais? Usina elétrica Mineradora Refinaria Siderúrgica
  28. 28. Segurança para a Sustentabilidade Segurança Proposta de Framework: Segurança para mitigar crises do Antropoceno Objetivos | Processos | Controles Mitigação de crises
  29. 29. Segurança para a Sustentabilidade Sustentabilidade Segurança Proposta de Framework: estabelecimento de bases da sustentabilidade Objetivos | Processos | Controles Mitigação de crises
  30. 30. Segurança para a Sustentabilidade Sustentabilidade Segurança Proposta de Framework: a próxima fronteira –iniciativas sustentáveis para a segurança Objetivos | Processos | Controles Objetivos | Processos | Controles Mitigação de crises
  31. 31. Saiba mais sobre o canvasem: http://www.businessmodelgeneration.com/ Uma camada de sustentabilidade sobre o negócio Fazer a diferença Ecodesign Biomimetismo Transparência Ética Dir. Humanos Postura coerente Dir. consumidor Desen. humano PNRS Pegada ecológica Ecoeficiência Cadeia de valor sustentável Responsabilidade compartilhada Ecomateriais Leis trabalhistas Logística (reversa) Lealdade Lucro justo Eficiência de custos Auditoria fiscal Governança Breve em: www.biocanvas.org
  32. 32. Motivos para adotar a sustentabilidade Aumento de receita •Geração de energia com resíduos •Comercialização de subprodutos e resíduos de produção •Novos produtos e modelos de negócio Redução de custos •Minimização das perdas de matéria prima •Eficiência na logística •Reuso e reciclagem de materiais •Redução de consumíveis Minimização de riscos •A lógica do custo evitado •Relacionamento adequado com partes interessadas •Integração social •Governança e solidez Não é apenas a criação de uma sociedade mais segura
  33. 33. Como o mercado enxerga a sustentabilidade? “A RSC deve ser encarada como fonte de percepção de valor” Michael Porter, 2006 O mundo dos intangíveis •Novas fontes de captação financeira •ISE existe na BM&F desde 2005 http://br.advfn.com/sustentabilidade
  34. 34. Então... mãos à obra! “Só há um tempo em que é fundamental despertar. Esse tempo é agora.” Buda
  35. 35. Obrigado! Thiago Branquinho Thiago Branquinho
  36. 36. Sobre a bioiniciativa
  37. 37. O que fazemos Formação de profissionais sustentáveis Tecnologias para a sustentabilidade Estratégia sustentável com o biocanvas Oferecemos soluções para sustentabilidade corporativa com base na construção de cultura sustentável, na definição de estratégias e na implantação de tecnologias. Empresas sustentáveis são resilientes, apresentam melhores resultados financeiros, retém talentos e contribuempositivamente para a sociedade e o ambiente. Iniciativas para nossas vidas
  38. 38. Formação de Profissionais Sustentáveis •Cursos •Oficinas •Coaching Formação •Motivação •Produtividade •Pensamento sistêmico Profissionais Sustentáveis •Redução de riscos •Competitividade •Resiliência corporativa Empresas Sustentáveis Temas Sustentabilidade: o quê? Como? Por quê? Pegada ecológica, resíduos e combate ao desperdício Governança e conformidade em sustentabilidade biocanvas: valor sustentável ao negócio Riscos e continuidade de negócios Ruptura sustentável de produtos Sustentabilidade na cadeia de produção Gestão sustentável de pessoas Perspectivas e insights em sustentabilidade Mudanças estruturais para resultados duradouros
  39. 39. Estratégia Sustentável com o biocanvas Canvas •Mapeamento do negócio com base no Modelo Canvas •Identificação dos objetivos e processos de negócio •Análise de riscos e demandas para conformidade e resiliência biocanvas •Metodologia desenvolvida pela bioiniciativa para a definição de estratégia sustentável •Aplicação de camada de sustentabilidade sobre Canvas •Estabelecimento de metas, planos, tecnologias e indicadores Da visão à ação
  40. 40. Tecnologias para a Sustentabilidade Energia renovável e eficiência energética Gestão de carbono Aproveitamento e reuso de água Tornando as palavras em ações Gestão e tratamento de resíduos Arquitetura e construção Sistemas e aplicativos
  41. 41. Obrigado! www.bioiniciativa.com +55 (21) 3226 9246

×