Patologias mais comuns associadas à tecnologia de
estabilização de solos, com a adição ou não de resíduos.
Acervo reunido ...
Consequências patológicas apresentadas por tijolos de solo estabilizado fora das especificações




                      ...
PATOLOGIAS mais comuns associadas à tecnologia de
estabilização de solos, com a adição ou não de resíduos.

Acervo reunido...
Resultado de severa incompatibilidade química
entre os resíduos combinados. Para que isso
                                ...
Os exemplos mostrados neste slide são casos extremos, mas de modo
              algum impossíveis de acontecer. Pelo contr...
Solo argiloso conformado com excesso de
                 umidade
                                          Erro nos parâme...
Notar a total falta de prumodimensionalmente irregulares
  Tijolos sem resistência e e
alinhamento, bem como a diferença n...
Tijolos com excesso de areia e elevado teor de
                  umidade
A falta de cimentação leva à desagregação do tijolo quando
submetido a uma força abrasiva (no caso, a ação da serra copo)
A causa do estado desta parede é simplesmente a
     não estabilidade dimensional (espessuras
diferentes) dos tijolos esta...
Paredede blocos de concreto completamente tomadocom
 Muro de tijolos cerâmicos infestado por líquens, já por
sinais de deg...
A proteção, interna ou superficial, da alvenaria aparente é
importantíssima, qualquer que seja o tipo de tijolo. Fotos
   ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Patologias mais comuns associadas à tecnologia de estabilização de solos, com a adição ou não de resíduos

2.916 visualizações

Publicada em

Publicada em: Aperfeiçoamento pessoal
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.916
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
67
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Patologias mais comuns associadas à tecnologia de estabilização de solos, com a adição ou não de resíduos

  1. 1. Patologias mais comuns associadas à tecnologia de estabilização de solos, com a adição ou não de resíduos. Acervo reunido pelo Grupo Geotemah/Coppe/UFRJ Um dos piores problemas enfrentado pela tecnologia da estabilização (tijolos de solo estabilizado): a proliferação desenfreada de pequenas (mini) olarias a frio instaladas em locais totalmente inadequados como fundos de quintal, garagens em áreas residenciais, lotes irregulares e clandestinos e até nas calçadas, em regra funcionando com pessoal não qualificado, equipamento inadequado e sem controle de espécie alguma. Por outro lado, na maior parte das vezes o solo é obtido de jazidas não legalizadas,
  2. 2. Consequências patológicas apresentadas por tijolos de solo estabilizado fora das especificações Ação do intemperismo sobre tijolos completamente fora das especificações Aspecto lateral dos tijolos quando submetidos ao intemperismo natural (ciclos de molhagem/secagem) pouco tempo após sua estocagem ao relento
  3. 3. PATOLOGIAS mais comuns associadas à tecnologia de estabilização de solos, com a adição ou não de resíduos. Acervo reunido pelo Grupo Geotemah/Coppe/UFRJ Combinação de substâncias Ruptura da peça por expansão/contração quimicamente incompatíveis devido à cimentação incipiente O ensaio de molhagem/secagem é de fundamental importância ! Tijolo rachado devido a reações expansivas durante a cura
  4. 4. Resultado de severa incompatibilidade química entre os resíduos combinados. Para que isso Rachamento do tijolo por expansão, devido a não aconteça é preciso ter amplos reações químicas entre os resíduos conhecimentos tanto qualitativos quanto combinados para formar o cimento e a quantitativos sobre os materiais envolvidos (o paragênese do solo. solo, os resíduos), da química de cada um deles bem como da mistura resultante.
  5. 5. Os exemplos mostrados neste slide são casos extremos, mas de modo algum impossíveis de acontecer. Pelo contrário, não faz muito tempo houve um acontecimento deste tipo em São Paulo que teve grande repercursão pois foi catastrófico. Todo cuidado deve ser exercido no uso de formulações com dois ou mais resíduos (com ou sem o solo). Caso extremo de desagregação física, porém encontrado
  6. 6. Solo argiloso conformado com excesso de umidade Erro nos parâmetros de colocação do solo estabilizado
  7. 7. Notar a total falta de prumodimensionalmente irregulares Tijolos sem resistência e e alinhamento, bem como a diferença na espessura dos tijolos
  8. 8. Tijolos com excesso de areia e elevado teor de umidade
  9. 9. A falta de cimentação leva à desagregação do tijolo quando submetido a uma força abrasiva (no caso, a ação da serra copo)
  10. 10. A causa do estado desta parede é simplesmente a não estabilidade dimensional (espessuras diferentes) dos tijolos estabilizados, defeito amiúde encontrado tanto com tijolos fabricados com prensa manual como com prensa hidráulica O pedreiro tenta corrigir o defeito calçando os tijolos com palitos (como pode ser vista na foto) ou com argamassa, o que em regra não resolve o problema
  11. 11. Paredede blocos de concreto completamente tomadocom Muro de tijolos cerâmicos infestado por líquens, já por sinais de degradação líquens e eflorescência Uma patologia inevitável para todos os tipos de elementos construtivos não protegidos expostos ao tempo (sol, chuva, vento) é o estabelecimento de colônias de microrganismos (líquens, fungos, algas) que levam à degradação química porque segregam e excretam substâncias ácidas e complexantes (quelatos) que atacam a superfície, corroendo-a. Em ambientes com umidade excessiva, elementos contendo cal e/ou sais solúveis, em regra apresentam eflorescência (fenômeno físico-químico caracterizado pelo aparecimento de manchas brancas na superfície). Tais patologias mostradas nas fotos, são fáceis de evitar e difíceis e caras de remediar
  12. 12. A proteção, interna ou superficial, da alvenaria aparente é importantíssima, qualquer que seja o tipo de tijolo. Fotos 1 e 2 : pilaretes de solo estabilizado fora das especificações e não-protegidos superficialmente; foto 3: pilarete de tijolos cerâmicos maciços também seriamente corroídos pela chuva e tomado por fungo.s 3.Pilarete de alvenaria de tijolos cerâmicos

×