Cidade e utopia (1)

1.717 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.717
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
41
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cidade e utopia (1)

  1. 1. Bairro operário
  2. 2. -Experiência direta na indústria-1799: New Lanark , fábrica modelo-Idéias: cooperação e planejamentoharmônicoCidade de comunidaderestrita,trabalho coletivo,auto-suficiente .Experiências na Inglaterra e nosEUA
  3. 3. New Lanark
  4. 4. Vila operária de Owen
  5. 5. Nova Harmonia
  6. 6. - Teoria Geral da Paixão: 12 paixõese 12 períodos- As 5 primeiras paixões sãosensitivas, 4 afetivas e as 3 últimasmecanizantes- Humanidade entre o 4º(barbárie)e 5º período (civilização),e seguirá para o 6º (garantismo), eatingirá o 7º (harmonia) quando osideais fourieristas forem atingidos- Liberdade, porém existe controle- Feminista- Esquema concêntrico de cidadedo 6º período- Falanges
  7. 7. Falanstérios
  8. 8. Falange Norte Americana
  9. 9. -Seguidor de Fourier-Primeira experiência dearquitetura social-Familistério = palácio socialdo futuro
  10. 10. Familistério - Guise
  11. 11. Familistério - 1850
  12. 12. Planta de Guisa
  13. 13. -Esteve envolvidos em etapas daRevolução Francesa-Filho da Revolução Francesa-Trabalhadores X Ociosos-Industriais e sábios acadêmicosnos postos de comando-1830- cominidadesemimonástica
  14. 14. -Viagem a Ícaria-cidade ideal: Ícara-1848: Prática no Texas....não dá certo-1849: Nauvoo-Cisão: StLouis(Cabet morre), maioria vaipra Corning-Massoulard:disposição das classesaparenta o paralelogramo de Owen
  15. 15. Bibliografia:BARTHES, Roland. Sade, Fourier, Loiola. Lisboa: Edições 70, 1979.BENÉVOLO, Leonardo. As origens da urbanística moderna, Lisboa: Ed. Presença, 1981. (Capítulo “As utopias do séculoXIX”).BENÉVOLO, Leonardo. História da arquitetura moderna. São Paulo: Perspectiva, 1988. (Cap. 5 e 6).CHAUÍ, Marilena e outros. “O governo da cidade e a utopia” em Espaço e Debates, n. 6, p. 88 a 105, jun./set., 1982.CHOAY, Françoise. Urbanismo: utopias e realidades, São Paulo: Perspectiva, 1979. (Capítulo 2 “O pré urbanismoprogressista”). COELHO, Marcelo. “Urbanismo e Utopia: aproximações” em Espaço e Debates, ano IX, n. 27, p. 58 a 75,São Paulo, 1989.ENGELS, Friedrich. A Situação da Classe Trabalhadora na Inglaterra. Porto: Edições Afrontamento, 1975. (Capítulo: “AsGrandes Cidades”. pp. 55 a 111).__________. Do Socialismo Utópico ao Socialismo Científico. São Paulo: Global, 1983.HARVEY, D. Espaços de Esperança. Tradução: Adail Ubirajara Sobral e Maria Stela Gonçalves, São Paulo: ediçõesLoyola, 2004.LEFEBVRE, Henri. A cidade do capital. Rio de janeiro: DP&A, 1999. ("A cidade e a divisão do trabalho” e “Engels e autopia”).PERROT, Michele. História da vida privada, vol. 4, São Paulo: Companhia das Letras, 1991. (Parte 3 “Cenas e locais”,capítulo “Espaços Privados”).TOLEDO, Edilene Anarquismo e sindicalismo revolucionário, Introdução e Capítulo “Entre o Anarquismo e oSindicalismo” e “A opção pelo sindicalismo revolucionário”, São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2004.Nadia Ramires| Mariana Carloto| Mariana Téo| Thaís Michelão| Tiffany Liu|Fernanda Pina

×