Moda década de 60

813 visualizações

Publicada em

Características da indumentária da década de 60.

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
813
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Moda década de 60

  1. 1. Os anos 60 INST I TUTO F EDERAL DE EDUCAÇÃO, CI ÊNCIA E T ECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL T ÉCNICO EM VESTUÁRIO HI STÓRIA DA INDUMENTÁRIA ME . AL INE MACHADO S I L ENE FAT IMA HABER NOVEMBRO/ 2014
  2. 2. Características: • Mudanças e inovações ocorreram nos anos de 1960. A juventude se manifestou e se impôs contra o que era pré-concebido. Foi o período da conquista espacial, onde astronautas soviéticos voaram para o espaço e astronautas norte-americanos pisaram na lua. A Guerra do Vietnã e os conflitos raciais também influenciaram a juventude com um espírito mais libertário e revolucionário, que acabou influenciando também a moda com o uso de roupas mais ousadas e cores mais vibrantes. • Os anos 60 viveram uma explosão de juventude em todos os aspectos, e foram influenciados pela rebeldia e liberdade pessoal dos jovens. • Casacos militares, suéteres e jeans eram usados como uniformes de protesto estudantil.
  3. 3. • O futurismo foi uma característica bem marcante da década, onde tecidos brilhantes, fluorescentes, metálicos e cores como prata e branco foram usados. • Paco Rabanne é um estilista espanhol. Na história da moda, Paco Rabanne ficou famoso por suas roupas futuristas. Ele foi um dos estilistas pioneiros a usar matérias como plástico e metais em suas peças e provocou uma revolução na criação da moda. • Macacões de malha, calças justas e o uso do zíper passavam a ideia de futuro.
  4. 4. Roupas Femininas  A partir de 1960, não havia mais uma moda única, mas sim um conjunto de proposições;  Minissaias combinadas com as recém inventadas meias-calças;  Meia-calça colorida; Mary Quant: “A idéia da minissaia não é minha, foi a rua que a inventou.”  Botas brancas;  Roupas de linhas retas;  A mulher ousava se vestir com roupas tradicionalmente masculinas, como o smoking e cigarretes;  Vestidos tubinhos; • Roupas geométricas; • Tecidos sintéticos;
  5. 5. • Estilistas como Ossie e Clark e Mary Quant ofereciam formas soltas, ternos femininos de tricô e a liberdade do chemise para visuais formais; • As figuras femininas andróginas tinham bustos pequenos, cinturas naturais e membros alongados; • Jeans, que até então era só usado por operários, passou a ser usado em qualquer ocasião;
  6. 6. Roupas Masculinas • A moda masculina, por sua vez, foi muito influenciada, nos início da década, pelas roupas que os quatro garotos de Liverpool usavam, especialmente os paletós sem colarinho de Pierre Cardin e o cabelo de ‘’franjão’’. • A gravata já não era mais tão usada pelos homens. Eles usavam jaquetas com zíper, golas altas, botas, calças justas, camisas coloridas ou estampadas. • Voltou a se enfeitar • Os Beatles ditaram a moda com seus terninhos, cabelos ‘’tijelinha’’ e modelos coloridos.
  7. 7. Roupas Infantis
  8. 8. Maquiagem • Batons claros; • Foco nos olhos, sempre bem marcados • Inspiração na modelo Twiggy; • Cílios inferiores pintados com delineador; • Mary Quant criou novos modelos de embalagens que vinham com lápis, pó, batom e pincel;
  9. 9. Cabelos
  10. 10. Acessórios
  11. 11. Imagens
  12. 12. Bibliografia  BAUDOT, François. Moda do Século.  LAVER, James. A roupa e a moda: uma narrativa concisa. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.  NERY, Marie Louise: A Evolução da Indumentária: Subsídios para criação de figurino.

×