SlideShare uma empresa Scribd logo

7 Masters Acessibilidade

Mini talk sobre projetos de a11y na IBM feita para o iMasters em seu evento mensal com mestres em assuntos de TI

1 de 19
Baixar para ler offline
© 2012 IBM Corporation
Acessibilidade na IBM
Alysson Moreira – Acessibilidade na IBM
21 Agosto 2012
© 2012 IBM Corporation2
“once a technology starts to run,
it happens in many places”
Ethan McCarty, Senior Manager, Digital and Social Strategy at IBM
© 2012 IBM Corporation3
Agenda
Geradora de conteúdo: A IBM e seus números
Um olhar sobre o ambiente: o w3
Educação
Técnicas
Ferramentas
Desafios atuais
Acessibilidade na IBM
© 2012 IBM Corporation4
A IBM com geradora de conteúdo
Em torno de 400,000 IBMers (e crescendo)
100% base utilizando o w3
+30.000 blogs internos
+20.000 wikis
100.000 users frequentes/semana em wikis e blogs
Preocupação estratégica com acessibilidade
Source: http://www.melcrum.com/research/harness-digital-technologies/connecting-global-organization-through-ibms-intranet
Acessibilidade na IBM
© 2012 IBM Corporation5
O w3 On Demand Workplace
27 anos de história
5.5 milhões de páginas (2007)
Intranet World's Top Ten 2006 pelo Nielsen Group
Uma das 10 Intranets que definiram a indústria pelo IBF
Gera savings anuais de $2B
Source: http://www.ibforum.com/2012/06/12/10-intranets-that-have-defined-the-industry-from-10-years-of-ibf/
http://www-03.ibm.com/press/us/en/pressrelease/19156.wss
Acessibilidade na IBM
© 2012 IBM Corporation6
A história do w3
80’s: mirror do www.ibm.com
1996: W3 On demand Workplace (17.800 pageviews/dia)
1998: v3.0 e bluepages
2000: v6
2002: w3v8
2004: w3v8 produção
2010: v17 (alpha)
Sempre acessível
Acessibilidade na IBM
Anúncio

Recomendados

OK UX #1 - Entendiendo y creando una estrategia de user experience para su em...
OK UX #1 - Entendiendo y creando una estrategia de user experience para su em...OK UX #1 - Entendiendo y creando una estrategia de user experience para su em...
OK UX #1 - Entendiendo y creando una estrategia de user experience para su em...Alysson Franklin Martins Moreira, UXMC
 
Acessibilidade na IBM
Acessibilidade na IBMAcessibilidade na IBM
Acessibilidade na IBMiMasters
 
Descobrindo o Potencial do Flex para a Criação de Aplicações Ricas para a WEB
Descobrindo o Potencial do Flex para a Criação de Aplicações Ricas para a WEBDescobrindo o Potencial do Flex para a Criação de Aplicações Ricas para a WEB
Descobrindo o Potencial do Flex para a Criação de Aplicações Ricas para a WEBelliando dias
 
IBM Bluemix - The Digital Innovation Platform
IBM Bluemix - The Digital Innovation PlatformIBM Bluemix - The Digital Innovation Platform
IBM Bluemix - The Digital Innovation PlatformBruno Rodrigues Alcantara
 
IBM Mobile Platform: Desenvolvimento de Aplicações Mobile
IBM Mobile Platform: Desenvolvimento de Aplicações MobileIBM Mobile Platform: Desenvolvimento de Aplicações Mobile
IBM Mobile Platform: Desenvolvimento de Aplicações MobileAlex Barbosa Coqueiro
 
Treinamento WebSphere 6.1 Administration
Treinamento WebSphere 6.1 AdministrationTreinamento WebSphere 6.1 Administration
Treinamento WebSphere 6.1 AdministrationGustavo Concon
 
Bluemix overview karin noe - revisada - geral
Bluemix overview   karin noe - revisada - geralBluemix overview   karin noe - revisada - geral
Bluemix overview karin noe - revisada - geralKarin Noe
 

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 7 Masters Acessibilidade

Adobe flash platform bem 2009
 Adobe flash platform bem 2009 Adobe flash platform bem 2009
Adobe flash platform bem 2009FabricioManzi
 
CNA - A New Way of Designing
CNA - A New Way of DesigningCNA - A New Way of Designing
CNA - A New Way of DesigningDiego Dezembro
 
Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...
Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...
Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...William S. Rodriguez
 
Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...
Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...
Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...Victor Cavalcante
 
Desenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator Titanium
Desenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator TitaniumDesenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator Titanium
Desenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator TitaniumDirlei Dionísio
 
Brateste 2103: Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testes
Brateste 2103:  Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testesBrateste 2103:  Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testes
Brateste 2103: Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testesananegrello
 
Construindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile Services
Construindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile ServicesConstruindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile Services
Construindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile ServicesWilliam S. Rodriguez
 
Acelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOps
Acelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOpsAcelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOps
Acelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOpsFelipe Freire
 
CICS V5.1 Novo Portfolio de Plataforma de primeira classe
CICS V5.1  Novo Portfolio de Plataforma de primeira classeCICS V5.1  Novo Portfolio de Plataforma de primeira classe
CICS V5.1 Novo Portfolio de Plataforma de primeira classePaulo Batuta
 
Desenvolvimento de Aplicativos Móveis Multiplataforma
Desenvolvimento de Aplicativos Móveis MultiplataformaDesenvolvimento de Aplicativos Móveis Multiplataforma
Desenvolvimento de Aplicativos Móveis MultiplataformaJose Augusto Cintra
 
Cloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso Salesforce
Cloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso SalesforceCloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso Salesforce
Cloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso SalesforceFernando Carvalho
 
Adobe flash platform fabricio
Adobe flash platform fabricioAdobe flash platform fabricio
Adobe flash platform fabricioFabricioManzi
 
DevOps - Entrega Contínua de Software
DevOps - Entrega Contínua de SoftwareDevOps - Entrega Contínua de Software
DevOps - Entrega Contínua de SoftwarePaulo Lacerda
 
Web 2.0: conceito, tendências e desafios
Web 2.0: conceito, tendências e desafiosWeb 2.0: conceito, tendências e desafios
Web 2.0: conceito, tendências e desafiosMauricio Garcia
 
Dispositivos Móveis - BlackBerry
Dispositivos Móveis - BlackBerryDispositivos Móveis - BlackBerry
Dispositivos Móveis - BlackBerryValdir Junior
 

Semelhante a 7 Masters Acessibilidade (20)

1 Ids On Campus V3a
1 Ids On Campus V3a1 Ids On Campus V3a
1 Ids On Campus V3a
 
Adobe flash platform bem 2009
 Adobe flash platform bem 2009 Adobe flash platform bem 2009
Adobe flash platform bem 2009
 
CNA - A New Way of Designing
CNA - A New Way of DesigningCNA - A New Way of Designing
CNA - A New Way of Designing
 
Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...
Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...
Mobile apps com Xamarin e Azure Mobile Services - The Developers Conference P...
 
Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...
Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...
Introdução ao IBM Bluemix - Silvia Matsuora (Solution IT Architect - Ecosyste...
 
Desenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator Titanium
Desenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator TitaniumDesenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator Titanium
Desenvolvimento Multiplataforma com Appcelerator Titanium
 
Brateste 2103: Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testes
Brateste 2103:  Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testesBrateste 2103:  Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testes
Brateste 2103: Virtualização de Serviços para uma Nova Abordagem em testes
 
Construindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile Services
Construindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile ServicesConstruindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile Services
Construindo Aplicativos móveis conectados com Xamarin e Azure Mobile Services
 
Cloud Computing
Cloud ComputingCloud Computing
Cloud Computing
 
Acelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOps
Acelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOpsAcelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOps
Acelerando o desenvolvimento na nuvem com BlueMix e DevOps
 
CICS V5.1 Novo Portfolio de Plataforma de primeira classe
CICS V5.1  Novo Portfolio de Plataforma de primeira classeCICS V5.1  Novo Portfolio de Plataforma de primeira classe
CICS V5.1 Novo Portfolio de Plataforma de primeira classe
 
DotNet vs. Java
DotNet vs. JavaDotNet vs. Java
DotNet vs. Java
 
IBM Mobile First Security
IBM Mobile First SecurityIBM Mobile First Security
IBM Mobile First Security
 
Rich Internet Applications
Rich Internet ApplicationsRich Internet Applications
Rich Internet Applications
 
Desenvolvimento de Aplicativos Móveis Multiplataforma
Desenvolvimento de Aplicativos Móveis MultiplataformaDesenvolvimento de Aplicativos Móveis Multiplataforma
Desenvolvimento de Aplicativos Móveis Multiplataforma
 
Cloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso Salesforce
Cloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso SalesforceCloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso Salesforce
Cloud Computing: Desafios de Arquiteturas multitenantes e o Caso Salesforce
 
Adobe flash platform fabricio
Adobe flash platform fabricioAdobe flash platform fabricio
Adobe flash platform fabricio
 
DevOps - Entrega Contínua de Software
DevOps - Entrega Contínua de SoftwareDevOps - Entrega Contínua de Software
DevOps - Entrega Contínua de Software
 
Web 2.0: conceito, tendências e desafios
Web 2.0: conceito, tendências e desafiosWeb 2.0: conceito, tendências e desafios
Web 2.0: conceito, tendências e desafios
 
Dispositivos Móveis - BlackBerry
Dispositivos Móveis - BlackBerryDispositivos Móveis - BlackBerry
Dispositivos Móveis - BlackBerry
 

Último

O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!Psyc company
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...manoelaarmani
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...azulassessoriaacadem3
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...azulassessoriaacadem3
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 

7 Masters Acessibilidade

  • 1. © 2012 IBM Corporation Acessibilidade na IBM Alysson Moreira – Acessibilidade na IBM 21 Agosto 2012
  • 2. © 2012 IBM Corporation2 “once a technology starts to run, it happens in many places” Ethan McCarty, Senior Manager, Digital and Social Strategy at IBM
  • 3. © 2012 IBM Corporation3 Agenda Geradora de conteúdo: A IBM e seus números Um olhar sobre o ambiente: o w3 Educação Técnicas Ferramentas Desafios atuais Acessibilidade na IBM
  • 4. © 2012 IBM Corporation4 A IBM com geradora de conteúdo Em torno de 400,000 IBMers (e crescendo) 100% base utilizando o w3 +30.000 blogs internos +20.000 wikis 100.000 users frequentes/semana em wikis e blogs Preocupação estratégica com acessibilidade Source: http://www.melcrum.com/research/harness-digital-technologies/connecting-global-organization-through-ibms-intranet Acessibilidade na IBM
  • 5. © 2012 IBM Corporation5 O w3 On Demand Workplace 27 anos de história 5.5 milhões de páginas (2007) Intranet World's Top Ten 2006 pelo Nielsen Group Uma das 10 Intranets que definiram a indústria pelo IBF Gera savings anuais de $2B Source: http://www.ibforum.com/2012/06/12/10-intranets-that-have-defined-the-industry-from-10-years-of-ibf/ http://www-03.ibm.com/press/us/en/pressrelease/19156.wss Acessibilidade na IBM
  • 6. © 2012 IBM Corporation6 A história do w3 80’s: mirror do www.ibm.com 1996: W3 On demand Workplace (17.800 pageviews/dia) 1998: v3.0 e bluepages 2000: v6 2002: w3v8 2004: w3v8 produção 2010: v17 (alpha) Sempre acessível Acessibilidade na IBM
  • 7. © 2012 IBM Corporation7 A história do w3 Acessibilidade na IBM
  • 8. © 2012 IBM Corporation8 IBM Usable access Oferecer acessibilidade com usabilidade embarcado na experiência, possibilitando pessoas com deficiências a executar tarefas ou usar conteúdos em ambientes diversos com eficiência, satisfação e sucesso. Acessibilidade na IBM
  • 9. © 2012 IBM Corporation9 Premissas ~750M/1B no mundo com alguma deficiência – temporal ou permanente U.S. Rehabilitation Act Section 508 Instrução corporativa CI-162 (1998) WCAG 2.0 do W3C WAI E-Mag Acessibilidade na IBM
  • 10. © 2012 IBM Corporation10 Educação Accessibility University Web developer roadmaps Human Ability & Accessibility Center Forums e wikis de acessibilidade Newsletters técnicos Acessibilidade na IBM
  • 11. © 2012 IBM Corporation11 Técnicas Interação via teclado: consistencia, lógica, intuição, customização, descoberta Manipulação direta tolerante Apresentação consistente, lógica e limpa Métodos alternativos competitivos Análise Usable Access UI e markup Acessibilidade na IBM Source: http://www-03.ibm.com/able/index.html http://www-03.ibm.com/able/news/html5.html
  • 12. © 2012 IBM Corporation12 Ferramentas Client-side Server-side On Screen TTS ACTF aDesigner Rational Policy tester Acessibilidade na IBM Source: http://www.eclipse.org/actf/downloads/tools/aDesigner/index.php http://www-01.ibm.com/software/awdtools/tester/policy/accessibility/
  • 13. © 2012 IBM Corporation13 7 a11y: Metodologias Validação on-the-fly do código com wave http://wave.webaim.org Use accessibility API's se possivel Criar uma biblioteca de elementos acessíveis (com ARIA se possivel) e reutilizar quando replicado. (ex. Tabelas) Utilizar bibliotecas com acessibilidade embarcada (ex. Dojo) Acessibilidade na IBM Source: https://dojotoolkit.org/reference-guide/1.8/dijit/a11y/statement.html http://wave.webaim.org
  • 14. © 2012 IBM Corporation14 7 a11y: Navegação Utilize atalhos via teclado com accesskey. Faça a associação lógica da tecla e dê o feedback visual: <a href="#" accesskey="A"><u>A</u>brir</a> <a href="#" accesskey="S"><u>S</u>alvar</a> <a href="#" accesskey="D"><u>D</u>eletar</a> Fornecendo via CSS a tecla de atalho: <a href="#" accesskey="D">Deletar</a> <style> a[accesskey]:after { content: "[" attr(accesskey) "]"; } </style> Acessibilidade na IBM
  • 15. © 2012 IBM Corporation15 7 a11y: Conteúdo Utilize containers ocultos para adicionar informações para leitores de tela quando necessário (ex. css-sprites) <a class=”sprite nav contrib” accesskey="c"><span class=”access”>Adicionar contribuidor</span></a> <style> .access{ position: absolute !important; clip: rect(1px 1px 1px 1px); /* IE6, IE7 */ clip: rect(1px, 1px, 1px, 1px); } </style> imagem do sprite Acessibilidade na IBM
  • 16. © 2012 IBM Corporation16 7 a11y: Tabelas com multiplos headers <table summary="Esta tabela mostra idade e email dos presentes nas palestras do 7 masters."> <caption> 7masters presença</caption> <thead> <tr> <th id="nome">Nome</th> <th id="email">email</th> <th id="idade">Idade</th> </tr> </thead> <tbody> <tr> <th headers=”nome”>João</th> <td headers="email">joao@zinho.com</td> <td headers="idade">32</td> </tr> ... Acessibilidade na IBM
  • 17. © 2012 IBM Corporation17 7 a11y: Tabelas com scope <thead> <tr> <th scope="col"> Dept. Code/ Class Number</th> <th scope="col"> Section</th> … </tr> </thead> <tbody> <tr> <th scope="row"> BIO 100</th> <td>1</td> …</tr> <tr> </tbody> Acessibilidade na IBM
  • 18. © 2012 IBM Corporation18 Desafios Big data acessível ARIA em Canvas Acessibilidade na IBM
  • 19. © 2012 IBM Corporation19 Acessibilidade na IBM Obrigado! http://twitter.com/alyssonfranklin http://br.linkedin.com/in/alyssonfrk